Você está na página 1de 15

qwertyuiopasdfghjklzxcvbnmqwer

tyuiopasdfghjklzxcvbnmqwertyuio

pasdfghjklzxcvbnmqwertyuiopasd

pasdfghjklzxcvbnmqwertyuiopasd fghjklzxcvbnmqwertyuiopasdfghjk

fghjklzxcvbnmqwertyuiopasdfghjk

lzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklzxcv

bnmqwertyuiopasdfghjklzxcvbnm

qwertyuiopasdfghjklzxcvbnmqwer

tyuiopasdfghjklzxcvbnmqwertyuio

pasdfghjklzxcvbnmqwertyuiopasd

fghjklzxcvbnmqwertyuiopasdfghjk

lzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklzxcv

bnmqwertyuiopasdfghjklzxcvbnm

qwertyuiopasdfghjklzxcvbnmqwer

tyuiopasdfghjklzxcvbnmqwertyuio

pasdfghjklzxcvbnmqwertyuiopasd

fghjklzxcvbnmrtyuiopasdfghjklzxc

vbnmqwertyuiopasdfghjklzxcvbn

APOSTILA DE LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO III CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO PROF. ERWIN ALEXANDER UHLMANN Universidade Guarulhos
APOSTILA DE LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO III CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO PROF. ERWIN ALEXANDER UHLMANN Universidade Guarulhos
APOSTILA DE LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO III CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO PROF. ERWIN ALEXANDER UHLMANN Universidade Guarulhos

APOSTILA DE LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO III

CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO

PROF. ERWIN ALEXANDER UHLMANN

LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO III CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO PROF. ERWIN ALEXANDER UHLMANN Universidade Guarulhos Página 2
LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO III CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO PROF. ERWIN ALEXANDER UHLMANN Universidade Guarulhos Página 2
Conteúdo Índice de Tabelas 5 Índice de Figuras 5 Objetivo 6 Linguagens de estudo 6
Conteúdo Índice de Tabelas 5 Índice de Figuras 5 Objetivo 6 Linguagens de estudo 6
Conteúdo Índice de Tabelas 5 Índice de Figuras 5 Objetivo 6 Linguagens de estudo 6

Conteúdo

Índice de Tabelas

5

Índice de Figuras

5

Objetivo

6

Linguagens de estudo

6

Aula 1

6

PHP

6

O que é o PHP?

6

CSS

6

Pré-requisitos

6

CSS

8

Softwares

8

 

PHP Editor

8

Kompozer

9

Microsoft Expression Web 3

10

Adobe Dreamweaver CS4

11

Bloco de Notas

12

Aptana

12

Amaya

13

O

QUE É UM APLICATIVO PARA WEB?

14

COMO FUNCIONA UM APLICATIVO PARA A WEB

14

AULA 2

16

PHP

16

Configurar o Dreamweaver

16

O

código

18

AULA 3

20

Parâmetros

20

Operadores

22

Operadores aritméticos

22

Operadores de comparação

23

Operadores lógicos

23

Formulários

24

GET ou POST?

24

23 Operadores lógicos 23 Formulários 24 GET ou POST? 24 Universidade Guarulhos Página 3
23 Operadores lógicos 23 Formulários 24 GET ou POST? 24 Universidade Guarulhos Página 3
AULA 4 26 Concatenação 26 Arrays 26 Objetos 27 Condicionais 27 Comandos de
AULA 4 26 Concatenação 26 Arrays 26 Objetos 27 Condicionais 27 Comandos de
AULA 4 26 Concatenação 26 Arrays 26 Objetos 27 Condicionais 27 Comandos de

AULA 4

26

Concatenação

26

Arrays

26

Objetos

27

Condicionais

27

Comandos de repetição

30

AULA 5

31

do

while

31

for

31

AULA 6

33

Envio de e-mails

33

to

33

subject

33

message

33

additional_headers (opcional)

33

Email simples

35

AULA 7

38

Cookies

38

AULA 8

43

Conteúdo por tipo de

43

IP remote

44

AULA 9

45

Criação e leitura de arquivos

45

Criar arquivos

45

Ler arquivos

47

Upload de arquivos

47

AULA 10

49

Trabalho

53

BIBLIOGRAFIA:

54

BÁSICA:

54

SUPLEMENTAR:

54

 

PERIÓDICOS:

54

54 BÁSICA: 54 SUPLEMENTAR: 54   PERIÓDICOS: 54 Universidade Guarulhos Página 4
54 BÁSICA: 54 SUPLEMENTAR: 54   PERIÓDICOS: 54 Universidade Guarulhos Página 4
Índice de Tabelas Tabela 5 - Parâmetros de criação e leitura 45 Índice de Figuras
Índice de Tabelas Tabela 5 - Parâmetros de criação e leitura 45 Índice de Figuras
Índice de Tabelas Tabela 5 - Parâmetros de criação e leitura 45 Índice de Figuras

Índice de Tabelas

Tabela 5 - Parâmetros de criação e leitura

45

Índice de Figuras

Figura 1 - Propriedades de pastas do Windows

8

Figura 2 - PHP Editor

9

Figura 3 - Kompozer

10

Figura 4 - Expression web

11

Figura 5 - Dreamweaver

12

Figura 6 – Aptana

13

Figura 7 - Amaya

13

Figura 8 - Processamento de páginas

15

Figura 9 - Processamento de páginas dinâmicas

15

Figura 12 - Pasta local

17

Figura 13 – Pasta remota (FTP)

17

Figura 14 - Servidor de teste

18

Figura 15 - Menu com uso de cookies

39

Figura 16 - Formulário de criação de arquivos

46

Figura 17 - Formulário de upload de arquivos

48

de criação de arquivos 46 Figura 17 - Formulário de upload de arquivos 48 Universidade Guarulhos
de criação de arquivos 46 Figura 17 - Formulário de upload de arquivos 48 Universidade Guarulhos
Aula 1 Objetivo Desenvolver um modelo de site de notícias que atenda a qualquer situação,
Aula 1 Objetivo Desenvolver um modelo de site de notícias que atenda a qualquer situação,
Aula 1 Objetivo Desenvolver um modelo de site de notícias que atenda a qualquer situação,

Aula 1

Objetivo

Desenvolver um modelo de site de notícias que atenda a qualquer situação, dinâmico server side.

Linguagens de estudo

PHP, CSS e HTML.

PHP

O que é o PHP? PHP originalmente significa “Personal Home Page Tools” ou também conhecido como PHP/FI com o mesmo significado porém “/Forms Interpreter” e evoluiu para “Hypertext Preprocessor”.

Foi criado em 1994 por Rasmus Lerdorf, com código aberto, por tanto gratuito.

Em 1997 mais de 50.000 só no Estados Unidos já utilizavam esta tecnologia.

Atualmente contamos com a 5ª versão que foi lançada em 2007.

Por que e o quê? Rápido, robusto, cross-plataform, ou seja, funciona em qualquer sistema operacional, estável e gratuito!

O que ele pode fazer? Praticamente tudo o que uma linguagem de computação pode fazer.

CSS

CSS é a abreviação de Cascading Style Sheet, que significa Folha de Estilo em Cascata, ou seja, uma folha de estilo em cascara é um mecanismo simples para adicionar estilos (fontes, cores, espaçamentos) aos documentos web.

A grande vantagem do CSS é criar um documento em formato texto, pequeno e

simples e que todos os outros documentos web sejam vinculados a ele, e ao alterá-

lo todo o site será alterado.

Pré-requisitos

Antes começar a trabalhar com o PHP, são necessários alguns passos.

Primeiro você precisará do programa PHP que fará a linguagem ser interpretada pelo computador e um servidor.

Mas existem programas que já trazem estes programas embutidos e mais alguns.

servidor. Mas existem programas que já trazem estes programas embutidos e mais alguns. Universidade Guarulhos Página
servidor. Mas existem programas que já trazem estes programas embutidos e mais alguns. Universidade Guarulhos Página
O Vertrigo será o utilizado ao longo do curso, mas exitem outros, como é o
O Vertrigo será o utilizado ao longo do curso, mas exitem outros, como é o
O Vertrigo será o utilizado ao longo do curso, mas exitem outros, como é o

O Vertrigo será o utilizado ao longo do curso, mas exitem outros, como é o caso do XAMPP que pode até ser instalado em um PEN DRIVE.

Vá até o site do Vertrigo e baixe a versão mais recente.

http://vertrigo.sourceforge.net/

Para instalar é fácil e basta seguir os passos recomendados pelo programa.

Inicie sempre o Vertrigo, antes de começar a trabalhar com o PHP. Caso ele não consiga iniciar e informe problemas com a porta 80, no Painel de Controle do Windows, em Ferramentas Administrativas, e em seguida em Serviços, interrompa os programas que utilizem esta porta.

Na maioria dos casos são os softwares de comunicação como o Messenger, Skype, entre outros e também o servidor ISS, caso o tenha.Este modelo de relatório está completo com estilos para um sumário e um índice.

Também é importante lembrar que nos sistemas operacionais Windows Vista e Windows 7 (Seven), ao instalar é necessário aplicar as permissões de segurança à pasta, em Propriedades, na guia Segurança. Veja na figura 1.

de segurança à pasta, em Propriedades, na guia Segurança. Veja na figura 1. Universidade Guarulhos Página
de segurança à pasta, em Propriedades, na guia Segurança. Veja na figura 1. Universidade Guarulhos Página
Figura 1 - Propriedades de pastas do Windows CSS Cascading Style Sheet ou Folha de
Figura 1 - Propriedades de pastas do Windows CSS Cascading Style Sheet ou Folha de
Figura 1 - Propriedades de pastas do Windows CSS Cascading Style Sheet ou Folha de
Figura 1 - Propriedades de pastas do Windows CSS Cascading Style Sheet ou Folha de

Figura 1 - Propriedades de pastas do Windows

CSS

Cascading Style Sheet ou Folha de estilo em cascata, CSS, é um mecanismo simples para adicionar estilos.

Softwares

Além é claro do servidor Web, como o Vertrigo, Xampp, Easy PHP e outros, podemos trabalhar com os seguintes editores de PHP:

PHP Editor

Nota: 7,5.

O PHP Editor é um dos melhores editores de PHP em modo texto, com assistente de programação, em Português brasileiro, grátis, estável e com apoio ao HTML e ao Javascript também. Veja o software na figura 2.

estável e com apoio ao HTML e ao Javascript também. Veja o software na figura 2.
estável e com apoio ao HTML e ao Javascript também. Veja o software na figura 2.
Figura 2 - PHP Editor Faça o Download do PHP Editor aqui . Kompozer Nota:
Figura 2 - PHP Editor Faça o Download do PHP Editor aqui . Kompozer Nota:
Figura 2 - PHP Editor Faça o Download do PHP Editor aqui . Kompozer Nota:
Figura 2 - PHP Editor Faça o Download do PHP Editor aqui . Kompozer Nota:

Figura 2 - PHP Editor

Faça o Download do PHP Editor aqui.

Kompozer

Nota: 5,5

O Kompozer é um editor do tipo WYSIWYG (What You See Is What You Get), ou seja, ele é visual, o que você programa é o que aparecerá. Desenvolvido pela Mozilla, é gratuito, pequeno, estável e com suporte ao HTML e CSS. Aceita a programação PHP e Javascript, porém não tem suporte. Trabalhar em conjunto com o PHP Editor é recomendável. Veja sua interface na figura 3.

em conjunto com o PHP Editor é recomendável. Veja sua interface na figura 3. Universidade Guarulhos
em conjunto com o PHP Editor é recomendável. Veja sua interface na figura 3. Universidade Guarulhos
Figura 3 - Kompozer Para fazer o download do Kompozer, clique aqui . Microsoft Expression
Figura 3 - Kompozer Para fazer o download do Kompozer, clique aqui . Microsoft Expression
Figura 3 - Kompozer Para fazer o download do Kompozer, clique aqui . Microsoft Expression
Figura 3 - Kompozer Para fazer o download do Kompozer, clique aqui . Microsoft Expression

Figura 3 - Kompozer

Para fazer o download do Kompozer, clique aqui.

Microsoft Expression Web 3 Nota: 8,0.

A Microsoft vem tentando e conseguindo concorrer com a Adobe, proprietária do Dreamweaver. Com o Expression Web, ou seu estúdio completo, a Microsoft progrediu muito seja na qualidade do software como com seu apoio a diversas linguagens como PHP, Javascript, ASP, HTML, XML, entre outras.

Interface medianamente intuitiva, mas de fácil adaptação para quem tem conhecimento dos recursos da Web, também sendo WYSIWYG.

Saiba mais sobre o Expression Studio em:

http://www.microsoft.com/portugal/expression/features/default.aspx?key=studio

Para os alunos regularmente matriculados, a Universidade Guarulhos mantém um acordo com a Microsoft que fornece gratuitamente alguns softwares, entre eles o Expression Web, Saiba mais em: http://www.ung.br/servicos_softwares.php

Veja a interface do Expression Web na figura 4.

Veja a interface do Expression Web na figura 4. Universidade Guarulhos Página 10
Veja a interface do Expression Web na figura 4. Universidade Guarulhos Página 10
Figura 4 - Expression web Adobe Dreamweaver CS4 Nota: 10,0. O Dreamweaver é o mais
Figura 4 - Expression web Adobe Dreamweaver CS4 Nota: 10,0. O Dreamweaver é o mais
Figura 4 - Expression web Adobe Dreamweaver CS4 Nota: 10,0. O Dreamweaver é o mais
Figura 4 - Expression web Adobe Dreamweaver CS4 Nota: 10,0. O Dreamweaver é o mais

Figura 4 - Expression web

Adobe Dreamweaver CS4 Nota: 10,0.

O Dreamweaver é o mais importante e famoso software de edição de páginas Web WYSIWYG. Com um vasto apoio a diversas linguagens, dispensa muitas apresentações. Complexo e com interface medianamente intuitiva, mas de fácil manuseio para quem conhece o mundo Web.

Para teste, pode ser baixado diretamente do site da Adobe. www.adobe.com.br

Veja a Interface do Dreamweaver CS3 na figura 5.

do site da Adobe. www.adobe.com.br Veja a Interface do Dreamweaver CS3 na figura 5. Universidade Guarulhos
do site da Adobe. www.adobe.com.br Veja a Interface do Dreamweaver CS3 na figura 5. Universidade Guarulhos
Figura 5 - Dreamweaver Bloco de Notas Nota: 2,5. Fácil, mas sem nenhum suporte à
Figura 5 - Dreamweaver Bloco de Notas Nota: 2,5. Fácil, mas sem nenhum suporte à
Figura 5 - Dreamweaver Bloco de Notas Nota: 2,5. Fácil, mas sem nenhum suporte à
Figura 5 - Dreamweaver Bloco de Notas Nota: 2,5. Fácil, mas sem nenhum suporte à

Figura 5 - Dreamweaver

Bloco de Notas Nota: 2,5.

Fácil, mas sem nenhum suporte à nenhuma linguagem o Bloco de Notas permite escrever qualquer programa. Disponível no Windows nativamente.

Aptana

Nota: 9,0.

Grátis, dentro dos padrões do W3C, simples e trabalha com projetos. Conta com diversos aceleradores e suporte a diversas linguagens. Não é visual, ou seja, WYSIWYG.

aceleradores e suporte a diversas linguagens. Não é visual, ou seja, WYSIWYG. Universidade Guarulhos Página 12
aceleradores e suporte a diversas linguagens. Não é visual, ou seja, WYSIWYG. Universidade Guarulhos Página 12
Figura 6 – Aptana Amaya Nota: 8,5. Desenvolvido pelo W3C, obedece a todos os padrões,
Figura 6 – Aptana Amaya Nota: 8,5. Desenvolvido pelo W3C, obedece a todos os padrões,
Figura 6 – Aptana Amaya Nota: 8,5. Desenvolvido pelo W3C, obedece a todos os padrões,
Figura 6 – Aptana Amaya Nota: 8,5. Desenvolvido pelo W3C, obedece a todos os padrões,

Figura 6 – Aptana

Amaya

Nota: 8,5.

Desenvolvido pelo W3C, obedece a todos os padrões, fácil com diversos aceleradores, WYSIWYG, mas faltam suportes. Grátis.

com diversos aceleradores, WYSIWYG, mas faltam suportes. Grátis. Figura 7 - Amaya Universidade Guarulhos Página 13

Figura 7 - Amaya

com diversos aceleradores, WYSIWYG, mas faltam suportes. Grátis. Figura 7 - Amaya Universidade Guarulhos Página 13
com diversos aceleradores, WYSIWYG, mas faltam suportes. Grátis. Figura 7 - Amaya Universidade Guarulhos Página 13
Ao longo do curso vamos estudar utilizando principalmente o PHP Editor e o Dreamweaver, que
Ao longo do curso vamos estudar utilizando principalmente o PHP Editor e o Dreamweaver, que
Ao longo do curso vamos estudar utilizando principalmente o PHP Editor e o Dreamweaver, que

Ao longo do curso vamos estudar utilizando principalmente o PHP Editor e o Dreamweaver, que serão identificados com o PE para PHP Editor e DW para o Dreamweaver.

Ainda no campo dos softwares, é importante também instalar alguns navegadores, como o Firefox, da Mozilla, o Opera e o Safari da Apple, pois alguns recursos aqui apresentados podem se comportar de forma diversa em cada um dos navegadores.

O QUE É UM APLICATIVO PARA WEB?

Um aplicativo para a web é um site que contém páginas armazenadas em um servidor com conteúdo parcialmente ou totalmente indeterminado. O conteúdo final de uma página será determinado somente quando o usuário solicitar uma página do servidor web. Uma vez que o conteúdo final da página varia de acordo com cada pedido de ação do usuário, este tipo de página é chamado página dinâmica.

Os aplicativos para a web são criados para solucionar diversos desafios e problemas. Esta seção descreve usos comuns de aplicativos para a web e fornece um exemplo simples.

COMO FUNCIONA UM APLICATIVO PARA A WEB

Um aplicativo para a Web é um conjunto de páginas normais e dinâmicas. Uma página normal é um página que não é modificada quando solicitada pelo usuário: o servidor web envia a página ao navegador que a solicitou sem modificá-la. Em contraste, uma página da web dinâmica é modificada pelo servidor antes de ser enviada ao navegador. Chama-se página dinâmica devido à sua natureza variável.

Por exemplo: é possível criar uma página para exibir resultados do programa de boa forma e deixar certas informações (nome do funcionário e resultados) a serem determinadas quando a página for solicitada por um funcionário.

Processamento de páginas estáticas.

a página for solicitada por um funcionário. Processamento de páginas estáticas. Universidade Guarulhos Página 14
a página for solicitada por um funcionário. Processamento de páginas estáticas. Universidade Guarulhos Página 14
Figura 8 - Processamento de páginas estáticas. Figura 9 - Processamento de páginas dinâmicas Universidade
Figura 8 - Processamento de páginas estáticas. Figura 9 - Processamento de páginas dinâmicas Universidade
Figura 8 - Processamento de páginas estáticas. Figura 9 - Processamento de páginas dinâmicas Universidade
Figura 8 - Processamento de páginas estáticas. Figura 9 - Processamento de páginas dinâmicas Universidade

Figura 8 - Processamento de páginas estáticas.

Figura 8 - Processamento de páginas estáticas. Figura 9 - Processamento de páginas dinâmicas Universidade Guarulhos

Figura 9 - Processamento de páginas dinâmicas

Processamento de páginas estáticas. Figura 9 - Processamento de páginas dinâmicas Universidade Guarulhos Página 15
Processamento de páginas estáticas. Figura 9 - Processamento de páginas dinâmicas Universidade Guarulhos Página 15