PARTIDOS POLÍTICOS PARTIDOS POLÍTICOS

Alexandre Luis Mendonça Rollo www.alexandrerollo.com.br

• CONCEITO: são organizações de caráter privado, constituídas na forma da constituição e da lei, que reúnem pessoas com ideologia e interesses comuns com a finalidade de comandar a organização política do Estado. • São instrumentos obrigatórios para o acesso à disputa eleitoral. Apenas os eleitores filiados a partidos políticos podem disputar as eleições.

1

2

REGULAMENTAÇÃO
• Constituição Federal, art. 17; • Lei nº. 9.096/95 – Lei dos Partidos Políticos.

DEFINIÇÃO LEGAL
•“O partido político, pessoa jurídica de direito privado, destina-se a assegurar, no interesse do regime democrático, a autenticidade do siste-ma representativo e a defender os direitos fundamentais definidos na Constituição Federal” (art. 1º., da Lei 9.096/95). Art. 103, CF: ADI e ADC

3

4

da Lei 9. par. 1º. 5º .096/95)... fusão. o regime democrático. 7º. CONSTITUIÇÃO FEDERAL Art. . .. 1º: A República Federativa do Brasil tem como fundamentos: V – o pluralismo político.. II – proibição de recebimento de recursos financeiros de entidade ou governo estrangeiro ou de subordinação a estes. incorporação e extinção de partidos políticos.. os direitos fundamentais da pessoa humana e observados os seguintes preceitos: . IV – funcionamento parlamentar de acordo com a lei.continuação I – caráter nacional (art. III – prestação de contas à Justiça Eleitoral. 5 6 CONSTITUIÇÃO FEDERAL • Art.CONSTITUIÇÃO FEDERAL Art.. o pluripartidarismo. 7 8 . 17 – É livre a criação. resguardados a soberania nacional.Direitos e garantias fundamentais: VIII – Ninguém será privado de direitos por motivo de crença religiosa ou de convicção filosófica ou política.

Os partidos políticos. CF • §1º . utilizar-se de organização da mesma natureza e adotar uniforme para seus membros. CF § 4º . 17. organização e funcionamento e para adotar os critérios de escolha e o regime de suas coligações eleitorais. 6º: É vedado ao partido político ministrar instrução militar ou paramilitar. 17. na forma da lei civil. devendo seus estatutos estabelecer normas de disciplina e fidelidade partidária. distrital ou municipal. 2º. art. registrarão seus estatutos no Tribunal Superior Eleitoral. 17. III – as fundações.É vedada a utilização pelos partidos políticos de organização paramilitar.Art.Os partidos políticos têm direito a recursos do fundo partidário e acesso gratuito ao rádio e à televisão. • §3º . na forma da lei (v. art. 11 12 . II – as sociedades. LPP. estadual.. 7º. da lei). V – os partidos políticos. Art. 9 10 Art..É assegurada aos partidos políticos autonomia para definir sua estrutura interna. par. após adquirirem personalidade jurídica. CF • §2º . CÓDIGO CIVIL Art. IV – as organizações religiosas. 44 – São pessoas jurídicas de direito privado: I – as associações. sem obrigatoriedade de vinculação entre as candidaturas em âmbito nacional.

no mínimo.. 15 16 . que contém sua organização. dirigido ao Registro Civil das Pessoas Jurídicas da Capital Federal deve ser subscrito por no mínimo 101 fundadores. • Programa: manifesto ideológico.CRIAÇÃO DOS PARTIDOS POLÍTICOS • O requerimento de criação do partido político (aquisição da personalidade jurídica). Passo 2 – A partir do registro dos estatutos no TSE: a) pode participar do processo eleitoral. e) tem direito a repasse do fundo partidário.... par.5% dos votos válidos na última eleição para Câmara dos Deputados: • Distribuídos por 1/3 dos Estados. regras de disciplina e fidelidade. d) pode indicar delegados junto à Justiça Eleitoral. direitos e deveres dos filiados.10% dos votos válidos em cada Estado (Art. . c) tem exclusividade de denominação. Lei 9. 1º. sigla e símbolos. REGISTRO DOS ESTATUTOS NO TSE É preciso comprovar o caráter nacional do partido: • Apoiamento de 0. 13 14 DOCUMENTOS BÁSICOS DO PARTIDO • Estatuto: lei interna do partido. com domicílio em.096/95). • Com no mínimo 0.continuação Passo 1 – A partir do simples registro civil o partido adquire personalidade jurídica. 7º. 8º. 1/3 dos Estados (art. b) tem acesso gratuito a rádio e TV.).

17 18 FILIAÇÃO PARTIDÁRIA • A forma de filiação é definida no estatuto de cada partido político. o número dos títulos eleitorais e das seções em que estão inscritos. regionais ou nacional. os órgãos partidários são: 1 – Convenção. • Em cada âmbito. o partido. • Há quem defenda que a “peneira” deve ser feita pelos partidos. os partidos são organizados em órgãos municipais. 2 – Diretório. com menção ao número do respectivo título eleitoral. • De modo geral. por seus órgãos de direção municipais. sendo a veracidade das respectivas assinaturas e número dos títulos atestados pelo Escrivão Eleitoral. 3 – Comissão Executiva. • Só pode se filiar eleitor no gozo de seus direitos políticos. aos juízes eleitorais. da qual constará a data de filiação.A prova do apoiamento mínimo de eleitores é feita por meio de suas assinaturas. deverá remeter. CONTROLE DA JUSTIÇA ELEITORAL • LPP. 19 – Na segunda semana dos meses de abril e outubro de cada ano. regionais e federais. a relação dos nomes de todos os seus filiados. depende apenas do preenchimento de uma ficha de filiação. publicação e cumprimento dos prazos de filiação partidária para efeito de candidatura a cargos eletivos. art. 9º. em listas organizadas para cada Zona. 19 20 . ORGANIZAÇÃO DOS PARTIDOS POLÍTICOS • De modo geral.PROVA DO APOIAMENTO • LPP. para arquivamento. § 1º . art.

