Você está na página 1de 15
TUTORIAL ENVI FX Classificação por Regra – Segmentação Orientada ao Objeto Conteúdo Apresentação 2

TUTORIAL ENVI FX

Classificação por Regra – Segmentação Orientada ao Objeto

Conteúdo

Apresentação

2

Fluxograma

2

Exercício comentado

3

Segmentação da Imagem

3

Classificação por Regra

6

Construção de Regras

7

Exportação de Feições

14

MÓDULO ENVI FEATURE EXTRACTION (ENVI FX) O ENVI Feature Extraction é um módulo opcional do

MÓDULO ENVI FEATURE EXTRACTION (ENVI FX)

O ENVI Feature Extraction é um módulo opcional do ENVI 4.5 para extração de

informações com base nas características espaciais e espectrais das imagens pancromáticas ou multiespectrais. Ele pode ser usado para extrair os mais diversos tipos de feições terrestres, tais como veículos, construções, estradas, pontes, curso de rios, delimitação de lagos,

vegetação, etc.

O módulo ENVI FX consiste da combinação do processo de segmentação e classficação

orientada ao objeto para derivação das feições para o formato raster ou vetorial. A seqüência

de etapas do processamento foi concebida para fornecer ao usuário um aspecto prático e

intuitivo de todo processo. Abaixo segue o fluxograma que sintetiza as etapas do processo de extração de feições:

sintetiza as etapas do processo de extração de feições: Tutorial ENVIFX: Módulo ENVI Feature Extraction -
Classificação por Regra (Rule-based Classification). O método “Rule-based Classification” permite definir

Classificação por Regra (Rule-based Classification).

O método “Rule-based Classification” permite definir características por intermédio do

estabelecimento de regras baseadas sobre os atributos do objeto de interesse. Trata-se de uma poderosa técnica para a extração de feições que fornece uma melhor performance comparado as técnicas tradicionais de classificação supervisionada, para diversos tipos de feições. Essa metodologia foi concebida com a finalidade de associar o conhecimento humano e o raciocínio lógico às características especificas dos objetos. Por exemplo, objetos como estradas pode-se associar o atributo “Forma” como sendo alongada, em determinadas construções é possível associar o formato retangular, a vegetação pode ser associada aos valores NDVI, etc

EXERCÍCIO COMENTADO - Extração de feições com o módulo ENVI FX

Propósito: desenvolver conhecimento no uso do módulo ENVI FX, aplicando o método “Rule- Based Classification” para extração de coberturas residenciais.

Dados: ~\Curso_ENVI\ENVIFX\buildings_rulebased Info: Imagem multiespectral Quickbird de Hawai – USA, com 2.4 metros de resolução espacial e resolução radiométrica de 11 bits. Projeção: UTM fuso 4N – Datum: WGS-84.

Acessando o módulo ENVI FX

A partir da área de trabalho do windows, acesse Iniciar > Programas > ENVI 4.5 > ENVI Zoom;

No ENVI Zoom, selecione o menu “Processing > Feature Extraction” para acessar a interface de

entrada de arquivo (Select Input File) a ser processado no ENVI FX; Clique sobre o botão “Open File”, selecione o arquivo “buildings_rulebased”, armazenado no diretório “~\Curso_ENVI\ENVIFX\”, e clique em “ok” para acessar a interface de operação do ENVIFX.

Segmentação da Imagem

1. Na interface inicial, habilite a opção “Preview”, para carregar o portal de pré- visualização de segmentação sobre a imagem. No portal é possível usar as ferramentas de junção dinâmica (Blend), cintilação (Flicker) e arrastamento (Swipe), clicando com o botão direito do mouse sobre qualquer área dentro do portal. Também é possível usar as ferrramentas de deslocamento (pan), ampliação (zoom) e transparência (transparency), no entanto esses recursos aplicam-se somente à visualização da imagem, ou seja, não afetam a performance dos resultados obtidos pelo ENVI Feature Extraction. Não é possível ajustar o contraste, brilho.

Dica: Se os segmentos encontram-se muito luminosos na visualização do portal, você pode clicar sobre a janela da imagem e ampliar a transparência (usando a barra móvel de transparência, da barra de ferramentas principais).

