Exercícios sobre a Colonização no Brasil Questões referentes às outras atividades desenvolvidas no período colonial.

Questão 1 (UEL-PR) "Como não se tratava de regiões aptas para a produção de gêneros tropicais de grande valor comercial, como o açúcar ou outros, foi-se obrigado para conseguir povoadores (...) a recorrer às camadas pobres ou médias da população portuguesa e conceder grandes vantagens aos colonos que aceitavam irem-se estabelecer lá. O custo do transporte será fornecido pelo Estado, a instalação dos colonos é cercada de toda a sorte de providências destinadas a facilitar e garantir a subsistência dos povoadores; as terras a serem ocupadas são previamente demarcadas em pequenas parcelas, (...) fornecem-se gratuitamente ou a longo prazo auxílios vários (instrumentos de trabalho, sementes, animais, etc)". (Prado Júnior, C. História econômica do Brasil. 27 ed. S. Paulo: Brasiliense, 1982. p. 95-6) Com base no texto, é possível afirmar que o autor se refere: a) à colonização do sertão nordestino através da pecuária. b) à ocupação da Amazônia através das drogas do sertão. c) à expansão para o interior paulista pelas entradas e bandeiras. d) à colonização do Sul através da pecuária. e) ao povoamento das Capitanias Hereditárias. econômicas

Questão 2 (UEL-PR) No Brasil colônia, a pecuária teve um papel decisivo na a) ocupação das áreas litorâneas. b) expulsão do assalariado do campo. c) formação e exploração dos minifúndios. d) fixação do escravo na agricultura. e) expansão para o interior.

Questão 3 (UFSE) O texto abaixo refere-se à atividade pecuarista no Brasil Colônia: O gado podia penetrar o Sertão. Não tinha o problema seríssimo do transporte, porque transportava a si mesmo. A mão

de obra exigida era pouca. d) A pecuária não tinha maior produtividade do que as atividades agrícolas. em função renascimento agrícola no Nordeste. e) todas as alternativas anteriores estão corretas. no século XVI. b) a inversão significativa da utilização da mão de obra escrava pela mão de obra livre na região das minas. c) A penetração do gado no Sertão não envolvia custos no transporte. foram: a) a criação de um mercado interno fomentado pelo descobrimento das minas de ouro no final do século XVI e sua ampliação para as cidades litorâneas da colônia. ao litoral e associada à lavoura de produtos tropicais. tinha na amplitude do sertão o caminho de sua expansão. ao longo do século XVII. Assinale a única alternativa não contida no texto. estendeu-se ao interior durante os séculos XVII e XVIII. acompanhando os rios rumo ao interior. criando. o tabaco. . e) O Sertão apresentou-se como caminho adequado para a expansão e criação do gado. c) estagnação econômica do Centro-Oeste. do d) o acompanhamento destas atividades. como núcleos abastecedores da atividade mineradora e seus desdobramentos. a pecuária. ligada à exploração de novas atividades econômicas e aos interesses políticos de Portugal em definir as fronteiras da colônia. Sem a complexidade da agricultura. em 1654. assim. b) A agricultura açucareira era atividade mais complexa do que a criação de gado. primeiro como complemento da atividade açucareira e. Questão 5 (Cesgranrio-RJ) A ocupação do território brasileiro. após a expulsão dos holandeses. restrita. as drogas do sertão e mesmo o paubrasil. principalmente da canavieira. a) A criação do gado era pouco exigente com respeito à mão de obra. Questão 4 (Fuvest-SP) Os fatores que levaram ao desenvolvimento e à ampliação das atividades econômicas periféricas da colônia. posteriormente. um mercado consumidor expressivo. tais como. em detrimento da lavoura de cana-de-açúcar.

