Você está na página 1de 19
DISCIPLINA: CIÊNCIAS DODO AMBIENTE DISCIPLINA: CIÊNCIAS AMBIENTE
DISCIPLINA: CIÊNCIAS DODO AMBIENTE
DISCIPLINA: CIÊNCIAS
AMBIENTE
GRANDES QUESTÕES Você concorda com a idéia de que a liderança mundial estará nas mãos de
GRANDES QUESTÕES
Você concorda com a idéia de que a liderança
mundial estará nas mãos de países que conseguirem
modificar o conteúdo material e energético da vida
econômica?
Como enfrentar a crise ambiental e manter o
crescimento econômico do país?
Devemos voltar o consumo aos padrões de 4
décadas atrás?
Voltar o consumo aos níveis passados é a solução para diminuir a degradação ambiental? A desaceleração
Voltar o consumo aos níveis passados é a solução
para diminuir a degradação ambiental?
A desaceleração da economia e a restrição ao
consumo são as saídas para a crise ambiental ?
Como incorporar nos fluxos de custos e receitas os
impactos ambientais e/ou os benefícios de
tecnologias menos poluidoras?
••Você Você acredita que oo progresso depende mais acredita que progresso depende mais dodo apelo aoao
••Você
Você acredita que oo progresso depende mais
acredita que
progresso depende mais dodo
apelo aoao coração
apelo
coração dodo que
que àà carteira das pessoas?
carteira das pessoas?
•• Qual
Qual oo custo
custo dede oportunidade para aa sociedade
oportunidade para
sociedade
com
com aa preservação permanente dede áreas
preservação permanente
áreas dede rica
rica
diversidade ??
diversidade
•• AA atribuição
atribuição dede direitos legais aa natureza
direitos legais
natureza éé aa saída
saída
para
para oo desenvolvimento sustentável?
desenvolvimento sustentável?
AA contabilização dos impactos ambientais num contabilização dos impactos ambientais num projeto pode torná--lolo viável projeto
AA contabilização dos impactos ambientais num
contabilização dos impactos ambientais num
projeto pode torná--lolo viável
projeto pode torná
viável dodo ponto
ponto dede vista
vista
financeiro
financeiro??
•• OO que vale mais: uma floresta
que vale mais: uma floresta emem pépé ouou aa produção
produção
agrícola naquela área
agrícola naquela área ??
•• Qual
Qual oo custo
custo dede oportunidade
oportunidade dede não
não sese extrair
extrair
minério emem detrimento
minério
detrimento dada preservação
preservação dede paisagens
paisagens
ambientais bucólicas?
ambientais bucólicas?
DS – ECODESENVOLVIMENTO – INÍCIO DÉC. 70  VISÃO TEÓRICA • Conceito normativo • • Ignacy
DS – ECODESENVOLVIMENTO – INÍCIO DÉC. 70
 VISÃO TEÓRICA
Conceito normativo
Ignacy Sachs – Escola de Altos Estudos em CS de
Paris
Surgimento: controvérsia CRESC ECON x MA
1) RELATÓRIO CLUBE DE ROMA – CRESCIMENTO
ZERO - EVITAR CATÁSTROFE AMBIENTAL
EMERGE COMO PROPOSIÇÃO CONCILIADORA – PT
RELATIVIZA LIMITES E NÃO OS ELIMINA – GEROU
DIVERGÊNCIAS
2)
RELATÓRIO BRUNDTLAND – SATISFAÇÃO DAS
NECESSIDADES PRESENTES E FUTURAS
Em 1970: relatório formulado pelo Clube de Roma e MIT - Limites do Crescimento: • modelos
Em 1970: relatório formulado pelo Clube de Roma e MIT -
Limites do Crescimento:
• modelos que relacionavam variáveis de crescimento
econômico, explosão demográfica, poluição e
esgotamento de recursos naturais – repercussão
internacional
• ênfase nos aspectos técnicos da contaminação e no
esgotamento dos recursos naturais.
• Objetivos: obter visão mais clara dos limites do planeta e das
restrições à população e suas atividades e identificar os
elementos que influenciavam o comportamento dos sistemas
mundiais e suas interações
Clube de Roma:  grupo de pessoas ilustres (cientistas, políticos, industriais) que se reúnem para debater
Clube de Roma:
grupo de pessoas ilustres (cientistas, políticos,
industriais) que se reúnem para debater um vasto
conjunto de assuntos relacionados a política, economia
internacional e , sobretudo, ao meio ambiente e o
desenvolvimento sustentável.
Em 1966, Aurélio Peccei (industrial e acadêmico), top
manager da Fiat e Olivetti e diretor da Italconsult revelou
sua preocupação com a economia e o desejo de ter
algumas respostas. Recebeu donativos da Volswagen,
Ford, Olivetti e outras.
Em 1968, constituiu-se o Clube de Roma (tb. Alexander
King, cientista escocês.)
2 anos depois: Conferência das Nações Unidas para o MA:  questões ambientais levantadas: poluições do
2 anos depois: Conferência das Nações Unidas
para o MA:
questões ambientais levantadas: poluições do ar,
da água e do solo → industrialização ( a serem
corrigidas)
objetivo: encorajar a ação governamental e
dos organismos internacionais para promover
a proteção e o aprimoramento do meio
ambiente humano.
caráter muito pontual, privilegiando
basicamente a correção dos problemas
apontados.
Início da década de 1980: ONU retoma debate das questões ambientais. Indica a primeira-ministra da Noruega,
Início da década de 1980: ONU retoma debate das questões
ambientais.
Indica a primeira-ministra da Noruega, Gro Harlem Brundtland
para chefiar a Comissão Mundial sobre o Meio Ambiente e
Desenvolvimento, para estudar o assunto.
O documento final desses estudos chamou-se Nosso Futuro
Comum ou Relatório Brundtland.
Apresentado em 1987, propõe o desenvolvimento sustentável,
que é “aquele que atende às necessidades do presente
sem comprometer a possibilidade de as gerações futuras
atenderem às suas necessidades”.
Uma definição muito usada para o desenvolvimento sustentável é: ‘ O desenvolvimento que procura satisfazer as
Uma definição muito usada para o
desenvolvimento sustentável é:
‘ O desenvolvimento que procura satisfazer as
necessidades da geração atual, sem comprometer a
capacidade das gerações futuras de satisfazerem as
suas próprias necessidades, significa possibilitar que
as pessoas, agora e no futuro, atinjam um nível
satisfatório de desenvolvimento social e econômico e
de realização humana e cultural, fazendo, ao mesmo
tempo, um uso razoável dos recursos da terra e
preservando as espécies e os habitats naturais’.
Relatório Brundtland
SUSTENTABILIDADE SUSTENTABILIDADE •• Sustentável Sustentável éé oo que pode ser mantido que pode ser mantido ••
SUSTENTABILIDADE
SUSTENTABILIDADE
•• Sustentável
Sustentável éé oo que pode ser mantido
que pode ser mantido
•• EmEm ecologia
ecologia:: sustentabilidade
sustentabilidade ouou resiliência
resiliência:: capacidade
capacidade dodo
ecossistema
ecossistema dede enfrentar pressões externas sem comprometer
enfrentar pressões externas sem comprometer
suas funções.
suas funções.
•• EmEm economia, administração ee engenharias
economia, administração
engenharias:: como sustentar
como sustentar
oo crescimento
crescimento nono longo prazo, dado que aa função
longo prazo, dado que
função dede produção
produção
incorpora, além
incorpora, além dodo K,
K, osos RNRN
hipótese
hipótese usual de substituição perfeita entre
usual de substituição perfeita entre osos
fatores produtivos
fatores produtivos
Solow
Solow (EN) justiça ee equidade entre gerações
(EN):: justiça
equidade entre
gerações == consumo
consumo per
per
capita cte ouou crescente
capita cte
crescente nono LPLP == estoque
estoque dede capital total cte (inclui
capital total cte (inclui
CNCN exaurível
exaurível ee reprodutível)
reprodutível)
 Inicio
Inicio dada controvérsia
controvérsia dodo capital
capital dada economia
economia
ecológica
ecológica
O campo do desenvolvimento sustentável pode ser conceitualmente dividido em três componentes: a sustentabilidade ambiental, sustentabilidade
O campo do desenvolvimento sustentável
pode ser conceitualmente dividido em
três componentes: a sustentabilidade
ambiental, sustentabilidade econômica e
sustentabilidade sócio-política
1) 1) Defensores Defensores dada sustentabilidade fraca:: sustentabilidade fraca •• não interessa como sese dádá aa
1)
1) Defensores
Defensores dada sustentabilidade fraca::
sustentabilidade fraca
••
não interessa como sese dádá aa distribuição entre CNCN exaurível
não interessa como
distribuição entre
exaurível ee
reprodutível. OO importante
reprodutível.
importante éé que
que oo capital total permaneça cte
capital total permaneça cte
••
Floresta xx indústria: substituição dede umum tipo
Floresta
indústria: substituição
tipo dede capital por
capital por
outro, cuja mensuração
outro, cuja mensuração dede ambos não éé problema
ambos não
problema
2) Defensores dada sustentabilidade forte::
2) Defensores
sustentabilidade forte
••
CNCN éé complementar
complementar ee não substituível pelo capital reprodutível
não substituível pelo capital reprodutível
••
CNCN deve ser mantido cte –– CNCN crítico
deve ser mantido cte
crítico
44 tipos
tipos dede capital
capital
1) manufaturado
1) manufaturado ouou construído
construído
2) humano
2) humano
3) social/organizacional
3) social/organizacional
4) natural
4) natural
Sustentabilidade ambiental Consiste na manutenção das funções e componentes do ecossistema, de modo sustentável, podendo igualmente
Sustentabilidade ambiental
Consiste na manutenção das funções e
componentes do ecossistema, de modo
sustentável, podendo igualmente designar-se
como a capacidade que o ambiente natural
tem de manter as condições de vida para as
pessoas e para outras espécies e a qualidade
de vida para as pessoas, tendo em conta a
habitabilidade, a beleza do ambiente e a sua
função como fonte de energias renováveis
Sustentabilidade econômica É a capacidade de produção, distribuição e utilização equitativa das riquezas produzidas pelo homem.
Sustentabilidade econômica
É a capacidade de produção, distribuição e
utilização equitativa das riquezas
produzidas pelo homem. Se relaciona
com os demais conceitos que definem
desenvolvimento sustentável como
sustentabilidade ambiental, social e
política .
Sustentabilidade sócio-política Ainda em construção conceitual
Sustentabilidade sócio-política
Ainda em construção conceitual
Sustentabilidade ecológica Sustentabilidade ecológica (deve (deve ser incluída ser incluída neste esquema) neste esquema)  SESE
Sustentabilidade ecológica
Sustentabilidade ecológica (deve
(deve
ser incluída
ser incluída neste esquema)
neste esquema)
 SESE como
como umum subsistema
subsistema dede umum todo maior que
todo maior que oo contém
contém
 MA impõe uma restrição absoluta
MA impõe uma restrição absoluta àà expansão
expansão dodo SESE
 Capital
Capital
construído
construído
ee
capital
capital
natural
natural
são
são
essencialmente
essencialmente
COMPLEMENTARES
COMPLEMENTARES
EE
NÃO
NÃO
SUBSTITUTOS
SUBSTITUTOS
SUSTENTABILIDADE FORTE..
SUSTENTABILIDADE FORTE
OO progresso
progresso
cientifico
cientifico
ee
tecnológico
tecnológico
éé
fundamental
fundamental
para
para
aumentar
aumentar aa eficiência
eficiência nono uso
uso dos
dos RNRN emem geral
geral (renováveis
(renováveis ee
não renováveis)..
não renováveis)
 AA sustentabilidade
sustentabilidade dodo SE,
SE, aa longo prazo, não
longo prazo,
não éé possível
possível sem
sem
estabilização dos níveis
estabilização dos níveis dede consumo per capita
consumo per capita dede acordo com
acordo com
aa capacidade
capacidade dede carga
carga dodo planeta
planeta..
Cabe
Cabe aa sociedade como umum todo (via estado, ONG etc decidir
sociedade como
todo (via estado, ONG etc)) decidir
sobre
sobre oo uso dos RNRN para evitar perdas irreversíveis..
uso dos
para evitar perdas irreversíveis
COMO FOI CONSTRUÍDA ESTA IDEIA?
ESSE É O NOSSO PRÓXIMO TÓPICO!
OBRIGADA! OBRIGADA!  Obs.: slides produzidos Obs.: slides produzidos aa partir das partir das referências bibliográficas
OBRIGADA!
OBRIGADA!
 Obs.: slides produzidos
Obs.: slides produzidos aa partir das
partir das
referências bibliográficas listadas nos slides
referências bibliográficas listadas nos slides
para introdução.
para introdução.