Figura 1: Interface ENVI Zoom com o Portal de Pré-visualização 2. Procure ajustar o delineamento
Figura 1: Interface ENVI Zoom com o Portal de Pré-visualização 2. Procure ajustar o delineamento

Figura 1: Interface ENVI Zoom com o Portal de Pré-visualização

2. Procure ajustar o delineamento do alvo de interesse com auxílio do nível de escala móvel “Scale Level”. Atribuindo um nível alto, é possível notar a geração de poucos segmentos no portal de pré-visualização e atribuindo um nível baixo nota-se a geração de muitos segmentos.

Dica: Um valor de nivel 30.0 parece razoável para o delineamento das coberturas residenciais, preservando alguns detalhes da sua estrutura. O portal de pré-visualização atualiza automaticamente conforme varia-se a o nível de escala móvel da segmentação.

Figura 2 : Nivel de segmentação 30 3. Clique em “Next” para segmentar a imagem
Figura 2 : Nivel de segmentação 30 3. Clique em “Next” para segmentar a imagem

Figura 2 : Nivel de segmentação 30

3. Clique em “Next” para segmentar a imagem inteira. O ENVI Zoom adiciona ao gerenciador de layer a imagem “Region Means” que é carregada para a janela de visualização da imagem, recebendo a nomenclatura “buildings_rulebasedRegionMeans”. A imagem “Region Means” é um arquivo raster que mostra o resultado do processo de segmentação. Cada segmento é designado com base nos valores médios da banda para todos pixeis pertencentes à região. O módulo Feature Extraction segue para a etapa de fusionamento dos segmentos(Merge – etapa 2 de 4)

Fusão dos Segmentos

A etapa de fusão tem como princípio agrupar segmentos por similaridade e adjacência. A princípio você deve aumentar o nível de fusão até que encontre o melhor ajuste para o delineamento da feição de interesse. Para o propósito deste exercício, estabeleça o valor 94.0 para o nível de fusão e clique em “Next”. O módulo Feature Extraction segue para a etapa de refinamento (etapa 3 de 4 da tarefa de identificação de objetos).

Refinamento dos Segmentos

A etapa de refinamento é um recurso opcional. Trata-se de uma técnica avançada chamada por limiarização (thresholding) que serve para melhor ajustar a segmentação dos objetos. O processo possui melhor eficiência quando aplicado sobre objetos pontuais que possuem um alto contraste com relação ao fundo (por exemplo, uma aeronave contrastando com o asfalto da pista de um aeroporto). Para o nosso propósito, extração de coberturas residenciais, não será necessário executar a limiarização. Aceite a seleção padrão “No Thresholding” e clique em “Next”. O módulo “Feature Extraction” segue para a etapa de computação dos atributos (etapa 4 de 4).

Cálculo de Atributos

Neste exercício, é possível computar todos os atributos disponíveis. Certifique-se de que cada categoria de atributos esteja selecionada e clique em “Next” para a computação dos atributos. Obs.: o processamento pode levar alguns minutos, sendo que os atributos ficarão disponíveis para a classificação baseada no estabelecimento de regras (rule-based classification). Se optar pela não computação dos atributos selecionados será reduzido o tempo de processamento, mas não será possível disponibilizar os atributos para a classificação.

Figura 3: Interface de cálculo de atributos Classificação por Regra 1. Selecione a opção “Classify
Figura 3: Interface de cálculo de atributos Classificação por Regra 1. Selecione a opção “Classify

Figura 3: Interface de cálculo de atributos

Classificação por Regra

1. Selecione a opção “Classify by creating rules” e clique em “Next”.

“Classify by creating rules” e clique em “Next”. Figura 4: Interface de opções para a extração

Figura 4: Interface de opções para a extração de feições

A interface de classificação baseada por regra surge com uma nova feature (Feature_1) e uma

A interface de classificação baseada por regra surge com uma nova feature (Feature_1) e uma regra indefinida.

com uma nova feature (Feature_1) e uma regra indefinida. Figura 6: Seleção de Atributos Figura 5:
com uma nova feature (Feature_1) e uma regra indefinida. Figura 6: Seleção de Atributos Figura 5:

Figura 6: Seleção de Atributos

Figura 5: Interface de classificação por regra

2. Clique duas vezes sobre o nome “Feature_1” para acessar a caixa de diálogo de propriedades.

3. Altere o campo “Feature Name” para “Coberturas Residenciais” e clique em ok. Como foi mencionado anteriormente, a construção de regra baseia-se, primordialmente, no conhecimento humano e no raciocínio lógico sobre os tipos de feições e suas características. Neste exercício extrairemos as coberturas residenciais presentes na imagem.

Para montarmos o conjunto de regras para a extração do alvo, devemos considerar as seguintes caracteristicas:

As construções ou coberturas apresentam pouco ou nenhum valor NDVI;

A forma das coberturas é predominantemente retangular;

A área ocupada por coberturas residenciais, em geral, encontra-se dentro de um determinado intervalo comparado às coberturas industriais ou de outros elementos construtivos;

As coberturas residenciais, especificamente para a área de estudo, são representadas por pixeis de tonalidade relativamente escura (principalmente na banda do espectro verde e infravermelho).

Construção de Regras

Uma típica metodologia para a construção de regras é através da inicialização do condicionamento de um atributo por vez, ajustando o comportamento da regra sobre o alve de interesse e, posteriormente, tentar adicionar novas condições e atributos para filtrar as feições indesejadas de modo a manter somente a feição(s) de interesse.

Atributo de Customizado (NDVI)

Atributo de Customizado (NDVI) O parâmetro NDVI é um bom critério para inciar a construção do

O parâmetro NDVI é um bom critério para inciar a construção do conjunto de regras neste exercício, pois sabemos que construções apresentam valores baixos para o índice de vegetação. Assim é possível aplicar a função NDVI para filtrar a vegetação para fora do processo de extração de feições.

Para construir uma regra condicional usando a função NDVI como atributo, siga o procedimento descrito abaixo:

1. Clique duas vezes sobre o símbolo pictórico de regra (engrenagem) situado logo abaixo do nome “Coberturas Residenciais”. A caixa de seleção de atributos aparecerá.

2. pasta de customização “Customized” contém os atributos referentes ao espaço de cor

A

e

razão de bandas. Clique sobre o símbolo + para expandir a lista de atributos.

3. Selecione o atributo “bandratio”, então habilite a opção “Show Attribute Image”. Após alguns segundos, o ENVI Zoom mostrará uma imagem em tons de cinza referente aos valores NDVI's presentes na cena. A partir da imagem de atributos, é possível visualizar as coberturas em tons escuros, comparados com os objetos da vizinhança. O contraste de todos outros objetos na cena é relativamente pequena. Uma vez que as construções apresentam um alto contraste com relação a outros objetos, o atributo “bandratio” é uma boa escolha para auxiliar no processo de extração de coberturas residenciais.

no processo de extração de coberturas residenciais. Figura 7:Amostra do atributo “bandratio”, onde as

Figura 7:Amostra do atributo “bandratio”, onde as construções apresentam um bom contraste em relação as outras feições.

4. Clique duas vezes sobre o atributo “bandratio”, associado a pasta de customização (Customized). O ENVI Zoom automaticamente fechará a imagem de atributo e surgirá a caixa de diálogo de configuração do atributo bandratio (bandratio Attribute Setting) juntamente com um histograma que mostra a frequência de ocorrência para os valores do atributo “bandratio” sobre todos objetos da imagem.

Figura 8: Interface de configuração de atributo A opção “Show Rule Confidence Image” é habilitada
Figura 8: Interface de configuração de atributo A opção “Show Rule Confidence Image” é habilitada

Figura 8: Interface de configuração de atributo

A opção “Show Rule Confidence Image” é habilitada por padrão, afim de que seja possível carregar o portal de pré-visualização de ajuste da regra, que mostra a confiança relativa de cada objeto presente na imagem. O portal de ajuste de regra inicialmente aparece preenchido em vermelho em razão de ainda não ter havido definição dos valores de ajuste para a seleção do alvo de interesse.

