Você está na página 1de 5

QUESTÕES COMENTADAS DE DIREITO CONSTITUCIONAL DO CESPE/UnB PROF. RODRIGO MENEZES

QUESTÕES COMENTADAS DE DIREITO CONSTITUCIONAL DO CESPE/UnB PROF. RODRIGO MENEZES

PRINCÍPIOS FUNDAMENTAIS (arts. 1º a 4º)

CESPE - ANALISTA JUDICIÁRIO - TJ-RJ - 2008

01. Acerca dos princípios fundamentais da CF, julgue os itens a seguir.

I. A República é uma forma de Estado.

II. A federação é uma forma de governo.

III. A República Federativa do Brasil admite o direito de secessão, desde que esta se faça por meio de emenda à

CF, com três quintos, no mínimo, de aprovação em cada casa do Congresso Nacional, em dois turnos.

IV. São poderes da União, dos estados e do DF, independentes e harmônicos, o Legislativo, o Judiciário e o

Executivo.

V. A expressão “Estado Democrático de Direito”, contida no art. 1.º da CF, representa a necessidade de se

providenciar mecanismos de apuração e de efetivação da vontade do povo nas decisões políticas

fundamentais do Estado, conciliando uma democracia representativa, pluralista e livre, com uma democracia

participativa efetiva.

A quantidade de itens certos é igual a

(A)

(B)

(C)

(D)

(E)

1.

2.

3.

4.

5.

CESPE – AGENTE DE INTELIGÊNCIA – ABIN - 2008

Acerca dos princípios fundamentais, julgue os itens seguintes.

02. Constitui objetivo fundamental da República Federativa do Brasil a promoção do bem de todos, sem

preconceitos de origem, raça, sexo, cor, idade ou quaisquer outras formas de discriminação. Dessa forma,

contraria a CF a exigência, contida em editais de concursos públicos, sem o devido amparo legal, de limite de

idade mínima ou máxima para inscrição.

03. O direito de secessão somente pode ocorrer por meio de emenda à CF, discutida e votada em cada Casa do

Congresso Nacional, em dois turnos, sendo ela considerada aprovada se obtiver, em ambos, três quintos dos

votos dos respectivos membros.

CESPE - AGENTE PENITENCIÁRIO - SGA-AC - 2008

A respeito do direito constitucional, julgue os itens.

04. Um dos objetivos fundamentais da República Federativa do Brasil é a redução das desigualdades sociais e

regionais.

05. O repúdio ao terrorismo e ao racismo constitui um princípio referente às relações internacionais do Brasil.

06. O princípio da livre iniciativa pode ser invocado para afastar regras de regulamentação do mercado e de

defesa do consumidor.

07. O direito ao nome insere-se no conceito de dignidade da pessoa humana.

08. A mera instauração de inquérito, quando evidente a atipicidade da conduta, constitui meio hábil a impor

violação ao princípio da dignidade da pessoa humana.

QUESTÕES COMENTADAS DE DIREITO CONSTITUCIONAL DO CESPE/UnB PROF. RODRIGO MENEZES

QUESTÕES COMENTADAS DE DIREITO CONSTITUCIONAL DO CESPE/UnB PROF. RODRIGO MENEZES

CESPE - TÉCNICO JUDICIÁRIO (ÁREA ADMINISTRATIVA) - TJ-DFT - 2008

Acerca dos princípios fundamentais previstos na Constituição Federal de 1988 (CF), julgue os itens a

seguir.

09. A cooperação entre os povos para o progresso da humanidade é definida na Constituição como objetivo

fundamental da República Federativa do Brasil.

10. A integração econômica, política, social e cultural dos povos, visando à formação de uma comunidade latino-

americana de nações, é uma determinação constitucional que rege a relação entre a República Federativa do

Brasil e os países da América Latina.

CESPE – ANALISTA DE CONTROLE EXTERNO (APOIO TÉC. ADM) - TCU - 2008

Julgue o item seguinte acerca do Direito Constitucional.

11. O pluralismo político é arrolado, na Constituição Federal, como princípio fundamental.

CESPE – ANALISTA JUDICIÁRIO (ÁREA ADMINISTRATIVA) - STJ - 2008

Acerca dos princípios fundamentais da CF e das emendas à CF, julgue os seguintes itens.

12. O princípio democrático é compreendido como um princípio normativo multiforme. De um lado, surge como

um processo de democratização, entendido como processo de aprofundamento democrático da ordem

política, econômica, social e cultural. De outro, revela a sua total contradição, pois associa conceitos da teoria

representativa (com órgãos representativos) e a democracia participativa, a qual se esgota com as eleições

diretas.

CESPE - ANALISTA JUDICIÁRIO (ÁREA JUDICIÁRIA) - STJ - 2008

Julgue os itens que se seguem, relativos aos princípios e aos direitos e garantias fundamentais previstos

na CF.

13. O Brasil é regido, nas suas relações internacionais, pelo princípio da autodeterminação dos povos, mas

repudia o terrorismo e o racismo.

CESPE – AGENTE DE APOIO (ADM) – MPE-AM - 2008

Quanto à organização do Estado brasileiro, julgue os itens a seguir.

14. Segundo o previsto na Constituição Federal, os fundamentos do Estado brasileiro são soberania, cidadania,

dignidade da pessoa humana, valores sociais do trabalho e da livre iniciativa e pluralismo político.

CESPE - TÉCNICO DE NÍVEL SUPERIOR - MINISTÉRIO DO ESPORTE - 2008

Com referência ao pluralismo político, julgue os itens a seguir.

15. O pluralismo político é um fundamento do estado democrático de direito estabelecido pela República

brasileira e se confunde com a diversidade partidária.

16. A norma constitucional que assegura a liberdade de criação, fusão, incorporação e extinção de partidos

políticos é uma expressão da concepção pluralista imposta pela CF.

17. O pluralismo político assegura que os diversos grupos sociais possuirão instrumentos pelos quais poderão

defender suas idéias e concepções sociais.

QUESTÕES COMENTADAS DE DIREITO CONSTITUCIONAL DO CESPE/UnB PROF. RODRIGO MENEZES

QUESTÕES COMENTADAS DE DIREITO CONSTITUCIONAL DO CESPE/UnB PROF. RODRIGO MENEZES

CESPE - TRT/ES - ANALISTA JUDICIÁRIO (ÁREA ADMINISTRATIVA) - 2009

Acerca dos princípios fundamentais previstos na CF, julgue os itens seguintes.

18. A separação dos Poderes no Brasil adota o sistema norte-americano checks and balances, segundo o qual a

separação das funções estatais é rígida, não se admitindo interferências ou controles recíprocos.

19. Segundo a CF, a República Federativa do Brasil deve buscar a integração econômica, política, social e

cultural dos povos da América Latina, com vistas à formação de uma comunidade latino-americana de

nações.

CESPE - TRT/ES - TÉCNICO JUDICIÁRIO (ÁREA ADMINISTRATIVA) - 2009

A respeito dos princípios fundamentais que regem a atuação da República Federativa do Brasil, julgue os

itens a seguir.

20. A República Federativa do Brasil é formada pela união indissolúvel dos estados, dos municípios, do Distrito

Federal e dos territórios.

21. De acordo com a Constituição Federal de 1988 (CF), todo o poder emana do povo, que o exerce

exclusivamente por meio de representantes eleitos diretamente.

22. Constitui princípio que rege a República Federativa do Brasil em suas relações internacionais a concessão de

asilo político, vedada a extradição.

CESPE – TCU – TÉCNICO FEDERAL DE CONTROLE EXTERNO - 2009

Acerca dos fundamentos, objetivos e princípios da CF, julgue o item seguinte.

23. Apesar de a CF estabelecer que todo o poder emana do povo, não há previsão, no texto constitucional, de

seu exercício diretamente pelo povo, mas por meio de representantes eleitos.

CESPE - TCE-RN - ASSESSOR TÉCNICO DE CONTROLE E ADMÇÃO - NÍVEL SUPERIOR - 2009

Acerca dos fundamentos, objetivos e princípios da CF, julgue os itens subsequentes.

24. De acordo com a CF, são fundamentos da República Federativa do Brasil a soberania, a dignidade da

pessoa humana e a promoção do bem de todos, sem preconceitos de origem, raça, sexo, cor, idade e

quaisquer outras formas de discriminação.

25. Entre os objetivos da República Federativa do Brasil, destaca-se a valorização social do trabalho e da livre

iniciativa, pois, por meio do trabalho, o homem garante sua subsistência e o consequente crescimento do

país.

26. Constituem princípios que regem a República Federativa do Brasil em suas relações internacionais, entre

outros, a prevalência dos direitos humanos, da garantia do desenvolvimento nacional e da autodeterminação

dos povos.

CESPE – DPRF – AGENTE DE POLÍCIA – 1º PROVA - CURSO DE FORMAÇÃO - 2009

Logo no preâmbulo da Carta de 1988, encontramos a proclamação de que os representantes do povo brasileiro se

reuniram em Assembléia Nacional Constituinte “para instituir um Estado democrático, destinado a assegurar o

exercício dos direitos sociais e individuais, a liberdade, a segurança, o bem-estar, o desenvolvimento, a igualdade e

a justiça como valores supremos de uma sociedade fraterna, pluralista e sem preconceitos, fundada na harmonia

social e comprometida, na ordem interna e internacional, com a solução pacífica das controvérsias”. No Estado

democrático de direito, o que se exige do agente de cumprimento da lei não é que execute, a qualquer custo, o que

nela estiver previsto, mas que realize o comando legal, de forma que lese o mínimo possível os interesses

particulares.

José Teógenes Abreu, Jetson José da Silva, Luciano Crisafulli Rodrigues.

Sociedade, Estado e Polícia. Brasília: MJ/DPRF/CGA/CE, 2009, p.13 (com adaptações).

QUESTÕES COMENTADAS DE DIREITO CONSTITUCIONAL DO CESPE/UnB PROF. RODRIGO MENEZES

QUESTÕES COMENTADAS DE DIREITO CONSTITUCIONAL DO CESPE/UnB PROF. RODRIGO MENEZES

Tendo o texto acima como referência inicial e considerando a abrangência do tema por ele focalizado,

julgue os itens seguintes.

27.

Denominada Constituição Cidadã, a Carta de 1988 foi obra de parlamentares eleitos pelo povo e contou com

ampla participação de setores da sociedade brasileira.

28.

Princípio essencial da Constituição de 1988, o Estado democrático de direito pressupõe o respeito à

cidadania, à dignidade da pessoa humana, ao trabalho, à livre iniciativa e ao pluralismo político.

29.

A

Constituição brasileira sugere que a guerra é o caminho natural para a resolução de problemas ou disputas

no âmbito internacional.

30.

No Estado democrático de direito, o princípio da intervenção máxima existe para garantir a segurança

pública, não impondo limites à ação do agente no cumprimento da lei.

CESPE – ANATEL – ESPECIALISTA EM REGULAÇÃO (ÁREA DIREITO) - 2009

À luz da jurisprudência do Supremo Tribunal Federal (STF), julgue os itens a seguir, acerca do direito

constitucional.

31.

A livre iniciativa é sinônimo de liberdade econômica absoluta.

CESPE - SEGER - ES - ADMINISTRADOR - NÍVEL SUPERIOR - 2009

Três são as formas de governo e três são os desvios e corrupções dessas formas. As formas são: o reino, a

aristocracia e, a terceira, aquela que se baseia sobre a vontade popular, que pareceria próprio chamar de

timocracia, mas que a maioria chama apenas de politia. O desvio do reino é a tirania

oligarquia, pela malvadez dos governantes. Da timocracia, à democracia.

Aristóteles Apud. Norberto Bobbio. A teoria das formas de governo.

10.ª ed. Brasília:UnB, p. 57(com adaptações).

Da aristocracia se passa à

A partir do texto acima, julgue os itens a seguir.

32.

Saber a forma de governo de determinado Estado é o mesmo que saber quem deve exercer o poder e como

este se exerce.

33.

A

forma republicana pressupõe, modernamente, que o representante do governo seja eleito pelo povo, que

este seja representado em câmaras ou assembleias populares e que os mandatos eletivos sejam

temporários.

CESPE - SEGER - ES - ADMINISTRADOR - NÍVEL SUPERIOR - 2009

Quando, na mesma pessoa, ou no mesmo corpo de magistrados, o Poder Legislativo se junta ao Poder Executivo,

desaparece a liberdade; pode-se temer que o monarca ou o senado promulguem leis tirânicas, para aplicá-las

tiranicamente. Não há liberdade se o Poder Judiciário não está separado do Poder Legislativo e do Poder

Executivo. Se houvesse tal união com o Poder Legislativo, o poder sobre a vida e a liberdade dos cidadãos seria

arbitrário, já que o juiz seria ao mesmo tempo legislador. Se o Poder Judiciário se unisse com o Poder Executivo, o

juiz poderia ter a força de um opressor. E tudo estaria perdido se a mesma pessoa, ou o mesmo corpo de nobres,

de notáveis, ou de populares, exercesse os três poderes: o de fazer as leis, o de ordenar a execução das

resoluções públicas e o de julgar os crimes e conflitos dos cidadãos.

Aristóteles Apud. Norberto Bobbio. A teoria das formas de governo.

10.ª ed. Brasília:UnB, p. 57(com adaptações).

Tendo o texto acima como referência inicial, julgue os seguintes itens.

34. No constitucionalismo moderno, a divisão entre os Poderes Legislativo, Executivo e Judiciário é bem definida

e estanque. Nenhum desses poderes pode exercer atividade típica de outro, uma vez que a independência

entre eles é absoluta.

35. Nos termos do art. 2.º, caput, da Constituição Federal de 1988 (CF), os Poderes Legislativo, Executivo e

Judiciário são independentes e harmônicos entre si. Isso quer dizer que o ingresso e a permanência dos

membros em determinado poder depende da confiança e da vontade dos membros dos demais poderes.

QUESTÕES COMENTADAS DE DIREITO CONSTITUCIONAL DO CESPE/UnB PROF. RODRIGO MENEZES

QUESTÕES COMENTADAS DE DIREITO CONSTITUCIONAL DO CESPE/UnB PROF. RODRIGO MENEZES

GABARITOS

01. A

02. C (Certo)

03. E (Errado)

04. C

05. C

06. E

07. C

08. C

09. E

10. C

11. C

12. E

13. C

14. C

15. E

16. C

17. C

18. E

19. C

20. E

21. E

22. E

23. E

24. E

25. E

26. E

27. C

28. C

29. E

30. E

31. E

32. C

33. C

34. E

35. E