Tendência Liberal Tradicional

Esta tendência segue o ensino humanístico, no qual o aluno aprende através de seu próprio esforço. Não existe uma relação professor-aluno, pois os conhecimentos são passados como verdades absolutas e o professor é considerado autoridade e completamente sábio, não permitindo que os alunos reflitam sobre o assunto. O papel da preparação intelectual e moral dos alunos com a cultural; direção do saber é a mesma para todos. Autoridade do professor; atitude receptiva dos alunos impede qualquer comunicação entre eles no decorrer da aula. O ensino consiste em repassar os conhecimentos; capacidade de assimilação da criança é idêntica à do adulto; aprendizagem é receptiva e mecânica, recorre à coação; exercícios sistemáticos e recapitulação da matéria; avaliação se dá por verificações de curto prazo e de prazo mais longo. Papel da Escola: Consiste na preparação intelectual e moral dos alunos, compromisso com a cultura, os menos capazes devem lutar para superar suas dificuldades e conquistar seu lugar junto aos mais capazes. Conteúdos de Ensino: Valores sociais acumulados pelos antepassados. As matérias preparam o aluno para a vida. Conteúdos separados das realidades sociais. Método: Exposição verbal da matéria, preparação do aluno, apresentação, associação, exercícios e repetições. Professor x Aluno: Predomina a autoridade do professor. O professor transmite o conteúdo na forma absorvida. Disciplina rígida. Pressupostos: Aprendizagem receptiva e mecânica ocorre com a coação. Considera que a capacidade de assimilação da criança é a mesma do adulto. Reforço em geral negativo as vezes maior. Prática Escolar: Comum em nossas escolas. Orientação humanicética, clássica, científica, modelos de imitação. TENDÊNCIA LIBERAL TRADICIONAL Segundo esse quadro teórico, a tendência liberal tradicional se caracteriza por acentuar o ensino humanístico, de cultura geral. De acordo com essa escola tradicional, o aluno é educado para atingir sua plena realização através de seu próprio esforço. Sendo assim, as diferenças de classe social não são consideradas e toda a prática escolar não tem nenhuma relação com o cotidiano do aluno. Quanto aos pressupostos de aprendizagem, a idéia de que o ensino consiste em repassar os conhecimentos para o espírito da criança é acompanhada de outra: a de que a capacidade de assimilação da criança é idêntica à do adulto, sem levar em conta as características próprias de cada idade. A criança é vista, assim, como um adulto em miniatura, apenas menos desenvolvida. No ensino da língua portuguesa, parte-se da concepção que considera a linguagem como expressão do pensamento. Os seguidores dessa corrente lingüística, em razão disso, preocupam-se com a organização lógica do pensamento, o que presume a necessidade de regras do bem falar e do bem

Caso não consigam. nessa tendência tradicional. No relacionamento professor aluno predominar a autoridade do primeiro. pois os conteúdos são separados da experiência do aluno e das realidades sociais. que transmite o conteúdo de maneira unilateral e dogmática. Portanto. exigindo uma atitude receptiva e mecânica do aluno. tomando como modelo de norma culta as obras dos nossos grandes escritores clássicos. o ensino da gramática pela gramática. com ênfase nos exercícios repetitivos e de recapitulação da matéria. Os conteúdos são organizados pelo professor. esse é medido pelo grau de nota atribuído pelo educador a seus discentes. pois vê nessa gramática uma perspectiva de normatização lingüística. .A aprendizagem é mecânica e receptiva. a Gramática Tradicional ou Normativa se constitui no núcleo dessa visão do ensino da língua. LIBÂNEO (1985) ressalta que avaliação se dá por verificação de curto prazo (interrogatórios orais. trabalhos de casa). o que vale é uma educação formalíssima e acrítica. numa seqüência lógica.desde que se esforcem. para o que se recorre freqüentemente a coação. e a avaliação é realizada através de provas escritas e exercícios de casa. é a garantia de se chegar ao domínio da língua oral ou escrita. Segundo essa concepção de linguagem. os problemas sociais pertencem à 21 sociedade.devem procurar o ensino mais profissionalizante. Assim. A transferência de aprendizagem depende do treino. e as vezes como enciclopédica. Logo todas as tenções devem estar voltadas ao professor. a memorização é indispensável a fim de que o aluno possa responder às situações novas de forma similar as respostas dadas em situações anteriores. TENDÊNCIA LIBERAL TRADICIONAL LIBÂNEO (1985) classifica que nesta tendência o papel da escola consiste na preparação intelectual e moral dos alunos para assumir sua posição na sociedade. Assim os menos capazes devem lutar para superar suas dificuldades e conquistar seu lugar junto aos capazes. predomina.escrever. O caminho cultural em direção ao saber é o “mesmo” para todos os alunos. teoria gramatical.O compromisso das escolas é com a cultura. saber gramática. Na concepção de SAVIANI (1988) a Pedagogia Tradicional é classificada como intelectualista. È atribuído notas baixas e até reprovação aos alunos que não alcançaram êxito. exercícios de casa) e de prazo mais longo (provas escritas.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful