Você está na página 1de 5

Óleo sobre tela

Como se trabalhar com essa técnica

Iniciei o meu trabalho na pintura óleo sobre tela de forma profissional por volta dos anos 85 após ter durante alguns anos trabalhado só e exclusivamente com desenhos e depois de ter participado pela primeira vez de uma exposição colectiva em um grande centro comercial em Salvador como relatei na minha auto biografia, iniciei a partir desse momento os meus estudos sobre a pintura a óleo sobre tela. Essa técnica diferenciasses pela a suas formas de aplicação, tanto podemos usar pincéis, espátulas e até mesmo os dedos para criar efeitos diferentes e diversificados. Comecei da forma tradicional utilizando pincéis nas sua mais variadas medidas para cada tipo de aplicação, na verdade eu não chegava a possuir dezenas e centenas de pincéis de variados tamanhos e feitios para trabalhar, depois de algum tempo acabei por resumi-los aos mais importantes, menos de meia dúzia

<a href=PINTURAS A ÓLEO SOBRE TELA Óleo sobre tela Como se trabalhar com essa técnica Iniciei o meu trabalho na pintura óleo sobre tela de forma profissional por volta dos anos 85 após ter durante alguns anos trabalhado só e exclusivamente com desenhos e depois de ter participado pela primeira vez de uma exposição colectiva em um grande centro comercial em Salvador como relatei na minha auto biografia, iniciei a partir desse momento os meus estudos sobre a pintura a óleo sobre tela. Essa técnica diferenciasses pela a suas formas de aplicação, tanto podemos usar pincéis, espátulas e até mesmo os dedos para criar efeitos diferentes e diversificados. Comecei da forma tradicional utilizando pincéis nas sua mais variadas medidas para cada tipo de aplicação, na verdade eu não chegava a possuir dezenas e centenas de pincéis de variados tamanhos e feitios para trabalhar, depois de algum tempo acabei por resumi-los aos mais importantes, menos de meia dúzia " id="pdf-obj-0-10" src="pdf-obj-0-10.jpg">

Acompanhando os pincéis utilizamos uma palheta da qual pode-se encontrar no mercado eu seus variados tamanhos. Como gostava de fazer muitas misturas de tintas para conseguir uma infinidades de cores,usava uma palheta grande que me permitia fazer toda sujeira necessária. Depois de cada trabalho e apos algum tempo de inoperancia era necessário fazer a limpeza da mesma. Pelo fato de usar muito secante liquido para acelerar a secagem acabava por ter que usar métodos de limpeza um pouco mais pesados como por exemplo a raspagem da palheta usando um faca me amolada para o serviço

O secante liquido assim como a essência de terebentina e o aguarrás efectuava a mistura desses componente dos quais embebia o pincel dentro do recipiente para depois diluir a tinta que se encontrava na palheta. A função desses materiais eram especificas: O secante liquido como o nome já o diz era utilizado para acelerar a secagem devendo termos cuidado quanto a sua utilização para não exagerar na dose e depois de algum tempo se deparar com rachaduras na pintura.

Acompanhando os pincéis utilizamos uma palheta da qual pode-se encontrar no mercado eu seus variados tamanhos.

A essência de terebentina e o aguarrás tem como utilidade ajudar a diluir a tinta de forma mais uniforme. Cheguei a utilizar também outros produtos com o objectivo de criar brilho na tinta e mais elasticidade como por exemplo vernizes e extracto de banana. As tela no inicio as comprava, mais depois de algum tempo resolvi eu mesmo fabrica-la utilizando um tecido chamado algodão cru o qual depois de esticado em uma armação de madeira e preso nas pontas para que ficasse bem esticados, aplicava uma mistura de cola branca e agua para tampar os pequenos furos do tecido evitando assim que a tela pudesse absorver a tinta o que seria desvantajoso e causaria um desperdícios de material.

A essência de terebentina e o aguarrás tem como utilidade ajudar a diluir a tinta de

Depois de aplicado a essa mistura de agua e cola branca todo o tecido perdia a sua capacidade de absolvição e logo depois aplicava uma camada de tinta Latex que complementava a rigidez da tela tornando-a apta para a pintura. Depois de passar a produzir as minha próprias tela já não conseguia mais trabalhar com outras pelo fato de poder escolher a exacta textura da mesma e poder trabalhar sem ter por baixo a enorme quantidade de goma que geralmente são usadas nas telas industriais para tirar o grau de absolvição da tela e essa goma afectava embora de forma muito sútil a qualidade da tinta e

a sua aplicação.

a sua aplicação. Como não era de faltar usava também um cavalete daqueles com uma base

Como não era de faltar usava também um cavalete daqueles com uma base na parte inferior para poder guardar os pincéis. Para efectuar a limpeza dos pincéis depois do uso utilizava querosene o que em Portugal chamam de petróleo, esse liquido é muito eficiente para a limpeza sem provocar um desgaste muito grande dos pincéis, aconselho depois da limpeza com o querosene usar agua e sabão para remove-lo de vez do pincel caso contrário a sua concentração pode ocasionar queda dos pelo do pincel e consequentemente a sua invalidez. Inicio sempre a pintura com o esboço do motivo a ser desenhado, usando um lápis e na altura pela minha falta de experiência usava os famosos quadradinhos para poder ampliar as fotos que pretendia desenhar, como podem vocês contactarem no breve curso se desenho que ofereço nesse site. Depois de efetuado o esboço partia para a aplicação da 1º fase da pintura que consistia em cobrir todo o desenho, pintar toda a tela sem estar muito preocupado com detalhes como sombras e efeitos definitivos já que a 1º fase serve só para criar uma camada de tinta a óleo que receberá na 2º fase a tinta definitiva a qual nessa fase é que deveremos nos preocupar com as sombras, efeitos de claro e escuro e demais detalhes que definirá o trabalho dando-lhe

a sua beleza estética e plástica.

a sua beleza estética e plástica. Depois da 1º aplicação permitia que a tinta secasse pelo

Depois da 1º aplicação permitia que a tinta secasse pelo menos 12 horas antes da aplicação da 2º e definitiva fase. A vantagem do óleo sobre tela sobre os demais técnicas era o facto de poder fazer correcções na pintura e até mesmo eliminar detalhes do desenho que passou a não interessar. Tudo isso deve ser efeito durante o tempo em que a tinta ainda está fresca, podendo ser removida por completo utilizando um pano embebido em querosene é possível fazer toda a limpeza da área e aplicar um novo desenho e nova camada de tinta. Espero que tenha assimilado a minha informação e a mesma sirva de incentivo e teoria para a sua evolução. Obrigado.

Anildo Motta