P. 1
RESENHA CRÍTICA DO FILME ESCRITORES DA LIBERDADE

RESENHA CRÍTICA DO FILME ESCRITORES DA LIBERDADE

|Views: 1.015|Likes:
Publicado porVagner Paiva

More info:

Published by: Vagner Paiva on Jun 13, 2012
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOCX, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

12/05/2013

pdf

text

original

RESENHA CRÍTICA DO FILME ESCRITORES DA LIBERDADE

O filme é baseado em uma história real, e aborda de forma instigante, o desafio da educação em um contexto social problemático e violento, cujos atores sociais, são alunos com histórico de violência, rejeição, drogas, e em sua maioria integrantes de gangues. Tal filme se inicia com uma jovem professora, Erin, que entra como novata em uma instituição de ensino a fim de lecionar para uma turma de adolescente, extensão fiel daquela sociedade heterogênea e em conflito constante. No começo a relação da professora com os alunos não é muito boa. Suas iniciativas para conseguir quebrar as barreiras encontradas na sala de aula vão aos poucos resultando em frustações. Tais frustações, foram como um desafio para Erin, que resolveu adotar novos métodos de ensino, e teve que batalhar muito para ajudar seus alunos, por que a direção da escola, além de não concordar, e engessado pelo tradicionalismo, dificultava a inovação na forma de ensino. Foi quando Erin teve a brilhante ideia de aplicar em sala de aula a leitura do livro “O Diário de Anne Frank”, após isso distribui em sala, cadernos para que elaborassem a construção de seus próprios diários, onde os jovens relatariam aspectos de suas próprias vidas (experiências, sonhos e metas). Promoveu viagens culturais, comprou livros para estimulação da leitura, bem como, através de seu incentivo, escreveram uma carta a Miep Gies (protetora de Anne Frank durante o holocausto), e obtivem um encontro com a mesma.

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->