4) A zona missioneira no Sul do Brasil representava um obstáculo tanto aos colonos. 2 e 5. 2) A ocupação do Pampa gaúcho não teve nenhum interesse econômico. quanto a Portugal. estando ligada aos conflitos luso-espanhóis na Europa. foi um dos principais alvos do bandeirismo. c) somente 1. 1) No vale amazônico. 3) O planalto central.As afirmações abaixo relacionam as regiões ocupadas a partir do século XVII e suas atividades dominantes. interessados na escravização dos indígenas. As afirmações corretas são: a) somente 1. 3 e 4. 2 e 4. foi um prolongamento da lavoura canavieira. nas áreas correspondentes aos atuais estados de Minas Gerais. d) somente 2. e sua ocupação está ligada à mineração. 3 e 4. primeira área interior ocupada no processo de colonização. o extrativismo vegetal – as drogas do sertão – e a captura de índios atraíram os colonizadores. dificultando a demarcação das fronteiras. b) somente 1. . e) somente 2. 3 e 5. fornecendo novas terras e mão de obra para a expansão da lavoura. Goiás e Mato Grosso. 5) O Sertão nordestino.

revela-nos a dinâmica das atividades econômicas realizadas no período. Antes disso. Sem dúvida. Utilizando-se da pecuária como exemplo. notamos que a sua sustentação se deu em função da paulatina formação de um mercado consumidor interno interessado na compra e obtenção desses produtos. Não tendo um controle específico na criação de gado. se ampliou graças às necessidades do mercado interno. O texto oferecido não visa empreender uma comparação entre a atividade agrícola e a pecuária no período colonial. Contemplando as informações do texto. temos o desenvolvimento de um processo de ocupação do território colonial que se desenvolveu à margem dos ditames que organizavam os grandes empreendimentos da colonização portuguesa no Brasil. tais atividades inicialmente não foram acompanhadas de perto pela administração colonial. à ocupação das regiões de Minas e CentroOeste (Goiás e Mato Grosso) ligada à exploração aurífera. o texto aborda o processo de interiorização relacionado ao desenvolvimento de outras atividades econômicas que. Resposta Questão 4 Letra D. No caso dessa questão. Dessa forma.Resposta Questão 1 Letra D. em muitos casos. Resposta Questão 5 Letra C. Observando o desenvolvimento das chamadas atividades periféricas ou complementares. Resposta Questão 2 Letra E. Analisando cada uma das alternativas disponíveis. e aos . a pecuária colonial permitiu que outras áreas do interior fossem economicamente exploradas e alvo de ocupação humana. Além disso. ele faz uma rica abordagem que nos revela o alto grau de mobilidade que a criação de gado tinha se contraposto ao complexo aparato exigido pela lavoura canavieira. vemos o correto destaque dado às atividades extrativistas na região Norte do país. devemos salientar que o uso exclusivo das terras litorâneas para a economia açucareira também foi outro fator de peso para que a pecuária acabasse se atrelando ao processo de interiorização experimentado na época Resposta Questão 3 Letra D. vemos que outras atividades econômicas se desenvolveram na medida em que a ocupação do território se desdobrava. para só depois ocuparem o posto de sólido pilar na organização da economia brasileira.

c) as eleições eram efetuadas em dois turnos sucessivos. Exercícios sobre a Constituição de 1824 Teste os seus conhecimentos: Faça exercícios sobre a Constituição de 1824 e veja a resolução comentada. realizava-se o recenseamento geral da população. Questão 4 Aponte qual o mais importante dilema político que marcou as discussões estabelecidas entre os participantes da Assembleia Constituinte de 1823. Essa afirmação significa que: a) o sufrágio era indireto no que se referia às eleições gerais.entraves que marcaram a ocupação do Sul na medida em que os missionários combatiam a escravização dos nativos. b) para ser eleitor era necessário possuir determinada renda anual. d) o voto não era extensivo aos analfabetos e às mulheres. Questão 5 Explique em que medida a constituição de 1824 combinava características de natureza liberal e absolutista? . Questão 1 Qual foi a medida tomada por Dom Pedro I ao saber das intenções da constituinte em restringir seu poder de atuação? Questão De que modo o sistema eleitoral empreendido pela Constituição de 1824 determinou a exclusão política de grande parte da população? Questão 3 (FUVEST) O sistema eleitoral adotado no Império brasileiro estabelecia o voto censitário. e) por ocasião das eleições.

Mediante essa medida. o cidadão deveria comprovar uma renda mínima para exercer seus direitos políticos. os membros desse conselho trabalharam a fim de estabelecer uma carta constitucional que estivesse adequada aos interesses do imperador. Resposta Questão 4 Nessa época. a quantia de 800 mil réis. Segundo as leis daquela época. o direito de voto era estipulado a partir da comprovação de uma renda de 100 mil réis anuais.Resposta Questão 1 Intimidado pela proposta da constituinte. Para ser eleitor em esfera local. ele deveria comprovar uma renda de 100 mil réis. Resposta Questão 2 A exclusão política marca o texto da Constituição de 1824 a partir do momento em que a mesma determina a adoção do voto censitário. 200 mil réis. Por outro lado. para votar em âmbito provincial e nacional. Em pouco tempo. uma parcela das lideranças envolvidas na criação dessa mesma constituição acreditava que a coesão política do recém-formado país só estaria garantida caso o imperador tivesse amplos poderes políticos. Dom Pedro I ordenou a interrupção imediata dos trabalhos da Assembleia Constituinte. Por este sistema. No caso brasileiro. parte dos integrantes da constituinte era favorável a um projeto de lei que estabelecia a autonomia política das províncias e limitasse a atuação do poder imperial pela ação das leis. 400 mil réis. para concorrer ao cargo de deputado. percebemos que uma parcela considerável de seu texto dialogava com os princípios do . Resposta Questão 3 Letra b. Resposta Questão 5 Analisando a Constituição de 1824. Dom Pedro I organizou um Conselho de Estado formado por dez lideranças políticas que o apoiavam. era necessário que o eleitor comprovasse uma renda mínima anual para exercer os direitos políticos. e de senador. somente as elites econômicas apresentavam condições para votarem nas eleições. Em seu lugar.

R7. exercíciosbrasil escolavestibulareducadormonografiasmeu artigoguerrascidadescursosshoppingHomeExercícios de História do BrasilExercícios sobre a Guerra da Cisplatina Exercícios Biologia Física Geografia Geografia do Brasil Gramática História do Brasil História Geral Literatura Matemática Química Redação Disciplinas .liberalismo ao empreender a criação dos três poderes e a realização de eleições para a ocupação de cargos executivos e legislativos.comNotíciasEntretenimentoEsportesVídeosRede Receba novidades em seu e-mail OK Procure no site Área do usuário E-mail: Senha: Cadastre-seEsqueci a senha RecordE-mail. vemos que essa mesma carta constitucional era de natureza absolutista ao permitir que o imperador interferisse nas demais esferas de poder com a criação do Poder Moderador. Em contrapartida.

Questão 1 Defina o contexto em que a região da Cisplatina foi incorporada ao território brasileiro. Questão 4 Estabeleça a relação existente entre o processo de independência brasileiro e a deflagração da Guerra da Cisplatina. Questão 2 De que modo a declaração de guerra contra a Cisplatina acabou prejudicando a imagem política de Dom Pedro I? Questão 3 Quais as consequências que a ocupação da Cisplatina trouxe ao Brasil no período joanino.Biologia Física Geografia História Matemática Português Química Exercícios sobre a Guerra da Cisplatina Teste os seus conhecimentos: Faça exercícios sobre a Guerra da Cisplatina e veja a resolução comentada. .

Além disso. as dificuldades econômicas internas do Brasil indicavam que os gastos do conflito colocavam em xeque o compromisso imperial em promover o desenvolvimento da economia nacional. Resposta Questão 3 Deixando a conquista territorial em segundo plano. percebemos que diversas províncias do território ainda fiéis ao governo lusitano entraram em luta contra a autoridade de Dom Pedro I. podemos observar que o controle da Cisplatina não trouxe nenhuma vantagem significativa para o Brasil. essa anexação foi realizada para atender aos anseios da rainha Carlota Joaquina. Dom João VI empregou uma alta quantidade de recursos financeiros. que ambicionava ser regente desse território originalmente controlado pelo seu irmão Fernando VII. os moradores da região da Cisplatina aproveitaram do momento para articular um processo de independência da região. . Ao mesmo tempo.Resposta Questão 1 Antes da independência. João VI realizou a anexação desse território como meio de se evitar uma possível invasão francesa ao território americano. o imperador D. impôs uma alta dos impostos que despertou a insatisfação de vários setores da população brasileira. Na verdade. para custear esse conflito. Resposta Questão 4 Oficializada a independência do Brasil. Resposta Questão 2 Do ponto de vista histórico e cultural. o envolvimento do Brasil nessa guerra era tida como desnecessária na medida em que a região era habitada por população de origem hispânica. Além disso. Aproveitando de tal instabilidade. rei da Espanha.

comNotíciasEntretenimentoEsportesVídeosRede Receba novidades em seu e-mail OK Procure no site Área do usuário E-mail: Senha: Cadastre-seEsqueci a senha RecordE-mail.R7. exercíciosbrasil escolavestibulareducadormonografiasmeu artigoguerrascidadescursosshoppingHomeExercícios de História do BrasilExercícios sobre a Confederação do Equador Exercícios Biologia Física Geografia Geografia do Brasil Gramática História do Brasil História Geral Literatura Matemática Química Redação Disciplinas .

que vedava aos brasileiros o direito de se candidatar ao Parlamento. filho de D. Ulysses de Carvalho. b) mudança do sistema eleitoral na Constituição de 1824.. Que desaforo atrevimento de um europeu no Brasil..Biologia Física Geografia História Matemática Português Química Vestibular Exercícios sobre a Confederação do Equador O evento que marca a crise do governo de Dom Pedro I. de quem já fomos independentes de fato e de direito? Não há delírio igual (. quer descaradamente escravizar-vos. por descender da casa de Bragança na Europa. 1924) A causa da Confederação do Equador foi a: a) extinção do Poder Legislativo pela Constituição de 1824 e sua substituição pelo Poder Moderador. Pernambuco: Publicações Oficiais. após uma estúpida condescendência com os brasileiros do Sul. Acaso pensara esse estrangeiro ingrato e sem costumes que tem algum direito à Coroa. a quem vós. A Confederação do Equador. rei de Portugal. o que só era possível aos portugueses. João VI.” (BRANDÃO. aclamastes vosso imperador.). Questão 1 De que modo a Confederação do Equador tem relações com a oficialização da Constituição de 1824? Questão 2 (UFES) Confederação do Equador: Manifesto Revolucionário “Brasileiros do Norte! Pedro de Alcântara. .

e) restrição às vantagens do comércio do açúcar pelo reforço do monopólio português e aumento dos tributos contidos na Carta Constitucional.c) atitude absolutista de D. Questão 4 Aponte três ações ou propostas fundamentais tomadas pelos participantes dessa revolta. ao dissolver a Constituinte de 1823 e outorgar uma Constituição que conferia amplos poderes ao imperador. Questão 3 Além da insatisfação política e dos problemas econômicos regionais. aponte outro fator contextual que contribuiu para a eclosão da Confederação do Equador. que já não detinha o controle das grandes fazendas e da produção do açúcar. Questão 5 Redija um parágrafo destacando os fatores que determinaram a dissolução da Confederação do Equador. d) liberação do sistema de mão de obra nas disposições constitucionais. por pressão do grupo português. Pedro I. .

Resposta Questão 1 Em sua origem. Ao longo da revolta. a eclosão da Confederação do Equador se deu assim que o imperador determinou a destituição do governador Manuel de Carvalho Paes de Andrade. defendiam a criação de um governo inspirado pelos moldes republicanos presentes nos Estados Unidos. a constituição de 1824 foi lavrada logo que o imperador Dom Pedro I determinou a dissolução da Assembleia formada por cada um dos candidatos eleitos nas províncias. Não por acaso. o imperador incitou a insatisfação de várias figuras políticas que viam seu governo como autoritário. Resposta Questão 3 Não bastando o descontentamento pela dissolução da Assembleia Constituinte e os problemas de ordem econômica. Resposta Questão 2 Letra C. Pedro I como um dos mais importantes pontos que explicam a Confederação do Equador. participante da Revolução Pernambucana de 1817. temos a ação autoritária do imperador D. em grande parte liberais. Resposta Questão 4 Nessa rebelião percebemos que seus integrantes. Ao tomar tal decisão. os participantes da revolta promoveram o desligamento político da região envolvida no controle do imperador. que tinha prestígio entre os senhores de terra da região. Entre os fatores que explicam a eclosão desse movimento revolucionário. diversos jornais da época se pronunciaram em favor das ações dos revoltosos e realizaram a divulgação da revolta para .

Não por acaso. Piauí e Rio Grande do Norte. responda: a) O que era o chamado “gado de quintal”? b) Qual o problema que o aumento do número de reses gerava para o desenvolvimento da economia açucareira? . o movimento acabou conquistando a adesão de outras províncias como Paraíba.amplos setores da população pernambucana. Resposta Questão 5 Na medida em que participantes das camadas populares integraram o movimento. Questão 2 Como o desenvolvimento da pecuária influenciou na formação do território brasileiro. Desse modo. reivindicações de natureza mais ampla e o fim da escravidão começaram a ser discutidas como ações do novo governo. Ceará. Exercícios sobre Pecuária Colonial Exercícios Questão 1 Qual a relação existente entre o desenvolvimento da pecuária na região sul do Brasil e o início da atividade mineradora no século XVIII. as forças imperiais conseguiram abafar a revolta e punir suas mais importantes lideranças. os integrantes das elites se afastaram da revolta. Questão 3 Tomando o desenvolvimento da pecuária colonial. Aproveitando dessa desarticulação.

Resposta Questão 3 a) O gado de quintal eram as cabeças de gado trazidas de Portugal para o Brasil para serem utilizadas no interior das propriedades rurais. o desenvolvimento da atividade pecuarista foi de suma importância para que territórios inóspitos fossem ocupados e que nossas fronteiras extrapolassem os limites do Tratado de Tordesilhas. no funcionamento das máquinas do engenho (tração animal) e o consumo local. adotada a partir do século XVIII para determinar as possessões coloniais portuguesas e hispânicas na América. Em pouco tempo. o gado de quintal era utilizado para a realização do transporte de cargas e pessoas. b )Com o crescimento do número de animais. O avanço do gado e a formação das fazendas pelo interior determinaram a propriedade do princípio de uti possidetis. a pecuária começou a tomar parte das terras que serviam para a plantação da cana de . gerando a formação de um mercado consumidor de alimentos e produtos diversos.Questão 4 Descreva as diferenças existentes entre a mão de obra empregada nas lavouras de cana-de-açúcar e na pecuária colonial. Por tal razão. vários centros urbanos se formaram nas proximidades das minas. Resposta Questão 2 De modo geral. Geralmente. Resposta Questão 1 O início da atividade mineradora promoveu a atração de inúmeras pessoas interessas na exploração dos metais preciosos. as pastagens naturais do sul passaram a ser aproveitadas para a criação de gado a ser consumido pela população das regiões mineradoras.

os donos de engenho e a própria Coroa Portuguesa tomaram ações que incentivaram a prática da pecuária em regiões do interior do Brasil. Além de receberem uma remuneração pelos seus serviços. Subordinados a uma dura rotina de trabalho. a atividade pecuarista expandiu ao longo do Vale do Rio São Francisco. esses trabalhadores tinham a oportunidade de ascender socialmente ao poderem formar seus próprios rebanhos. bem como atingiu diferentes estados da região nordeste do Brasil. Dessa forma. os escravos viviam em média entre 10 e 15 anos e não tinham nenhuma possibilidade de ascensão social. Resposta Questão 4 Na lavoura açucareira. era utilizada a mão de obra livre de brancos pobres. .açúcar. Inicialmente. Já na pecuária colonial. negros alforriados e mestiços. os senhores de engenho utilizavam da mão de obra escrava dos africanos que atravessavam o oceano Atlântico.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful