Você está na página 1de 2

SISTEMA SEMIÓTICO LITERÁRIO

(Fonte: Aguiar e Silva, Teoria da Literatura)

É UM SISTEMA CONOTATIVO (de acordo com Hjelmstev)

(lembrar:

1. Semiótica denotativa / semiótica conotativa / metassemiótica

2. Forma de expressão / forma de conteúdo)

É UM SISTEMA MODELIZANTE SECUNDÁRIO

[referências:

1. Sg. Lotman: Sistema modelizante: conjunto natural de elementos e regras:

pode ser considerado como uma língua.

Permite ao homem a organização estrutural com funções gnoseológicas, comunicativas e pragmáticas do mundo circundante (os realia estruturados

em signos e como signos)

A cultura tem como tarefa fundamental estruturar o mundo → apresenta-se, portanto, “como um feixe de sistemas semióticos conformados historicamente”: não é só informação, mas “mecanismo complexo de elaboração e comunicação” – codifica, decodifica, transcodifica (tradução interlinguística e intersemiótica).

A Língua é o sistema modelizante primário é um sistema fundamental, porque só as línguas naturais podem tornar-se metalinguagens. 2. Os sistemas culturais (arte, religião, mito, folclore…) instituem-se e organizam-se como sistemas modelizantes secundários]

→ ENQUANTO SISTEMA MODELIZANTE SECUNDÁRIO, A LITERATURA É CODIFICADA PLURALMENTE

1. Codifica-se numa determinada língua natural, através de textos concretos e específicos

2. Utiliza outros códigos:

Fónico-ritmicos

Métricos

Estilísticos

Retóricos

Técnico-compositivos

Axiológicos

− – pragmáticos (no plano da paradigmático, regula a

produção das unidades e grupos de unidades, resultantes da interacção de

factores lógico-semânticos, histórico-sociais, estético-literários)

A importância da intertextualidade, determinada pela existência de um corpus literário histórico

Organiza-se e desenvolve-se em classes específicas de textos: Os

géneros literários (as três formas estéticas fundamentais: lírica, narrativa, dramática)

O objecto da Poética (refere Gérard Genette) não é o texto, mas o arquitexto, isto é, o conjunto de categorias gerais ou transcendentes – tipos de discurso, modos de enunciação, géneros literários… − donde deriva cada um dos textos singulares

Semântico

(Organização da informação: Maria do Carmo Castelo Branco)

Avaliar