Nutrindo conexões: manutenção da área de informação e comunicação das redes

Rede Paulista de Educação Ambiental REPEA Rede Brasileira de Educação Ambiental REBEA

1

Resumo do projeto
Nutrindo conexões: manutenção da área de informação e comunicação das redes
Rede Paulista de Educação Ambiental / Rede Brasileira de Educação Ambiental Objetivo: atender, de forma integrada, as necessidades de manutenção da área de informação e comunicação virtual da Rebea e da Repea. Atividades: administração e animação de e-groups, jornalismo ambiental com foco em Educação Ambiental, produção de conteúdo temático: meio ambiente e educação ambiental, boletins eletrônicos; atendimento aos membros das redes, atualização de bancos de dados. Benefícios para apoiadores: • Logo marca no index, na página de parceiros/apoiadores nos sites da Repea, Rebea e do Instituto Elementos. • 3 Palestras sobre Comunicação em Rede, Educação Ambiental e Redes Organizacionais conforme solicitação dos apoiadores, durante a vigência do projeto; • Logomarca nos boletins eletrônicos; • Banner dos apoiadores nos eventos promovidos pelas Redes; • Divulgação das atividades de responsabilidade socioambiental dos apoiadores nas listas de discussão das redes e sites; • Banner nas páginas de Notícias e Resenhas do site da Rebea. Conveniências para apoiadores: • Visibilidade da marca num segmento de consumidores de classe média e de formação superior; • Associação da marca a atividades de informação socioambiental; • Visibilidade das ações institucionais de responsabilidade socioambiental; • Acesso a profissionais qualificados nas áreas de Educação Ambiental e redes Organizacionais para palestras nas empresas ou em suas iniciativas de RS. Sites: www.rebea.org.br www.repea.org.br www.5elementos.org.br Investimento 6 meses de apoio Equipe técnica do projeto Serviços mensais Serviços temporários 39 000,00 9 600,00 14 400,00

2

Captação recursos 5% Total

3 150,00 66 150,00

Coordenação: Patrícia Otero

3

Objetivo:

Atender, de forma integrada, as atividades de manutenção da área de informação e comunicação virtual da Rebea e da Repea.
1. Justificativa: O projeto Fortalecendo a REPEA I e Tecendo Cidadania – Rebea trouxeram resultados bastante significativos, tanto no que diz respeito ao aumento do número de pessoas e instituições cadastradas quanto aos serviços de comunicação que as duas redes passaram a oferecer aos seus membros. Com o encerramento dos projetos as duas redes passaram a viver uma situação desafiante no sentido de continuarem a atender as necessidades criadas no âmbito dos projetos no que diz respeito à comunicação e disponibilidade de informações, pois as atividades que anteriormente contavam com a execução de equipes de profissionais contratados tiveram que ter continuidade como serviço voluntário, com inevitável diminuição de pessoas trabalhando e de horas dedicadas pelos que continuaram de forma voluntária nas atividades. Isto provocou a diminuição do ritmo e de qualidade do atendimento em atividades que não podem deixar de ser realizadas, pois as redes são essencialmente estruturas e processo de comunicação articulados em prol de um objetivo comum. O Instituto 5 Elementos que sedia a secretaria executiva e a área de comunicação da Repea tem apoiado, desde julho de 2005, as atividades do Núcleo de Produção de Conteúdo da REBEA, que tem em atividade uma repórter, uma editora e produtora de conteúdo e um webdesigner trabalhando de forma voluntária. Procurando uma solução para o problema comum de sustentabilidade financeira das áreas de comunicação das duas redes e considerando um histórico de parceria em diversas atividades desde 2002, está propondo a integração dos serviços de administração e produção da comunicação a partir da constituição de uma única equipe de trabalho. A proposta se inspira no espírito de parceria e compartilhamentos característicos do padrão rede e tem a vantagem de economizar recursos financeiros e manter a profissionalização da área de comunicação da Rebea e da Repea, essencial para a sustentabilidade das duas redes.

4

2. Serviços atuais das áreas de comunicação das redes REPEA: serviços atuais de administração e manutenção da comunicação - Comunicação dos elos e membros e produção de conteúdo do site - Administração e Moderação das Listas: REPEA, Pólo Turvo Grande e GG para permitir que continuem abertos os canais de comunicação entre os elos; - Administração e atendimento dos e-mails: comunicação@repea.org.br e repea@repea.org.br, que são os canais por onde chegam as demandas internas e externas da rede; - Atualização semestral do site - Atendimento diário pelo telefone e pessoas na sede do 5 Elementos. REBEA: serviços atuais de produção de conteúdo e jornalismo ambiental 1. Produção de conteúdo e atualização de informação nas seguintes áreas: - Agenda de eventos - Resenhas - Links - Redes - Redes de EA - Ponto de vista - Tecendo Cidadania - Diagnósticos de EA - Documentos - Institucional REBEA – Quem Somos/ Tecendo Cidadania/ Diagnósticos de EA, Cadastro 2. Jornalismo ambiental nas seguintes áreas: - Notícias - Boletim quinzenal e edições especiais. 3. Novos serviços a partir da aprovação do projeto Site REPEA - Distribuição de boletim mensal com foco na agenda de eventos e cursos na área de Educação Ambiental no estado de São Paulo - Banco de dados atualizado. - Conteúdo do site atualizado e administração de espaços interativos para atender às demandas dos educadores ambientais.

5

Site REBEA - Reformulação e atualização do site para tornar aberta aos membros da rede a alimentação da Agenda, Links, Redes de EA e Notícias. - Reformulação do boletim - Reorganização de áreas institucionais e do projeto Tecendo Cidadania - Criação de área específica para a secretaria da Rede, com alimentação pela secretaria executiva da Rede. 4. Serviços para apoiadores/ financiadores - Logo marca no index e na página de parceiros/apoiadores nos sites da Repea, Rebea e do Instituto Elementos. - 3 Palestras sobre Comunicação em Rede, Educação Ambiental e Redes Organizacionais conforme solicitação dos apoiadores, durante a vigência do projeto; - Logomarca nos boletins eletrônicos; - Banner dos apoiadores nos eventos promovidos pelas Redes; - Divulgação das atividades de responsabilidade socioambiental dos apoiadores nas listas de discussão das redes e sites - Banner nas páginas de Notícias e Resenhas do site da REBEA. 5. Perfil de membros das redes REPEA Os elos da REPEA são representados por 80% de educadores ambientais e educadores. Os 20% restantes pertencem ao segmento de estudantes universitários, publico estratégico para EA e para a REPEA. O público-alvo das atividades de EA desenvolvidas é, em sua maioria, estudantes do ensino fundamental (41%), seguido das comunidades (40%) e estudantes do ensino médio (32%). Das cerca de 2500 pessoas cadastradas na REPEA, 1000 participam das diversas listas de discussão da REPEA. Essas listas surgiram por demandas específicas dos elos, após encontros regionais e capacitações para o trabalho em rede. Esses encontros impulsionam a interação dos elos da rede, e seus resultados refletem-se no volume de dados, no índice de visitação do Portal e na lista de discussão da REPEA. Circulam pela lista, atualmente com 600 inscritos, em média 150 mensagens por mês. Desde sua criação, é notável o aumento de mensagens de solicitação de indicações de pessoas, bibliografia e material de apoio e as decorrentes articulações e trocas que surgem a partir desses pedidos. As possibilidades de intercâmbio e parcerias que essas

6

mensagens promovem são um dos mais importantes serviços que a Repea presta aos seus membros.

Dezembro de 2002 a Junho de 2004 Elos (pessoas) cadastrados 2043 Elos (instituições) cadastrados 435 Bacias Hidrográficas conectadas 22 (todas) Participantes das listas de discussão 1000 Índice de visitação mensal do site 5000 Reuniões virtuais no TelEduc 12

REBEA Os dados a seguir sobre o perfil dos membros da Rebea foram coletados em março de 2004, tendo como base o cadastro de integrantes da rede. Em relação ao gênero, a REBEA possui um quadro quase homogêneo de participação de educadores e educadoras, sendo formada por 58% de mulheres e 42% de homens. Acredita-se que esta situação deve-se a diversidade da formação e da atuação dos educadores ambientais, uma vez que na área - de pedagogia e de ensino básico - predomina o sexo feminino.

7

A REBEA atua em todas as regiões brasileiras, com destaque para a região sudeste, que detêm a maior quantidade de membros e maior densidade de uso da Internet. Os estados de São Paulo, do Rio de Janeiro e de Minas Gerais juntos aglutinam a maior parte de todos os integrantes da rede. A região Centro-oeste está em segundo lugar, seguida pela região Sul.

Em relação às instituições de atuação as universidades abrigam a maior parte dos integrantes da REBEA, seguida pelas Ongs (Organizações não governamentais), e órgãos governamentais das três instâncias de atuação (federal, estadual e municipal). As empresas de consultoria e instituições de ensino (fundamental e médio) estão logo atrás com a mesma porcentagem. Participam da categoria denominada “outros” – escritórios de advocacia e de arquitetura, estúdios de comunicação e arte, além de empresas.

8

A análise do nível de formação dos integrantes da Rebea revela a riqueza de seu capital intelectual: 99% dos membros da REBEA têm formação acadêmica. Dentre eles, 32% são graduados e 67% têm pós-graduação (mestrado ou doutorado) ou estão cursando. A Rebea é formada por profissionais de diversas áreas, no entanto predomina a formação acadêmica em pedagogia e ou com pós-graduação na área de educação, seguida por especialização em gestão ambiental ou áreas afins. Logo atrás estão as ciências biológicas, ciências sociais, direito, geografia, ciências da informação (pósgraduação), licenciaturas diversas, engenharia florestal, comunicação, entre outros.

9

Suas áreas de atuação mostram o potencial de formação de opinião e liderança que a Rebea possui, pois a maioria de seus integrantes é liderança na área de educação ambiental, e estão ocupando a direção de instituições ou coordenação de projetos. Contudo, das sete categorias selecionadas apresentadas no gráfico, a que mais se destaca é a função de docente universitário. Há também um grande número de técnicos e consultores em educação ambiental. Do ponto de vista da função que ocupam nas instituições em que atuam profissionalmente destaca-se naturalmente a de professor, sendo expressiva a posição de coordenação, o que reforça o potencial de formação de opinião e difusão de idéias.

10

6. Relatórios dos sites REPEA

Estatísticas site REPEA
Mês Média Diária Hits Ficheiros Pages Visits Sites 3559 3967 3577 2779 4210 4069 3947 4105 3039 2486 1977 612 688 627 508 736 700 688 811 528 517 386 KBytes Totais Mensais Visits Pages Ficheiros 18975 20642 19454 15770 22096 21723 20647 25153 14809 16053 11985 110343 119028 110908 86173 126303 126160 118433 127277 85102 77088 61301 Hits 139471 149930 143682 112830 165393 174155 144691 164855 109434 99124 80986 1487932

Out 2005 4499 Set 2005 Jul 2005 Jun 2005 Mai 2005 Abr 2005 Fev 2005 Jan 2005 Totais 4997 3639 5513 5617 4823 3908 3197 Ago 2005 4634

182 3668 174 3674 169 3599 129 2839 172 3833 180 4111 181 3832 179 3739 152 2696 138 2479 116 2178

851049 5646 949296 5245 904047 5253 630549 4029 769789 5160 722419 5581 716564 5458 769384 5554 538993 4276 500837 4283 401114 3609

Mar 2005 5317

Dez 2004 2612

7794482 54255 207786 1151167

11

O site da REPEA tem em média 5000 visitas mês, sendo as páginas mais visitadas: Relatório do Diagnóstico da educação ambiental no estado de São Paulo, resultados do II Encontro Estadual de Educação Ambiental, educação ambiental nas bacias hidrográficas. REBEA Tabela resumo de visitação 1 no mês de janeiro de 2006 e comparação com o mês de dezembro de 2005

Visitação por países:
1

Sistema W EBOSCOPE F REE

DE

para a medição de tráfego e a análise de audiência das páginas

web.

12

Taxa de regresso de visitantes:

13

7. Investimento 8 - Instituição Proponente O 5 ELEMENTOS - Instituto de Educação e Pesquisa Ambiental é uma organização não governamental sem fins lucrativos, qualificada como OSCIP (Organização da Sociedade Civil de Interesse Público) fundada em São Paulo – Brasil em 1993, que busca a construção de uma sociedade democrática e sustentável, promovendo uma educação ambiental (EA) emancipatória. Defendemos a cidadania e o meio ambiente apontando que é possível um novo pacto societário sustentável, e fortalecendo o sentido de co-responsabilidade entre as pessoas, comunidades, municípios e nações. O Instituto procura estimular a adoção de novos hábitos e posturas através da sensibilização, conscientização e capacitação de pessoas, para que eles tornem-se agentes multiplicadores de ações. Nossas linhas de atuação e objetivos são: • Programa de Sensibilização e Capacitação de Professores; • Programa de Capacitação e Sensibilização em Educação Ambiental não-formal e informal; • Programa de Capacitação e Sensibilização em Educação Ambiental para empresas; • Produção de Material Didático. O 5 Elementos vêm apoiando e desenvolvendo programas de fomento às redes socioambientais, que são movimentos de articulações entre pessoas e instituições de interesse comum, visando colaborar e capacitar na emancipação dos cidadãos por meio da gestão compartilhada. Neste contexto, o Instituto coordenou de 2002 a 2004 a Secretaria Executiva da Rede Paulista de Educação Ambiental – REPEA, projeto financiado pelo FNMA Fundo Nacional do Meio Ambiente. O 5 Elementos também vêm liderando a construção da Agenda Socioambiental – Rede da Lapa em parceria com a Subprefeitura Lapa em sua jurisdição, composta por cerca de 270 mil habitantes na zona oeste de São Paulo. Esse processo compõe alianças entre parceiros representativos dos três setores, perfazendo o total de 30 instituições interessadas. O 5 Elementos beneficiou 200.000 pessoas por meio de seus programas até o ano de 2003, e vem acumulando experiência e colhendo resultados por meio do reconhecimento do trabalho pelos educadores ambientais e por diversas instituições, tais como: o Prêmio Ação pela Água 2001, na categoria Educação Ambiental, ONG. Realizado pelo Consórcio Federal das Bacias Hidrográficas dos Rios Piracicaba, Capivari, Jundiaí. o Prêmio Ambiental Von Martius 2000: Menção Honrosa na Categoria Natureza, concedido pela Câmara Brasil Alemanha.

14

o Beneficiário do Prêmio Global Responsable Care Award 98, concedido pela Dow Química S.A., dentro do Programa Atuação Responsável, pelo conjunto de ações institucionais. o Prêmio PNBE de Cidadania 1998, categoria de melhor projeto de Meio Ambiente com o Programa de Educação Ambiental e Coleta Seletiva de Plásticos em Escolas. o Menção Honrosa: 1º Concurso de Idéias Inovadoras em Captação de Recursos em 97, promovidas pelo Centro de Competência na Área Social da Fundação ASHOKA, em parceria com McKinsey & Co. o Prêmio Itaú-Unicef Educação e Participação 97, na categoria de elaboração de material de apoio, promovido pelo Banco Itaú, Unicef e realizado pelo CENPEC - Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária. o Top Ecologia em 97 e 95, promovido pela ADVB - Associação dos Dirigentes de Vendas e Marketing do Brasil - Programa de Educação Ambiental no Parque Ibirapuera/Trilha Radical Verde Projeto de Educação Ambiental e Coleta Seletiva de Plástico.

15

9 – Breve histórico das redes

REPEA – Rede Paulista de Educação Ambiental

A REPEA - Rede Paulista de Educação Ambiental iniciou sua formação um pouco antes da Eco-92. Desde então, o campo da educação ambiental no Brasil vem sendo consolidado por meio de Fóruns, Encontros, projetos, mestrados, doutorados e diversas publicações. A REPEA caracteriza-se por agregar pessoas e instituições que desenvolvem atividades em Educação Ambiental (EA), ou interessadas nesse segmento no estado de São Paulo. Sua organização prevê que os elos desenvolvam ações conjuntas, concretas, capazes de fortalecer a EA no estado de São Paulo. A REPEA optou por organizar sua atuação segundo a divisão do estado em Bacias Hidrográficas ou Unidades de Gerenciamento dos Recursos Hídricos – UGRHI (Lei Estadual 9.034/94) por considerar essa regionalização fundamental na gestão ambiental e conseqüentemente na EA. Em dezembro de 2002, o 5 Elementos – Instituto de Educação e Pesquisa Ambiental, a Associação para Proteção Ambiental de São Carlos – APASC, o Consórcio Intermunicipal da Bacia Hidrográfica dos Rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí – PCJ, o

16

Instituto Ecoar para a Cidadania, a Secretaria Municipal de Educação de Rio Claro e o SENAC – Centro de Educação Ambiental deram início ao projeto Fortalecendo a Rede Paulista de Educação Ambiental – REPEA, financiado pelo Fundo Nacional do Meio Ambiente – FNMA. Durante 18 meses (janeiro/2003 a maio/2004), estruturou-se a Secretaria Executiva da REPEA – SER e o projeto trouxe resultados significativos, tanto no que diz respeito ao aumento do número de pessoas e instituições cadastradas quanto às perspectivas do processo de descentralização da sua gestão. O diagnóstico da Educação Ambiental apontou diversas demandas como fundamentais para a melhoria ambiental. Com o final do projeto de fortalecimento da REPEA, as ações em prol da sustentabilidade da rede voltam a ser voluntárias por parte dos elos. ´ As informações fornecidas pelo banco de dados existente no site da REPEA estão organizadas segundo as atuais 20 UGRHI, num esforço no sentido de que as ações dos elos se voltem ao máximo também às problemáticas regionais e não somente locais. Essa estratégia visa dimensionar as ações locais sob a óptica de seus reflexos no âmbito regional. A publicação da REPEA Orientação para Educação Ambiental nas Bacias Hidrográficas do Estado de São Paulo” Sub-Título: “Origem e Caminhos da REPEA – Rede Paulista de Educação Ambiental” tem como principal objetivo evidenciar a história da rede bem como reconhecer seus resultados e divulgá-los amplamente, visando aprimorar a EA em nosso estado. Esta publicação foi escrita por muitas mãos e terá seu lançamento no início de 2006.

Rebea – Rede Brasileira de Educação Ambiental

17

Criada em 1992 e articulada nos Fóruns Paulistas de EA nos anos 90, a Rebea com 13 anos de existência, vem desenvolvendo uma rica experiência de implementação do padrão organizacional rede no campo da Educação Ambiental, articulando, informando e mobilizando educadores, difundindo a cultura de organização em rede e apoiando a implantação da Política Nacional de Educação Ambiental. Entre 2002 e 2004, com o financiamento do FNMA, juntamente com outras quatro redes, desenvolveu atividades de estruturação, comunicação e coordenou a realização do trabalho “Conhecendo a Educação Ambiental em 5 estados e 1 bioma brasileiro”. Merece destaque a experiência de articulação de uma comunidade de coordenadores e facilitadores de redes de EA, reunindo mais de vintes redes estaduais e algumas nacionais como a Rede de Centros de EA, Rede Universitária de Pesquisa em EA, Rede da Juventude pelo Meio Ambiente e Sustentabilidade. Além disso, articula mais de 400 pesquisadores e educadores com interesses em EA, diretamente conectados por sua lista no yahoo. Tem no Fórum Brasileiro de Educação Ambiental o seu grande evento presencial, sendo que o último, realizado em novembro de 2004, reuniu 4 000 educadores. Com forte componente virtual devido sua abrangência nacional, desenvolve experiência de gestão e coordenação on-line, por meio de listas de discussão, com um site e um boletim eletrônico que fazem a cobertura da EA no Brasil, tema que não consta da pauta das agências e da grande imprensa. Histórico da rede

