Você está na página 1de 2

25/02/13

Untitled Document

PPA , LDO e LOA O s instrum e ntos de plane jam e nto orçam e ntário (PPA, LDO , LO A) são proje tos de iniciativa do Pode r Ex e cutivo e tê m as se guinte s caracte rísticas principais: É e ditado a cada quatro anos com vigê ncia até o final do prim e iro e x e rcício finance iro do m andato pre side ncial subse qüe nte , conform e de te rm ina o art 35 § 2º inciso I do Ato das Disposiçõe s C onstitucionais Transitórias (ADC T); Te m por obje tivo e stabe le ce r, de form a re gionalizada, as dire trize s, obje tivos e m e tas da adm inistração pública fe de ral para as de spe sas de capital e outras de las de corre nte s e para as re lativas aos program as de duração continuada ; Apre se nta, alé m do valor das de spe sas de capital (inve stim e ntos e m e scolas, e stradas, e tc.), as m e tas físicas por tipo de program a e ação, lista as de spe sas de duração continuada e condiciona toda a program ação do orçam e nto ao plane jam e nto de longo prazo; Ne nhum inve stim e nto cuja e x e cução ultrapasse um e x e rcício finance iro pode rá se r iniciado se m pré via inclusão no plano plurianual, ou se m le i que autorize a sua inclusão, sob pe na de crim e de re sponsabilidade ; Proje to de ve se r e ncam inhado pe lo Ex e cutivo ao C ongre sso Nacional até 31 de agosto do prim e iro ano de cada m andato pre side ncial e de ve se r de volvido para sanção até 15/de z.

Plano Plurianual – PPA

Lei de Diretrizes Orçamentárias – LDO

É e x pe dida anualm e nte e com validade ape nas para um e x e rcício; C om pre e nde as m e tas e prioridade s da Adm inistração Pública Fe de ral, incluindo as de spe sas de capital para o e x e rcício finance iro subse qüe nte , orie ntará a e laboração da le i orçam e ntária anual, disporá sobre as alte raçõe s da le gislação tributária e e stabe le ce rá a política de aplicação das agê ncias finance iras de fom e nto. Estabe le ce , assim , de form a ante cipada, as dire trize s, as prioridade s de gastos, e as norm as e os parâm e tros que de ve m orie ntar a e laboração do proje to de le i orçam e ntária para o e x e rcício se guinte (parágrafo 2º do art. 165 – C F); A conce ssão de qualque r vantage m ou aum e nto de re m une ração, a criação de cargos, e m pre gos e funçõe s ou alte ração de e strutura de carre iras, be m com o a adm issão ou contratação de pe ssoal, a qualque r título, pe los órgãos e e ntidade s da adm inistração dire ta ou indire ta, inclusive fundaçõe s instituídas e m antidas pe lo pode r público, só pode rão se r fe itas: I - se houve r pré via dotação orçam e ntária suficie nte para ate nde r às proje çõe s de de spe sa de pe ssoal e aos acré scim os de la de corre nte s; II - se houve r autorização e spe cífica na le i de dire trize s orçam e ntárias, re ssalvadas as e m pre sas públicas e as socie dade s de e conom ia m ista. A se ssão le gislativa não se rá inte rrom pida se m a aprovação do proje to de le i de dire trize s orçam e ntárias. Proje to de ve se r e ncam inhado pe lo Ex e cutivo ao C ongre sso Nacional até 15 de abril de cada ano de ve ndo se r de volvido para sanção até 30 de junho.

É e ditada para cada e x e rcício fiscal, que coincide com o ano civil; C onform e o parágrafo 5º do art. 165 da C onstituição, com pre e nde rá trê s parte s: Orçamento Fiscal - re fe re nte aos Pode re s da União, fundos, órgãos e e ntidade s da adm inistração dire ta e indire ta, inclusive fundaçõe s instituídas e m antidas pe lo pode r público; Orçamento da Seguridade Social - abrange ndo todas as e ntidade s e órgãos a e la vinculados, da adm inistração dire ta e indire ta be m com o os fundos e fundaçõe s instituídas e m antidas pe lo pode r público, de stinados a se gurar os dire itos re lativos: à Saúde ; à Pre vidê ncia; à Assistê ncia Social; Lei Orçamentária A nual – LOA Orçamento de Investimento das Estatais - e m pre sas e m que a União dire ta ou indire tam e nte de te nha a m aioria do capital social com dire ito a voto o O rçam e nto Fiscal e o O rçam e nto de Inve stim e ntos, com patibilizados com o plano plurianual, te rão e ntre suas funçõe s a de re duzir

de sigualdade s inte r-re gionais, se gundo crité rio populacional. não conte rá dispositivo e stranho à pre visão da re ce ita e à fix ação da de spe sa, m as pode rá conte r a autorização para abe rtura de cré ditos suple m e ntare s e contratação de ope raçõe s de cré dito, ainda que por ante cipação de re ce ita, nos te rm os da le i.
www.lrf.com.br/mp_op_ppa_ldo_loa.html 1/2

que pode se r assim re sum ida: o PPA e stabe le ce o plane jam e nto de m é dio e longo prazo.html 2/2 . proibição de criar de spe sas de duração continuada se m um a fonte se gura de re ce ita. com o lim ite de gastos com pe ssoal.25/02/13 Untitled Document o Proje to de le i orçam e ntária de ve se r e nviado ao C ongre sso Nacional até 31 de agosto de cada ano. m ate rializa as açõe s e program as pre vistos no PPA. dos Estados e Municípios. À LDO . e m função do ve to pre side ncial ao artigo 3º da LR F.lrf. Pe la análise conjunta de sse s trê s instrum e ntos. por sua ve z. C om a introdução da Le i de R e sponsabilidade Fiscal. e de volvido para sanção até 15 de de ze m bro. Entre tanto. atividade s e ope raçõe s e spe ciais.br/mp_op_ppa_ldo_loa. e nquanto que a LO A fix a o plane jam e nto de curto prazo. de stacando do PPA os inve stim e ntos e gastos prioritários que de ve rão com por a LO A e de finir as re gras e norm as que orie ntarão a e laboração da le i orçam e ntária para o e x e rcício se guinte . a LO A e . cabe o pape l de e stabe le ce r a ligação e ntre e sse s dois instrum e ntos. ou se ja. sofre ram grande s alte raçõe s com o adve nto da Le i C om ple m e ntar nº 101/2000. novas re sponsabilidade s foram introduzidas para o adm inistrador público com re lação aos orçam e ntos da União. Não ocorre ram alte raçõe s no PPA. à LDO e à LO A um a atuação inte grada. principalm e nte . por m e io dos program as e açõe s de gove rno. A Le i introduziu a re strição orçam e ntária na le gislação brasile ira e cria a disciplina fiscal para os trê s pode re s. por m e io de proje tos. de pre e nde -se que a conce pção do proce sso de plane jam e nto e orçam e nto confe re ao PPA. a LDO . www.com.