5. Cada atributo possui um único histograma. Clique e arraste as linhas verticais (pontilhadas) do histograma para definir os valores mínimo e máximo do atributo (limiar). As coberturas residenciais, em geral, possuem um baixo valor NDVI, portanto não será necessário ajustar o valor mínimo do atributo “bandratio”. Ajuste somente o valor máximo do histograma (linha vertical à direita). A medida que a linha vertical é deslocada o portal de pré-visualização atualiza o ajuste de delineamento do alvo de interesse automaticamente. Quanto mais alto for o brilho (vermelho) do objeto dentro do portal, maior é a confiança de que o objeto corresponda ao alvo de interesse, ou seja, que o objeto represente a cobertura residencial. Por outro lado os objetos que apresentam tons escuros a princípio não atendem a condição imposta para a identificação de coberturas residenciais.

6. Tente estabelecer um intervalo de valores, através do histograma do atributo, que forneça o máximo grau de confiança em termos de mapeamento das coberturas na imagem. Se você definir um intervalo muito amplo no histograma, outras feições indesejadas podem ser equivocadamente mapeadas como o alvo de interesse. Por outro lado se o intervalo de valores for muito estreito, poderá perder alguns elementos que compõem a estrutura das coberturas residenciais.

F i g u r a 9 : L i m i a r “

Figura 9:Limiar bandratio (-1 a 0.5)

b a n d r a t i o ” ( - 1 a 0 .
b a n d r a t i o ” ( - 1 a 0 .

Figura 10:Limiar “bandratio” (-1 a 0.1)

Dica: como valor máximo de restrição do histograma, insira 0.29 na caixa de texto, à direita da caixa de diálogo de configuração do atributo e pressione o botão Enter.

de configuração do atributo e pressione o botão Enter. Figura 11: Resultado da segmentação com 0.29

Figura 11: Resultado da segmentação com 0.29 p/ o limiar máximo

Este intervalo de valores retrata um eficiente mapeamento das coberturas residenciais na imagem de regra

Este intervalo de valores retrata um eficiente mapeamento das coberturas residenciais na imagem de regra de confiança e os objetos vermelhos indicam uma alta confiabilidade de que retratam o alvo de interesse.

Obs.: os parâmetros Fuzzi Tolerance, Membership Function Set Type e Logic são designados aos usuários que já possuem um avançado entendimento sobre os processos aos quais

envolem a metodologia de classificação orietada ao objeto. Para maior detalhamento consulte

o guia do usuário do modulo ENVI FX (Feature Extraction Module User's Guide). Para este

exercício mantenha os valores padrão estabelecidos para esses parâmetros.

7. Na caixa de diálogo “Attribute Setting” clique em ok. Um ícone aparecerá abaixo do nome da regra (rule name) na caixa de diálogo “Feature Extraction”. O ícone é seguido de um breve resumo sobre a condição do atributo.

É

8. preciso definir mais alguns atributos para serem adicionados ao conjunto de regras. A forma das coberturas, por exemplo, é aproximadamente retangular. Assim, é possível adicionar o atributo “rec_fit” para descartar os objetos não retangulares da cena.

Atributo Espacial (Forma)

1.

Na caixa de diálogo “Feature Extraction”, clique sobre o botão “Add Attribute to Rule”.

A

caixa de configuração do atributo “rect_fit” aperecerá.

2.

Clique sobre o simbolo + próximo à pasta Spatial para expandir a lista de atributos

espaciais.

3. Clique duas vezes sobre o atributo “rect_fit”. A caixa de configuração de atributo

(Attribute Setting) aperecerá. O atributo “rect_fit” mede a forma do objeto, indicando

o quanto a forma do objeto se aproxima de um retângulo.

Para este atributo, você pode tipicamente manter o valor do limite máximo do histograma e ajustar somente o valor do limite mínimo.

4. Experimente o ajuste do limite mínimo (linha vertical à esquerda do histograma) com

diferentes valores através do clique/arraste do botão esquerdo do mouse. Se você escolher um valor muito alto poderá perder algumas estruturas. Por outro lado se você escolher um valor muito baixo, poderá mapear feições indesejadas. Dica: mantenha o nível máximo e ajuste o valor mínimo para 0.50.

5. Na caixa de diálogo “rect_fit Attribute Setting”, clique em ok. A condição do atributo

“rect_fit”

é adicionada ao conjunto de regras na caixa de diálogo do módulo Feature

Extraction.

Atributo Espacial (Área)

A partir do mapa de confiança da regra (rule confidence map)gerado na etapa anterior é

possível notar que ainda restaram alguns pequeno objetos indesejados. Além disso existem algumas feições de estradas que devem ser eliminadas. No caso específico da extração de coberturas residenciais sabemos que, em geral, ocupam um intervalo padrão de área comparado com outros tipos de construções (tais como industriais). Você pode usar o atributo “area” para adicionar mais essa condição ao conjunto de regras.

1. Na caixa de diálogo “Feature Extraction”, clique sobre o botão “Add Attribute to Rule”.

1. Na caixa de diálogo “Feature Extraction”, clique sobre o botão “Add Attribute to Rule”. A caixa de diálogo de configuração do atributo aparecerá.

2. Clique sobre o simbolo + , próximo a pasta “Spatial” para expandir a lista de atributos espaciais.

3. Clique duas vezes sobre o atributo “area” para acessar a interface de configuração do atributo.

4. Altere o valor do parâmetro “Fuzzi Tolerance” para 0 por cento.

5. Experimente diferentes valores para o limiar minímo e máximo do histogram. Note que

o resultado aparece atualizado no portal de ajuste da regra. Dica : um limiar de área entre 25.0 à 1300.0 descreve bem a área ocupada por coberturas residenciais para a loacalidade em questão.

Clique em ok para adicionar a condição do atributo “area” ao conjunto de regras do módulo.

Atributo Espectral (Brilho)

Após a remoção da vegetação, das formas não retangulares e dos objetos considerados muito pequenos ou muito grandes, a condição final é remover os objetos restantes que apresentam- se brilhantes na cena. Como sabemos que o alvo de interesse possui um brilho relativamente escuro, vamos adicionar o atributo chamado “avgband_2”, da seguinte forma:

1. Na caixa de diálogo “Feature Extraction”, clique sobre o botão “Add Attribute to Rule”. A caixa de diálogo de configuração do atributo aparecerá.

2. Clique sobre o simbolo + , próximo a pasta “Spectral”, para expandir a lista de atributos espectrais.

3. Clique duas vezes sobre o atributo “avgband_2”, para acessar a interface de configuração do atributo.

4. Experimente testar diferentes valores para o limiar minímo e máximo.

Dica : um limiar máximo de 55.0 descreve bem o brilho máximo apresentado por coberturas residenciais para a localidade em questão.

5. Clique em ok para adicionar a condição do atributo “avgband_2” ao conjuto de regras do módulo.

do atributo “avgband_2” ao conjuto de regras do módulo. Figura 12: Conjunto de Regras 6. Clique

Figura 12: Conjunto de Regras

6. Clique sobre a caixa “Preview” para visualizar o resultado da classificação no portal de pré-visualização.

Você pode mover o portal de pré-visualização ao longo da imagem para observar o resultado

Você pode mover o portal de pré-visualização ao longo da imagem para observar o resultado da classificação em diferentes áreas.

7. No gerenciador de layer do ENVI Zoom (Layer Manager), clique e arraste o layer “buildings_rulebased” (a imagem original) acima da imagem “Region Means”.

8. Clique com o cursor dentro do portal de pré-visualização e, em seguida, use a barra móvel de transparência, presente na barra de ferramentas da interface “ENVI Zoom”, para aumentar a transparência do portal. O resultado dessa operação permite que seja possível visualizar o preview do resultado da classificação sobre a imagem original em verdadeira cor.

classificação sobre a imagem original em verdadeira cor. Figura 13: Pré-visualização do resultado da

Figura 13: Pré-visualização do resultado da classificação por regra

O conjunto de regras recém construido extraiu de forma rápida e consistente as coberturas residenciais, embora ainda restaram alguns elementos alheios ao alvo de interesse, que podem ser removidos com as ferramentas vetoriais do ENVI Zoom, após a classificação.

Salvando o Conjunto de Regra

Uma vez definido o conjunto de regras para a extração do alvo de interesse, é possível salvá-lo no formato XML. Você pode restaurar e usar novamente o conjunto de regras para uma outra imagem da região a qualquer momento, sem precisar construir o conjunto de regras novamente.

