Você está na página 1de 1

Protozorios

Trypanossoma cruzi: ciclo de vida Percevejo: Triatoma infestans (barbeiro) 1-Tripanossomos no intestino do barbeiro em forma de tripomastigota (locomove-se). Quando o percevejo pica a pessoa, injeta um anti-coagulante, para sugar o sangue, e um anestsico, j que a picada muito dolorosa, por ser maior, e, para o indivduo no notar sua presena, necessrio esse anestsico; 2-Aps a picada, o barbeiro ir defecar no local, sendo que h os tripanossomos nas fezes e, aps o efeito do anestsico, o indivduo sente dor e coa o local, derrubando-as para dentro da pele; 3-Tripanossoma invade as clulas da pele e passa da forma de tripomastigota para a forma amastigota (no se locomove), sofrendo mitose dentro das clulas da pele, multiplicando-se; 4- Os tripanossomos sairo da pele e seguiro para o sangue, sendo que alguns amastigotas sofrero metamorfose e formaro o tripomastigota novamente; 5-Alguns tripanossomos do sangue invadem as clulas do msculo cardaco (miocrdio) ou outras clulas. A formas tripomastigota, dentro dessas clulas, voltam a ser amastigotas, sendo que, em uma nica clula, cabem vrios amastigotas, as quais se alimentaro do plasma da clula. A destruio contnua das clulas do corao levar insuficincia cardaca num perodo de 10 a 20 anos. Se um barbeiro no-infectado sugar o sangue dessa pessoa, ir se contaminar com o tripanossomo na forma de tripomastigota;

Medidas Profilticas:
1-Tratar os doentes (remdios s matam a forma tripomastigota, dentro do sangue, no matam a forma amastigota, dentro das clulas); 2-Transplante de corao para pessoas j doentes; 3-Tirar as pessoas de casas de pau-a-pique, aonde os percevejos fazem ninho; 4-Telar portas e janelas (das casas de alvenaria) ou usar repelentes e mosquiteiros em cima da cama; 5-Evitar o consumo de aa e caldo de cana (j que o barbeiro se alimenta e defeca nesses alimentos, os quais, se modos junto com o barbeiro ou as suas fezes, transmite doena de Chagas).