P. 1
A Teoria Tridimensional Do Direito

A Teoria Tridimensional Do Direito

|Views: 359|Likes:
Publicado porPaulo Fidélis

More info:

Published by: Paulo Fidélis on Jul 12, 2012
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

03/31/2015

pdf

text

original

07/05/12

A Teoria Tridimensional do Direito

Artigos

Direito

A Teoria Tridimensional do Direito

Publicado em 27 de março de 2009 em Direito

Imprimir

Enviar

RSS

A Teoria Tridimensional do Direito
Livro-Aulas de Direito LivroAula.com.br/Processual Aulas Dividas Por Capítulos Como no Livro. Confira Agora a Novidade! Imperdível: Revista Veja www.assine.abril.com.br/RevistaVeja Assine Veja por 1 ano e ganhe 17% de desconto. Aproveite Agora. Factoring Valinhos www.federalinvest.com.br Antecipação de Cheques e Boletos de Vendas e Serviços (13) 3327-3865 Melhores dicas de ações www.melhoresacoes.com.br Confira as melhores dicas para ganhar no mercado de ações

Sobre este autor(a)
Alexandre Santiago Graduando em Direito - Ciencias Jurídicas- Pela Universidade Tirandentes de Aracaju- SE. Portador de Cursos em Extensão.: -Análise, Interpretação e Construçao de Textos pela Universidade Tirandentes. - Democracia e o Estado Democratico de Direito pela Ciclos Conhecimento Juridico. - Analises em Pr... + mais
(2) artigos publicados Membro desde março de 2009

3
Curtir

Anúncios Google

Norma Justiça Do Trabalho Sociologia Conceito

Em nosso trabalho, temos como objetivo principal analisar "A Teoria Tridimensional do Direito" do jus ​ filosofo Miguel Reale. Segundo Paulo Nader (2008, p. 391):

Uma concepção integral do fenômeno jurídico encontramos formulada na Teoria Tridimensional do Direito especialmente na chamada fórmula Reale1. Ainda, segundo Nader (2008, p.393):

Artigos por tema
O autor da Teoria Tridimensional definiu o Direito como "realidade histórico-culural tridimensional, ordenada de forma bilateral atributiva, segundo valores de convivência"2. Comungando do mesmo ponto de vista, Maria Helena Diniz (2006, p.141) chama atenção, nos esclarecendo que: Miguel Reale demonstra-nos, situando o direito na região ôntonica dos objetos culturais, que, pela análise fenomenológica da experiência jurídica, confirmada pelos dados históricos, a estrutura do direito é tridimensional, visto como elemento normativo, que disciplina os comportamentos individuais e coletivos, pressupõe sempre uma dada situação de fato, referida a determinados valores3. 2. Contradições a cerca da Tridimensionalidade do Direito Antes mesmo do surgimento da "Teoria Tridimensional do Direto" por Miguel Reale em 1940, outros juristas já expunham suas "teorias" em âmbito internacional; Hans Kelsen, Wilhelm Sauer dentre outros. Para Kelsen, o Direito compreendia somente em norma, as demais concepções como fato e valor não entravam em seu conceito. Por sua vez, Wilhelm Sauer, expunha sua teoria de "Trilateraliade Estática" que tinha como mérito repudiar as concepções unilaterais ou reducionistas da experiência jurídica, de outro, não logram preservar a unidade do Direito, limitando-se quando muito, a uma combinação extrínseca de perspectivas. Administração e Negócios Apostilas
23 1994 4559

Arte e Ciência Contos Crônicas Cursos
1749 3931 72

Desenvolvimento Pessoal Direito
5607 911 6856 1420

2255

Economia Educação

Estudos Bíblicos Filosofia
2147

Frases e pensamentos Geografia
537 1625

197

Governo e Política História
1547 778

Lar e Família

www.webartigos.com/artigos/a-teoria-tridimensional-do-direito/16039/

1/5

havendo muita demanda. 9 Com o mesmo pronto de vista.1 Fato Em relação ao fato. Norma Diante do exposto. Direito não é só norma. verificaremos o que Miguel Reale (2005. 8 1. não é só fato como rezam os marxistas ou economistas do Direito. acentua. A Tridimensionalidade do Direito como: Fato. Maria Helena Diniz (2006. ( 2008. 6 Por sua vez. o Prof. 3. ao sociólogo a do fato e ao jurista o da norma ( tridimensionalidade como requisito ao direito).. Ainda. que lhes dá maior proteção em detrimento do proprietário. eu comecei a elaborar a tridimensionalidade.]10 1. seja ela estudada pelo filosofo ou sociólogo do direito. é fato e é valor5.) é o ponto de vista sobre a justiça. Os edifícios são poucos e. mas envolve a produção econômica e nela interfere. Há aqui um fato social devidamente valorado que se transmutou em norma. O Direito não é principalmente valor . p.[. Valor Visto fato. O legislador. de estrutura tridimensional compreensiva ou concreta. Direito não é produção econômica. apercebendo-se desse fato social. p.. p. valor e norma: Fato. dando um apanhado geral a cerca de todas as teorias ao contrario da Tridimensionalista o jus. é certo que pela lei da oferta e da procura os preços dos imóveis a serem locados elevem-se. como é que os três elementos se integram em unidade. que um fato nunca é isolado. não há como separar o fato da conduta.541) expõe que: Não nos explica.é o acontecimento social referido pelo Direito objetivo. È o fato interindividual que envolve interesses básicos para o homem e que por isso enquadra-se dentro dos assuntos regulados pela ordem jurídica. como quer Kelsen. Direito. Valor e Norma. (Grifo nosso) Meio Ambiente Poemas e Poesias Psicologia 1101 Receitas Culinárias Religião 2471 85 Resumos e Resenhas Saúde e Beleza 3048 871 Sociedade e Cultura Tecnologia Tutoriais 1710 46 3536 Informativo Webartigos.filosofo brasileiro Miguel Reale dispõe: (.uma dimensão do Direito. protegendo-os com uma Lei do Inquilinato. ante a triplicidade dos aspectos do jurídico --. Desse modo.. devo apartir de determinado ponto e ser guiado por certa direção: o ponto de partida da norma é o fato. nem a norma que incide sobre ela". mas um "conjunto de circunstancias" . Cadastre-se abaixo: Nome: E-mail: www. Falta a seu trialismo. talvez em virtude de uma referibilidade fragmentada ao mundo infinito das "mônadas de valor".07/05/12 A Teoria Tridimensional do Direito Literatura 1483 1040 9190 Criticando a tridimensionalidade de Sauer. por exemplo. p. com efeito.. pela primeira vez. Visão Geral Como observado.) a norma é a indicação de um caminho. Conforme a concepção de Paulo Nader. Antes de compreendermos especificamente cada fator determinante da Tridimensionalidade do Direito. por o Direito ao mesmo tempo é norma. Toda obra humana é empregada de sentido ou valor.webartigos. Exemplo: suponha que exista número grande de indivíduos em uma sociedade que necessitem alugar prédios para suas moradas. 57) afirma acerca do conjunto tridimensional.7 3. nem o valor ou finalidade a que a conduta está relacionada. ou resultante das opções costumeiras ou de estipulações fundadas a autonomia da vontade das particulares. em que fatos e valores se integram segundo normas postas em virtude de uma ato concomitante de escolha e de prescrição (ato decisório) emanado do legislador ou do juiz. valor nada mais é que o elemento moral do Direito e ainda: (. p. atribui valor preponderante à necessidade dos inquilinos.com em seu e-mail. Maria Helena Diniz. falta-lhe o senso de desenvolvimento integrante que a experiência jurídica reclama4. fato. para percorrer um caminho. o complementa quando cita que " se o direito é a integração normativa de fatos e valores.392). rumo a determinado valor. caberia ao filosofo apenas o estudo do valor. Reale (2002. porém.fato..142) afirma sobre norma: A norma deve ser concebida como um modelo jurídico. p.11 4. como pensam os adeptos do Direito Natural tomista. ainda por Paulo Nader (2008.392) que concorda e explana a respeito deste veremos que : O fato. Dr. na tridimensionalidade genérica ou abstrata. ao passo que.com/artigos/a-teoria-tridimensional-do-direito/16039/ 2/5 . Reale. bem como o direito. ou pelo jurista como tal. em meu livro Fundamentos do Direito .. nem qual o sentido de sua interdependência no todo. valor e norma. valor e norma estão sempre presentes e correlacionados em qualquer expressão de vida jurídica.122) relata-nos a cerca do valor da seguinte forma: A medida de valor que se atribui ao fato transporta-se inteiramente para a norma.com Receba novidades do webartigos. Silvio Venosa (2006. podemos entender minuciosamente que os três elementos estão intimamente vinculados. porque Direito não é economia.

ed. Considerações Finais Diante de todo o exposto. Filosofia do Direito. E após termos analisado todos os vértices da Teoria Tridimensional do Direito. 19. 19.cit. 2. Teoria Tridimensional do Direito. Miguel.Rio de Janeiro:Forense. p.30.30.2005. mudando toda a visão retrograda à muito implantada nos operados do direito. p.incide sobre um prisma ( área dos fatos sócias) e se refrata em um leque de normas possíveis competendo ao poder estatal escolher apenas uma capaz de alcanças os fins procurados. pela Filosofia do Direito 3.Rio de Janeiro:Forense.cit. Filosofia do Direito. Como norma jurídica: Dogmática Jurídica ou Ciência do Direit. Maria Helena. 5.. NADER.. Paulo. REALE. Sílvio de Salvo. Maria Helena. Paulo. 2 NADER. Maria Helena Diniz aproveita o ensejo e utiliza de um esquema da tridimensionalidade do direito para expor de forma prática a ampla interação dos fatores entre si.São Paulo: Saraiva. Maria Helena.podendo ser mais de uma.2008. 4 REALE. Miguel. 9 NADER. Paulo.. Introdução ao Estudo de Direito. Op. p. Filosofia do Direito no setor da Culturologia Jurídica. Miguel. Referências Bibliográficas DINIZ. analisado e discutido por Miguel Reale. Miguel. que surgiu na década de 40 pelo jus . 2002. 3 DINIZ.5.Op.18. São Paulo: Saraiva.ed.5.ed.ed. E somente por abstração o Direito pode ser apreciado em três perspectivas: 1. p. 2002 5 REALE. Paulo. Op.. Sílvio de Salvo. São Paulo: Atlas 2006.Compêndio de introdução a ciência do direito. o Direito para Reale é fruto da experiência e localiza-se no mundo da cultura. 2.ed. ed.329/393) referencia que cada um deles implica. Como fato social: Historia. pela Política Jurídica.filosofo Miguel Reale. parte empírica.18. São Paulo: Atlas 2006. Como já descrito.07/05/12 A Teoria Tridimensional do Direito E baseado nisso que Paulo Nader (2005.São Paulo: Saraiva.2006..São Paulo: Saraiva.393. Introdução ao estudo do direito: primeiras linhas.ed.cit.141 8 NADER. Constituído por três fatores.30.ed.ed. p. Introdução ao Estudo de Direito. necessariamente nos demais. Paulo.grifo nosso).Op. Teoria Tridimensional do Direito. Sociologia e Etnologia Jurídica. Op.2006. Introdução ao Estudo de Direito.com/artigos/a-teoria-tridimensional-do-direito/16039/ 3/5 . ( REALE. podemos compreender como a estrutura tridimensional rejeita o tridimensionalismo abstrato. Introdução ao estudo do direito: primeiras linhas.cit.392 10 VENOSA. O Direito como valor justo: pela Deontologia Jurídica e na.2005. Maria Helena. auxiliando-nos a operar um direito mas justo e eficaz. o Direito forma-se da seguinte maneira: Um valor. 11 DINIZ. 2. São Paulo: Saraiva. 1 NADER. Miguel.Compêndio de introducão a ciência do direito. ed.cit. 7 DINIZ.webartigos. _____________.551 6 REALE.ed.São Paulo: Saraiva. 2008.2008 VENOSA. p.142 Avalie este artigo: Recomende isto no Google Curtir 3 Leia outros artigos de Alexandre Santiago Responsabilidade Civil Aquiliana ou Extracontratual Talvez você goste destes artigos também DIREITO DO CONSUMIDOR ? A MÁ PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS E A PORTABILIDADE NUMÉRICA (Resolução nº 460 ? ANATEL) www. no plano epistemológico.2008.Rio de Janeiro:Forense.

webartigos. Ou você intencionalmente está se referindo a uma cerca(limite) ? Está ai um dos erros... que de forma brilhante nos elucidou tal assunto desmenbrando suas complexidades.07/05/12 A Teoria Tridimensional do Direito A POLÊMICA DO DIREITO DE RESPOSTA NO ATUAL PANORAMA JURÍDICO BRASILEIRO A Prova no Direito Processual do Trabalho Curtir Adicionar novo comentário Login Mostrando 8 comentários Day Muito obrigada. PARABÉNS PELA INICIATIVA ALEXANDRE! GOSTEI MUITO DE SUA ANÁLISE COMPARATIVA SOB A ÓTICA DE NADER! 1 ano ago Curtir Responder Pedro Guerra Claro que existem erros gramaticais. O que aconteceu foi que tanto você quanto seu redator não conseguem encontrar um erro dentre os vários que há. o autor deveria escrever "acerca" e nao "a cerca". mas com MUITOS erros gramaticais! 1 ano ago Curtir Responder Ruthe Vasconcelos Agradeço ao autor. 12 m eses ago Curtir Responder katia ME APONTEM ESSES "ERROS GRAMATICAIS". 1 ano ago Curtir Responder Alexandre Agradeço seu comentário. De todo modo foi válido..TAMBÉM NÃO OS ENCONTREI!! AO MENOS UM " DENTRE TANTOS". Parabéns !!! 3 sem anas ago Ordenar por: recentes primeiro Curtir Responder Samuel "a cerca" .) está errado. www.me ajudou demail.. mas tenho de esclarecer que os erros relatado não existem visto que tanto eu quanto meu redator não os encontrou. 1 ano ago Curtir Responder carlos retirei algumas duvidas sobre tridimensionalidade do direito 1 ano ago Curtir Responder Mateus Henry Um bom resumo da Teoria.no sentido que o autor quis passar(a respeito.com/artigos/a-teoria-tridimensional-do-direito/16039/ 4/5 .

monografias e outros textos.Portal para publicar artigos. Dúvidas: a. Privacidade.com/artigos/a-teoria-tridimensional-do-direito/16039/ 5/5 .com .@w ebartigos. 2 anos ago A Teoria Tridimensional do Direito Curtir Responder M Notificar por e-mail S RSS PUBLIQUE SEU ARTIGO ARTIGOS AUTORES CONTATO ©2006-2012 WebArtigos.webartigos.07/05/12 Muito obrigado..com www..

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->