Você está na página 1de 11

26/03/2013

Base física das radiações

PROF. FERNANDO

O átomo

Centro pequeno (núcleo):

maioria da massa atômica localizada (prótons + nêutrons).

Eletrosfera: Nuvem de elétrons movendo-se em órbitas ao redor do núcleo.

localizada (prótons + nêutrons). • Eletrosfera: Nuvem de elétrons movendo-se em órbitas ao redor do núcleo.

26/03/2013

Elementos químicos naturais O elemento natural mais simples, o hidrogênio, possui apenas um próton; o
Elementos químicos
naturais
O elemento natural mais simples, o hidrogênio,
possui apenas um próton; o mais complexo, o
urânio, tem 92 prótons, sendo o elemento químico
natural mais pesado.

Representação de um elemento químico

Fe = símbolo químico do elemento.

Massa Atômica = n °°°° de núcleons (prótons + nêutrons no núcleo).

Número atômico = número de prótons do núcleo ou de elétrons fora do núcleo.

Um átomo representado deste modo é também chamado de nuclídeo.

do núcleo ou de elétrons fora do núcleo. • Um átomo representado deste modo é também

26/03/2013

isótopos Isótopos são átomos com núcleo de mesmo número de prótons, mas diferentes números de
isótopos
Isótopos são átomos com núcleo de mesmo número de
prótons, mas diferentes números de nêutrons.
O radioisótopo, por sua vez, é o átomo que apresenta um
núcleo radioativo. Quando o radioisótopo se transforma em
um isótopo, libera uma energia chamada de partículas alfa,
partículas beta ou radiação gama. Os radioisótopos são
muito utilizados em tratamentos médicos e diagnósticos.

isótonos

Isótonos são átomos com o mesmo número de nêutrons, mas diferente número de prótons.

e diagnósticos. isótonos Isótonos são átomos com o mesmo número de nêutrons, mas diferente número de

radiação

Energia propagada no espaço ou em meio material.

As radiações são produzidas por processos de ajustes nucleares ou eletrônicos, ou por interações com os átomos.

26/03/2013

são produzidas por processos de ajustes nucleares ou eletrônicos, ou por interações com os átomos. 26/03/2013

26/03/2013

Radiação: Particulada ou Corpuscular Eletromagnética
Radiação:
Particulada ou Corpuscular
Eletromagnética
Radiação particulada ou corpuscular Possui massa, carga elétrica e velocidade, esta dependente do valor de

Radiação particulada ou corpuscular

Radiação particulada ou corpuscular
Radiação particulada ou corpuscular Possui massa, carga elétrica e velocidade, esta dependente do valor de sua
Radiação particulada ou corpuscular Possui massa, carga elétrica e velocidade, esta dependente do valor de sua

Possui massa, carga elétrica e velocidade, esta dependente do valor de sua energia

Radiação particulada ou corpuscular Possui massa, carga elétrica e velocidade, esta dependente do valor de sua
Radiação particulada ou corpuscular Possui massa, carga elétrica e velocidade, esta dependente do valor de sua
Radiação particulada ou corpuscular Possui massa, carga elétrica e velocidade, esta dependente do valor de sua
Radiação particulada ou corpuscular Possui massa, carga elétrica e velocidade, esta dependente do valor de sua
Radiação particulada ou corpuscular Possui massa, carga elétrica e velocidade, esta dependente do valor de sua

26/03/2013

RADIAÇÃO ALFA OU PARTÍCULA ALFA: 2 prótons e 2 nêutrons
RADIAÇÃO ALFA OU PARTÍCULA ALFA:
2 prótons e 2 nêutrons
RADIAÇÃO BETA OU PARTÍCULA BETA: Elétron de origem nuclear
RADIAÇÃO BETA OU PARTÍCULA BETA:
Elétron de origem nuclear

26/03/2013

RADIAÇÃO ELETROMAGNÉTICA: Ondas eletromagnéticas não possuem massa e se propagam com velocidade limite de 300.000
RADIAÇÃO ELETROMAGNÉTICA:
Ondas eletromagnéticas não possuem
massa e se propagam com velocidade limite
de 300.000 km/s, para qualquer valor de sua
energia.
RADIAÇÃO GAMA
Radiação
eletromagnética de
origem nuclear
Tipos de radiação
Tipos de radiação

26/03/2013

Penetração dos tipos de radiação
Penetração dos tipos
de radiação
26/03/2013 Penetração dos tipos de radiação 8

26/03/2013

RAIO-X RAIOS-X: radiação eletromagnética (Fótons) de origem extra nuclear. Onda Eletromagnética: Variações
RAIO-X
RAIOS-X: radiação eletromagnética (Fótons) de origem extra
nuclear.
Onda Eletromagnética:
Variações espaciais na
intensidade de um campo
elétrico (E) e campo
magnético (M).

RAIO-X

Fótons que tem origem na eletrosfera de um átomo.

Não tem massa nem carga, e são constituídos de energia pura, como a luz.

São muito penetrantes, sendo necessárias pesadas blindagens para detê-los (chumbo, concreto, aço ou ferro).

Dependendo da energia, a maior parte de um feixe constituído por raios-x pode atravessar o corpo humano com facilidade.

Interação da radiação com a matéria

Ao interagir com a matéria, as radiações transferem parte ou toda sua energia para os átomos ou moléculas por onde passam.

Principais consequências:

Excitação atômica

Ionização

Excitação

As radiações interagem transferindo parte ou toda sua energia para os elétrons dos materiais alvo.

A energia transferida não é suficiente para retirar esses elétrons do átomo

Mecanismo

O Elétron que agora tem maior energia, passa de uma camada eletrônica próxima do núcleo para outra mais distante. Passado um tempo, o elétron se desexita (perde energia), produzindo um fóton (luz na faixa visível ou luz na faixa dos raios-x característicos).

26/03/2013

26/03/2013

Ionização

As radiações interagem com os materiais arrancando dos átomos alguns elétrons ao seu redor, formando íons.

A ionização é muito mais nociva aos seres vivos do que a excitação

Part. carregadas (alfa e beta) = ionização direta Part. não carregadas (gama, raios-x) = ionização indireta