Você está na página 1de 57

Governo do Estado do Rio de Janeiro Secretaria do Ambiente INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas do Rio de Janeiro

Secretaria do Ambiente INEA Instituto Estadual do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas do
Secretaria do Ambiente INEA Instituto Estadual do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas do
Secretaria do Ambiente INEA Instituto Estadual do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas do
Secretaria do Ambiente INEA Instituto Estadual do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas do
Secretaria do Ambiente INEA Instituto Estadual do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas do
Secretaria do Ambiente INEA Instituto Estadual do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas do
Secretaria do Ambiente INEA Instituto Estadual do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas do
Secretaria do Ambiente INEA Instituto Estadual do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas do
Secretaria do Ambiente INEA Instituto Estadual do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas do
Secretaria do Ambiente INEA Instituto Estadual do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas do
Secretaria do Ambiente INEA Instituto Estadual do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas do
Secretaria do Ambiente INEA Instituto Estadual do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas do
Secretaria do Ambiente INEA Instituto Estadual do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas do
Sergio Cabral Governador do Estado do Rio de Janeiro Marilene Ramos Secretária de Estado do
Sergio Cabral Governador do Estado do Rio de Janeiro Marilene Ramos Secretária de Estado do
Sergio Cabral Governador do Estado do Rio de Janeiro Marilene Ramos Secretária de Estado do

Sergio Cabral Governador do Estado do Rio de Janeiro

Marilene Ramos Secretária de Estado do Ambiente

Luiz Firmino Martins Pereira Presidente do Instituto Estadual do Ambiente - INEA

Paulo Schiavo Júnior Vice-Presidente do Instituto Estadual do Ambiente – INEA

André Ilha Diretor de Biodiversidade e Áreas Protegidas – INEA

Patrícia Figueiredo de Castro Gerente das Unidades de Conservação de Proteção Integral – INEA

Manual de Sinalização de Parques e Reservas do Rio de Janeiro

Supervisão geral: Aline Schneider / INEA Participação: Paulo Bidegain / Assessor Técnico da SEA

Realização: UNIDESIGN (unidesign@unidesignrio.com.br)

Projeto de sinalização: Glaucio Campelo Elaboração de diagramas e desenhos técnicos: Cynthia Bravo Coordenação de edição e textos: Suzana V. Fonseca Editoração e revisão de desenhos: Marco Aurélio Souza

Este manual foi financiado com recursos do Projeto de Proteção à Mata Atlântica (PPMA/RJ), Cooperação Financeira Brasil-Alemanha (SEA/INEA/KFW).

Cooperação Financeira Brasil-Alemanha (SEA/INEA/KFW). INEA Instituto Estadual do Ambiente Manual de Sinalização
Cooperação Financeira Brasil-Alemanha (SEA/INEA/KFW). INEA Instituto Estadual do Ambiente Manual de Sinalização
Cooperação Financeira Brasil-Alemanha (SEA/INEA/KFW). INEA Instituto Estadual do Ambiente Manual de Sinalização
Cooperação Financeira Brasil-Alemanha (SEA/INEA/KFW). INEA Instituto Estadual do Ambiente Manual de Sinalização

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Créditos

Junho 2009

(SEA/INEA/KFW). INEA Instituto Estadual do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas Créditos Junho 2009

Manual de Sinalização de Parques e Reservas do Rio de Janeiro

 

Sumário

Introdução

1

6.3

Formato 1.500 x 1.175 mm

32

 

1

Visão geral do sistema

2

6.4

Formato 2.000 x 1.175 mm (especial)

33

1.1

Tipos de placas (conteúdos)

3

6.5

Formato 900 x 1.175

34

2

Componentes do sistema físico

4

6.6

Detalhe da sobreplaca 960, 1.560, 2.060 x 275 mm

35

3

Componentes do sistema gráfico

5

6.7

Formato 675 x 675 mm

36

3.1

Áreas de informação

5

6.8

Formato 675 x 375 mm (especial)

37

3.2

Cores e tipografia

6

6.9

Detalhe da sobreplaca 180 x 150 mm

38

3.3

Modulação básica

7

6.10

Esquema para agrupamento de placas

39

3.4

Corpos de letra

8

6.11

Formato 900 x 875 mm (planificado)

40

3.5

Relação corpo/entrelinha

9

6.12

Formato 450 x 775 mm e 300 x 525 mm

41

3.6

Seta: dimensão e posição

13

6.13

Detalhes

42

3.7

Símbolo do Parque

14

6.13.1

Detalhe 1

43

3.8

Símbolos das instituições

17

6.13.2

Detalhe 2

44

4

Exemplos de aplicação do sistema

19

6.13.3

Detalhe 3

45

5

Diagramas exemplares para aplicação do sistama

24

6.13.4

Detalhe 4

46

5.1

Caso especial 2.000 x 1.175 mm

28

6.13.5

Detalhe 5

47

5.2

Caso especial 675 x 375 mm

29

6.13.6

Detalhe 6 Apêndice Anexo

48

6

Desenhos técnicos construtivos

30

49

6.1

Formato 600 x 2.600 mm

30

54

6.2

Formato 600 x 1.125 mm1

31

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Sumário

Junho 2009

Junho 2009
Introdução Este Manual apresenta os componentes e as características visuais e construtivas que configuram o
Introdução Este Manual apresenta os componentes e as características visuais e construtivas que configuram o
Introdução Este Manual apresenta os componentes e as características visuais e construtivas que configuram o

Introdução

Este Manual apresenta os componentes e as características visuais e construtivas que configuram o sistema de sinalização das unidades de conservação do INEA .

É portanto um instrumento para a implantação deste sistema em todas as unidades, garantindo uniformidade e eficiência da

comunicação visual e fortalecendo a imagem institucional do conjunto. Colaborando com

a integridade formal estabelecida para os símbolos que identificam cada unidade,

a familiaridade e o reconhecimento dos

padrões definidos na sinalização irá estabelecer uma ligação permanente entre os usuários e os órgãos responsáveis pela administração, regulamentação e manutenção destes parques e reservas.

O desenvolvimento do sistema de sinalização das unidades de conservação do INEA foi

realizado a partir da experiência do projeto piloto implantado em 2008 no Circuito do Abraão, no Parque Estadual da Ilha Grande, mantendo suas características principais

e incorporando pequenas modificações ou adaptações. Deste modo, os exemplos apresentados reproduzem situações de sinalização encontradas naquele Circuito.

Deverão servir como referência para quaisquer outros casos que se apresentem, considerando

a variedade e flexibilidade proposta pelos componentes do sistema.

e flexibilidade proposta pelos componentes do sistema. INEA Instituto Estadual do Ambiente Manual de Sinalização

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Introdução

Junho 2009

do sistema. INEA Instituto Estadual do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas Introdução Junho

1

1

Visão geral do sistema: formatos e suportes

O

sistema de sinalização das unidades

de conservação do INEA se caracteriza pelo desenho peculiar de todos os seus componentes físicos (materiais, elementos construtivos, acabamento) e gráficos (organização visual das informações, tipografia, cores).

É constituído por 8 formatos* de placas

correspondentes, em função de seu dimensionamento, a 2 tipos básicos de suportes: montante duplo ou montante simples. A variedade de formatos contempla diferentes distâncias de leitura e estabelece uma hierarquia entre os elementos sinalizadores.

estabelece uma hierarquia entre os elementos sinalizadores. Angra dos Reis Mangaratiba 5 Enseada 4 do Abraão
estabelece uma hierarquia entre os elementos sinalizadores. Angra dos Reis Mangaratiba 5 Enseada 4 do Abraão
Angra dos Reis Mangaratiba 5 Enseada 4 do Abraão 3 Baia da Ilha Grande 9
Angra dos Reis
Mangaratiba
5
Enseada
4
do Abraão
3
Baia da Ilha Grande
9
Parque Estadual
da Ilha
Grande
7
8
2
6
Você está aqui
You are here
1
Caminho para a
Cachoeira da Feiticeira
Ilha do
Macedo
Sede do
Parque
Estadual
Ancoradouro
Vila do Abraão
Sede do Parque Estadual Ancoradouro Vila do Abraão * Além dos 8 formatos básicos foram estabelecidas
Sede do Parque Estadual Ancoradouro Vila do Abraão * Além dos 8 formatos básicos foram estabelecidas

* Além dos 8 formatos básicos foram estabelecidas duas variantes para os formatos 1.500 x 1.175 mm e 675 x 675 mm que atendem , respectivamente, a casos excepcionais de conteúdos informativos muito extensos ou muito reduzidos (ver p. 28 e 29).

muito extensos ou muito reduzidos (ver p. 28 e 29). 600 × 2.600 mm 600 ×
muito extensos ou muito reduzidos (ver p. 28 e 29). 600 × 2.600 mm 600 ×
muito extensos ou muito reduzidos (ver p. 28 e 29). 600 × 2.600 mm 600 ×
muito extensos ou muito reduzidos (ver p. 28 e 29). 600 × 2.600 mm 600 ×

600 × 2.600 mm

600 × 1.125 mm

1.500

× 1.175 mm

900 × 1.175 mm

900 × 875 mm (planificada)

675

× 675 mm

450 × 775 mm

300 × 525 mm

 

2.000

× 1.175 mm

675

× 375 mm

Medidas referentes aos formatos das placas. Não incluem dimensão dos suportes.

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Visão geral do sistema

Junho 2009

INEA Instituto Estadual do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas Visão geral do sistema

2

1.1 Tipos de placas (conteúdos)

1. 1 Tipos de placas (conteúdos) Este conjunto de formatos atende às diferentes categorias da sinalização

Este conjunto de formatos atende às diferentes categorias da sinalização (Identificação, Informação e Orientação) em suas possíveis combinações:

a) Identificação Institucional do Parque e das

instituições mantenedoras; [pode estar associada à identificação do Centro de Visitantes, textos de boas vindas,

textos informativos sobre a visitação, mapas, alguma orientação direcional relevante]

b) Identificação do Parque e avisos gerais

c) Identificação interpretativa de pontos de

interesse;

[incluem informações técnicas, históricas ou outras, mapas, fotografias, etc.]

d) Identificação de logradouros

e) Avisos de segurança

f) Identificação de edificações e serviços

g) Orientação direcional

Angra dos Reis Mangaratiba 5 Enseada 4 do Abraão 3 Baia da Ilha Grande 9
Angra dos Reis
Mangaratiba
5
Enseada
4
do Abraão
3
Baia da Ilha Grande
9
Parque Estadual
da Ilha
Grande
7
8
2
6
Você está aqui
You are here
1
Caminho para a
Cachoeira da Feiticeira
Ilha do
Macedo
Sede do
Parque Estadual
da Ilha Grande
Ancoradouro
Vila do Abraão
Estadual da Ilha Grande Ancoradouro Vila do Abraão 600 × 2.600 mm 1.500 × 1.175 mm
Estadual da Ilha Grande Ancoradouro Vila do Abraão 600 × 2.600 mm 1.500 × 1.175 mm
Estadual da Ilha Grande Ancoradouro Vila do Abraão 600 × 2.600 mm 1.500 × 1.175 mm
Estadual da Ilha Grande Ancoradouro Vila do Abraão 600 × 2.600 mm 1.500 × 1.175 mm
Estadual da Ilha Grande Ancoradouro Vila do Abraão 600 × 2.600 mm 1.500 × 1.175 mm

600 × 2.600 mm

1.500 × 1.175 mm

675 × 675 mm

450 × 775 mm

450 × 775 mm

300 × 525 mm

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Visão geral do sistema Tipos de placas

Junho 2009

Estadual do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas Visão geral do sistema Tipos de

3

tubo de metal travessa de madeira placa montantes de madeira sobreplaca placa placa 600 ×
tubo de metal
travessa de madeira
placa
montantes de madeira
sobreplaca
placa
placa
600 × 2.600 mm (altura= soma 650 + 1.95mm)
1.500 × 1.175 mm
placa
placa

900 × 875 mm (planificada)

2 Componentes do sistema físico

O sistema físico que dá suporte às informações da sinalização é constituído de:

• montantes (duplos ou simples) de madeira

envernizada;

• travessas de madeira para fixação das placas;

• travessas de tubo metálico (ferro galvanizado, pintura eletrostática) para fixação e travamento dos montantes;

• placas em chapas de alumínio (com pintura eletrostática);

• sobreplacas em chapas de alumínio (com pintura eletrostática).

sobreplaca placa 675 × 675 mm
sobreplaca
placa
675 × 675 mm
placa 450 × 775 mm
placa
450 × 775 mm

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Componentes do sistema físico

Junho 2009

Instituto Estadual do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas Componentes do sistema físico Junho

4

3

Componentes do sistema gráfico

3.1

Áreas de informação:

distribuição e hierarquia (critérios gerais)

O símbolo do Parque está presente em todas

as placas, mas assume diferentes graus de destaque em função do objetivo predominante de cada situação de sinalização. Em sua maior dimensão, ele ocupa toda a área clara, tornando-se o foco principal daquele caso.

O sistema gráfico organiza as informações da sinalização pela divisão básica em 2 áreas:

área de fundo claro para identificação

principal: o símbolo do Parque, nomes de logradouros, edificações, etc.;

área de fundo escuro para todos os

demais conteúdos informativos: identificação secundária, mapas, fotografias,textos diversos, avisos, orientação direcional, logotipos das instituições responsáveis, etc.

Símbolo do Parque Identificação secundária + Conteúdo informativo
Símbolo do Parque
Identificação secundária
+ Conteúdo informativo

Nos formatos 1.500 × 1.175 mm, 900 x 1.175 mm

e 675 × 675 mm a área clara ocorre na sobreplaca, destacando fisicamente a identificação das demais informações e facilitando a hierarquia.

No menores formatos a placa assume 1 só cor de fundo. No caso de fundo escuro, o símbolo do Parque ocorre em versão especial, circunscrito por área circular clara (original em arte específica).

