Você está na página 1de 1

Rafinha conectado.

O vídeo Rafinha Conectado disponível em http://www.youtube.com/watch?v=rq6mHtsKoME fala sobre a


verdade do mundo em que vivemos, pois realmente nascemos na era digital com a informação na
"porta da casa" sem que precisemos ir muito longe para adquiri-la.
Isso faz com que tenhamos o pensamento sobre até onde essa facilidade da informação é bom pra
gente e até em que ponto isso é ruim.No que diz respito à globalização isso é bom pois como foi citado
no vídeo, existe a facilidade do lucro pois os empresários nem precisam sair de casa para conseguir
lucro e isso tudo on-line com uma interatividade incrível.
No vídeo uma frase marca que é quando o narrador fala que o Rafinha não é nenhum gênio e sim seu
primo, seu vizinho e isso nos faz repensar sobre nossos novos valores do século XXI,
porque a tecnologia está tão presente em nossas vidas que já se tornou algo natural que faz parte das
nossas rotinas.
Também é preciso analisar a questão de que nós deixamos de ser os consumidores passivos para
sermos os consumidores ativos, isso porque interagimos a todo momento com tudo e escolhemos
aquilo que queremos ou não ter dentro de nossas vidas.Talvez esse poder que nos foi dado de sermos
"os Deuses" de nossas escolhas faz com a gente se perca nessa onda.
Sim, porque na verdade temos tudo ao mesmo tempo e não temos nada também, essa é uma questão
muito complexa.
Globalização,vida social, sedentarismo, são várias as questões que acarretam a ser discutidas após uma
análise crítica desse vídeo.Sem essa interatividade não teriamos uma economia tão desenvolvida como
é a nossa hoje em dia se comparada a tempos atrás.Contraposto a isso também não teríamos tantos
problemas de relacionamento como vêm surgindo ultimamente, por exemplo, li dia desse num jornal
que um casal japones prefere discutir a relação pelo Messenger ao invés de se enfrentarem cara a
cara.Isso tras muitos problemas para a geração futura no que diz respeito às relações inter-pessoais
que são importantíssimas para um bom desenvolvimento do ser humano segundo as ciências
específicas.
A própria variedade de escolhas tão comentado no vídeo, nos faz refletir sobre esse poder que nos foi
dado do computador do quarto, do notebook, do celular,...Esse poder de escolher que nos faz sentir
maiorais e críticos em relação as coisas, até porque sabemos que nós mesmos temos a capacidade de
fazer muitas coisas que não tínhamos capacidade dias atrás.
Hoje em dia se queremos saber o resumo da novela (isso quando assistimos) não vamos a banca
comprar uma Tititi, e sim recebemos torpedos mais barateados pelo celular diariamente, porque isso é
mais cômodo.Ou então vemos gratuitamente pelos sites dessas revistas na Internet.
Uma coisa que eu acho muito legal no vídeo é a questão da Facilidade da Informação, pois realmente
está tudo mais fácil, fácil publicar, achar, postar, etc...Essa facilidade pode muitas vezes ameaçar as
grandes empresas fazendo com que elas assumam uma posição de tranparência e isso é verdade
porque se elas não abrem-se para o mundo a pressão pode ser ainda maior, ou seja, ou elas se
adaptam ao novo mundo ou então ficam como empresas ultrapassadas.
A Internet também é responsável por muitos sucessos artísticos, pois os sites de videos, os blogs, os
fotologs, são hoje a forma de alcançar a fama e de ser ouvido pelo mundo.O mundo da mobilidade
também é retratado no video e isso é importante discutir, porque hoje em dia preferimos sim a
mobilidade pois queremos é o conforto, visando sempre nossos próprios interesses.Estamos nos
tornando virtuais demais, individualistas.
As expêriencias relatadas no video são consideradas pelo narrador como positivas e eu concordo com
isso, porque muitos de nós não temos a oportunidade por exemplo de conhecer a Austrália em menos
de alguns minutos e isso conseguimos com o mundo digital (mesmo que virtualmente) com por
exemplo o Second Life, maior game interativo do planeta até então na minha opinião.
Como é encerrado o vídeo, realmente para o Rafinha é tudo muito natural e para todos nós também o
mundo digital é normal e natural.É só olhar para crianças de dez anos que já tem e-mail, Messenger,
Orkut, celular, etc...E até os mais velhinhos que (alguns) já se interessam por essa interatividade tão
sonhada outrora.