Você está na página 1de 2

GRUPOS VIDA - Estudo Bíblico

GRUPOS VIDA - Estudo Bíblico ESTUDO BÍBLICO – 27/03/2012 ATÉ 02/04/2012 1 CHEGAI- VOS A DEUS…

ESTUDO BÍBLICO 27/03/2012 ATÉ 02/04/2012

1

CHEGAI-VOS A DEUS…

ATRAVÉS DA ORAÇÃO!

Texto Bíblico: Tiago 4:8 Prª Suely Lage

INTRODUÇÃO:

Na mensagem de Domingo passado o Pastor Nuno frisou a necessidade de nos aproximarmos de Deus. Ele mostrou através da Bíblia Sagrada que Deus reage as nossas atitudes. Existe uma atitude do homem que gera em sua vida muitas vitórias, a oração.

Os discípulos de Jesus não pediram ao Mestre para lhes ensinar a curar, nem a pregar, nem mesmo a ressuscitar os mortos… mas sim pediram para que o Mestre os ensinasse a orar. Não que estas coisas não sejam importantes, mas mediante a oração alcançamos poder para realizar todas elas.

Não podemos nos esquecer que a oração é um princípio de vitória.

OBJETIVO:

Levar os nossos discípulos a uma vida de oração.

1. O QUE É A ORAÇÃO?

a) Orar é falar com Deus - É o diálogo que mantemos com o Pai celestial. Falamos-lhe quais são as nossas necessidades, enfermidades e dificuldades, sem nos esquecer de agradece- lhe sempre por mais um dia de vida. A resposta é certa. Conforme orarmos vamos experimentando as respostas divinas. A oração é a chave que abre as portas celestiais.

b) Orar é ter comunhão com Deus - Quando uma criança nasce, não vemos a hora dela começar a falar. Porque só assim a conheceremos melhor. Teremos comunhão quando não somente falarmos mas quando pudermos dialogar com a mesma. O mesmo acontece connosco. Nascemos para Deus. No começo os nossos irmãos mais velhos nos ajudam a orar, nos levam ao colo para a presença de Deus. Mas chegará a hora que esta pessoa terá que começar a falar as suas primeiras palavras com o seu Criador. No começo pode até não ter muito sentido. Mas creia, assim como você entendia a linguagem do teu filho quando ele só pronunciava algumas sílabas e você agia imediatamente em seu favor, da mesma maneira o nosso Pai ouve as nossas orações e responde de acordo as nossas necessidades. A prática da oração o levará a melhorar a cada dia o seu vocabulário junto ao teu Deus.

a melhorar a cada dia o seu vocabulário junto ao teu Deus.  Rua Pedro da

Rua Pedro da Fonseca 5A 6000-257 Castelo Branco (+351) 272 331 776; (+351) 926 333 244 www.iprpcastelobranco.org geral@iprpcastelobranco.org

Branco  (+351) 272 331 776; (+351) 926 333 244  www.iprpcastelobranco.org  geral@iprpcastelobranco.org

ESTUDO BÍBLICO 27/03/2012 ATÉ 02/03/2012

2

c) Orar não é rezar - A oração é algo que está totalmente ligado ao nosso interior. A Bíblia nos ensina a não usarmos de vãs repetições: " E, orando, não useis de vãs repetições, como os gentios, que pensam que por muito falarem serão ouvidos." (Mateus 6:7).

2. COMO DEVEMOS ORAR?

a) De joelhos (Efésios 3:14) - Muitos consideram esta a melhor maneira de se conversar com Deus, pois é uma demonstração de submissão, reverência e humildade.

b) De pé (2 Crónicas 20:5-6) - Neste texto o Rei Josafá orou a Deus em pé diante do povo e recebeu a resposta imediatamente.

c) Deitado (2 Reis 20:2-3) - Ezequias estava enfermo, acamado. Recebeu a visita do profeta Isaías que lhe transmitiu o recado de sua morte. Deitado, Ezequias virou o rosto para a parede e orou. O Senhor o ouviu e concedeu-lhe mais 15 anos de vida.

3. ONDE DEVEMOS ORAR?

a) No Templo (Mateus 21:15) - Nossos templos são "casas de orações". Nele nos reunimos para buscar a presença de Deus e receber as suas bênçãos. Reunião de oração, vigílias, são oportunidades de orarmos juntos no Templo para alcançarmos a vitória.

b) Em particular (Mateus 6:6) - Existe momentos em nossa caminhada de oração que é necessário nos fecharmos dentro do nosso quarto e orarmos em secreto para com o nosso Deus. Você nem precisa falar… pode falar com o seu coração… com murmúrios… secretamente. E como diz as Escrituras: “Que o Senhor nos ouvirá…“. Existem assuntos que nem é bom falarmos com a nossa mente, levamos o assunto aos céus, e o diabo não nos ouve.

c) Em família (Atos 12:12) - A Igreja naqueles dias ainda não possuía um local de culto. Eles cultuavam em suas casas. Haviam sido expulsos do Templo. Mesmo assim, se reuniram na casa de Maria, mãe do evangelista Marcos, quando um anjo de Deus, em resposta às suas orações, visitou o cárcere e libertou a Pedro. Esta foi uma reunião familiar. Toda a família estava presente. Os lares evangélicos que se reúnem todos os dias são felizes e harmoniosos. As crianças crescem firmadas no amor de Deus.

CONCLUSÃO:

Se colocarmos este princípio como algo vital em nossa vida cristã podemos ter a certeza que nunca desfaleceremos. Os que desistem, os que fracassam é porque nunca confiaram no poder da oração. A oração abre as janelas dos céus e nos leva a comunhão com Deus, quebra as barreiras com o nosso próximo e nos faz ter uma vida sossegada. Existe uma frase muito conhecida a respeito da oração: “Muita oração, muito poder, pouca oração, pouco poder.

APELO:

Você já tem uma vida de oração? Então prossiga. Se não a tem, comece hoje mesmo e muito em breve poderá testemunhar das maravilhas de Deus na sua vida, na sua família, no seu trabalho e na Igreja.

na sua vida, na sua família, no seu trabalho e na Igreja.  Rua Pedro da

Rua Pedro da Fonseca 5A 6000-257 Castelo Branco (+351) 272 331 776; (+351) 926 333 244 www.iprpcastelobranco.org geral@iprpcastelobranco.org