18

Características da Rebea

Estrutura de comunicação da Rebea

19

10 – Currículos equipe Patrícia Otero: Pedagoga pela PUC-SP com especialização em Meio Ambiente pelo ISER-RJ. Atua há 18 anos na área ambiental, no desenvolvimento de projetos de Educação Ambiental. Têm dado cursos e palestras, e prestado consultoria para os diferentes setores da sociedade. É diretora do 5 Elementos Instituto de Educação e Pesquisa Ambiental e coordenadora do Mais Ambiente - Programa de Educação Ambiental www.maisambiente.com.br. Desenvolveu competências na área de cultura de redes sociais e cultura digital quando cursou o Módulo Mídias Interativas e Práticas Pedagógicas na USP-Cidade do Conhecimento-2003. É idealizadora do site da Rede Paulista de Educação Ambiental – REPEA trabalho realizado quando coordenou a área de Educação e Comunicação e Educação da REPEA. É elo Articulador da REPEA e Facilitadora do GT Cultura Digital da Rede Brasileira de EA. Rosi Cheque: Jornalista (MTB 43370/SP), radialista (DRT 459/SE) e autora dos livros: Toque de amor (2002), O seu nome é um poema (2003) e Olhos sem face (2005). Repórter, desde 2003, da Rede Brasileira de Educação Ambiental - REBEA www.rebea.org.br. Atuou na assessoria do V Fórum Brasileiro de Educação Ambiental, em Goiânia/GO, e na III Semana de Meio Ambiente da USP/SP. É membro fundador da Rede Brasileira de Educomunicação Socioambiental – REBECA. Membro das Redes Brasileira e Paulista de Jornalismo Ambiental. Radiodifusão: Atuou na locução de programas das rádios Cidade FM/SP (1996/1997), Rádio Verão FM/SP (1991/1995) e Rádio Esperança AM/SE (1986/1989). Premiações/Antologias: Grandes Nomes da Nova Literatura Brasileira, Phoenix Editora, SP, 2000; Escritos feitos de amor, Litteris Editora (RJ) e Casa do Novo Autor Editora (SP), em 2000; As melhores poesias do século, Casa do Novo Autor Editora (SP), em 2001; e Nas asas da imaginação, Casa do Novo Autor Editora (SP), em 2002. OBS: Pela Casa do Novo Autor Editora recebeu as premiações: Escrevendo Mulheres. Obra: Asas da emoção (2001); E por falar em amor. Obra: Proêmio da amizade (2001); e Apagão à brasileira. Obra: Sóis do Brasil (2001). Vivianne Amaral: Consultora na área de redes organizacionais, educadora e ativista ambiental, jornalista, editora do site www.rebea.org.br. Atua desde 85 no movimento ambientalista brasileiro, trabalhando com redes organizacionais desde 1997. Foi secretaria da REBEA no período 1999-2004 e gerente do projeto Tecendo Cidadania, no entre setembro de 2002 a agosto de 2004. Atua voluntariamente como facilitadora da Rede Brasileira de Educação Ambiental. Fundadora da Rede Mato-grossense de Educação Ambiental. Facilitadora da Rede Brasileira e elo da Rede Paulista de EA. Membro das Redes Brasileira e Paulista de Jornalismo Ambiental.

