Você está na página 1de 4
TRABALHO INDIVIDUAL AMBIENTE REGULATÓRIO EM SEGUROS

TRABALHO INDIVIDUAL AMBIENTE REGULATÓRIO EM SEGUROS

Escola Superior Nacional de Seguros

2

MBA Executivos em Seguros e Resseguro 7° Turma

SUSEP E SUA INFLUENCIA NO MERCADO SEGURADOR

KARINA FURTADO MARINATE - karina.marinate@gmail.com

Trabalho apresentado para avaliação na disciplina de Ambiente Regulatório em Seguros do curso de MBA Executivos em Seguros e Resseguro, turno Noite, da Escola Superior Nacional de Seguros - Funenseg ministrado pelo professor Gustavo Caldas.

Escola Superior Nacional de Seguros

3

MBA Executivos em Seguros e Resseguro 7° Turma

A SUSEP E SUA INFLUENCIA NO MERCADO SEGURADOR

Inicialmente, faz-se importante mencionar a relevância de órgãos reguladores na fiscalização do cumprimento pelos setores privados das políticas determinadas pelo Estado, impondo, aos entes regulados, normas de conduta que visem obriga-los a atingir o bem estar da comunidade. Nesse contexto, a seguir abordarei aspectos da atuação e influencia da SUSEP como órgão regulador e fiscalizador no mercado nacional de seguros, mencionando minha opinião sobre o tema. Verifica-se com o passar do tempo que, não somente o modelo de regulação do mercado segurador, mas a economia como um todo, sofreu significativas transformações em decorrência das diferentes políticas econômicas adotadas pelos diversos governantes que assumiram o poder durante esse período. Desse modo, a SUSEP foi alvo de constante evolução ao longo dos anos, especialmente após a implantação do Plano Real, quando alcançou significativo crescimento de sua capacidade, tanto em recursos como em mão de obra qualificada, realizando concursos para a admissão de funcionários, atraindo assim, jovens profissionais com excelente formação acadêmica. Fatores estes, que acabaram por propiciá-la um reconhecimento mundial, equiparando-a as melhores entidades reguladoras do mundo. A SUSEP, a meu ver, é um órgão de suma importância na manutenção e no crescimento do setor nacional de seguros, tendo em vista suas importantes atribuições que, juntamente aos controles por ela implantados, lhe possibilita o acesso full timea uma enorme gama de informações a cerca de todas as seguradoras operantes no Brasil. Entretanto, sobretudo por possuir acesso a todos esses dados, penso que a SUSEP deve- se restringir-se à sua função reguladora/fiscalizadora e em hipótese alguma assumir a função de normatizar, pois caso o fizesse, estaria influenciando negativamente o mercado de seguros, implantando condições obrigatórias e tarifas únicas em plena conjuntura de resseguro livre, por exemplo.

Escola Superior Nacional de Seguros

4

MBA Executivos em Seguros e Resseguro 7° Turma

Ademais, na qualidade de Corretora de Seguros, creio que a minha profissão e, de maneira geral, as questões a cerca da comercialização de seguros, não têm recebido a devida importância pela SUSEP, já que a maior parte de sua atenção é voltada para a atividade e para os interesses das seguradoras. Um ponto positivo e não menos importante a ser destacado de sua atuação no mercado é o cumprimento à função fundamental de disseminar informações aos consumidores de seguros; em seu site é possível ter fácil acesso a atos normativos, estatísticas mercadológicas, consulta à integridade financeira e legal de corretores e seguradoras, dentre milhares de outros tópicos, além de disponibilizar a sociedade um canal direto de atendimento o Disque-SUSEP. Por meio de sua ação regulatória, respeitando, sobretudo, o principio do interesse público, concluo que a SUSEP tem, de maneira geral, contribuído positivamente ao mercado de seguros, por meio da adoção de medidas que buscam sempre a harmonia entre os principais players (seguradoras, corretoras, clientes, e etc.), atendendo assim aos interesses da sociedade.