Você está na página 1de 5

Universidade Federal do Recncavo da Bahia Centro de Formao de Professores CURSO: Licenciatura em Matemtica/Fsica/Qumica DISCIPLINA: Clculo Diferencial e integral II PROFESSOR:

lvaro Fernandes Serafim ALUNO (A): ________________________________________________________________________________ Data: _____/_____/______.

Comprimento de arco na forma paramtrica

Comprimento de arco na forma cartesiana Dada uma funo contnua = , , e a sua representao grfica (curva) no plano cartesiano, uma poro da curva do ponto , e , chamada de arco.

No caso particular da funo do 1 grau (graficamente uma reta), fcil calcular o comprimento de arco...

Basta aplica o Teorema de Pitgoras no tringulo retngulo da figura. Chamando de o comprimento do segmento AB, obtemos: =
=

+
+

No caso da funo representar graficamente uma curva qualquer, utilizaremos um raciocnio semelhante ao realizado para obter reas de regies planas limitadas por grficos de funes. Iremos aproximar o arco por subdivises de segmentos de reta, obtendo o valor exato do comprimento de arco como um limite no infinito...

Considere uma curva de equao = , onde derivvel e contnua em determinar o comprimento de arco desta curva do ponto at .

. Vamos

Seja P uma partio de

dada por

<

<

<<

<

<<

= .

Sejam , , , os correspondentes pontos sobre a curva. Unindo os pontos , , , , obtemos uma poligonal, cujo comprimento nos d uma aproximao do arco da curva de at . Veja uma ilustrao de poligonal para = 7:

O comprimento da poligonal, denotada por


=
1

, dado por
2

=1

(1)

Sendo uma funo derivvel em , subintervalo , , = 1,2,3, , . Relembrando...

, podemos aplicar o Teorema do Valor Mdio em cada

Sendo derivvel e contnua em , , o Teorema do Valor Mdio afirma que existe pelo menos um nmero real , , tal que = , =

isto , a reta tangente ao grfico de em paralela a hipotenusa AB. =

Assim, podemos escrever

, onde

um ponto do subintervalo

Substituindo este resultado em (1), obtemos: = + = onde = . 1+ =


2

1+

=
(2)

=1

A soma que aparece em (2) uma soma de Riemann da funo 1 + A medida que cresce muito e, consequentemente cada aproxima-se do comprimento de arco da curva de at .

torna-se infinitamente pequeno,

Obtemos assim, a seguinte frmula para o comprimento de arco: = lim

1+ 1+


(3)

Pode ocorrer situaes em que a curva dada como funo de , isto = . Neste caso, o comprimento de arco da curva de , e
=

= ,

, em vez de dado por


(4)

1+

Exemplo 1: Calcule o comprimento de arco da curva como mostra a figura.


y 4

4, de

1, 3 at

4, 4 ,

3 2

1 x 1 1 2 1 2 3 4 5 6 7 8

3 4

Resp.: 8010 1313 27

Comprimento de arco na forma paramtrica Vamos obter agora uma frmula de integral definida que calcula o comprimento de arco de uma curva na forma paramtrica. Considere uma curva definida por = = , , , onde , = . = . e = so funes

contnuas com derivadas contnuas e

0, para todo

Do estudo da derivada de uma funo na forma paramtrica, sabemos que Substituindo esta derivada na frmula = 1+ = = 1+
1 0

1+

, obtemos = = . Assim,
(5)

, onde +

Exemplo 2: Mostre que o comprimento de arco de uma circunferncia de raio 2 Exerccios: 1) Calcule o comprimento da hipociclide Resp.: 24 . . 2) Calcule o comprimento da espiral Resp.: 2 . .
y 4

=4 =4

, 0, 2 , de acordo com a figura 1.

= =

, 1, 2 , de acordo com a figura 2.

B: t = 2
3

6 2 5 1 x 4 3 2 1 1 2 2 1 3 4 4 3 2 1 1 2 3 4 x 1 2 3 4 4 3

A: t = 1

Figura 1

Figura 2

Você também pode gostar