Angra dos Reis Mangaratiba 5 Enseada 4 do Abraão 3 Baia da Ilha Grande 9
Angra dos Reis
Mangaratiba
5
Enseada
4
do Abraão
3
Baia da Ilha Grande
9
Parque Estadual
da Ilha
Grande
7
8
2
6
Você está aqui
You are here
1
Caminho para a
Cachoeira da Feiticeira
Ilha do
Macedo
Sede do
Parque Estadual
da Ilha Grande
Ancoradouro
Vila do Abraão
Estadual da Ilha Grande Ancoradouro Vila do Abraão Identificação principal + Símbolo Conteúdo informativo
Estadual da Ilha Grande Ancoradouro Vila do Abraão Identificação principal + Símbolo Conteúdo informativo
Identificação principal + Símbolo Conteúdo informativo Símbolo do Parque Conteúdo informativo
Identificação principal + Símbolo
Conteúdo informativo
Símbolo do Parque
Conteúdo informativo

Símbolo + Identificação principal + Conteúdo informativo

Símbolo + Identificação principal + Conteúdo informativo 600 × 2.600 mm 1.500 × 1.175 mm 900
Símbolo + Identificação principal + Conteúdo informativo 600 × 2.600 mm 1.500 × 1.175 mm 900
Símbolo + Identificação principal + Conteúdo informativo 600 × 2.600 mm 1.500 × 1.175 mm 900

600 × 2.600 mm

1.500 × 1.175 mm

900 x 1.175 mm

675 × 675 mm

450 × 775 mm

300 × 525 mm

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Componentes do sistema gráfico Áreas de informação

Junho 2009

Manual de Sinalização de Parques e Reservas Componentes do sistema gráfico Áreas de informação Junho 2009

5

Bege Pantone 155C 0C 9M 27Y 0K

Marrom Pantone 4695C 0C 79M 100Y 72K

Vermelho Pantone 485C 0C 100M 100Y 0K

3.2 Cores e tipografia

A pintura eletrostática do fundo das placas deve seguir, por aproximação, as referências Pantone indicadas (Bege e Marrom). Do mesmo modo, a impressão de textos e setas, por serigrafia. Nos avisos de segurança, usar faixas em vermelho para destaque da informação principal, seguindo a referência Pantone (ver o exemplo “local interditado”, pág. 23).

A família tipográfica adotada é a ITC Officina

Sans, nas versões Bold (títulos, textos curtos

e informações principais) e Book (subtítulos,

textos longos, legendas e informações secundárias). Para textos em inglês, usar a versão Book Itálico.

ITC Officina Sans

Bold

AaBbCcDdEeFfGgHhIiJjKkLlMmNn OoPpQqRrSsTtUuVvWwXxYyZz 1234567890 ( ) / . , : ;

Book

AaBbCcDdEeFfGgHhIiJjKkLlMmNn OoPpQqRrSsTtUuVvWwXxYyZz 1234567890 ( ) / . , : ;

Book Italic

AaBbCcDdEeFfGgHhIiJjKkLlMmNn OoPpQqRrSsTtUuVvWwXxYyZz 1234567890 ( ) / . , : ;

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Componentes do sistema gráfico Cores e tipografia

Junho 2009

do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas Componentes do sistema gráfico Cores e tipografia

6

3. 3 Modulação básica: dimensionamento e posicionamento das informações Todos os formatos de placas obedecem

3.3 Modulação básica: dimensionamento e posicionamento das informações

Todos os formatos de placas obedecem a um mesmo sistema modular, composto pelo módulo de 75 × 75 mm e sua subdivisão (3 vezes no sentido horizontal e 6 vezes no sentido vertical), resultando no submódulo de 25 × 12,5 mm. Esta modulação desenha uma malha que orienta e determina o dimensionamento e posicionamento das informações.

Símbolos, setas, textos, entrelinhas, imagens fotográficas, mapas, todos os conteúdos visuais das placas são distribuídos, dimensionados e posicionados a partir das possibilidades regidas por esta malha.

75 mm 25 mm Escala 1:1 INEA Instituto Estadual do Ambiente Manual de Sinalização de
75 mm
25 mm
Escala 1:1
INEA Instituto Estadual do Ambiente
Manual de Sinalização de Parques e Reservas
Componentes do sistema gráfico
Modulação básica
Junho 2009
7
75 mm
12,5 mm

3.4 Corpos de letra para composição de textos

O sistema gráfico dispõe 8 corpos de letra para atender aos diferentes formatos e situações de sinalização. Os maiores corpos destinam-se às informações principais, nos maiores formatos de placas, e assim sucessivamente.

A hirarquia das informações numa mesma placa

é obtida pela combinação (econômica) de corpos desta escala.

A malha modular determina o posicionamento

de entrelinha para os diversos corpos, como demonstrado nesta e nas páginas seguintes.

Parque 198 pt Parque 85 pt Parque Parque 71 pt 156 pt Parque 52 pt
Parque
198
pt
Parque
85
pt
Parque
Parque
71
pt
156
pt
Parque
52
pt
Parque
Parque
41
pt
Parque
124
pt
33
pt
Escala 1:1
INEA Instituto Estadual do Ambiente
Manual de Sinalização de Parques e Reservas
Componentes do sistema gráfico
Corpos de letra
Junho 2009
8

3.5 Relação entre corpos de letra e entrelinha

O exemplo ao lado apresenta a menor entrelinha para o maior corpo de letra, usado
O exemplo ao lado apresenta a menor
entrelinha para o maior corpo de letra, usado
nos maiores formatos, para informações
principais em mais de 1 linha.
Parque
Em textos curtos, em destaque, a versão em
inglês ocorre sempre em corpo menor, em
relação à frase em português.
Portanto, o maior corpo para textos em
destaque em
inglês é equivalente a 156 pt.,
e
sua distância deve ser relativamente maior do
que a entrelinha usada no texto em português.
198
pt
Estadual
State
Park
156
pt
Escala 1:1
INEA Instituto Estadual do Ambiente
Manual de Sinalização de Parques e Reservas
Componentes do sistema gráfico
Relação corpo/entrelinha
Junho 2009
9
O exemplo ao lado e os das páginas seguintes apresentam sempre a menor entrelinha para
O exemplo ao lado e os das páginas seguintes
apresentam sempre a menor
entrelinha para
os
Parque
corpos de letra e sua relação para a versão em
inglês, respeitando o critério de corpo menor e
distância relativa maior para textos em inglês.
156
pt
Estadual
Ilha
Grande
124
pt
State
Park
Escala 1:1
INEA Instituto Estadual do Ambiente
Manual de Sinalização de Parques e Reservas
Componentes do sistema gráfico
Relação corpo/entrelinha
Junho 2009
10

Os 2 exemplos abaixo destacam a variação da distância mínima relativa para português/ inglês para os caso de informação principal em 1 ou mais linhas.

Obs: Informações principais em português e inglês podem ocorrer no mesmo corpo, desde que estejam suficientemente destacadas no layout da placa (ver o exemplo “Local Interditado” pág. 23).

Parque 124 pt Estadual 124 pt Parque State Park State Park 85 pt 85 pt
Parque
124 pt
Estadual
124 pt Parque
State Park
State Park
85 pt
85 pt
Escala 1:1
INEA Instituto Estadual do Ambiente
Manual de Sinalização de Parques e Reservas
Componentes do sistema gráfico
Relação corpo/entrelinha
Junho 2009
11
Todos os exemplos apresentados demonstram o procedimento para estabelecer as relações entre corpos e entrelinhas
Todos os exemplos apresentados demonstram
o procedimento para estabelecer as relações
entre corpos
e entrelinhas de uma mesma
Parque
informação (português/inglês) usando como
apoio a malha de submódulos, e considerando
distâncias mínimas para melhor diferenciá-las.
Situações mais complexas, envolvendo
85
pt
diversos grupos de textos, serão resolvidas por
analogia, consultando também os diagramas
dos casos apresentados nos exemplos de
aplicação.
Estadual
Altitude
52
pt
e superfície
Textos corridos, tópicos e legendas
Os corpos menores (52, 41, 33 pt.) são usados
em textos corridos, sequências de tópicos,
legendas. Nestes casos, o corpo do texto em
inglês pode acompanhar o do português.
State
Park
71
pt
Subdivisões do submódulo podem ocorrer para
melhor acomodar a distância de entrelinha,
como nos 2 exemplos abaixo.
Elevation and area
41
pt
Parque
Altitude
e superfície
71
pt
41
pt
Elevation and area
Estadual
41
pt
Altitude e
superfície
33
pt
State Park
Elevation and area
52
pt
33
pt
Escala 1:1
INEA Instituto Estadual do Ambiente
Manual de Sinalização de Parques e Reservas
Componentes do sistema gráfico
Relação corpo/entrelinha
Junho 2009
12
3.6 Seta: dimensão e posição A seta obedece sempre ao correspondendo na sua mesmo dimensionamento,
3.6
Seta: dimensão e posição
A seta obedece sempre ao
correspondendo
na sua
mesmo dimensionamento,
extensão horizontal a
50 mm.
O critério predominante é usar 1 seta
por informação direcional, ordenando em
2 submódulos, ou seja,
sequência os conjuntos de mesma direção.
Admite
3 posições, indicativas de 3 direções:
Este
critério
se adequa para
os formatos mais
em
frente (vertical)
frequentes de placas direcionais:
à esquerda
(450
×
775mm), (675 × 675mm) e (675 × 375).
à direita.
No uso eventual de formatos maiores
Independente das direções indicadas, os
(600
×
2.600 mm, por exemplo), que permitem
textos correspondentes
obedecem sempre ao
2
submódulos = 50 mm
registro (alinhamento) pela esquerda.
As setas se posicionam nas margens das placas,
respeitando o posicionamento apresentado nos
maior número de informações, pode-se
evitar a repetição de setas iguais, usando o
direcionamento na primeira informação de
cada grupo (ver o exemplo “Circuito Abraão,
pág. 19).
diagramas, conforme as
direções “em frente”,
“à esquerda” e “à direita”.
2 submódulos = 50 mm
2 submódulos = 50 mm
Escala 1:2
Escala 1:5
INEA Instituto Estadual do Ambiente
Manual de Sinalização de Parques e Reservas
Componentes do sistema gráfico
Seta: dimensão e posição
Junho 2009
13
Escala 1:7,5
Escala 1:7,5

Neste caso, o símbolo do Parque é dimensionado e posicionado de modo a tocar as linhas da modulação que determinam as margens superior e as margens laterais da placa, conforme destacado neste diagrama.

laterais da placa, conforme destacado neste diagrama. Escala 1:7,5 Neste caso, o símbolo do Parque é

Escala 1:7,5

Neste caso, o símbolo do Parque é dimensionado de modo a tocar as linhas da modulação que determinam as margens superior e inferior da sobreplaca, e é posicionado pela esquerda, tangenciando a linha do submódulo destacada neste diagrama.

tangenciando a linha do submódulo destacada neste diagrama. Dimensão e posição do Símbolo para formatos Dimensão

Dimensão e posição do Símbolo para formatos

Dimensão e posição do Símbolo para formatos

600

× 2.600 mm

1.500 × 1.175 mm (sobreplaca)

600

× 1.125 mm.

900

× 1.175 mm (sobreplaca)

 

900

× 875 mm (placa dobrada)

mm (sobreplaca)   900 × 875 mm (placa dobrada) 3. 7 Símbolo do Parque: dimensão e
mm (sobreplaca)   900 × 875 mm (placa dobrada) 3. 7 Símbolo do Parque: dimensão e

3.7 Símbolo do Parque: dimensão e posição

A dimensão e posição de qualquer símbolo dos diversos Parques e Reservas é definida pela tangência de seus limites com as linhas da modulação indicadas para os diferentes formatos de placas, conforme demonstram os diagramas abaixo e a seguir.

Neste caso, o círculo que contém o símbolo do Parque é dimensionado pela altura correspondente
Neste caso, o círculo que
contém o símbolo do
Parque é dimensionado pela
altura correspondente a 14
submódulos (175 mm) e
posicionado de modo a tocar
a linha da modulação que
determina a margen superior
da placa.
da modulação que determina a margen superior da placa. Neste caso, o símbolo do Parque é

Neste caso, o símbolo do Parque é dimensionado pela altura correspondente a 20 submódulos (250 mm) e posicionado de modo a tocar a linha da modulação que determina a margem superior da placa.

Escala 1:7,5

Escala 1:7,5

Dimensão e posição do Símbolo para formato 450 × 775 mm

Dimensão e posição do Símbolo para formato 300 × 525 mm

Dimensão e posição do Símbolo para formato 300 × 525 mm INEA Instituto Estadual do Ambiente

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Componentes do sistema gráfico Símbolo do Parque: dimensão e posição

Junho 2009

de Parques e Reservas Componentes do sistema gráfico Símbolo do Parque: dimensão e posição Junho 2009

14

Dimensão e posição do Símbolo para formato 150 × 180 (sobreplaca)

posição do Símbolo para formato 150 × 180 (sobreplaca) Neste caso, o dimensionamento do símbolo do
Neste caso, o dimensionamento do símbolo do Parque é feito buscando o maior aproveitamento da
Neste caso, o dimensionamento
do símbolo do Parque é
feito buscando o maior
aproveitamento da área
quadrada determinada pelas
linhas da modulação que
definem todas as margens da
sobreplaca, destacadas neste
diagrama.

Escala 1:1

Os menores tamanhos de símbolos ocorrem nas sobreplacas que acompanham o formato 675 × 675 mm, ocupando toda a área útil delimitada pelas margens. Todos os símbolos têm configuração circular, embora não necessariamente estejam inscritos em círculos perfeitos. O critério é buscar a maior dimensão possível para cada símbolo, resguardando as margens da sobreplaca destacadas no diagrama ao lado.

Os exemplos na página seguinte demonstram a aplicação deste critério em diversos símbolos dos Parques, que apresentam diferentes particularidades: em casos como Juatinga e Guaratiba, há uma folga distribuída nas margens esquerda e direita; em casos como Três Picos e Guaxindiba, a folga é distribuída nas margens superior e inferior; em casos como Grajaú, pequenos detalhes do desenho que rompem o círculo podem extrapolar a área interna, invadindo um pouco uma das margens, para que seu dimensionamento não fique prejudicado em relação aos demais.

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Componentes do sistema gráfico Símbolo do Parque: dimensão e posição

Junho 2009

de Parques e Reservas Componentes do sistema gráfico Símbolo do Parque: dimensão e posição Junho 2009

15

Exemplos de aplicação do critério para dimensão e posição do Símbolo na sobreplaca 150 ×
Exemplos de aplicação do critério para dimensão e posição do Símbolo na sobreplaca 150 ×
Exemplos de aplicação do critério para dimensão e posição do Símbolo na sobreplaca 150 ×
Exemplos de aplicação do critério para dimensão e posição do Símbolo na sobreplaca 150 ×
Exemplos de aplicação do critério para dimensão e posição do Símbolo na sobreplaca 150 ×
Exemplos de aplicação do critério para dimensão e posição do Símbolo na sobreplaca 150 ×

Exemplos de aplicação do critério para dimensão e posição do Símbolo na sobreplaca 150 × 180 mm)

e posição do Símbolo na sobreplaca 150 × 180 mm) Escala 1:2 INEA Instituto Estadual do
e posição do Símbolo na sobreplaca 150 × 180 mm) Escala 1:2 INEA Instituto Estadual do
e posição do Símbolo na sobreplaca 150 × 180 mm) Escala 1:2 INEA Instituto Estadual do
e posição do Símbolo na sobreplaca 150 × 180 mm) Escala 1:2 INEA Instituto Estadual do
e posição do Símbolo na sobreplaca 150 × 180 mm) Escala 1:2 INEA Instituto Estadual do
e posição do Símbolo na sobreplaca 150 × 180 mm) Escala 1:2 INEA Instituto Estadual do

Escala 1:2

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Componentes do sistema gráfico Símbolo do Parque: dimensão e posição

Junho 2009

de Parques e Reservas Componentes do sistema gráfico Símbolo do Parque: dimensão e posição Junho 2009

16

Nos sinais principais, em geral localizados nas situações de aproximação ou entrada, estes símbolos assumem dimensão maior, correspondendo na altura a 7 submódulos (Governo do Estado); 5 submódulos (Secretaria do Ambiente); 2 submódulos (INEA); 5 submódulos (Vale)*. *Logotipos de outras empresas de “ adoção” devem ser dimensionados por analogia a este caso.

600 × 2.600 mm

ser dimensionados por analogia a este caso. 600 × 2.600 mm Escala 1:5 Para os demais

Escala 1:5

Para os demais sinais a dimensão dos símbolos é proporcionalmente reduzida, e se mantém constante
Para os demais sinais a
dimensão dos símbolos é
proporcionalmente reduzida,
e se mantém constante
em todos os formatos.
Corresponde na altura a
4 submódulos (Governo
do Estado); 3 submódulos
(Secretaria do Ambiente);
2 submódulos (INEA).
3 submódulos (Vale)*.
*Logotipos de outras
empresas de “ adoção”
devem ser dimensionados por
analogia a este caso.

675 × 675 mm

3.8 Símbolos das Instituições: dimensão e posição

Os símbolos e logotipos das instituições responsáveis ocorrem em todos os sinais, exceto nos casos do menor formato de placas (300 x 525 mm). Ocorrem sempre na versão em 1 cor, impressos no Bege (Pantone 155 C) sobre as placas de fundo escuro. Empresas mantenedoras têm sua assinatura precedida da expressão “Adoção por”. O posicionamento obedece à hierarquia institucional, sempre na borda inferior das placas, mantendo as dimensões relativas indicadas pela modulação, como demonstram os diagramas abaixo e a seguir.

modulação, como demonstram os diagramas abaixo e a seguir. Escala 1:5 INEA Instituto Estadual do Ambiente

Escala 1:5

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Componentes do sistema gráfico Símbolos das Instituições: dimensão e posição

Junho 2009

de Parques e Reservas Componentes do sistema gráfico Símbolos das Instituições: dimensão e posição Junho 2009

17

Mesmo nos formatos menores a dimensão dos símbolos/ logotipos se mantém constante. Neste caso, a
Mesmo nos formatos menores
a dimensão dos símbolos/
logotipos se mantém constante.
Neste caso, a sequência
ocorre em 2 linhas, com o
deslocamento da empresa de
“adoção” para baixo.
Escala 1:5
Escala 1:5
600 × 1.125 mm
450 × 775 mm
Eventualmente, em situações específicas da sinalização, pode ser necessária a inclusão de logotipos de outras
Eventualmente, em situações
específicas da sinalização, pode
ser necessária a inclusão de
logotipos de outras instituições
além das mantenedoras.
Nestes casos, deve-se procurar
manter a ordem hierárquica,
equilibrando as diversas
configurações de logotipos
no espaço disponível, sempre
usando a malha modular como
parâmetro para dimensionar e
posicionar as assinaturas, como
demonstrado neste exemplo.
1 mm
1 mm
0,5 mm
1 mm
2 mm
demonstrado neste exemplo. 1 mm 1 mm 0,5 mm 1 mm 2 mm Escala 1:5 1.500

Escala 1:5

1.500 × 1.175 mm

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Componentes do sistema gráfico Símbolos das Instituições: dimensão e posição

Junho 2009

de Parques e Reservas Componentes do sistema gráfico Símbolos das Instituições: dimensão e posição Junho 2009

18

600 × 2.600 mm 600 × 2.600 mm Sem escala 4 Exemplos de aplicação do
600 × 2.600 mm 600 × 2.600 mm Sem escala 4 Exemplos de aplicação do

600 × 2.600 mm

600 × 2.600 mm

Sem escala

4 Exemplos de aplicação do sistema (organizados por formato)

Os formatos previstos no sistema de sinalização podem incorporar diversos tipos de conteúdo informativo. A escolha do formato se dá, considerando as diferentes dimensões, em função do espaço onde será situado e do objetivo e conteúdo informativo necessário naquele local.

Esta seção apresenta diversos casos de aplicação de informações para cada formato do sistema. Os exemplos demonstram as principais adequações (ou “vocações”) dos diferentes formatos, ilustrando modos de organização e distribuição de informações de categorias e quantidades diversificadas.

de informações de categorias e quantidades diversificadas. 600 × 1.125 mm 600 × 1.125 mm INEA

600 × 1.125 mm

600 × 1.125 mm

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Exemplos de aplicação do sistema

Junho 2009

Estadual do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas Exemplos de aplicação do sistema Junho

19

5 4 9 7 8 2 6 1 1 mm 1 mm 0,5 mm 1
5
4
9
7
8
2
6
1
1 mm
1 mm
0,5 mm
1 mm
2 mm

Sem escala

1.500 × 1.175 mm

1.500 × 1.175 mm

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Exemplos de aplicação do sistema (organizados por formato)

Junho 2009

Manual de Sinalização de Parques e Reservas Exemplos de aplicação do sistema (organizados por formato) Junho

20

Sem escala 900 × 1.175 mm 900 × 1.175 mm INEA Instituto Estadual do Ambiente

Sem escala

900 × 1.175 mm

900 × 1.175 mm

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Exemplos de aplicação do sistema (organizados por formato)

Junho 2009

Manual de Sinalização de Parques e Reservas Exemplos de aplicação do sistema (organizados por formato) Junho

21

Pode-se agrupar duas placas de mesmo formato (eliminando um dos montantes) para resolver a necessidade
Pode-se agrupar duas placas de mesmo formato (eliminando um dos montantes) para resolver a necessidade
Pode-se agrupar duas placas de
mesmo formato (eliminando um
dos montantes) para resolver
a necessidade de grande
quantidade de informações em
um mesmo local.
de grande quantidade de informações em um mesmo local. 675 × 675 mm 675 × 675

675 × 675 mm

675 × 675 mm

675 × 675 mm

675 × 375 mm (formato especial)

Sem escala

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Exemplos de aplicação do sistema (organizados por formato)

Junho 2009

Manual de Sinalização de Parques e Reservas Exemplos de aplicação do sistema (organizados por formato) Junho

22

Sem escala 450 × 775 mm 450 × 775 mm 450 × 775 mm 300
Sem escala 450 × 775 mm 450 × 775 mm 450 × 775 mm 300
Sem escala 450 × 775 mm 450 × 775 mm 450 × 775 mm 300
Sem escala 450 × 775 mm 450 × 775 mm 450 × 775 mm 300
Sem escala 450 × 775 mm 450 × 775 mm 450 × 775 mm 300
Sem escala 450 × 775 mm 450 × 775 mm 450 × 775 mm 300
Sem escala 450 × 775 mm 450 × 775 mm 450 × 775 mm 300
Sem escala 450 × 775 mm 450 × 775 mm 450 × 775 mm 300
Sem escala 450 × 775 mm 450 × 775 mm 450 × 775 mm 300
Sem escala 450 × 775 mm 450 × 775 mm 450 × 775 mm 300
Sem escala 450 × 775 mm 450 × 775 mm 450 × 775 mm 300
Sem escala 450 × 775 mm 450 × 775 mm 450 × 775 mm 300

Sem escala

450 × 775 mm

450 × 775 mm

450 × 775 mm

300 × 525 mm

300 × 525 mm

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Exemplos de aplicação do sistema (organizados por formato)

Junho 2009

Manual de Sinalização de Parques e Reservas Exemplos de aplicação do sistema (organizados por formato) Junho

23

5 Diagramas exemplares para aplicação do sistema Esta seção apresenta diagramas demonstrando o uso da
5 Diagramas exemplares para aplicação do sistema Esta seção apresenta diagramas demonstrando o uso da
5 Diagramas exemplares para aplicação do sistema Esta seção apresenta diagramas demonstrando o uso da
5 Diagramas exemplares para aplicação do sistema Esta seção apresenta diagramas demonstrando o uso da
5 Diagramas exemplares para aplicação do sistema Esta seção apresenta diagramas demonstrando o uso da
5 Diagramas exemplares para aplicação do sistema Esta seção apresenta diagramas demonstrando o uso da
5 Diagramas exemplares para aplicação do sistema Esta seção apresenta diagramas demonstrando o uso da
5 Diagramas exemplares para aplicação do sistema Esta seção apresenta diagramas demonstrando o uso da
5 Diagramas exemplares para aplicação do sistema Esta seção apresenta diagramas demonstrando o uso da
5 Diagramas exemplares para aplicação do sistema Esta seção apresenta diagramas demonstrando o uso da

5 Diagramas exemplares para aplicação do sistema

Esta seção apresenta diagramas demonstrando o uso da malha modular em alguns dos exemplos de aplicação do sistema apresentados na seção anterior, contemplando todos os formatos.

Estes casos deverão servir como referência para a construção de qualquer item de sinalização com seus conteúdos informativos específicos.

sinalização com seus conteúdos informativos específicos.   Bold, 198 pt   Book Italic, 156 pt
sinalização com seus conteúdos informativos específicos.   Bold, 198 pt   Book Italic, 156 pt
  Bold, 198 pt
  Bold, 198 pt
 

Bold, 198 pt

 
 
  Bold, 198 pt   Book Italic, 156 pt     Bold, 85 pt Book Italic,
  Bold, 198 pt   Book Italic, 156 pt     Bold, 85 pt Book Italic,
  Bold, 198 pt   Book Italic, 156 pt     Bold, 85 pt Book Italic,
Book Italic, 156 pt
Book Italic, 156 pt

Book Italic, 156 pt

 
 
  Bold, 85 pt
 

Bold, 85 pt

Book Italic, 85 pt

Book Italic, 85 pt

 
 
  Book, 124 pt
  Book, 124 pt
 

Book, 124 pt

Book Italic, 156 pt     Bold, 85 pt Book Italic, 85 pt     Book,
Book Italic, 156 pt     Bold, 85 pt Book Italic, 85 pt     Book,
 
 
Book Italic, 156 pt     Bold, 85 pt Book Italic, 85 pt     Book,
 
  Bold, 41 pt

Bold, 41 pt

Escala 1:10

Book, 124 pt     Bold, 41 pt Escala 1:10 Escala 1:10 Bold, 124 pt Book
Book, 124 pt     Bold, 41 pt Escala 1:10 Escala 1:10 Bold, 124 pt Book
Book, 124 pt     Bold, 41 pt Escala 1:10 Escala 1:10 Bold, 124 pt Book
Book, 124 pt     Bold, 41 pt Escala 1:10 Escala 1:10 Bold, 124 pt Book
Book, 124 pt     Bold, 41 pt Escala 1:10 Escala 1:10 Bold, 124 pt Book
Book, 124 pt     Bold, 41 pt Escala 1:10 Escala 1:10 Bold, 124 pt Book
Book, 124 pt     Bold, 41 pt Escala 1:10 Escala 1:10 Bold, 124 pt Book

Escala 1:10

Bold, 124 pt

Book Italic, 124 pt

Bold, 85 pt

Book Italic, 85 pt Bold, 24 pt

600 × 2.600 mm

600 × 1.125 mm

Escala 1:10 Bold, 124 pt Book Italic, 124 pt Bold, 85 pt Book Italic, 85 pt

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Diagramas exemplares

Junho 2009

mm INEA Instituto Estadual do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas Diagramas exemplares Junho

24

5 4 9 7 8 2 6 1
5
4
9
7
8
2
6
1
Bold, 198 pt Book Italic, 156 pt Bold, 124 pt 5 4 Book Italic, 85
Bold, 198 pt
Book Italic, 156 pt
Bold, 124 pt
5
4
Book Italic, 85 pt
Bold e Book Italic, 52 pt
9
7 8
2
6
Bold, 52 pt
1
Bold, 52 pt
Book Italic, 41 pt
Book Italic, 41 pt
Bold, 24 pt
Book e Book Italic , 41 pt
Escala 1:10

1.500 × 1.175 mm

Book e Book Italic , 41 pt Escala 1:10 1.500 × 1.175 mm INEA Instituto Estadual

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Diagramas exemplares para aplicação do sistema

Junho 2009

do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas Diagramas exemplares para aplicação do sistema Junho

25

Bold, 156 pt Book Italic, 124 pt Book, 33 pt Book, 52 pt Book Italic,
Bold, 156 pt Book Italic, 124 pt Book, 33 pt Book, 52 pt Book Italic,
Bold, 156 pt Book Italic, 124 pt Book, 33 pt Book, 52 pt Book Italic,
Bold, 156 pt
Book Italic, 124 pt
Book, 33 pt
Book, 52 pt
Book Italic, 52 pt
Bold, 24 pt

Escala 1:10

Bold, 156 pt Book Italic, 124 pt Book, 52 pt Book Italic, 52 pt Bold,
Bold, 156 pt
Book Italic, 124 pt
Book, 52 pt
Book Italic, 52 pt
Bold, 24 pt
Escala 1:10

900 × 1.175 mm

900 × 875 mm

pt Bold, 24 pt Escala 1:10 900 × 1.175 mm 900 × 875 mm INEA Instituto

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Diagramas exemplares para aplicação do sistema

