Você está na página 1de 84

A SEI traz serviços e produtos de gestão educacional, assessoria pedagógica e novas tecnologias educacionais, com os esforços dos educadores e gestores para vencer os desafios contemporâneos do ensino no Brasil. A SEI estabelece uma verdadeira parceria com as escolas. contribuindo com seu desenvolvimento em todos os aspectos: didático, pedagógico, metodológico. curricular e administrativo.

Programa de Gestão Educacional
..; ..; ..; ..; Formação profissional; Monitoramento da implantação; Olimpíadas do conhecimento; Encontro Escola e Comunidade. Planejamento estrutura do; I ..; Recursos digitais; ..; Material didático multimídia; ..; Gestão Pedagógica e muito mais.

Marketing Integrado
.., Fortalecimento da marca da escola; .., Desenvolvimento de peças customizadas; .., Campanha de matrícula.

Material Didático
-; ..; -; -; Autores renomados; Projeto gráfico primoroso; Organização semestral; Materiais de apoio.

[!J

v;.--

u .'

o UNICO SISTEMA DE ENSINO COM ESCOLADIGITAL

~
~ ..; ~

.

Fundador: VICTOR CIVITA (1907-1990) Presidente: Roberto Civila Diretora Executiva: Angela Dannemano Conselheiros: Roberto Civila, Giancarlo FrancescoCivita, Victor Civila, RobertaAnamaria Civila, Fábio Barbosa,Maria Alice Selubal,Claudio de Moura Castro, Jorge GerdauJohanopeler,Manoel Amorim e Marcos Magalhães

Diretora de Redação: Maggi Krause Redatora-chefe: Denise Pellegrini Diretora de Arte: Manuela Novais CoordenadoraPedagógica: ReginaScarpa Editoras: Ana Ligia Scachettie Beatriz Vichessi Editoras-assistentes:Bruna Nicolielo e Elisa Meirelles Repórteres: Beatriz Santomauro,ElisângelaPemandese PemandaSaUa Estagiários: Márcia Scapaticio,Mariana Queene WeUingtonSoares Editora de Arte: Julia Browne Designers: Alice VasconceUos Violar Malta e
NOVA ESCOLA ONUNE

Editor: Rodrigo Ratier Editores-assistentes:AndersonMoço e Paula Nada! (projetosespeciais) Repórteres: Camila Camilo e Daniele Pechi Editor de Arte: Vilmar Oliveira Webmaster Pelipe Costa EDIÇÃO ESPECIAL

iescola
GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇAO
Diretora de Reda~o: Maggi Krause Redatora-<hefe:Denise Pellegrini Diretora de Arte: Manuela Novais CoordenadoraPedagógica: Regina Scarpa Editora: Ana Ligia Scachetti Designer: Victor Malta Colaboraramnestaedi~o: Priscila Monteiro (consultoria) e RosangelaAnzzelotti (revisão). Gerente de Publicidade: Sandra Moskovich Gerente de Assinaturas: RosanaBerbel Gerente de CirculaçãoAvulsas: Marco Marcondes Pacotesde Assinaturas: Cynthia VasconceliosAnalista de marketing: Aaron Racanicchi Analista de Planejamento e Controle Operacional: Kátia Gimenes Processos Gráficos: Vitor Nogueira
NOVAESCOLA ediçãoespecialGula de Tecnologia &lucação (ISBN 978-85-364-1376-1) uma publicaçãoda Fundação oa é VicIo' Civita Distribuída em todo o país pelaDistribuidora Nacionalde Publica~ (Dinap S.A.). SãoPaulo NOVAESCOLA não admItepublicidaderedacional
IMPRESSA PANCROM NA INDÚSTRIA GRÁfiCA

Av EnRenheiro Billings,2227/2229 -Cep 05321-010 Jaguare SãoPaulo SP

JULHO,2012

.

.

#PLANEjAMENTO #PANORAMA #FERRAMENTAS EDUCAÇÃO INFANTIL E ALFABETIZAÇÃO lINGUA PORTUG U ESA E MATEMÁTICA HISTÓRIA E LíNGUA ESTRANG EI RA EDUCAÇAO E ARTE EJA E LlÇAO #FUTURO FISICA DE CASA ARTIGO .

elaborado durante mais de seismeses. O designer Victor Malta. a ferramentas. palavras de especialistasindicações e sobreo que pensam alunosestimulama usarosrecursos os emsala. viajou ao Rio de Janeiro para fotografar Gisele e acompanhar a filmagem feita pela M editora-assistente sitePaulaNadal.Além dos processos tradicionais de pesquisae reportagem. diretorade redação 8i GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO ~ . responsávelpor orquestrar as colaborações de jornalistas e pelo conteúdo do guia. entre eles Gisele Cordeiro. "Outros vários depoimentos foram selecionadose ajudaram a compor um retrato de como anda o uso da tecnologia dentro das escolas". do Leiao texto na página24e assista vídeo ao na versãodigitalda revista: resultado o reflete o empenhoda equipepara aproximarvocêdo assunto.br convidava: "Você já criou um blog com a sua turma? Usa as redessociais para se comunicar com os alunos? Teveuma ideia inovadora para aplicar astecnologias em sala?Queremos ouvir a sua história!" Mais de 70 educadoresresponderam ao chamado. observa a editora Ana Ligia Scachetti. do É maissimples quevocêimagina! do MAGGI KRAUSE.org.PARCERIA O designer ~ - ~ z S ~ ~ ~ uitas ideias sejuntaram para materializar este guia. um enunciado em novaescola. que cuidou do projeto gráfico. a coordenadora pedagógicaque conta sua iniciativa de formar alunos-monitores. Inspire-se ajudea transformar e a relação aluno coma aprendizagem. Passo passos.

Abril . " ~ ~ GERDAU .

---IV\/' Os equipamentos chegam às escolas} mas ainda há muitos desafiospara que a inclusão da tecnologia nos processosde ensino e de aprendizagem alcance resultados positivos 'V\J' "'-'-- . tOjGU'A DE TECNDLOC'A NA EDUCAÇÃO .

dividem espaço com o quadro branco e o pincel atômico.. Desde 1980. Colabora principalmente com a preparação de provas. exercícios e lições de casa. a sala deve estar completamente escura.-MIMEÓGRAFO \ -EPISCÓPIO Permite a impressão de pequenas tiragens com papel carbono e álcool. como fotografias e páginas de livros. GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO . .-QUADRO E GIZ Possibilita o aumento do número de alunos e o surgimento do professor que conhecemos hoje.11 I . Para funcionar corretamente. Projeta em uma tela objetos ou superfícies opacas.

br) contam com manutenção preventiva. é preciso que haja um professorqualificado orientando a utilização dessasferramentas e as direcionando para um conteúdo pré-determinado.45%dasescolas brasileiras possuemcomputador (leia. CONSULTORIAJOS~ CARLOS ARAúJO.à esquerda. O Censo Escolar 2010 mostra que 60. Tem gerado o abandono dos demais recursos de projeção que existiram antes dele. sobre acesso internet). realizada pela Fundação Victor Civita (FVC) em . MARIA HELENA CÃMARA BASTOS. MARIA CÃNOIOA MORAIS. preparar as transparências é bem mais rápido do que escrever com o giz no quadro.com acessoà internet das que atendem do 12ao 52ano 39% das que atendem do 6Qao 9Qano 7 Os equipamentos estão chegando a cada vez mais instituições. o à Mas apenas 23% das escolasurbanas entrevistadaspelo Centro de Estudossobre asTecnologias da Informação e da Comunicação (Cetic. Aí estáo grande desafio. o professor não precisa mais ficar de costas para a turma. Ou seja. -RETROPROJETOR Com ele. rapidamente. PROFESSOR DA UNIVERSIDAOE FEOERAL OE uBERLÀNolA (UFU). Além dostécnicosespecializados maquináno rio. -COMPUTADOR O primeiro uso em aulas no Brasil foi na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). PROFESSORA DA PONTIFrCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO GRANDE DO SUL (PUC-RS).Seráque a maioria dos educadoressabecomo tirar bom proveito desses instrumentos? Eles recebem uma formação adequadapara isso?Infelizmente. PROFESSORA DA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE BRASrllA (UCB). a resposta para essas perguntas é "ainda não". ele passa a contribuir também com o ensino para as crianças. Mas. Além disso. E PAULO FRANCISCO SLOMII PROFESSOR DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL (UFRGS) l' GUIA TECNOLOCIA DE NA EDUCAÇÃO . A pesquisaO Uso Computador da Internetna Escola do e Pública. 1984 -DATASHOW Exibe a imagem do computador em uma tela ou na parede.os equipamentos devem servir ao trabalho pedagógicoe educadorese técnicos precisam atuar em conjunto para alcançar esseobjetivo.

2010 -TABLET Nos Estados Unidos. Mas com a grande oferta de materiais e ferramentas online. mostrou que 70% dos professoresentrevistados sentiam-se pouco ou nada preparadospara o uso da tecnologia na Educação. revoluciona o acesso. "Um curso de alguns dias ou semanas não mudará essecenário.Elasnão garantem automaticamente dinâmicas de melhoria educativa.em2009. muitas vezes. pesquisador da Universidade de Aveiro. Dessaforma. constata que na maioria dos cenários de Educaçãoformal o acesso e a aplicaçãoda tecnologia ainda sãolimitados e. com usos variados. existem mais de 20 mil aplicativos educativos. Este guia.deixa o antigo quadro com cara de passado.de professores e alunos. No Brasil. coordenador do Laboratório de Novas TecnologiasAplicadas na Educação (Lantec) da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). afirmou em seminário neste ano em São Paulo. o principal beneficio dessas mudançasna prática pedagógica é que o professor tem a possibilidade de ser autor do material que utilizará nas 'aulas.diz Amaral Carvalho. A capacitaçãonessa área precisa ser contínua?' Como resultado.que deveriam ser o centro de disseminação desseconhecimento. simples- mente não o fazem. "As universidades. um convite para gestorese docentes dispostos a enfrentá-Ios. Como se vê. está repleto de ideias para aproveitar tantas possibilidades. na qual também é possível escrever. inexistentes." às escolas na década de 1991i A partir dar. o professor César Call.Boa leitura e lembre de compartilhar os seusaprendizados. sem precisar de outros profissionaispara desenvolvê-lo.1 ~ ~ 1990-INTERNET Apesar de ter sido utilizada na Guerra Fria. "Os usos atuais das TIC têm reforçado práticas já existentes em vez de buscar por inovação. Para Sérgio Amaral. Com apuração de jÚLlA DE MEDEIROS Colaborou ELlSÂNGELA FERNANDES ~ ~ GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃOj13 . essemodelo só trará resultados positivos se o docente souber escolhercriticamente o que e quando deve ser utilizado. o 1991 -LOUSA DIGITAL Reproduz a imagem do computador em uma tela sensível ao toque. ela chega . à informação. ele ganha autonomia para traçar seus objetivos e para medir a eficácia de uma determinada metodologia. em Portugal. Os profissionais se formam sem nunca ter aprendido como utilizar asTIC na classede maneira adequada". mas podem gerá-Ias aplicadasno contexto corse reto". ainda há muitos obstáculos. E issoesbarranovamente na formação. da Universidade de Barcelona. Comisso. há intensa distribuição para docentes e alunos do Ensino Médio. o ~ -.parceria com o Ibope Inteligência e o Laboratório de Sistemas IntegráveisTecnológico.

..~~ 8: ""'".-. } ~ .. ~""' (~ .. ! ~ ". . GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇAO ..

.

mas o que se deve almejar é um sistema que integre as necessidades administrativas ao uso desses recursos para a inovação. pesquisadora e superintendente da Fundação Pensamento Digital.ITA -equívoco no uso das TIC na Educação? É claro que a tecnologia ajuda nos procedimentos burocráticos. MARTA DIETERICH VOELCKER. tem entrado na gestão das escolas da mesma maneira que destinada a dados e criar relatórios. informática reflexão sobre Esserisco pode ser fórmula: "processo velho + nova = processo velho caro". 16.GUIA I DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO . o . em Porto Alegre.

.

.> As mesas dos computadores precisam ter superfície plana e permitir a ligação deles na fonte de energia. . tablets. As escolhas anteriores vão determinar os custos.. "I Defina para que a tecnologia será utilizada antes de seguir com o planejamento. um laptop por aluno. I GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO . um laboratório de informática ou outro formato. . O projeto político-pl'dagógico (PPP) da instituição deve prever a inserção de novos recursos nos processos de ensino e de aprendizagem. FONTE FUNDAÇÃOTELEFONI~IVO E FUNDAÇÃO PENSAMENTO DIGITAL 18. . Cruzando esse montante com os objetivos definidos você poderá decidir entre ter um computador por sala. laptops não devem ser usados em carteiras com braços de apoio e os armários em que serão guardados têm de ser seguros.PASSO A PASSO ~ ~ IS I .

preparadas para as novidades.19 .que atuarão como multiplicadores. Determine os horários em que as máquinas estarão disponíveis. E realize uma reunião com os pais para que eles saibam das mudanças. Como sugestão para criar o modelo de avaliação da sua escola. Os papéis precisam estar claros e as pessoas. Ele deve estar disponível de maneira ágil. GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇAO. há pesquisas criadas pela Microsoft (abr. buscar fontes de interferência e testar o alcance do sinal. Você também deve planejar a instalação da internet.io/avalial) e pela DEI (abr. Faça um contrato com o fornecedor de forma que ele preste o apoio técnico necessário para a manutenção dos equipamentos. o impacto no aprendizado dos alunos deve ser constantemente analisado. Realize as formações com todos ou só com os responsáveis por coordenar a inclusão da tecnologia nos processos. Estabeleça uma política de acessoà rede (livre ou controlada por senha) e aos conteúdos online.io/avalia2). da rede e dos programas utilizados.Verifique o que a escola já possui e o que falta para chegar aos objetivos do PPR Osequipamentos estão em boas condições? Eles podem ser aproveitados em novos planos? O que já existe vai funcionar bem com as novas aquisições? Uma avaliação da disposição e da capacidade da rede elétrica precisa ser realizada para garantir a segurança de todos.

masquandoo materialchegou adaptamos modelo. todasasunidades municipaistrabalhamde forma integrada por meio de um software gestão. Os alunos passaram a usá-Ias todos os dias e a levá-Ias para casa. diretora da EMEF Marcos Moog. J J DINORA CORREA DA CUNHA. 20. gerente de Informática a 50 quilômetros Educativa da Secretaria Municipal de Educação de Novo Hamburgo.temos iniciativas c ".A manutenção e das máquinastambémé feitasemanalmente por um profissional Secretaria.Desenvolvemos o um conteúdopróprio.---.GUIA --I DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO - .como os cadernos) e dentro da escola há acessolivre à internet. de Porto Alegre.em Novo Hamburgo. Fomoscontemplados pelo UCA.. 1I CURTI! (( Os computadores chegaram em 207 7. trabalhacoma da que Educação. Além disso. ~ tecnologia. comsoftwares mais fáceis serem de trabalhados nossos por professores alunos.anos. Possuímos secretaria uma nessa área. e da comoa aberturadenovasvagas:' JANAíNA MATTOS. vai da que atéa escola. São parte do material escolar. de O programaunificou o cadastro alunos de e professores. issotemosum mapa Com da redee podemosgerenciar melhor asdemandas os investimentos área.

pode destinar o que sobra para outros bens. em Montes Claros.desdeque tenha autorização:' MARILDE SANTOS. Nas GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃo-21 . a 428 quilômetros de Belo Horizonte. ERNESTINA SOARES diretora da EE Eloy dacomprade datashow. Comisso.Os principais parceiros MEC Onde as redes estaduais encontram recursos para a implantação das TIC Educação) Instituição estrangeira :) consegueum bom preço no processode licitação. adquirimosnovasmáquinas. o gestor Se Pereira. 1-- .

paise outrosmembros:' AN DRÉIA MARCOS..BOM PARA. Os participantes podemfazercomentários. __. := ~""=-"~ ~~-==-': . e gerandodiscussões sobre temasrelevantes paraa escola.__°. -. iniciativa deutão A certoque..~ perfil mais de ___!_L_- sempre mediados. a 330 quilômetros de Teresina.(~ . n l.}o.--~ ~ ---""-:. Deve ser instalada'no servidor.. em Picos.. informática do Instituto Monsenhor Hip6lito. professores. fóruns e agenda .de imagens.emmenosde um ano. Plataforma para redes sociais que possui as ferramentas de blog.um mesmo sistema.'í ~ Eu :) com eles .já tínhamosmaisde 5 mil integrantes entre alunosatuais. ex-alunos. coordenadora de e osprofessores apresentam vídeos.". imagens textos.

do Instituto Ayrton Senna. O Programa Escola Conectada (educacaoetecnologia. com custo em torno de 500 reais. ~ma sequência Permite criar e organizar de aulas sem qu~ seja necessário pode ser .~-!!-- . A iniciativa é realizada em parceria com instituições públicas. Formação GUIA DE TECNOlOGIA NA EDUCAÇÃO j23 ~-- . mas eles são restritos a alguns municípios.para utilização no servidor da escola ou em um CD. .senac. - SOS I ONDE BUSCAR AJUDA < z ~ ~ ~ ~ Se a escola precisa de auxílio para dar o pontapé inicial na implantação de tecnologias. -"" --' ~ --""'" . www. há programas sobre a aplicação dessas ferramentas oferecidos a distância.org. a escola revê seu modo de gerenciar o aprendizado e reorganiza seu currículo.org. .sp. E um editor e publicador de cursos online. Ao longo do processo. após firmar convênio com a Secretaria de Educação do município.BOM PARA..br).br) realiza cursos de pós-graduação e de extensão que incluem esse conteúdo. Visando colaborar com a preparação dos gestores para a inovação tecnológica. Os educadores recebem formações para implantar uma metodologia em que os temas de pesquisa são definidos pelo aluno e o professor atua como mediador. O estudante publica seus avanços em um blog e nesse ambiente também Projeto recebe comentários dos colegas. a Fundação Lemann (fundacaolemann. é um exemplo. br). uma das alternativas é buscar organizações que desenvolvem projetos nessaárea..Já no Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac. .

no Rio de)aneiro. Docentes e netbooks possuímos. taxaaltade evasão tambémqueríamos e A monitoria incentivaosestudantes ampliaro usodastecnologias disponíveis.br). que cadamonitor estudantes passaram aprender a juntos auxilia quatroprofessores. GISELE CORDEIRO.e tiram todo tipo de dúvidadosdocentes. formei dezalunosmonitores de escolas vizinhastêm algumadúvida e hoje contamos commaisde30.Osmonitores pedagógica do (I EP Doutor Adão Pereira acompanham postagens. . além do Osresultados surpreendentes. coordenadora como apoio dosalunos.E FAMíLIA Eufiz assim :) online programas. e agrega ponto à notado bimestre.blogspot. as baixam Nunes. osestudantes 22ao 52ano e. um por issoiniciamosesse projeto em2008. são de acompanhar seus colegas usodos no Asfaltasdiminuíram.Eles emrelaçãoà tecnologia. vídeose fotos. O sucesso tanto que quandoprofessores é No começo. ligam para sãoselecionadoscadasemestre a entre cáe falam comnossos alunos. e o respeitoaconteceu valorização pela Oseducadores formaçãotêm em do trabalhocolaborativo:' de produzirtextosparao blog oficial da escola (adaoblogado.com.

mas têm um grande potencial para aprimorar a relação. os educadores. Confira algumas ideias para incrementar essa prática: Novos hábitos A Secretaria de Estado da Educação do Paraná criou um portal educacional (abr.Conexão com os pa is As TIC ainda são pouco utilizadas na comunicação com os pais. GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃo. os responsáveis podem acessar o boletim dele. Cada escola também tem a opção de criar seu site. conta a vice-diretoraVeraMaia. criou um mural em que divulga avisos e um cronograma de provas e tarefas. O Colégio Estadual Visconde de Guarapuava. os gestores e a comunidade. a 272 quilômetros de Curitiba.io/parana) que tem áreas voltadas para os alunos. Ao digitar alguns dados pessoais do estudante.2S -.1- . liA maioria dos paisjá utiliza o site para acessaras informações".

Adeus Professora? NovasExigências Educativas Profissão e Docente (104páginas. J J JosÉ CARLOS LlBANEO.respeitar asformas de aprendizagem todos os aluno. de CONSULTORIA MARTA DIETERICH VOELCKER PALAVRA DO ESPECIALISTA (( A escola precisa deixar de ser meramente uma agência transmissora de informação] e transformar-se num lugar de análises críticas e produção da informação] em que o conhecimento possibilita a atribuição de significado à informação. 11/3611-9616.cada vez mais. Cortez. reais). 19 Com apuração de SUZEl TUNES Colaborou FERNANDA SAlLA 26 --I -GUIA DE TECNOlOGIA NA EDUCAÇÃO - ~ . Ed.TURO v--Garantir a formação continuadade toda a equipe e o próprio aprimoramento. Orientar o professora. no livro AdeusProfessor.

.

.

.

debatemos respostas as com asturm~ usandoum datashow. confeccionamosuma Ao o usoseguro dessa rede. a 498 quilômetros sob de Belo Horizonte. Só então. dosprofessores Matemática.PALAVRA DO ESPECIALISTA (( A tecnologia não pode ser vista como uma ferramenta auxiliar para realizar o mesmo tipo de ensino. Ela nos traz uma nova forma de organizar a produção de conhecimento. professor da Faculdade de Educação da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Por isso) o docente tem de ser um hacker do bem e explorar a rede até quefique imerso na cibercultura.os SALETE CALEGARI. professora alunosmontaramgráficoscomos dados de Geografia da EE Professor Edmundo obtidosno levantamento. de 30 eGUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO --I "- .Em seguida. Quem os transforma em material didático é o professor qualificado.Levantamos cartilha e distribuímos à comunidade:' osinteresses adolescentes web dos na e planejamos uma sequência atividades de 'que durou seis meses.fize~ um ciclo de debates com então..um projeto parafomentar os colegas. Só assim}ele enxergará os novos recursos comoferramentas educacionais e como instrumentos para adaptar a sua realidade NELSON PRETTO. Um computador e um software apenasfacilitam a comunicação e a informação. Inicialmente. Eu :) alunos na discussão sobre o uso da rede . final. a orientação Vieira. em Andradas.

31. como digitar provas.6% 61. registrar dados nos diários de classe etc.. GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃOj31 .. consultamespecialistas nos 21. realizam pesquisas trocam experiências com outros 84.4% profissionais da sua escola.3% conteúdosa seremtrabalhados.Educadores e computadores Comoos docentesse beneficiamdessaincrível relação possuem computador pessoal fazem uso pessoal da internet todos os dias ou quase todos passaram a ter acesso a materiais melhores e mais diversificados avaliam os alunos com trabalhos que utilizam recursos multimídia FONTE (CCIBR) puderamadotar novosmétodos de ensino colaboram mais agora com outros colegas da sua escola Durante o planejamento das aulas. como provas e exercícios utilizando editores de textos ou planilhas.5% em diversas fontes. 93. produzem materiais didáticos simples.90/0 realizam tarefas de rotina.

"Com o material digitalizado. o professor ganha tempo para dar um atendimento mais personalizado aos alunos". Veja quais os equipamentos disponíveis na escola e na casa dos alunos. A tecnologia deve servir ao ensino e não o contrário. Os recursos ainda ajudam a explicar raciocínios abstratos e mais complicados. Antes de utilizar um equipamento ou um programa teste-o o máximo que puder. . Ao experimentá-lo. sente em frente ao computador e estude as ferramentas. Procure fazer cursos para se atualizar e.. professora da Escola Atuação. . . converse com os colegas e os gestores que já tiveram experiências no uso da tecnologia.PASSO A PASSO 4 - ~J Mantenha-se informado. lembra Suzana Muller. 32--I GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO . Esclareça os horários em que os computadores estarão disponíveis. em Curitiba. . Combine com os alunos quais programas e equipamentos podem ser usados. Estabeleça quais os conteúdos a serem trabalhados e só depois avalie quais recursos tecnológicos podem colaborar com o aprendizado deles. sempre que tiver chance. .. As regras de convivência são importantes em qualquer aula e também devem ser feitas para as que utilizam as TIC. novamente. controle o tempo. reveja o período de aula que previu para a atividade e sempre tenha um plano "b" para o caso de as ferramentas falharem.

O professor passa a exercer o papel de mediador e defacilitador: Essanova postura coloca o aluno como sujeito ativo de seu processode aprendizagem) permitindo explorar ao máximo suas potencialidades. GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃo. você analisa como melhorar sua atuação e aproveitar sempre mais as novidades em sala. por exemplo. Se você propuser um fórum de discussão. No entanto) deverá viabilizar uma construção coletiva de conhecimentos)em vezde apenas transmiti-los. combine os horários em que as mensagens serão moderadas.PALAVRA DA ESPECIALISTA (( Todo trabalho em sala de aula exige cuidados com a gestão do tempo. 1-- . Calcule o tempo necessário para executar. você vai reduzir as horas extras. Ao utilizar as novas tecnologias)isso também acontece. acompanhar e avaliar as atividades que irá realizar. formadora de professores em tecnologia no Instituto Pedagogia Informatizada.33 . J J LlLIAN DA SILVA SIQUEIRA. Pensando assim. O docente tem entre suasfunções primordiais) portanto) a de organizar o trabalho dos estudantes)detalhando o processoa ser seguido durante aquele projeto e sugerindo conteúdos que eles possam acessa r e que darão subsídios à temática discutida em classe.Em suma) o educador tem agora de conduzir o trabalho do início ao fim) sem perder de vista os seus objetivos pedagógicos. Os prazos foram cumpridos? Os objetivos foram alcançados? A tecnologia colaborou para a evolução do aprendizado da turma? Respondendo a essas perguntas.

org ou sãoautoexplicativas. por issoé muito utilizado por professores interessados compartilharseus em trabalhoscomosalunosou com outrospúblicos.wordpress. Masé muito importante prestar atenção algunsaspectos a antesde jogarsuas ideiasna blogosfera. GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO --1 - .com br. Ferramentas gratuitas como blogger.blOgé um siteque pode ser facilmenteproduzidoe atualizado. O 34. facilitam o gerenciamento informações das -e permitema inclusãode comentários ligadosaostextos.

Uma boa estratégia é criar dossiês e portfólios para registrar as atividades de cada um. da disponibilizo osmateriaisdasaulase. recebe ". estudantes o Os comentam tiram dúvidas. blogspot. um~ prática .ainda.Trabalho com há oito anos e criei um blog(estudandoenavegando. CUIDADOS privacidade ~ -~. Publicoasproduções sala. por exemplo. seguindo minhassugestões e descobrindo novosdadosa cadaclique:' RAPHAELLA MARQUES DE CARVALHO. professora do 4Qano da EM Renato Leite. você pode verificar as postagens feitas por todos. sugere sites para os estudos e se comunica com outros professores um material livro.mais de uma "personalidade" na internet não é tarefa fácil e de qualquer forma é recomendável manter a discrição. 1-- .com.br) interagirmais com para meusalunose comoutrosprofessores.comentários. nota individual Quando for avaliar o desempenho do aluno em ambientes coletivos ou colaborativos você deve analisar o percurso de aprendizagem individual. GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃo-35 . no Rio de janeiro. e tudo mediado por mim.dou sugestões sitesemque elespodem de aprofundar assunto. Masé bom verque a turma está cadavez maisinteressada aprender forma em de autônoma. redes sociais e preservar Espaço co~etivo. . Ao usar um blog.. Planejaratividades dessa natureza exigepesquisa uma avaliação e criteriosadosrecursos serão que utilizados.MEDIAÇÃO Raphaella divulga a produção dos alunos.

parceriacom histórias dos dois paísese buscamos semelhanças entre eles. J J JOSÉ VITOR GONÇALVES.Depois. ano ~ uma vezpor semana. 8 anos. mostrei quais deveriam seros cuidados ao realizar contatos desse tipo:' o professor JoãoCarolino. foramdirigidos. Fizemos videoconferências Skype por e MSN coma participação alunos dos ~~. hoje aluno do 3Q ano. MapUlU de em -"""'.contamos CURTI! CRISTIANE PEREIRA ALVES. " 1. Trocamos várias informações sobrea língua. converseicom elassobre a segurançae. . durante todo o processo.da Escola Portuguesa Moçambique.l~. Como utilizamos a intemet.~:.. Emboraelestambém e falem português) vimosque algumaspalavras têm um significado totalmentediferentelá.combase conteúdo no que estava sendotrabalhadoemclasse ao longode seismeses. professora do 2Qano do Sesi Petrópolis. as crianças continuaram se correspondendo por e-mail e carta. . ~ 36eGUIA I DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO . ~ . dasnossas turmasde 2Q pelo menu:..: PORSKYPE Professores promoveram troca de informações sobre a I(ngua e a cultura dos dois pa(ses com seus alunos do 22 ano . Todososencontro:. ((Aprendi muito com o projeto. em Petrópolis.Conversamos com professores alunos na África.Eufiz assim :) . a 72 quilômetros do Rio de Janeiro.

ainda. 37 ~ ~I-' .. 1 -'~ = _. múltipla escolha e outras. Possibilita.br) Descreveos principais riscosdo acessoà rede e também os cuidados que se deve ter para evitá-los. I ThinkQuest (abr.cert... adicionar conteúdos multimídia. programa da Secretaria de Educação a Distância (SEED) do MEC.~"\iDjiliJ -O 0- Rived (abr.1[. Permite construir quebra-cabeças.. palavras cruzadas.~ I ~~~~~~ -~~=~=. análises de textos. Possuiuma versão em formato PDF que pode ser impressa e distriburda.io/rived) Rede Internacional Virtual de Educação.BOM PARA... interativas.. de Segurança para Internet (cartilha.. i . sendo muito fácil criar ou alterar as atividades em curso.. em especial animações e simulações.io/quest) Permite fazer perguntas aos estudantes e publicar as respostasdeles instantaneamente. Paraos alunos...L1"... Podeser I acessado online ou ser impresso.] D-O .funciona como um diário das atividades.= ~ to. Oferece atividades multimídia. enigmas. É possível incluir questões no formato verdadeiro ou falso.~.. aplicação e avaliaçãode atividades didáticas multimrdia. -"--- " ~ ~I ~ GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO.entre outras atividades interativas.~ ~ I É usado para a criação. .

. ele lê o que ocorre na tela durante a navegação com o mouse ou o teclado. Funciona com Windows. I Kit Saci I (abr.. a#'I. .. "N... é usado no aprendizado de escrita e leitura.. &~Im. Eugénio (abr. ~ ~ ~ ~ o Presidente Georgel ~ tO ~- para portadores de deficiência visual.io/eugenio) Em português de Portugal.io/sacil) Versão condensada de um leitor de tela. Computadores diferenciados Oferecem apoio de cotovelos. Completa palavras do banco de dados. -. Preçovariado.PARA. Entre eles estão o TecladoAmigo.Ia."'-""'~ ~ ::~- '...--"..io/motrix) Permite que pessoas com tetraplegia e deficiências motoras severas utilizem comandos de voz para acionar funções de um computador com Windows. sem ter de digitar tudo. 4 ". ::. . ~~:::::~::~::-:~:::..org) Indicado iJdW~"[o\?~ . ~ Download Sistema do Motrix :-~~~c 3S-GUIA I DE TECNOlOGIA NA EDUCAÇÃO . teclado expandido."" "".' -. Motrix (abr. um editor de texto e uma calculadora. """" _.... dislexia e outras necessidades especiais. ' ....-~. Kit Saci II (abr.io/saci2) Pacote de recursos para pessoascom deficiências motoras.. NVDA (nvda-project.. ~ ..... Pode ser usado por pessoas com deficiência visual. -SACI .. ajustes de altura e de profundidade e até um mouse adaptado.. .". ""'OAa'~""""'_U" U. ... .-..~..'":.

GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAçÃOr39 1 .

Desde então. insistoparaquetodos mas aproveitem recursos. No atendoosalunos.Temos e apenas dez computadores. região metropolitana de Goiânia. Paraa professora Educação de Física. os mesmoqueseja paratrabalhosemgrupo.Proponho atividades ligadas conteúdos aos das disciplinas. por sugiropesquisas sobreosesportes. de Acreditoquetodosprecisamacompanhar asinovações tecnológicas!' EVA ENYjUNQUEIRA. coordenadora.bibliotecária e hoje soudinamizadora laboratório do de informática. trabalho emconjunto comosprofessores do EnsinoFundamental da Educação e de Jovens Adultos (EjA). em Trindade.fiz o cursodo Programa NacionaldeTecnologia Educacional (Prolnfo) paraexercer minha funçãoatual.tiro suas dúvidas e ajudo.procureiusar a intemet pararealizarminhaspesquisas e planejarasaulascomferramentas que fossem alémdo tradicionalquadro. contratumo. em2008.Semprebusquei formação e.Hoje. diretora. 40- I GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO . dinamizadora do laboratório de informática da EE Professor Esmeraldo Monteiro. exemplo. Gostomuito de tecnologiae tive um dosprimeiroscomputadores da cidade.especialmente.Eufiz assim :) 37anos Fui professora. que ainda os não têm noções básicas informática.

professora da EBM José do Valle Pereira. É o caso da Pontiffcia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC-RS). participo de eventos científicos quais nos há discussões sobreo tema.Cursos pagos Diversas faculdades têm programas de informática na Educação. Eufiz assim:) TIC em salade aula. O MEC também ministra cursos rápidos pelo Prolnfo. dos professores afirmam ter como principal fonte de apoio para o desenvolvimento de habilidades tecnológicas os contatos informais com outros educadores o ~ o ~ dos que relatam ter feito algum curso especifico para o desenvolvimento nessa área declaram ter custeado a formação com recursos próprios : Tecnologia Educacional de Santa Catarinae de Florianópolis. ambosligadosao ProInfo. GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAçÃOr41 . uma das mais recomendadas pelos especialistas.Usoesses aprendizados para ensinare tento proporcionaraosmeusalunosaquilo que tambémespero meusprofessores: de orientação segura enriquecedora e para que elespossam construirospróprios conhecimentos.Cursos gratuitos A Universidade Aberta do Brasil (UAB) oferece oportunidades de especialização a distância. .SOS I ONDE BUSCAR AJUDA . forma autônoma:' de MÁRCIA SZERSZEN DE SOUZA.Além disso. muitos deles na modalidade a distância. em Florian6polis.

~.r~. n.. no. DA FACULDAOE OE EOUCAÇÃO DA US~ E OIANE MOTA MELLO FREIRE. ~ . .no..ono .~. on... .. ~. n.n~.'r..'.~.~ noTor~n...r.. CONSULTORIA CESAR NUNES..r. 42-GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO --I ~- .

criando situações de -. no . Lá.'. a escola mostra como se preparou para atuar dessa maneira. "-. Um deles é o da Kipp Empower Academ~ em Los Angeles. Para acompanhar o debate de escolas públicas norte-americanas que estão incluindo essas práticas em seu dia a dia. o que colabora para que o contato do docente seja sempre com um grupo reduzido.~--". o verbo to blend significa misturar e a palavra learning} aprendizado. o melhor amigo do professor A união entre o homem e a máquina na sala de aula deve evoluir para um modelo conhecido como blended learning. as crianças são divididas em grupos (metade da sala fica com o professor enquanto a outra metade está nos computadores). nos Estados Unidos. No link abr.interação grupos mais com o aluno.-- que formato muda ~ do docente? pequenos tornando . acesseo blog blendmylearning. como prática se intensifica ~'.~ necessidade Com apuração de RITA TREVISAN Colaborou BRUNA NICOLlElO GUIA DE TECND'DGIA NA EDUCAÇ~i43 . Há vários modelos possíveis nessa combinação de aprendizado. Na classe.io/kipp. esseformato une aulas presenciais a atividades online e já vem sendo utilizado por escolas norte-americanas. Em inglês.com.Computador.

.

.

escritor norte-americano. J J ALLANA REGINA ARTIAGA MOTA. em Cáceres. Mas temos de tomar cuidado com os sites que serão usados. MARC PRENSKY. como os e os alunos uma oportunidade de fazer coisas Para os adultos. aluna do 1Qano da EE Desembargador Gabriel Pinto de Arruda. 46- I GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO . É assim que eles se relacionam com o mundo e também aprendem..CURTI! (( Eu uso o computador para aprender desde a creche. reais). sem tradução para o português). a 214 quilômetros de Cuiabá. tel. executar múltiplas tarefas e desenvolver um comportamento não linear. A aula fica muito mais interessante assim. autor do livro Teaching Digital Natives (Ensinando Nativos Digitais. No livro Homo Zappiens: Educando na Era Digital (140 págs. . Em casa)também uso todos os dias e até entro na i nternet. 0800-703-3444. Essasatitudes são a expressão da habilidade de selecionar informações rapidamente. Minha professora leva a gente ao laboratório de i nformática para fazer atividades e para jogar: Também assistimos afilmes e ouvimos músicas. Artmed. Ed. para as crianças fazem. 6 anos. UMA PERGUNTA DO SAPIENS AO ZAPPIENS --principal diferença Sempre conectado Os pesquisadores holandeses Wim Veen e Ben Vrakking batizaram a geração que já nasce conectada de Homo Zappiens. 40 eles esclarecem que o comportamento aparentemente caótico de zapear de um canal para outro da TV e de navegar na internet não é perda de tempo. Gosto defazer pesquisas e a professora diz que isso é legal.

os brasileiros acessam a internet

5

35
em casa
em lanhouses

I
3~
"
~

..~,

I

"na casa de amigos

~

no trabalho

~

~

na escola

:;).) J

em locaisgratuitos

FONTE MAPA DA INCLUSÀO DIGITAL 2072, DO CENTRO DE POÚTICAS SOCIAIS DA FUNDAÇÃO GETULIO VARCAS (FGV) E FUNDAÇÃO TElEFONICA

E entre as crianças... /

--/

brincam com jogos
FONTECGIBR

assistema desenhos vídeos e

GUIA DE TECNOLOGIA

NA EDUCAÇÃOj47

PASSO A PASSO -

Como dar uma aula tecnológica para esse novo aluno

Planeje bem a aula, com propostas consistentes. E,quando possível, estabeleça uma produção final resultante do uso da tecnologia.

Torne o conteúdo mais interessante que o computador, envolva os alunos e estimule o debate sobre os temas.

Quando o ambiente permitir, organize as carteiras em forma de "U", com os alunos voltados para a parede. Assim, você terá a visão de todas as telas.

CONSULWRIA MARISTEtA APARECIDA 10PE DE ALcANTARA, MARC PRENSKY E MILENA CAMPELLO. PÓS-GRAOUADA PEtA FACULDADE 00 PANTANAL (FAPAN)

PALAVRA DA ESPECIALISTA (( É equivocado achar que os alunos sabem mais que os professoressobre tecnologia. Osjovens conhecem muito bem as técnicas)mas não têm a noção do potencial das novas ferramentas. Cabe ao educador orientá-los nessa descoberta.J J
MARISTELA APARECIDA IOPE DE ALcANTARA, diretora do de São Paulo. Centro Digital de São Caetano do Sul, na região metropolitana

GUIA DE TECNOLOGIA

NA EDUCAÇÃOe49
I

-#FERRAMENTAS

A vida social dos nativos digitais online é tão ou até mais importante que aquela que ocorre presencialmente. No mundo virtual, eles contam suas preferências, fortalecem relações e organizam eventos. Diante disso, há uma identidade que se constrói no universo digital e é representada por textos, imagens e outros conteúdos apresentados nas interações.

PALAVRA

DO ESPECIALISTA

((

Usar avatares é uma proposta pedagógica inovadora e bastante interessante. O avatar apresenta a possibilidade de se relacionar em outros mundos)proporcionando o exercício de criatividade na definição do personagem e a interação com outros indivíduos. Ele permite que o aluno seja protagonista nas açõese isso pode ser especialmente interessante para os tímidos. J J
VICENTE WILLlANS NUNES, coordenador do Núcleo de Tecnologia Educacional do Colégio Cruzeiro, no Rio de janeiro.

PARA...
Permite criar avatares

por ele. Pode ser usado por .tarefa para É bastante útil para docentes de Ungua Estrangeira. Em inglês.

a escolha das características físicas que lhe representam e o uso da imagem final no AVAou no e-mail. Pode-se,ainda, criar uma imagem que represente a classetoda. Em inglês.

--.w-. ~.~ --"' ~....N"""'_M

-

~
,

~
,

""'..,

50-GUIA I

DE TECNOLOGIA

NA EDUCAÇÃO

~A ATIVIOADE DESEN~LVIOA GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃo-51 . Gosto muito de computador. . . brinco desde os 5 anos. ~~. Então}troquei a cor e mais algumas coisas.I-. ~~::?:. Costa muito defica r no computador. Neste ano) estamosfazendo de inform6tica. Aí ficamos até parecidas}ainda mais depois que gravei a voz e ela passou afalar como eu. Mostrei para todo mundo em casa}e até tentei criar um avatar novofora da escola.O! '. '- 1o 0 ~ (( Criei meu primeiro avatar no ano passado. Tinha o cabelo loiro} e o meu é preto..A~.E ~. 9 anos. converso com meus amigos efaço pesquisas da escola na internet. .ALUNOS 3' ANO ESCOLA 00 DA MOPPE. 8 anos. Além dejogar. O que mais gosto é dojogo em que uma menina tem de decifrar mistérios e resolver charadas. uma coisa diferente na aula A professora est6 ensinando sobre mais ou os índios brasileiros e a gente usa a internet para pesquisar.~ A professora levou a gente para a sala de . Meu avatar é um cara de cabelo azul) não parece muito comigo. J J ISABELA CALDETE DE LIMA*.!~~~'}. SÃo DOS EM JOSÉ CAMPOS. inform6tica e ensinou como tinha de fazer. Mas o mais legal éque elefala como eu) ejicou em um lugar da internet onde todo mundo pode ver.~. Eu também mudei um pouco o rosto dela para queficasse mais parecida comigo.~~~~~P~!'. No começo}ela não era parecida comigo.jico jogando menos uma hora por dia em casa) principalmente e conversando com meus amigos. Escolhi uma menina com o estilo caub6i.'. J J JOÃO PEDRO DE ARRUDA*.CURTI! {{ Foi muito divertido criar um avatar. Foi muito divertido.~.

A gente escreveas poesias e ela publica. Tecnicamente}não dá para fazer os trabalhos do colégio sem usar a internet. Lembro que queria fazer uma aranha de garrafa PEI Eu não sabia como era}entãofui buscar na internet e aprendi. 52. aluno do CIEP Doutor Adão Pereira Nunes no Rio de)aneiro. Antes)eu não gostava muito de escreve/:Mas) agora) como sei que será publicado e minhafamília vai leI. a 485 quilômetros ~ \.:::/ DIVU LGAÇÃO (( Nossa professora criou um blog. aluno do Colégio Miguel de Cervantes. J J FERNANDA SAVURI. em São Paulo.J J WAGNER PALHANO DA SILVA. em Cacoal. 9 anos. 9 anos. em São Paulo. até gosto. 10 anos.)) VITÓRIA DE OLIVEIRA PEREIRA. Drumond de Andrade. Eu e meus amigos descobrimos sozinhos que dava para aumentar o número de cartas. aluna da EEEFM Carlos de Porto Velho. I GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO TURO . @ (( DESCOBERTA ( Tenho computador em casa)mas meus pais não deixam mexer muito.então? Seria muito mais difícil encontrar as informações. Mas na vida} até dá para ficar sem ela. 9 anos.jogar faz a gente aprender melhor do que apenas ler no livro.FACI LI DADE (( Uso O computador para ver vídeos ejoga/: Também)costumo pesquisar coisas da escola e outros temas que me interessam. '" {~ AGILIDADE ( ( Dá para fazer tudo na i nternet! I magi na se ela não' existisse?A gente teria de escrevercartas todos os dias e esperar o correio entrega/: E para pesquisa/. Faço uma poesia quase todos os dias)e nem vale nota. .J J RENAN CALLlYERIS CAPELO. Uso)às vezes) parafazer algumas pesquisas. Na escola) do que eu mais gosteifoi do jogo da memória sobre as cédulas. aluna da EMEF Padre Serafim Martinez Gutierrez.

games de última geração e conexão de internet 3G. Com apuração de ANA GONZAGA PIERRE LÉVY." SAMANTHA KUTSCKA.PALAVRA DA ESPECIALISTA (( Dentro de cinco anos)os alunos deverão ter acessoa todo tipo de tecnologia} incluindo tablets. como utilizá-lo sem desviar-se do foco e desligá-lo ao fim da tarefa. I colaboração dentro dessa rede. Em dez anos} então}deveremoster uma escola completamente diferenciada da que existe hoje} onde a tecnologia permita a construção coletiva do conhecimento e a disseminação dele dentro de uma grande rede. filósofo francês especialistaem Tlc. Colaboraram GUIA PAULA NADAl DE TECNOLOGIA e RODRIGO RATIER NA EDUCAÇÃo-53 I . da USP. No início} os professores vãofrear o uso dos equipamentos que não sejam reconhecidamente educativos}mas com o tempo os docentes passarão a explorar essastecnologias deforma correta e contextualizada. do E como essa preparação pode ser feita? Devemos conversar com os alunos para que eles percebam que quando temos um objetivo de aprendizagem precisamos usar o computador de maneira consciente: saber quando ligá-lo. coordenadora de projetos da Escola Futuro.

.

.

Portanto} além de possibilitar que se cheguea um produtofinal como resultadoda colaboração} tecnologiapermite desenvolver a maior conscientização sobreos processos pensar de deforma crítica}criativa}colabo~tiva e estratégica.transformando essamatéria-primaem conhecimento de fato. Entre elas}está lidar com a diversidade dos alunos} que apresentam diferentes ritmos de aprendizagem. e aus estudantes ter o acesso à informação. DIANE MOTA MELLO FREIRE. professor da Faculdade de Educação da US~ UMA PERGUNTA TIC contribuem I para que a se torne significativa -". É preciso que eles saibam interpretar. J J CESAR NUNES. Ao preparar seu material} o docente conseguepassar uma atividade para as crianças mais rápidas e outra para as que demoram um pouco mais e} assim} oferecer uma ajuda ainda mais direcionada a elas. coordenadora do Programa de Tecnologia Educacional da Rede Municipal de Mogi das Cruzes.-#PANORAMA PALAVRA DOS ESPECIALISTAS (( Com a chegada da tecnologia na escola)o professor consegue aprimorar algumas práticas importantes. mas sim com um trabalho intencional. novas linguagem para uma boa aula? ou coletivo. em São Paulo. Esse processonão acontece espontaneamente. selecionar.J J HELENA MENDONÇA. criticar e fazer uso delas em benefício próprio ~ 56 't GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO . a 65 quilômetros de São Paulo. coordenadora de Tecnologias Educacionais da Escola da Vila. 00 II A principal função das T/C em sala de aula é permitir que osalunosexplicitemsuas ideias} conheçamas doscolegas e}dependendo atividade proposta} da exercitem capacidade sua de argumentar e construir coletivamente.

As notas dos alunos do Ensino Fundamental aumentaram 34% em Língua Portuguesa e 20% em Matemática com o uso da tecnologia. que participaram do projeto Sala de Aula Conectada. F\ic. FONTE UNESCO E OELL GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO ~ 57 .FONTEPESQUISAUSO COMPUTADOR INTERNET ESCOLA O DO ElIA NA PI)8UCA.~ Notas melhores Durante 18 meses a Organização das Nações Unidas para a Educação. a 115 quilômetros de São Paulo.. a Ciência e a Cultura (Unesco) acompanhou o desempenho de 6 mil alunos de 23 escolas de Hortolândia.

Em geral. não vai. como os docentes podem tirar bom proveito do trabalho feito nesse espaço? Para isso a atividade precisa ser bem planejada e ter regularidade. O professor pode utilizar quando quiser. projetos de longo prazo incorporados à rotina da disciplina acabam trazendo mais benefícios. pode ser utilizada a qualquer momento. Há docentes que compreendem esseespaço como algo à parte e até como moeda de troca: se o aluno não se comportar. Se o laboratório é a única alternativa. basta que julgue necessário. Esseentendimento precisa muda!: J J --. VERA LÚCIA SATIN POLETTO. Se a tecnologia está dentro da sala de aula. DUAS PERGUNTAS opção: computador aula ou no de informática? melhor resultado. No caso dos laboratórios isso é mais difícil. coordenadora do Núcleo de Tecnologia da Educação da Secretaria Municipal de Natal. RETINA VON STAA.EjAM ENTO PALAVRA DA ESPECIALISTA (( o laboratório de informática deve ser encarado como uma extensão da sala) em que o professor dá continuidade a um trabalho feito durante a aula. doutora em Lingu(stica Aplicada e Estudos da Linguagem pela PUC-s~ 58 i GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇAO --#PLAN . já que é preciso agendar a visita com antecedência. assim como o livro. Ela se torna um instrumento a mais para a aprendizagem.

antesde cadaaulapreparo o que vai sertrabalhado. Elesficam emdupla noscomputadores e o professor disciplinasempre da acompanha atividadecomigo.Organizei projeto um paraosintervalosde aula. exemplo. Também. GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃOiS9 . avaliamos e comoa informáticapoderia se serutilizadaparamelhoraro aprendizado.Na aula a de Geografia. professora de informática em Belo Horizonte.Eufiz assim :) z >= ESFORÇO Marilene (de verde)prepara os conteúdos antes das aulas para que os alunos possam acessá-los assimque chegam para a atividade o laboratóriode poucoutilizado. fica pronto que para seracessado pelosalunos. todososdocentes utilizam os equipamentos pelo menosuma vezpor semana. da EE São Bento. Hoje. combase nos objetivosde conteúdode cadadisciplina.elescomeçaram a frequentar sala. por utilizamos o GoogleMapspara estudar sobre ascasas osbairrose cadaaluno e pôde localizarsuaresidência. Trabalhoemconjunto comtodos.' MARILENE DOS SANTOS TERRA.e os convidei a participarde atividades computador no e a seapropriardo espaço.o usoda tecnologiaintegrao PPP da escola. realizamos concurso um paraescolher um nomeparao laboratório (Lisbec) e.Nosreunimose. Comecei esforço o paraenvolvimento dosalunos. então. Combase que no combinamos. a atuar comosprofessores. a Passei. empoucotempo.

As atividades ultrapassam o espaçoe o tempo da salade aula. agenda. Permite maior troca de ideias. Ele integra diversos recursos.já que basta um computador com internet para interagir com os alunosa qualquer hora. download de arquivos. criação de grupos e fóruns de discussão. publicação de textos. como e-mail. Registraa participação de cadacriança.já que estimula a postagem de comentários e a colaboração entre os estudantes. ~ ~ " ~ ~ ~ ~ 6O"GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO TAS .ajudando você a acompanhar o desenvolvimentode todos e a avaliar para dar as notas depois.

GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO 61 .

-. é muito usado para fazer desenhos e formas coloridas. 62 -GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO .-..--.500 reais. coordenadora do Núcleo de Tecnologia do Colégio Marista Arquidiocesano..br) 1 Tem fotos. os alunos respondem às questões do software. ~ -.=_2~.!~. o CLEUSA DINIZ.4#FERRAMENTAS Educação Eufiz assim :) BOM PARA. Preço: A partir de 10. em São Paulo. COM O DEDO Crianças mostram desenvoltura para manusear o tablet na hora de desenhar e em outras atividades das aulas de Arte r'i." Wikiaves -" (wikiaves.~-- .. descrição e sons das avesbrasileiras. conseguem manuseá-Ios mais com facilidade.'W . O mais popular é o do Windows. Outra boa opção é o Animal Fun._' ---_. mas existem outros. masno tabletpodemusarapenas toque.VeJS~ ~~---~ ~WIK-. como o Tux Paint.com.. aindatêm dificuldade Eles em mexercomo mousee o teclado. aplicativo em inglês para tablets. Paint Embora antigo. Mesa educacional As letras móveis viram um grande teclado. Em grupo.

crianças as continuamentrando e deixando recados..4~.~:1 ~-'Cê "Cc-- ."..Também. Além disso."dd~' MII.:-."§'--d'O. nasférias. professora do 1 Qdo I nstituto Estadual de Educação Visconde de Cairu.com) Com base em i um texto inicial. f~-~. GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃo. em Santa Rosa. C~. coloco a cada15diasuma sugestão games de paraqueospaispossam jogar comeles BOM PARA. oferecem verificação ortográfica. o que ajuda o aluno a refletir sobre o próprio erro. 1 1- ! Wikis (wikia.:~~~ "".". Este álbum virtual é útil para o trabalho com as turmas de alfabetização. cortar frases e parágrafos sem precisar escrever tudo de novo. os demais devem acrescentar suas ideias. Algumas versões permitem que você veja exatamente qual aluno escreveu o quê._. Além disso. a 495 quilômetros de Porto Alegre.:.:~~==~::::-. Uma das sugestões de atividades é que eles escolham imagens para um tema proposto e depois escrevam as legendas para descrevê-Ias.....Alta beti za çã o Eufiz assim:) levomeusalunos em casa. fazemosvisitas a outros blogs com conteúdos interessantese peço que comentem..". Preço variado. ~Iickr'"- ~~-~- Editores de texto Dão a chance de mover trechos.c. Incentivo isso para que elescompreendam a importância da escritana comunicação:' INDIARA VEÇOZZI.63 '-1-- . que pode ser postado pelo professor.

fotose sites. leitura e produçãode texto deles. por uma durantea aulano laboratórioe outra emcasa. A tarefadeles pesquisar é e comentar que leram. 64. e que continuam sendo úteis após a fase de alfabetização. Audacity (abr.BOM PARA. postagens As devemacontecer menosduas pelo vezes semana.io/movie) Letras virtuais Se fosse possível fazer um ranking das disciplinas que oferecem mais oportunidades de uso das TIC.com) Com essaferramenta pode-se criar uma revista digital.-- =-'='_18 Toondoo (toondoo. os alunos criam personagens e a própria história em quadrinhos. São inúmeros os benefícios e os recursos disponíveis. professora de L(ngua Portuguesa do 9Qano da EE Dom Camilo Maria Cavalheiro. Língua Portuguesa e Matemática estariam entre as primeiras. .com) Nesse software. É um dos editores de vídeos mais populares. em São Paulo. são Windows Movie Maker (abr.' PRISCILA ANDREA BAPTISTA. Flash Page Flip (flashpageflip. Estoufeliz como desenvolvimento do poderde argumentação. inserir textos. Confira à direita algumas sugestões.Precisam o expressar opiniõese sugerir suas vídeos. a começar pelos citados na página anterior. fotografias e até sons. Os corTJandos em inglês.com interface simples e recomendado para iniciantes. Em inglês.io/auda) Basta fazer o download e conectar um microfone para poder produzir podcasts ou programas de rádio com a turma. I GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO ~ .

encontros Nos seguintes.mas a propriedade permanece. fazemos a malha. Planilhas Editores como o Excel (disponível no pacote Office da Microsoft) colaboram para registrar cálculos. 65 I . Reúne recursos de geometria. BOM PARA. e participante da pesquisa Boas Práticas Docentes no Ensino da Matemática. GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO..Eufiz assim:) CÁLCULOS O programa usado facilita a compreensão de conceitos matemáticos e também a visualização de algumas propriedades das figuras geométricas ~ além sobre a hipotenusa e assimtodos visualizam o conceito do teorema.::: .probabilidade. em Urupês. Preçovariado.. as Usando recurso o de rotação quadrado exatamente o fica DANIELA MAZOCO. gráficos._::. tabelas. Ao mover a figura e alterar asmedidas.Elesco~stroem sem tambémosquadrados sobreoscatetos e calculam áreas. da FVC.mudam as áreas. professora da EM EF Professor Athayr da Silva Rosa. estat(sticase cálculos em um único ambiente. a 470 quilômetros de São Paulo. álgebra. listas de números e gráficos feitos com base nessesconteúdos. o que só é possívelno software." um triângulo retângulosobreuma'malha quadriculada.

~.ae . -- 66-GUIA I DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO . Boa opção para cidades ou horários nos quais é difícil visualizar as estrelas e os planetas." Sim..org/pt/) Pode ser visualizado em computadores com sistemas Linux. CLEUSA DINIZ. do Colégio Marista Arquidiocesano. ela é feita com o mouse pelo aluno.... Em inglês.. Um deles possibilita saber se você é sustentável. é de fácil entendimento.. Dissecação Virtual de Sapos (abr. mas por ser bastante ilustrativo.lodo. Planets (Apple Store) Em inglês. I (stellarium. Planeta Sustentável (abrJo/sustentavel) ~b O site desta iniciativa da Editora Abril oferece vários simuladores e testes ambientais.io/ ciencias) Simula a atividade de dissecaçãode um sapo.~. GRÁTIS este aplicativo para tablets mostra onde estão os planetas e as constelações.#FERRAMENTAS I BOM PARA. Transforma a tela em um planetário exibindo o céu em três dimensões. . ~ LI ee.L.. Windows e Macintosh. Sem sujeira.

.~--== ---. É poss(vel escolher o ponto de partida. Mescla imagens recentescom antigas. __- Google Earth (abr." são VILMAR CARLOS DE OLIVEIRA. I 67 . t>r) As imagens tridimensionais permitem ver com clareza ruas e bairros como se o aluno estivesse passeando por eles. aconteceram Asianosúltimos anos. I a diferença entre a zona rural e a urbana de um munic(pio. na O resultado muito melhordo que foi professor de Geografia do 62 ano da EE Professora Eunice dos Santos. ~ GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO.BOM PARA.. por exemplo). em qualquer região do mundo.google. e1 dos de papel por permitir a interatividade. as dos que nemsempre atuais. I~ mostrarapenas fotografias livros.com. por exemplo. a 218 quilômetros de Cuiabá. Ele pode. . observar I(.io/earth) Possibilita visualizar fotos feitas por satélite e aéreasde regiões da Terra. o que é ótimo para comparar mudanças ao longo de um período. em Rondonópolis. a escala e o tema (fronteiras.. Google Street View (maps.

projeto estádando O tão certo que um jornal local irá imprimi10pra gente no formato real." e da nossacidade. leva o aluno das séries finais do Ensino Fundamental a uma viagem pela sociedade do século 17 durante o período da Revolução Francesa. 68.. do pa(s já tem várias coleções e obras dispon(veis online. BOM PARA. em Indaiatuba.GUIA I DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO . Vale conferir a versão original de Os Lusíadas e a Coleção Teresa Cristina sobre o Império. professor de História da EM EF Padre Joaquim Aparecido Rocha.' Wordpara digitaro texto e a intemet para buscar informações imagens. colhendo notícias para as relacionar com as do passado..Eles também acompanham os jornais. semanalmente. e Entre asreportagens.~ .io/triade) Jogo de com um dos maiores acervos simulação.br) Tríade (abr. a biografiade grandes está personagens Históriado Brasil da EVANDRO PAGANI.Nacional A instituição (bndigital.'.bn. a 102 quilômetros de São Paulo. .

Voicethread (voicethread..BOM PARA..nome e cores animaisetc. Para usar basta se cadastrar e ter um microfone. professora de inglês do 2Qao SQ ano do Colégio Pentágono..-mapas mentais e fluxogramas.com) Aplicativo simples e fácil para gerar livros e outros tipos de publicações digitais.. c ~".69 I ..:' c~. durantea aula(partesdo corpo.. .-:: ~ --' !t . por exemplo. ->ubbt.' ""1 ANA PAULA OLIVEIRA. ~. ~= . crianças as fizeramuma apresentação paratoda a turma oral explicando suas escolhas..)... ~:. organizar as palavras aprendidas por categorias ou o percurso de uma história.~ ê"..com) Serve para gravar áudios com a voz do aluno falando em inglês ou espanhol.-J~ Youblisher (youblisher. Os alunos podem contar as próprias narrativas ou recontar a seu modo algo que leram. I~ Depois. em São Paulo. de GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃo. associando o som à imagem ."".. Essa estrutura pode ser utilizada para.que ele escolher..

pesqul:. E. se seria possível praticá-Ias em nossaquadra. Nas aulas seguintes. e os alunos utilizaram os netbook~ \{U~ -. .~ equipamentos usadosparaprabca-lv. eles recorreram à web e encontraram uma EDSON NASCIMENTO DOS SANTOS. a 114 quilômetros de São Paulo. Tenho utilizado a tecnologia também.uso meu blog. o que facilitou muito o trabalho. professor de Educação Frsica do 92 ano da EE Pau1ina Rosa.versão diferença entre rugby ~ aturmét .:.Eles buscaramdiversa:. Fiz na sala de aula '"'. compartilharam as descobertascom os colegas.estudamosessas regrase praticamos os esportes..assim:: -.: em aulas sobre outros temas e o resultado é sempre positivo. Como temos uma rede wireless pudemos até levar os computadores para a quadra. Mais uma vez. 70eGUIA I DE TECNOlOGIA NA EDUCAÇÃO Eufiz .C adaptadaque pode ser realizada dentro da estrutura disponível em escolas públicas brasileiras como a nossa.: .Também.. temos na escola. em Hortolândia. Questionei.Depois." páginasna intemet e identificaram asregrasdesses esportese os --' ". visitaram sitesdas ligas e ~~ federações vinculadas a essas modal1dadc" e encontraram fotos e vídeos. então. para complementar os conteúdos.C1:.

possibilita a elaboração de pôsteres virtuais interativos.. . fotografia e textos e outros recursos digitais disponíveis na internet permitem explorar a criatividade dos alunos. ! GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃo.BOM PARA.com) Em inglês. formador de professores de Arte na Comunidade Educativa Cedac.. ficou mais simples mostrar à turma imagens do mundo todo. O aluno visita uma mansão com pinturas de artistas como Vincent Van Gogh (18531890)e Michelangelo (1475-1564).glogster. os chamados glogs. promove um passeio pela História da Arte em um Role Playing Game(RPG).~L_' Q ~ ~ Glogster (edu. A Mansão de Quelícera (casthalia.71 I . com texto. De outro.com/pt-br) pode-sepromover uma visita virtual aos principais museus do mundo.com. Um universo de imagens A chegada de recursos audiovisuais na sala de aula representa um marco para os professores de Arte. programas de edição de vídeo. CreC\t. em São Paulo. De um lado. áudio e vídeo.~ learning Express it with a Glog" SigoUpo~1 PALAVRA DO ESPECIALISTA ~':e ~ (( Como CoogleArt Project (9009 leartproject. ) ) AN DRÉ VI LELA. O trabalho pode ser feito individualmente ou em grupo e o material pode ser impresso e salvo na web ou em um arquivo.&ve _8i. imagem. Depois o professor pode pedir que a turma faça um relatório e analise o que viu de acordo com o que está sendo estudado. br) Jogo indicado para crianças e adolescentesde 9 a 14 anos. i g .

O que também faço bastante é capturar imagens de obras na internet para ilustrar as aulas de Arte. 72. publicamos as produções blog.sinto que osestudantes ficammaisatentosna classe:' DÉBORA NIKLAUS.analisando cada passo. Isso é muito útil nas aulas de Matemática e Língua Portuguesa. Comoesses recursos permitemuma interação maior.Após a correção ortográfica. temosum professor responsável por essa área. professora do 52 ano de EJAda EM EF Vila Thomazina.É ótimo porque.por exemplo. I GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO . Uma das atividades que realizamos foi a produção de poemas. nosauxilia na seleção Ele dos materiaisonline e tambémna preparação dasmáquinas.podematé aprimoraro que já foi publicado.uma vez por semana os alunos utilizam o computador em sala de aula. seguidarevisamos. dei aulas sobre essegênero e depois eles escreveram osprópriostextosno Word. Além disso.caso no elesqueiram. Temos netbooks distribuídos há três anos pela prefeitura.#FERRAMENTAS" Eufiz assim:) nasaulas. em Campo Limpo Paulista. na região metropolitana de São Paulo.Paraconseguir realizar essas atividades como usoda tecnologia.Durante um mês.

. Dependendo do nível da classe. com a internet isso ficou ainda mais fácil.. Grátis... atenção. Basta usar os famosos comandos para selecionar o texto. Mas. nem sempre a cópia deve ser condenada.~'.73 I ." CÉSAR NUNES. Dessaforma) eles terão de assimilar o conteúdo para) depois)realizar a tarefa. Os exercícios realizados com a ajuda da web) principalmente aquelesfeitos fora da escola) precisam exigir que eles contextualizem as respostas. Com o Google. também está mais fácil para o professor descobrir essaartimanha. copiar e colar. Para garantir isso)o professor pode pedir que o tema pesquisado seja comentado ou relacionado a outros aspectos de conhecimento do estudante. I No ted. TED -~ ".PALAVRA DO ESPECIALISTA (( Se os alunos copiaram da internet o trabalho ou o dever de casa pode ser que a atividade não tenha sido bem conduzida. < z ~ ~ ~ 3: ~ GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃo.~.ed. alguns com legenda.": """"r".com) Essaorganização sem fins lucrativos tem como lema espalhar ideias brilhantes com palestras realizadas no mundo todo.ela é aceitável. pesquisador da US~ BOM PARA. Os vídeos estão disponíveis no site. Cabe a você avaliar a fonte escolhida e a conexão da resposta com o restante do trabalho realizado pelo aluno. wcxth 1M c~ = ~~~~~".t:!~~~~. Explore o ctrl+c ctrl+v Se quando não existia computador a garotada copiava conteúdos dos livros. --~ = TED (ted.com ainda é possívelassistir a aulas em vídeo e criá-Ias.

FONTE ESCOLA DO FUTURO DA US~ SENAC SÃO PAULO E WEBQUESTORG CONSULTORIAjARBAS NOVELlNO BARATO. Um dos serviços gratuitos para isso é o criarsites. um desafio para ser enfrentado com base na pesquisa. Proponha algo novo. como seminários. Crie um site ou um blog com a descrição do percurso a ser seguido pelos alunos e nele explique a forma de avaliação. I GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO . Destine um intervalo de cerca de cinco aulas para a conclusão da sequência e a apresentação do produto final. Evite propor atividades comuns a outros momentos. Na sala de aula.Elabore a tarefa. tire as dúvidas. estimule e garanta a cooperação.com. DOUTOR EM I DUCAÇÃO PElA UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS (I 74.

A escola que eutrabalhava possuía em não laboratóriode informática. jANVElSON FIRMINO FERNANDES BARBOSA. todosdemonstraram muito interesse dedicação e duranteo processo realizadolongeda salade aula e adorarama metodologia. ou Decidi.meusalunos. na Paraminha surpresa. Combase orientação na passada por mim. elestinham de levantar na intemet informações sobrea Antártida comoa fauna.a flora. em Natal. CURTI! ((Aprendi que um continente quase inabitado pode A cada clique} apareciam ter muitas informações relevantes. utilizar o Webquest. Com a internet) tudo ficou maisfácil.Masfizemos uma pesquisa verificamo~que e 99% dosestudantes tinham acesso intemet à emcasa em lan houses.assim:: em casa :tecnologias ." RUSSIANE DA COSTA CAXIAS. informações novas e isso me incentivava mais ainda".75 I Eufiz .então. formadora da Secretaria de Educação de Parnamirim e ex-professora de Geografia da EM IV Centenário. é gratuito e bem que eficaz. GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃo. asleisde proteção e asbases científicas instaladas região. 15 anos.

depois. O caminho mais comum dessas novidades costuma começar nas universidades e depois se expandir e se popularizar. no Fundamental e. No fim do semestre. algumas das ferramentas que estão percorrendo esse trajeto e que ainda podem chegar até sua sala: MONITOR DIGITAL INTERATIVO SISTEMA DE RESPOSTA INTERATIVA Funciona como uma TV. Um dos usos é acoplá-lo a um microscópio e exibir para a turma toda o que apenas um poderia ver. Preço: 3 mil reais. Preço: 7 mil reais (kit com 12). Conheça. então.#FUTURO Em muitas escolas. a turma responde a questões de provas e enquetes. Preço: 7 mil reais (60 polegadas). o professor avalia a evolução de cada um em uma planilha gerada pelo software. VISUAlIZADOR DIGITAL Ele filma objetos que são posicionados em frente à sua câmera e projeta a imagem a ser explorada imediatamente na tela. Além disso. por último. na Educação Infantil. Não é preciso diminuir a luz do ambiente para ter uma boa imagem.GUIA I DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO . primeiro.o desafio ainda é ter computadores básicos e internet de qualidade disponfveis para as atividades de ensino. mas outras já estão de olho nas mais recentes invenções. no Ensino Médio. Com um controle sem fio. só que o toque substitui o mouse. tem as funções de um computador. I".

já há softwares brasileiros com foco em conteúdos como o corpo humano. Uma tela sensfvel ao toque na superffcie da mesa permite que os alunos trabalhem em grupo. Preço: 1. Dispensa o uso de lousa digital e exibe imagens em superfícies lisas. juntos eles podem tocar nas imagens apresentadas e arrastá-Ias conforme o que for indicado na atividade. GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO 77 r . Além disso.SENSOR DE MOVIMENTOS MESA INTERATIVA PROJETOR INTERATIVO Com a tecnologia Kinect. Preço: 30 mil reais. a luz do equipamento não incide sobre os olhos nem gera sombras e a projeção é sensível ao toque. ele interpreta os movimentos e aplica os comandos em uma tela com imagens tridimensionais. como o quadro.5 mil reais/mês. a parede ou até o piso da sala. Preço: 9 mil reais.

participativo e colaborativo._~... uma escola Era a classe mais .) c CAs pesquisas sobre inovação mostram que)passado o momento de desconhecimento e caos introduzido pela novidade)as pessoastendem a se reorganizar. ele dividiu a turma em Com apuração de JÚLlA DE MEDEIROS 7SeGUIA I DON TAPPSCOT. Logo." vi. Não. na Surça. .~ --2 -se tornará um a uma bagunça " tiver equipamento? grupos e pediu que descobrissem. E passaram a explicar para os colegas. UMA PERGUNTA -'_. alguns alunos levantaram a mão. ( . professora e coordenadora do laboratório Inovação-Formação-Educação da Universidade de Genebra. pois eles haviam encontrado a resposta.PALAVRA DOS ESPECIALISTAS ti) (( O impacto das r/c na Educação é)na verdade)um aspecto particular de umfenômeno muito mais amplo) relacionado com o papel dessastecnologias na sociedade atual._~. de pensar e)em suma) de viver:J J CÉSAR COLL E CARLES MONEREO. Foi um aprendizado guiado. de comunicar-se)de relacionar-se)de aprende/. (." MONICA GATHER THURLER.. Diante da resposta negativa. pesquisador canadense ELlSA MEIRELLES e RODRIGO RATIER Colaboraram DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO ... No caso das tecnologias)por exemplo)elas aprendem que não precisam abrir o e-mail a cada dois minutos nem responder tudo na mesma hora.~ :. no livro Psicologia da Educação Virtual. Acho importante desenvolver essa contra-corrente) uma domesticação das novas tecnologias)para que elas estejam a serviço dos objetivos de ensino e de aprendizagem.estava conectado com as crianças em um blog de astronomia e perguntou se eles sabiam o que era o equinócio. pesquisadores espanhóis.) Estamosassistindojá há algumas décadas ao surgimento de uma novaforma de organização econômica) social)política e cultural) ident{ftcada como Sociedade da Informação (SI)) que comporta novas maneiras de trabalha/.

.

Em um universo com tantos desafios (evasão. além de facilitar a comunicação com a comunidade externa. O uso das mídias digitais.Também possibilita gerenciar informações sobre as matrículas.favorece o ensino de maneira mais personalizada. E.Já existem muitas tentativas de empregá-Ios a favor da melhoria da Educaçãoe da gestãoescolar.FERNANDO REIMERS Professor e diretor de Educação Global da Universidade de Harvard. desde que os primeiros computadores foram inventados. permite avaliar estudantes e darfeedback sobreo aprendizado. por que a tecnologia ainda não produziu a transformação que ajudaria a enfrentá-Ios? O cerne do problema está no lado humano dessaequação. Animadas por esseevidente poder e pela certeza de que ascriançase osjovens de hoje viverão num mundo em que o conhecimento tecnológico será essencialpara o trabalho e para a vida civil.o progressoacadêmicoe os recursoshumanos de escolas. com a colaboração de ZACHARY AHMED. engajadae autêntica.).nos perguntamos como eles podem transformar o ensino e a aprendizagem. facilitaram inovações e diminuíram custos em várias áreasprodutivas.Coisasboas acontecemnas instituições porque há indivíduos que batalham para o .há cercade 30 anos. estudante de especialização em Ciências da Computação da Universidade de Harvard. s avançosda tecnologia transformaram indústrias. por exemplo. atitude A mais recente nessesentido é a de fornecer um laptop ou um tablet a cadaestudante. baixa qualidade do ensino etc. muitas nações têm investido em computadores e outros recursospara asescolas. so- GUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO i i ! .Mas vários estudose a simples observaçãosugeremque esse esforço ainda não colabora com a inovação na Educação.

sequisermos que asescolas inovem. aceitamos que ele esteja disponível apenaspara Uma vezdefinido o conjunto de competências que norteará os objetivos educacionais. E um dos desate essa questãopropôs complementar os conteú. GUIA DE TECNOLOGIA . empatia e a capatencial para reconfigurar os tradicionais papéis cidade de seautorregular. NA EDUCAÇÃo. coloca-se uma questão-chave: é possível reconfigurar o programa de estudose a didática de forma a tornar a Educação mais relevante e eficiente? O currículo e os materiais de ensino muitas vezes estão longe do contexto e dos interessesdos jovens.costumam oferecerescolhassobre o que estudar to de habilidades e conhecimentos dos estudan. criati. a aulas e palestrasde sólida em comunicação.brar que no centro do ensino estáa interação de crianças e jovens com o conteúdo. com seuscolegas e professores. estudanalcançá-Ias orientar a inovação. . Ou seja.ênciase caminhos diversosa fim de obter domídas monstraram a importância de competências nio sobre um mesmo tema.perseverança.material valiouma aliança público-privada (p21. por que munidades em que estãoinseridos.-~. A tarefa primordial dos gestores escolares consiste em definir bem o objetivo a ser alcançado e Pelo que se observa.fazendo com que eles não estabeleçam coCompetências do século 21 nexão entre suavida e o que aprendemna escola.texto.de professore de aluno.pois ela dá acesso uma rea no século 21? Há um consensosobre uma base de global de aprendizado. Além disso.maioria dos estudantesde uma classe.so para informação e inspiração. eficientes e produtivos sua principal aliada.cabe ao uma pessoa em posição de autoridade formal? Talvezseja essaa inovação mais significativa da dirigente mapear os processosque permitirão tecnologia: ela permite que educadores. os computadores possibilitam seguirsequção. cursosuniversitários ou técnicos. Convém leme que elas ocorram. E o desafio da liderança é garantir espaço para a mudança. Por esse motivo.Masquais ascompetênciasessenciais eles que precisamaprender a fim de se tomar cidadãose Novos papéis na aprendizagem A personalizaçãodo ensino encontra na intemet trabalhadores engajados. línguas.e focam problemas que motivem os alunos.org)que deba.fios do professoré apresentarconteúdos úteis à Nessecondos tradicionais com pensamento crítico. Seatualmente é possível obter tanto conhecimento na intemet.os alunos devem desenvolvera noção de cidadania nas co. As ferramentas tecnológicas também têm pocomo resiliência.Nos EstadosUnidos. Matemática. Pesquisas últimas décadastambém de.os docentesbem-sucedidos ele deve estarrelacionado com o desenvolvimen. diretores Os precisamentender o uso dos recursostecnológicoscomo um apoio a seutrabalho e buscarmaneiras eficazes para alcançarbons resultados. vidade e capacidadede comunicação e colabora. Ciências e estudos sociais. precisamosde líderes focadosna conduçãodesse processo. tes.81 "C" .

essas mudanças não estãoacontecendocom consistênciaou a um ritmo suficientemente rápido para permitir uma reinvenção substancial da Educação.como o registro de frequência e do progressode turmas inteiras de estudantes.Dessa maneira. precisarão fomentar uma cultura voltada à experimentaçãoe ao risco. Gestão de processos e de pessoas A auto matiz ação de processosadministrativos que dão apoio à Educação. de Do conseguemdar retomo a outros alunos pela internet. provavelmente. vale garantir o acesso.têm a chance de trocar informações. o desempenho de processos escolarestradicionais. É responsabilidadedos gestoresindicar os caminhos mais propícios para que as mudanças sejam implementadas. os líderes comprometidos com tais esforçosprecisam mostrar capacidadede integração e de comunicação.em um futuro próximo. Outras ferramentas ajudam a escolaa melhorar a comunicação e a participação dos pais.Assim.a tecnologia colabora com inovações que melhoram. Mas também precisam assumir o compromisso de se engajar no mundo digital. ferramentas adequadas as e o apoio para tanto. o~ 82rGUIA DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO . usando a tecnologia para realizar seutrabalho e aprendendo continuamente com ela para liderar deforma eficiente. os estudantes podem apresentarseutrabalho a um público mais amplo -incluindo colegasda mesma escolae outros espalhadospelo mundo -e receberfeedback outras pessoas. Jáos professorespodem participar de comunidades de desenvolvimento profissional online.Uma delas é que as novas tecnologias.pais e outros interessadosredefinarn hierarquias velhase antiquadas. Claramente. As decisõese atitudes destesgestores de hoje indicarão se. ajudarão estudantesa desenvolver um espírito empreendedor e darão aoseducadoresa chancede promover uma cultura de aprendizado na era digital. . Se esperam envolver sua equipe. aprimorar suaspráticase refletir sobre suas capacidades profissionai~. ao aprendizado com os erros e à paciência quando as coisasnão saírem como planejadas. Iniciativas participativas e abertasque envolvam os estudantes. ou seja. tomam possíveisformas de liderança mais democráticas.a ~~' II- tes. a tecnologia transformará de fato a Educação. No entanto.em particular aquelasligadas em rede e asmídias sociais.O desafio dos diretores é envolver a comunidade escolarno processoe. . além de pesquisarconteúdos por conta própria.hoje. libera o tempo dos professorespara o ensino.Seanteso docente era o principal responsável pela apresentação um de novo conteúdo e por darfeedback. confiança e humildade (para admitir o que não conheceme valorizar pessoasque sabem mais). Outra pressupõe que a responsabilidadecompartilhada acelerao desenvolvimento de boas estratégias tecnolode gia na escolil. de forma dramática. mesmo modo.sãoasmais eficientes por uma série de razões.além dos professores.setodos devem obter ashabilidades necessárias para inovar. abrindo espaço para a emergência de novas formas de aprendizado.

JÁNAS BANCAS! .Sisue Fies. Encontreo caminhopara as respostasnos próprios enunciados das perguntase tire suasdúvidassobreo mecanismo nota do da exame.ProUni.K quem quer se dar bem na provaaesleano.