1. Clique sobre o botão “Save Rule Set As” na caixa de diálogo “Feature Extraction” (simbolizado por um disquete). A caixa de diálogo de saída aparecerá .

2. Selecione um diretório de saída, nome do arquivo e clique sobre “Open”.

Para, posteriormente, restaurar o conjunto de regras, clique sobre o botão “Restore Rule Set” na caixa de diálogo “Feature Extraction” (simbolizado por uma pasta). Uma caixa de seleção de arquivo aparece. Selecione o conjunto de regra (.xml) e clique em Open. Se você já tiver definido outras regras, uma caixa de diálogo aparece perguntando se você quer substituir ou expandir o conjunto de regras.

Exportação de Feições

Exportação de Feições Exportando o Resultado da Classificação para um Shapefile. 1. Quando você estiver satisfeito

Exportando o Resultado da Classificação para um Shapefile.

1. Quando você estiver satisfeito com o resultado da classificação, clique sobre o botão “Next” da caixa de diálogo “Feature Extraction”, para acessar a interface de exportação de arquivos.

2. Se você extrair múltiplas feições da imagem, é possível exportar cada feição para diferentes shapefiles. No entanto, em virtude desse exercício ser baseado na extração de somente uma feição (coberturas residenciais), exportaremos o resultado para um único shapefile. Clique em “Export features to a single layer” e selecione “Polygon”, a partir do menu em cascata.

3. Selecione um diretório de saída e um nome para o arquivo shapefile.

4. Para este exercício, não exportaremos o resultado da classificação para arquivo de imagem. Portanto deixe a caixa “Export Class Results” desabilitada.

5. A opção “Smooth Vectors” é especialmente aplicada a geração de vetores com contornos suaves, tais como em rios, portanto desabilite esta função.

6. Clique em “Display Datasets After Export e após clique em “Next”. O ENVI Zoom criará um shapefile tipo polígono referente a delineamento das coberturas residenciais que é sobreposto sobre a imagem original em verdadeira cor. Você pode usar as ferramentas de edição vetorial para remover qualquer objeto diferente do alvo de interesse que porventura ainda persista na imagem.

alvo de interesse que porventura ainda persista na imagem. Figura 14: Resultado da exportação para shapefile

Figura 14: Resultado da exportação para shapefile

Visualização de Relatório e Estatística.

Após exportar o resultado da classificação, o módulo apresenta um relatório resumido das opções de

Após exportar o resultado da classificação, o módulo apresenta um relatório resumido das opções de processamento adotados na extração do alvo. Uma tabela estatística também é fornecida no momento da exportação do resultado para vetor shapefile. Esta tabela apresenta o registro de cada feição com estimativa de área (em unidades de mapa determinada pela arquivo de entrada). Você pode classificar as células da tabela clicando com o botão direito do mouse sobre qualquer parte da tabela e selecionar as opções “Sort by selected column forward” (ordem ascendente) ou “Sort by selected column reverse” (ordem descendente).

“Sort by selected column reverse” (ordem descendente). Figura 15: Interface de relatório e estatística Você pode

Figura 15: Interface de relatório e estatística

Você pode salvar toda a informação relacionada ao relatório e a tabela estatística num formato de texto (.txt) clicando sobre o botão “Save Text Report”. Na caixa de diálogo “Save Fx Report”, selecione um nome de saída e clique sobre o botão “Open”.

Modificando a Opção de Exportação (Opcional)

Após visualizar o resumo do processamento, você pode clicar sobre “Finish” para sair do módulo ENVI Feature Extraction ou clique sobre “Previous” para retornar a etapa de exportação e mudar as opções de saída do resultado da classficação.

Se você clicar sobre “Previous”, toda a saída que você havia criado é removida do gerenciador de dados (Data Manager) e do gerenciador de layers (Layer Manager). Caso clique em “Next” a partir da etapa de exportação de feições, o módulo criará novos shapefiles e ou imagens de classificação.

Saindo do ENVI Zoom

Quando finalizar o processo, selecione File > Exit, a partir da barra de menu principal para encerrar o exercício.