20

ANEXO LEI Nº 9.249, DE 26 DE DEZEMBRO DE 1995. Altera a legislação do imposto de renda das pessoas jurídicas, bem como da contribuição social sobre o lucro líquido, e dá outras providências. Art. 13. Para efeito de apuração do lucro real e da base de cálculo da contribuição social sobre o lucro líquido, independentemente do disposto no art. 47 da Lei nº 4.506, de 30 de novembro de 1964:
§ 2º Poderão ser deduzidas as seguintes doações:

I - as de que trata a Lei nº 8.313, de 23 de dezembro de 1991; II - as efetuadas às instituições de ensino e pesquisa cuja criação tenha sido autorizada por lei federal e que preencham os requisitos dos incisos I e II do art. 213 da Constituição Federal, até o limite de um e meio por cento do lucro operacional, antes de computada a sua dedução e a de que trata o inciso seguinte; III - as doações, até o limite de dois por cento do lucro operacional da pessoa jurídica, antes de computada a sua dedução, efetuadas a entidades civis, legalmente constituídas no Brasil, sem fins lucrativos, que prestem serviços gratuitos em benefício de empregados da pessoa jurídica doadora, e respectivos dependentes, ou em benefício da comunidade onde atuem, observadas as seguintes regras: a) as doações, quando em dinheiro, serão feitas mediante crédito em conta corrente bancária diretamente em nome da entidade beneficiária; b) a pessoa jurídica doadora manterá em arquivo, à disposição da fiscalização, declaração, segundo modelo aprovado pela Secretaria da Receita Federal, fornecida pela entidade beneficiária, em que esta se compromete a aplicar integralmente os recursos recebidos na realização de seus objetivos sociais, com identificação da pessoa física responsável pelo seu cumprimento, e a não distribuir lucros, bonificações ou vantagens a dirigentes, mantenedores ou associados, sob nenhuma forma ou pretexto; c) a entidade civil beneficiária deverá ser reconhecida de utilidade pública por ato formal de órgão competente da União. MEDIDA PROVISÓRIA No 2.113-32, DE 21 DE JUNHO DE 2001. Altera a legislação das Contribuições para a Seguridade Social - COFINS, para os Programas de Integração Social e de Formação do Patrimônio do Servidor Público PIS/PASEP e do Imposto sobre a Renda, e dá outras providências. Art. 59. Poderão, também, ser beneficiárias de doações, nos termos e condições estabelecidos pelo inciso III do § 2o do art. 13 da Lei no 9.249, de 1995, as Organizações da Sociedade Civil de Interesse Público - OSCIP qualificadas segundo as

21

normas estabelecidas na Lei no 9.790, de 23 de março de 1999. § 2o Às entidades referidas neste artigo não se aplica a exigência estabelecida na Lei no 9.249, de 1995, art. 13, § 2o, inciso III, alínea "c". DECRETO-LEI Nº 1.598, DE 26 DE DEZEMBRO DE 1977. Altera a legislação do imposto sobre a renda. SEÇÃO II Lucro Operacional Conceito e discriminação Art 11 - Será classificado como lucro operacional o resultado das atividades, principais ou acessórias, que constituam objeto da pessoa jurídica. § 1º - A escrituração do contribuinte, cujas atividades compreendam a venda de bens ou serviços, deve discriminar o lucro bruto, as despesas operacionais e os demais resultados operacionais. Receita bruta – (vendas de mercadorias ou serviços prestados) (-) deduções da receita bruta (impostos, incidentes IPI/ICMS/PIS/ISS/COFINS) = receita líquida (-) custos operacionais (custo da mercadoria ou do serviço vendido) = lucro operacional bruto (-) despesas operacionais (água/luz/aluguel/salários/telefone/encargos/etc) (+) receitas operacionais (juros/aplicações) = lucro operacional líquido (+) adições (despesas não operacionais, ou seja, valor aplicado como incentivos) (-) exclusões (equivalência patrimonial) = lucro operacional líquido (base cálculo IR 15%, contribuição social 9%, lei 9.249/95, 2%) (-) 20.000,00 para cada mês calendário ou seja 12 meses = 240.000,00) = base cálculo adicional do IR 10% total IR 15% (+) adicional IR 10% = IRPJ (+) contribuição social 9% (-) incentivos fiscais (2% lei 9.249/95) = imposto a recolher

22

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful