Você está na página 1de 1

Aprovar_31V.

qxp 1/10/2008 10:31 Page 4

trabalho de Cecília, naquele período, mostra 4. A poesia em Pânico (1941)


pouca afinidade com as tendências nacio- 5. As Metamorfoses (1941)
nalistas então em voga ou com o verso livre 6. Poesia e Liberdade (1947)
e a linguagem coloquial.
Atividade docente – Entre 1925 e 1939, JORGE DE LIMA
dedica-se à sua carreira docente, publicando Nascimento e morte – Jorge Mateus de Lima
vários livros infantis.
nasce em 23 de abril de 1895, em União dos
Prêmio da ABL – Cecília reaparece no cená- Palmares (AL). Morre em 16 de novembro de
rio poético após 14 anos de silêncio, com
1953, no Rio de Janeiro (RJ).
Viagem (1939), considerado um marco da
maturidade e da individualidade na sua obra. Medicina – Inicia, em 1911, a faculdade de
VINÍCIUS DE MORAES
O livro conquista o prêmio de poesia daquele Medicina (Salvador, BA), concluindo-a em
Rosa de Hiroshima ano da A. B. L. 1915, no Rio de Janeiro.
Pensem nas crianças Doença e trabalho – Mesmo enferma com
Política – Elegeu-se Deputado Estadual pelo
Mudas telepáticas câncer, mostra-se lúcida e trabalha quase até
Pensem nas meninas Partido Republicano de Alagoas (1926) e
os últimos dias de sua vida.
Cegas inexatas vereador pela UDN (1946).
Herdeira do Simbolismo – Embora vivendo e
Pensem nas mulheres Segunda geração – Sua poesia vincula-se à
escrevendo sob influência do Modernismo,
Rotas alteradas
Cecília apresenta, em sua obra, heranças do segunda geração do Modernismo. Sua poética
Pensem nas feridas
Simbolismo e técnicas do Classicismo, Gon- contempla desde o soneto, com versos
Como rosas cálidas
gorismo, Romantismo, Parnasianismo, Realis- alexandrinos, até o verso livre. Seus temas
Mas, oh, não se esqueçam
mo e Surrealismo, razão pela qual sua poesia
Da rosa da rosa preferidos são cenas da infância e motivos
é considerada atemporal.
Da rosa de Hiroshima regionais.
A rosa hereditária Poemas famosos:
Poemas famosos:
A rosa radioativa 1. Motivo
1. O Acendedor de Lampiões
Estúpida e inválida 2. Retrato
A rosa com cirrose 3. Canção 2. Essa Negra Fulô
A anti-rosa atômica 4. Guitarra Principais obras de Jorge de Lima:
Sem cor sem perfume 5. O Colar de Carolina.
1. O Mundo do Menino Impossível (1925),
Sem rosa sem nada. Principais obras de Cecília: 2. Novos Poemas (1930)
CECÍLIA MEIRELES 1. Espectros (poesia, 1919) 3. Tempo e Eternidade (1935)
Motivo 2. Nunca mais e... Poema dos Poemas 4. A Túnica Inconsútil (1938)
(poesia, 1923)
Eu canto porque o instante existe 5. Poemas Negros (1947)
3. Baladas para El-Rei (poesia, 1925)
e a minha vida está completa.
Não sou alegre nem sou triste: 4. Viagem (poesia, 1939)
VINÍCIUS DE MORAES
sou poeta. 5. Vaga música (poesia, 1942)
6. Mar absoluto (poesia, 1945) Nascimento e morte – Marcos Vinícius de
Irmão das coisas fugidias, Moraes nasce em 19 de outubro de 1913, no
7. Retrato Natural (poesia, 1949)
não sinto gozo nem tormento.
8. Doze Noturnos da Holanda (poesia, 1952) Rio de Janeiro. Morre na mesma cidade, em
Atravesso noites e dias
9. Romanceiro da Inconfidência (poesia, 1956) 9 de julho de 1980.
no vento.
Se desmorono ou se edifico, MURILO MENDES Direito – Forma-se em Direito, no Rio de
se permaneço ou me desfaço, Nascimento e morte – Murilo Monteiro Janeiro, em 1933.
– não sei, não sei. Não sei se fico Mendes nasce em Juiz de Fora (MG), em 13 Estréia – Em 1933, publica o primeiro livro de
ou passo. de maio de 1901. Falece em Lisboa, em 15 poesias: O Caminho para a Distância.
Sei que canto. E a canção é tudo. de agosto de 1975.
Tem sangue eterno a asa ritmada. Vinícius e Tom – Em 1956, inicia parceria
Primeiras letras – Passa a infância na cidade
E um dia sei que estarei mudo: com Tom Jobim, que faz as músicas para sua
natal. Aprende as primeiras letras em casa.
– mais nada. peça Orfeu da Conceição.
Primeiras leituras – Inicia cedo suas leituras,
JORGE DE LIMA conhecendo as obras de Júlio Verne, Racine, Música – Em 1958, é lançado o LP Canção
Essa Negra Fulô (excerto) Corneille e Molière. do Amor Demais, que inclui a música Chega
Primeiras leituras – Vizinho do escritor Bel- de Saudade, composta por ele e por Tom
Ora, se deu que chegou
(isso já faz muito tempo) miro Braga, cuja biblioteca freqüenta com Jobim, marco do movimento da Bossa Nova.
no bangüê dum meu avô assiduidade, tem oportunidade de ler Cesário Segunda geração – Vinícius de Moraes
uma negra bonitinha, Verde, Eça, Antônio Nobre, Fialho, Camilo, pertence à segunda geração do Modernis-
chamada negra Fulô. Machado de Assis, Castro Alves, Alphonsus
mo. Soube dosar o sucesso na poesia (tem
de Guimaraens.
Essa negra Fulô! vários sonetos antológicos), na música
Essa negra Fulô! Correspondência – Corresponde-se com
(Garota de Ipanema é a música brasileira
Alphonsus de Guimaraens, Olavo Bilac,
Essa negrinha Fulô! mais executada no mundo) e na crônica.
Alberto de Oliveira, Coelho Neto.
ficou logo pra mucama Poemas famosos:
Entre intelectuais – Na casa do amigo
pra vigiar a Sinhá,
Ismael Neri (RJ), trava relações com Graça 1. Soneto de Fidelidade
pra engomar pro Sinhô!
Aranha, Mário e Oswald de Andrade, chefes 2. Soneto de Separação
Essa negra Fulô! da revolução modernista.
3. Soneto do Amor Total
Essa negra Fulô! Primeiro livro – Tem o primeiro livro 4. A Rosa de Hiroshima
publicado em 1930, Poesias, por insistência
O Sinhô foi açoitar 5. Receita de Mulher
do pai. Recebe o prêmio “Graça Aranha”,
sozinho a negra Fulô.
com Rachel de Queiroz e Cícero Dias. Obras principais:
A negra tirou a saia
e tirou o cabeção, Obras principais de Murilo Mendes: 1. Forma e Exegese (1935)
de dentro dele pulou 1. Poesias (1930) 2. Ariana, a Mulher (1936)
nuinha a negra Fulô. 2. História do Brasil (1932) 3. Novos Poemas (1938)
3. Tempo e Eternidade (1935) 4. Livro de Sonetos (1957)

Interesses relacionados