o STF passou a entender que os mandatos eletivos pertencem aos partidos. fica configurada dupla filiação. INFIDELIDADE PARTIDÁRIA • A representação por infidelidade partidária tem por objeto principal “a decretação da perda de cargo eletivo em decorrência de desfiliação partidária sem justa causa”. ún. 26. DUPLA FILIAÇÃO • LPP. 22.602. par. o vínculo está extinto. para cancelar sua filiação. se não o fizer no dia imediato ao da nova filiação. 21 22 INFIDELIDADE PARTIDÁRIA • Após o julgamento dos MS 26. • Decorridos dois dias. o filiado faz comunicação escrita ao órgão de direção municipal e ao Juiz Eleitoral da Zona em que for inscrito. com o objetivo de acabar com o troca-troca partidário. 22. art. • Editou-se então a Resolução do TSE n.DESFILIAÇÃO • Para desligar-se do partido. 23 24 . sendo ambas consideradas nulas para todos os efeitos.610. – Quem se filia a outro partido deve fazer comunicação ao partido e ao juiz de sua respectiva Zona Eleitoral.603 e 26.604.

b) criação de novo partido. inciso I e art. d) grave discriminação pessoal.610 (ADI 3999/DF. 22. • Comercialização de bens ou eventos. Dje 17/04/2009). 55 da CF/88. 27 28 . 25 26 RESPONSABILIDADE CIVIL E TRABALHISTA • A responsabilidade do partido caberá exclusivamente ao órgão partidário que tiver dado causa ao não cumprimento da obrigação. excluída solidariedade de outros órgãos de direção partidária (art. 15-A com redação da Lei 12. Joaquim Barbosa. • Dúvidas – art. c) mudança substancial ou desvio reiterado do programa partidário. • Doações de pessoas físicas ou jurídicas.034/09). • Fundo Partidário. FINANÇAS PARTIDÁRIAS Os partidos obtêm suas receitas de: • Contribuições de seus filiados. Min. INFIDELIDADE PARTIDÁRIA • Para o STF é constitucional a Resolução TSE 22. à violação de direito ou a qualquer ato ilícito.INFIDELIDADE PARTIDÁRIA Considera-se justa causa: a) incorporação/fusão do partido. Rel.

indicar líder. 38. • Financiamento público das campanhas eleitorais. 2. Autarquias. empresas públicas ou concessionárias. 3. 29 30 REPARTIÇÃO DO FUNDO • 5% do total serão divididos igualmente entre todos os partidos com registro no TSE. • Composto de: multas eleitorais. FUNDO PARTIDÁRIO • São recursos entregues aos partidos políticos para desenvolvimento de suas ações. 31 32 . Autoridade ou órgãos públicos. IV da Lei 9. • 95% do total serão divididos na proporção dos votos obtidos na última eleição geral para a Câmara dos Deputados. Entidade ou governo estrangeiros. art.096/95 – R$ 0.35 por eleitor). doações de pessoas físicas e jurídicas e dotações orçamentárias da União (art.FONTES VEDADAS • LPP. FUNCIONAMENTO PARLAMENTAR • É o direito do partido formar bancada. entidade de classe ou sindical. 31: É proibido aos partidos receber recursos provenientes de: 1. participar das comissões constituídas pelos parlamentos em que atuar e compor a direção da Casa. sociedades de economia mista e fundações públicas ou mantidas c/ recursos públicos. 4. • É disciplinado pelos Regimentos Internos das Casas Legislativas.

35 36 . • É proibido utilizar a propaganda partidária para pedir votos em favor de candidato.: DEM/Arruda). 33 34 PROPAGANDA PARTIDÁRIA • Cada partido tem direito a: I – realização de um programa em cadeia nacional e um em cadeia estadual por semestre. transmitida no período de campanha eleitoral. em rede nacional e em rede estadual.CLÁUSULA DE BARREIRA • O art. 13 prevê que apenas os partidos que alcançarem uma votação mínima terão direito ao funcionamento parlamentar. DISCIPLINA PARTIDÁRIA • Cada partido tem órgãos disciplinares. • Deve ser assegurado o direito de defesa. não há propaganda partidária. PROPAGANDA PARTIDÁRIA • Não confundir com a propaganda eleitoral. • A pena máxima é de expulsão. II – 40 minutos em inserções de 30 seg. • Nos semestres em que há eleição. ou 1 min. • O Supremo Tribunal Federal julgou inconstitucional o art.. com duração de 20 minutos cada. 13 (ADI 1351). e regras para a punição de seus filiados (Ex.

C) podem funcionar livremente. • O TSE cancelará os registros dos estatutos partidários nos casos de fusão.FUSÃO OU INCORPORAÇÃO DE PARTIDO • São decididas pelos órgãos nacionais dos partidos. 37 38 D) têm autonomia para definir sua estrutura interna. organização e funcionamento e todos os seus filiados têm iguais direitos e deveres. B) podem ter caráter estadual ou apenas municipal. (TRE/Amapá – 2006) Os partidos políticos: A) só adquirem personalidade jurídica com o registro de seu estatuto no Tribunal Superior Eleitoral. E) são pessoas jurídicas de direito público interno e podem adotar uniforme e outros sinais identificativos para seus membros. OBRIGADO 39 40 . mesmo que subordinados a entidades ou governos estrangeiros. se assim permitirem seus estatutos. incorporação ou extinção dos partidos políticos.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful