Você está na página 1de 8

Informações técnicas sobre o pó quico B e C

Pó químico para combate a sinistros por incêndios de classes B e C Fabricante: KIDDE BRASIL Composição Química: Bicarbonato de sódio estearato de magnésio e (NaHCO3), teor 95%, cor branca, embalagem de 50 kg. validade

deste produto na embalagem: 5 anos a partir da data de fabricação;

Estearato de magnésio (C36H70MgO4) O estearato de magnésio é amplamente utilizada em comprimidos como lubrificante.A função primária do lubrificante é diminuir a fricção entre os grânulos ou pó. Lubrificantes em comprimidos são, porém, conhecido por aumentar o tempo de desintegração de comprimidos devido às suas propriedades hidrofóbicas. Em laboratórios e em indústrias,a utilização adequada das quantidades de lubrificantes e a distribuição homogênea do mesmo na mistura deve ser necessário para alcançar uma produção de comprimidos com boa estabilidade. Por outro lado, uma quantidade excessiva de lubrificantes ou um tempo de mistura maior do que o necessário pode levar à um aumento do tempo de desintegração não previsto e à diminuição da dureza dos comprimidos. O estearato de magnésio muito usado em cosméticos, alimentos, e formulações farmacêuticas. É usado principalmente como um lubrificante na cápsula, comprimido e em cremes barreira.A concentração normalmente usada é de 0.25-5.0%. Este lubrificante é hidrofóbico e pode retardar a dissolução de um fármaco de fórmula sólida, a concentração mais baixa possível, portanto, é utilizado em tais formulações. A dissolução de cápsula também é sensível tanto para a quantidade de magnésio na formulação quanto no tempo de mistura, níveis mais elevados de magnésio e longos períodos de mistura pode causar a formação de barreiras de pó hidrofóbicas que não se dispersa após a dissolução da cápsula. Um aumento do coeficiente de variação da mistura e
Página 1 de 8

solúvel em água.um decréscimo na velocidade de dissolução do comprimido granulado foi observado após a mistura de magnésio. o tempo de mistura do estearato de magnésio na formulação deve ser cuidadosamente controlada. Em algumas formulações farmacêuticas. é composto de fórmula NaHCO3. é misturado aos ácidos cítrico e tartárico.o magnésio pode também aumentar a friabilidade do comprimido. é um sólido cristalino de cor branca. ambos sólidos. os dados referem-se a materiais sob condições PTN Referências e avisos gerais sobre esta bicarbonato de sódio ou hidrogenocarbonato de sódio. para tratar a acidez do estômago porque ele tem o poder de neutralizar os excessos do ácido clorídrico do suco gástrico. A velocidade de dissolução do comprimido e a resistência diminuiu com o tempo de mistura aumentado. Nome IUPAC Octadecanoato de magnésio Identificadores Número CAS PubChem 557-04-0 11177 Propriedades Fórmula molecular C36H70MgO4 Massa molar Ponto de fusão Ponto de ebulição MSDS Outros catiões/cátions 591. com u Usa-se como antiácido.27 g/mol 88 °C °C Riscos associados External MSDS Compostos relacionados Estearato de lítio Excepto onde denotado. também é muito usado nas receitas de culinária como agente Página 2 de 8 . Devido à capacidade do bicarbonato de sódio libertar dióxido de carbono gasoso (CO2). Portanto.

A forma anidra do composto usa-se para absorver umidade e odores. e na produção de bebidas gasosas (refrigerantes). É utilizado na fabricação de extintores de incêndio com produção de espuma. na eletrodeposição de ouro e platina. As reações envolvidas são: 2 NaHCO3 + H2SO4 → Na2SO4 + 2 H2CO3 H2CO3 → H2O + CO2(g) m sabor ligeiramente alcalino Nome IUPAC Hidrogenocarbonato de sódio Identificadores Número CAS Número RTECS 144-55-8 VZ0950000 Página 3 de 8 . no tratamento da lã e da seda. pois seu meio aquoso e salino conduz corrente elétrica. na nutrição de animais. em especial quando misturado ao ácido tartárico. Outras utilizações do bicarbonato de sódio são como reagente de laboratório. Esses extintores são inadequados para uso em chamas em equipamentos e instalações elétricas. na cerâmica. para a preservação da manteiga e da madeira e é um dos componentes dos talcos e desodorantes. Quando estes extintores são virados. causando curtos-circuitos. No interior destes extintores encontram-se NaHCO3 sólido mantido em compartimento separado de uma solução de ácido sulfúrico (H2SO4). com liberação de CO2. bolos e biscoitos durante o cozimento no forno. o que causa seu acionamento. que causa sua ejeção e produzindo a espuma. em curtumes. o NaHCO 3 e o H2SO4 se misturam e reagem. para ser utilizado no crescimento das massas de pães.levedante ("fermentos químicos"). propiciando pressão dentro do vaso.

Propriedades Fórmula molecular Massa molar Aparência Densidade Ponto de fusão Solubilidade em água Índice de refracção (nD) NaHCO3 84.8g/100ml água (18°C) 1. Compostos relacionados Página 4 de 8 .007 g/mol Sólido branco cristalino 2. 543K (270°C) 7.500 Estrutura Estrutura cristalina Monoclínico Termoquímica Entalpia padrão de formação ΔfHo298 Entropia molar padrão So298 -951 kJ/mol (s) 102 J/mol·K (s) Riscos associados MSDS Principais riscos associados External MSDS Pode causar irritação NFPA 704 0 Ponto de fulgor Não inflamável.159 g/cm3 (s).

Página 5 de 8 . Alerta sobre risco à saúde.Compostos relacionados Carbonato de sódio Ácido carbônico Excepto onde denotado. os dados referem-se a materiais sob condições PTN Referências e avisos gerais sobre esta caixa.

1-Procedimento para manutenção e conservação das características deste produto. em casos de auditorias. com objetivos de evidenciar o monitoramento deste local. Página 6 de 8 . com objetivos de evitar infiltração. O local deverá ser mantido limpo e organizado. este produto é considerado o maior e um dos principais agentes contra incêndios já conhecidos até hoje. No tanque do CCI o produto deverá ser assistido pela equipe responsável pelo sistema. Manter na embalagem original. Este procedimento deverá ser apresentado aos responsáveis de direito.Objetivo técnico do pó como agente extintor.nas seguintes aplicações: Hidrocarbonetos. fiscalização. eletricidades e gases (emfim. Manter estas barricas afastadas do piso. tanque do CCI e/ou embalagem fornecida pelo fabricante. preferencialmente sobre palletes de madeira ou outros. O local deverá ter acesso restrito apenas aos responsáveis pelo sistema. Este procedimento deverá ser de conhecimento de todos os trabalhadores envolvidos no processo. Um termômetro deverá ser instalado e mantido no local. tudo que não deixa resíduos) Garantias Garantias para trocas: validade de 1 (um) ano após a fabricação de acordo com a data emitida na nota fiscal. sem a presença de outros produtos que possam oferecer incompatibilidades químicas e/ou geração de outros gases e ou consumo de oxigênio. neste caso em Barricas de papelão. A reação química destes produtos distintos reagem com a mecânico do fogo quebrando sua cadeia e causando sua extinção por abafamento. friagem e outros agentes que possam danificar e reduzir sua qualidade devidamente lacrada se possível pelo fabricante evidenciando sua inviolabilidade. Este produto deverá ser mantido nos seguintes recipientes: extintor.

Evitar manter janelas abertas com objetivos de evitar respingos de chuvas.LÍQUIDO GERADOR DE ESPUMAS E O PÓ QUIMICO B e C) ambos com finalidades especificas. III. Evitar lavar o piso. 2-Faça o seguinte: I.Apenas os produtos para combates a sinistros por incêndios deverão ser mantidos neste local (LGE. Densidade deste produto: 1. Solubilidade: água apenas.81G/em m³. 3-Outras informações sobre o produto: Reatividade deste produto: Ácidos (todos) através do contato. Fosfato monoamônico. Evitar que as barricas sejam expostas a parede da edificação como objetivos de evitar umidade por convecção física. ele forma CO2 (dióxido de carbono). II.. apenas varrição do local. IV. Página 7 de 8 . Ligas de sódio-potassio. Manter longe de faíscas e/ou chamas abertas etc.

Estoque. Reserva técnica estocada. totalizando 750 quilos desta unidade extintora.000 (Mil) quilogramas O recurso estocado é de 1950 quilogramas sendo este produto fornecido por 02 (dois) fornecedores diferentes. lotes diferentes do mesmo fabricante ou de fabricantes diferentes.. Página 8 de 8 .Observações importantes: Diante da possível existência de produtos de fabricantes diferentes. Unidade reserva: 01 (uma viatura) na reserva técnica contendo a mesma quantidade e recursos idênticos para aplicação. Recursos contra sinistros por incêndios disponíveis nesta unidade aeroportuária: Pó químico (B e C). Cada unidade contém: 250 (duzentos e cinquenta quilos desta unidade extintora). O estoque real dispostos nos veículos é igual a 1. os quais não poderão ser misturados no mesmo veiculo. Recursos disponíveis prontos para o uso nas viaturas. Viaturas abastecidas no sistema: 03 (três) unidades de CCIs em linha. conforme determinação da RESOLUÇÃO 115 DA ANAC AGENCIA NACIONAL DE AVIAÇÃO CIVIL em seus anexos diz que. seja mantido em estoque o equivalente a 200% do recurso disponível para esta classe aeroportuária. Total de viaturas prontas para serem usadas em casos emergenciais: 04 (quatro) unidades veiculares.. todos com validade atendendo as conformidades legais.