P. 1
Sociedade Oitocentista

Sociedade Oitocentista

|Views: 251|Likes:

More info:

Published by: José Maria Mendonça on May 31, 2012
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PPT, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

05/31/2012

pdf

text

original

Sociedade Oitocentista

os brasões e os demais privilégios judiciais ou fiscais. ao proclamar-se a igualdade dos homens perante a lei. . já não fazia qualquer sentido os títulos da nobreza. as honrarias.Sociedade de Classes Com o triunfo do Liberalismo. Sempre que se verificava um avanço do séc. derivados do nascimento e perpetuados em diferentes estatutos jurídicos. verificava-se assim um desaparecimento das velhas sociedades. Assim. este e a civilização industrial produziram significativas mudanças sociais no mundo ocidental. XIX.

Fundamentalmente. . nascer numa família abastada já não significa usufruir para sempre de uma existência dourada. Separava-os o trabalho produtivo manual nas fábricas e no campo. Pelo contrário.Nascer pobre ou no seio de uma família modesta não pesa como estigma nem bloqueia a ascensão. eram dois os grandes grupos sociais ou classes em que se dividia a sociedade oitocentista – a burguesia e o proletariado. excluído pelos burgueses e reservados aos proletários. como sucedia nas sociedades de Antigo Regime.

dos lançamentos de modas. da imprensa. Os grandes empresários criavam grupos de pressão e concorriam aos lugares grandes da administração pública. O reconhecimento dos seus sucessos foi muito importante até na vida dos estados. A alta burguesia exercia o poder social através do ensino.A Condição Burguesa Graças á concentração do poder económico. Em determinadas famílias o poder constituía-se por dinastias pelo poder político. . Alemanha e os Estados Unidos da América onde a burguesia de negócios dificilmente se tinha desenvolvido. a alta burguesia consolidou o seu poder económico. politico e social a alta burguesia tinha uma notável hegemonia. A Inglaterra era a mais poderosa mas seguia-se a França. Na vida politica.

Foi o caso do ludismo ( deNedLudd). particularmente forte na Grã-Bretanha nos anos 1811-1818. de insurreições. que levou os operários a destruírem máquinas e a saquearem as habitações dos industriais. de greves e movimentos violentos que. por toda a Europa industrializada. irromperam. também.O Movimento Operario Os operários reagiam às duras condições de trabalho e de vida atrás descritas. por isso. por falta de organização e. Essa reacção pecou. . isto veio criar o associativismo e o sindicalismo. Foi o caso. esteve condenada ao fracasso. inicialmente.

a influência das doutrinas socialistas e do anarquismo concorreram para a força e agressividade crescente do sindicalismo a partir de 1870-80. as Trade-Unions britânicas eram já organizações de massa. Em 1874. Consistiu na criação de associações de trabalhadores para defesa dos seus interesses profissionais. No sindicalismo residiu. porém. .Associativismo. o futuro do movimento operário. A legalização dos sindicatos.traduziu-se na criação de associações de socorros mútuos. também denominadas mutualidades ou sociedades fraternas. com mais de um milhão de aderentes.

foram bem diferentes. pois o que leva a distinguir um socialismo utópico de um socialismo marxista.As Propostas Socialistas As propostas socialistas desenvolveram-me na primeira metade do século XIX e tiveram como objectivo a denúncia dos excessos da exploração capitalista. . a erradicação da miséria operária e a procura de uma sociedade mais justa e igualitária. As estratégias para implementar.

mediante a aproximação pública dos meios de produção e a sua distribuição mais equitativa.O Socialismo Utopico Distinguiu-se pelas suas propostas de reforma económica e social – recusa da violência. Socialismo=teoria. . doutrina ou prática social que defende a supressão das diferenças entre as classes sociais. Proudhon defendia a abolição da propriedade privada. criação de cooperativas de produção e de consumo e entrega dos assuntos do Estado a uma elite de homens.

pelo que a exploração do operário é o lucro do burguês capitalista. . concluiu uma sucessão de modos de produção que foram o esclavagismo. o feudalismo. Marx salientou que ele repousa na mais-valia.Marxismo O socialismo marxista retira o nome do alemão Karl Marx que. o modo de produção capitalista. e o capitalismo. j O marxismo acrescentou. o marxismo também. o salário do operário não corresponde ao valor do seu trabalho.   Ao analisar. isto é. um programa minucioso de acção. deteve-se numa análise rigorosa da História da Humanidade. mas apenas aos valor dos bens de que ele necessita para sobreviver. aos princípios doutrinários.

à união e à solidariedade entre os trabalhadores de todo o mundo para que o capitalismo pudesse ser derrubado. isto é. tendo depois fracassado o que levara Karl Marx a o proletariado se organizar como um partido autónomo. a insurreição dos operários da capital francesa em Março de 1871.Tornava-se necessário que o proletariado. organizado em sindicatos. Karl Marx redigiu os estatutos da I Internacional. conquistasse o poder político e exercesse a ditadura do proletariado.A luta de classes travar-se-ia entre proletários e burgueses. mantinha secções locais nos países industrializados e apoiou numerosas greves em toda a Europa. No final do Manifesto do Partido Comunista. Marx e Engels apelavam ao internacionalismo proletário. e principalmente em partidos. episodio conhecido por Comuna de Paris. . assim se criaram as Internacionais Operarias. apoiou também. que surgiu em Londres em 1864. o que acabaria com o capitalismo.

onde depois iria começar a guerra. Bernstein criou o revisionismo. assim acaba a I Internacional em 1876. . Era o caso dos proudhonianos e dos anarquistas. gradual e reformista do capitalismo para o socialismo. este eram liderados pelo russo Bakunine. Em 1889 cria-se a II Internacional.Criaram-se também os partidos socialistas ou sociaisdemocratas em apelo a Marx. já Marx tinha falecido. mas Engels estava entre os fundadores. que propôs uma evolução pacífica. ainda havia pessoas que se opunham as suas ideias. graças ao revisionismo os partidos voltaram a dividir-se e a II internacional acaba por extinguir-se em 1914. substituindo a luta de classes por um clima de entendimento e colaboração entre partidos dos operários e partidos da burguesia. Os anarquistas foram afastados daquele organismo.

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->