Junho 2009

do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas Diagramas exemplares para aplicação do sistema Junho

26

Bold, 124 pt Book Italic, 85 pt Bold, 24 pt Escala 1:7,5 Bold, 124 pt
Bold, 124 pt Book Italic, 85 pt Bold, 24 pt
Bold, 124 pt
Book Italic, 85 pt
Bold, 24 pt
Bold, 124 pt Book Italic, 85 pt Bold, 24 pt Escala 1:7,5 Bold, 124 pt Book
Bold, 124 pt Book Italic, 85 pt Bold, 24 pt Escala 1:7,5 Bold, 124 pt Book
Bold, 124 pt Book Italic, 85 pt Bold, 24 pt Escala 1:7,5 Bold, 124 pt Book
Bold, 124 pt Book Italic, 85 pt Bold, 24 pt Escala 1:7,5 Bold, 124 pt Book
Escala 1:7,5 Bold, 124 pt Book Italic, 85 pt Bold, 71 pt Book Italic, 71
Escala 1:7,5
Bold, 124 pt
Book Italic, 85 pt
Bold, 71 pt
Book Italic, 71 pt
Bold, 24 pt

Escala 1:7,5

Bold, 71 pt Book Italic, 71 pt Bold, 24 pt Escala 1:7,5 Bold, 85 pt Book
Bold, 85 pt Book Italic, 71 pt Escala 1:7,5
Bold, 85 pt
Book Italic, 71 pt
Escala 1:7,5
300 × 525 mm 450 × 775 mm 675 × 675 mm
300 × 525 mm
450 × 775 mm
675 × 675 mm

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Diagramas exemplares para aplicação do sistema

Junho 2009

do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas Diagramas exemplares para aplicação do sistema Junho

27

Angra dos Reis Mangaratiba 5 4 Baia da Ilha Grande 9 Parque Estadual da Ilha
Angra dos Reis
Mangaratiba
5
4
Baia da Ilha Grande
9
Parque Estadual
da Ilha Grande
7
8
2
6
1
Bold, 198 pt Book Italic, 156 pt Bold, 124 pt Book Italic, 85 pt 5
Bold, 198 pt
Book Italic, 156 pt
Bold, 124 pt
Book Italic, 85 pt
5
4
Bold e Book Italic, 52 pt
9
7 8
2
6
Bold, 52 pt
1
Bold, 52 pt
Book Italic, 41 pt
Book Italic, 41 pt
Bold, 24 pt
Book e Book Italic , 41 pt
Escala 1:10

5.1 Caso especial 2.000 x 1.175 mm

Excepcionalmente, em função de conteúdos informativos muito extensos a serem sinalizados em locais com grandes áreas abertas, foi definido um formato especial de placa, para ocupação no sentido horizontal (2.000 x 1.175 mm).

Este formato só deve ser empregado em situações muito específicas, que ofereçam condições de espaço que suportem esta escala de sinalização, e onde haja necessidade de apresentação de grandes mapas, acompnhados de textos diferenciados, legendas, etc.

O diagrama apresenta o uso da grade modular, considerando a simulação de conteúdo que se adeque a este caso especial. Na sobreplaca, o dimensionamento e posicionamento do símbolo do Parque segue as indicações da pág. 14 deste Manual.

2.000 × 1.175 mm

as indicações da pág. 14 deste Manual. 2.000 × 1.175 mm INEA Instituto Estadual do Ambiente

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Diagramas exemplares Caso especial

Junho 2009

Estadual do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas Diagramas exemplares Caso especial Junho 2009

28

Bold, 124 pt Book Italic, 85 pt Bold, 24 pt Escala 1:7,5 5. 2 Caso
Bold, 124 pt Book Italic, 85 pt Bold, 24 pt Escala 1:7,5
Bold, 124 pt
Book Italic, 85 pt
Bold, 24 pt
Escala 1:7,5

5.2 Caso especial 675 x 375 mm

Excepcionalmente, em função de conteúdos informativos muito reduzidos, foi definido um formato especial de placa para ocupação no sentido horizontal (675 x 375 mm). Os diagramas apresentam o uso da grade modular, considerando os conteúdos máximo e mínimo para este caso Na sobreplaca, o dimensionamento e posicionamento do símbolo do Parque segue as indicações das págs. 15 e 16 deste Manual.

Bold, 124 pt Book Italic, 85 pt Bold, 24 pt
Bold, 124 pt
Book Italic, 85 pt
Bold, 24 pt

Escala 1:7,5

675 × 375 mm
675 × 375 mm

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Diagramas exemplares Caso especial

Junho 2009

Estadual do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas Diagramas exemplares Caso especial Junho 2009

29

892

150 76 Ø1 1/2" 50 Ø1 1/4" Perfil “U” em chapa virada colado no verso
150
76
Ø1 1/2"
50
Ø1 1/4"
Perfil “U” em chapa virada
colado no verso da placa.
Ø1 1/4"
Ø1 1/4"
600
35
660
Corte lateral
Vista frontal
3560
905905
65
100
75
1950
650
65
25

Escala 1:15

6 Desenhos técnicos construtivos

Esta seção apresenta os desenhos técnicos necessários à construção, produção e montagem de todos os componentes do sistema físico, contemplando todos os formatos de placas.

6.1 Formato 600 x 2.600 mm

Montantes e travessas em madeira certificada envernizada (verniz de proteção naval ou similar). Tubos em ferro galvanizado com pintura eletrostática. Placas em chapa de alumínio (2mm) com pintura eletrostática e impressão serigráfica.

(2mm) com pintura eletrostática e impressão serigráfica. Perspectiva explodida INEA Instituto Estadual do Ambiente

Perspectiva explodida

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Desenhos técnicos construtivos Formato 600 x 2.600 mm

Junho 2009

Manual de Sinalização de Parques e Reservas Desenhos técnicos construtivos Formato 600 x 2.600 mm Junho

30

65

120

35 Corte lateral 2225 1157 100 75 1125
35
Corte lateral
2225
1157
100
75
1125

Escala 1:10

892

76

600 660 25
600
660
25

Ø1 1/2"

50

75 1125 Escala 1:10 892 76 600 660 25 Ø1 1/2" 50 Perfil “U” em chapa

Perfil “U” em chapa virada colado no verso da placa.

Ø1 1/4"

Vista frontal

6.2 Formato 600 x 1.125 mm

Montantes e travessas em madeira certificada envernizada (verniz de proteção naval ou similar). Tubos em ferro galvanizado com pintura eletrostática. Placas em chapa de alumínio (2mm) com pintura eletrostática e impressão serigráfica.

(2mm) com pintura eletrostática e impressão serigráfica. Perspectiva explodida INEA Instituto Estadual do Ambiente

Perspectiva explodida

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Desenhos técnicos construtivos Formato 600 x 1.125 mm

Junho 2009

Manual de Sinalização de Parques e Reservas Desenhos técnicos construtivos Formato 600 x 1.125 mm Junho

31

120

35 Corte lateral 2225 1132 100 75 1175
35
Corte lateral
2225
1132
100
75
1175

Escala 1:10

1786

6.3 Formato 1.500 x 1.175 mm

76 Ø1 1/2" Montantes e travessas em madeira certificada envernizada (verniz de proteção naval ou
76
Ø1 1/2"
Montantes e travessas em madeira certificada
envernizada (verniz de proteção naval ou
similar).
Tubos em ferro galvanizado com pintura
eletrostática.
Placas em chapa de alumínio (2mm) com
pintura eletrostática e impressão serigráfica.
50
Perfil “U” em chapa virada
colado no verso da placa.
Ø1 1/4"
1500
1560
Vista frontal
275
65
25

Perspectiva explodida

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Desenhos técnicos construtivos Formato 1.500 x 1.175 mm

Junho 2009

Manual de Sinalização de Parques e Reservas Desenhos técnicos construtivos Formato 1.500 x 1.175 mm Junho

32

120

6.4 Formato 2.000 x 1.175 mm (Especial)

2286 76 Montantes e travessas em madeira certificada envernizada (verniz de proteção naval ou similar).
2286
76
Montantes e travessas em madeira
certificada envernizada (verniz de
proteção naval ou similar).
Tubos em ferro galvanizado com
Ø1 1/2"
pintura eletrostática.
Placas em chapa de alumínio
(2mm) com pintura eletrostática e
impressão serigráfica.
50
Perfil “U” em chapa virada
colado no verso da placa.
Ø1 1/4"
2000
2060
275
65
25

Vista frontal

Perspectiva explodida

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Desenhos técnicos construtivos Formato 2.000 x 1.175 mm (especial)

Junho 2009

de Sinalização de Parques e Reservas Desenhos técnicos construtivos Formato 2.000 x 1.175 mm (especial) Junho

33

120

35 Escala 1:10 Corte lateral 2225 1132 100 75 37 1175
35
Escala 1:10
Corte lateral
2225
1132
100
75
37
1175

1192

76 Ø1 1/2" Ø1 1/4" 900 960 275 65 25
76
Ø1 1/2"
Ø1 1/4"
900
960
275
65
25

Vista frontal

6.5 Formato 900 x 1.175 mm

Montantes e travessas em madeira certificada envernizada (verniz de proteção naval ou similar). Tubos em ferro galvanizado com pintura eletrostática. Placas em chapa de alumínio (2mm) com pintura eletrostática e impressão serigráfica.

50

com pintura eletrostática e impressão serigráfica. 50 Perfil “U” em chapa virada colado no verso da

Perfil “U” em chapa virada colado no verso da placa.

50 Perfil “U” em chapa virada colado no verso da placa. Perspectiva explodida INEA Instituto Estadual

Perspectiva explodida

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Desenhos técnicos construtivos Formato 900 x 1.175 mm

Junho 2009

Manual de Sinalização de Parques e Reservas Desenhos técnicos construtivos Formato 900 x 1.175 mm Junho

34

Rebite Placa Sobreplaca Vista superior (2060) (1560) (960) Vista posterior 275 35
Rebite
Placa
Sobreplaca
Vista superior
(2060)
(1560)
(960)
Vista posterior
275
35

Escala 1:2

75

25
25

Corte lateral

6.6 Detalhe da sobreplaca

Sobreplacas em chapa de alumínio (1mm) com pintura eletrostática e impressão serigráfica.

(1mm) com pintura eletrostática e impressão serigráfica. Perspectiva explodida INEA Instituto Estadual do Ambiente
(1mm) com pintura eletrostática e impressão serigráfica. Perspectiva explodida INEA Instituto Estadual do Ambiente

Perspectiva explodida

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Desenhos técnicos construtivos Detalhe da sobreplaca 960, 1.560, 2.060 x 275 mm

Junho 2009

de Parques e Reservas Desenhos técnicos construtivos Detalhe da sobreplaca 960, 1.560, 2.060 x 275 mm

35

100

35 1500 575 100 75 675
35
1500
575
100
75
675

Escala 1:10

Corte Lateral

967

76 Ø1 1/2" Ø1 1/4" 675 735 150 65 25
76
Ø1 1/2"
Ø1 1/4"
675
735
150
65
25

Vista frontal

50

Ø1 1/4" 675 735 150 65 25 Vista frontal 50 Perfil “U” em chapa virada colado

Perfil “U” em chapa virada colado no verso da placa.

6.7 Formato 675 x 675 mm

Montantes e travessas em madeira certificada envernizada (verniz de proteção naval ou similar). Tubos em ferro galvanizado com pintura eletrostática. Placas em chapa de alumínio (2mm) com pintura eletrostática e impressão serigráfica.

(2mm) com pintura eletrostática e impressão serigráfica. Perspectiva explodida INEA Instituto Estadual do Ambiente

Perspectiva explodida

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Desenhos técnicos construtivos Formato 675 x 675 mm

Junho 2009

Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas Desenhos técnicos construtivos Formato 675 x 675 mm

36

100

35 1500 575 100 75 375
35
1500
575
100
75
375

Corte Lateral

967

76 Ø1 1/2" Ø1 1/4" 675 735 65150 25
76
Ø1 1/2"
Ø1 1/4"
675
735
65150
25

Vista frontal

50

1/2" Ø1 1/4" 675 735 65150 25 Vista frontal 50 Perfil “U” em chapa virada colado

Perfil “U” em chapa virada colado no verso da placa.

6.8 Formato 675 x 375 mm

Montantes e travessas em madeira certificada envernizada (verniz de proteção naval ou similar). Tubos em ferro galvanizado com pintura eletrostática. Placas em chapa de alumínio (2mm) com pintura eletrostática e impressão serigráfica.

(2mm) com pintura eletrostática e impressão serigráfica. Perspectiva explodida INEA Instituto Estadual do Ambiente

Perspectiva explodida

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Desenhos técnicos construtivos Formato 675 x 375 mm

Junho 2009

Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas Desenhos técnicos construtivos Formato 675 x 375 mm

37

Escala 1:7,5

Rebite Placa Sobreplaca
Rebite
Placa
Sobreplaca

75

Vista superior 25 180 Vista posterior Vista lateral 150
Vista superior
25
180
Vista posterior
Vista lateral
150

6.9 Detalhe da sobreplaca 180 x 150 mm

Sobreplacas em chapa de alumínio (1mm) com pintura eletrostática e impressão serigráfica.

(1mm) com pintura eletrostática e impressão serigráfica. Perspectiva explodida INEA Instituto Estadual do Ambiente

Perspectiva explodida

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Desenhos técnicos construtivos Detalhe da sobreplaca 180 x 150 mm

Junho 2009

de Sinalização de Parques e Reservas Desenhos técnicos construtivos Detalhe da sobreplaca 180 x 150 mm

38

No agrupamento de duas placas de mesmo formato os tubos metálicos atravessam o montante central
No agrupamento de duas placas de
mesmo formato os tubos metálicos
atravessam o montante central do
conjunto e obedecem ao mesmo
detalhe de fixação lateral das
placas individuais.

Escala 1:10

Vista frontal

6.10 Esquema para agrupamento de placas

1:10 Vista frontal 6. 10 Esquema para agrupamento de placas Perspectiva explodida INEA Instituto Estadual do

Perspectiva explodida

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Desenhos técnicos construtivos Esquema para agrupamento de placas

Junho 2009

de Sinalização de Parques e Reservas Desenhos técnicos construtivos Esquema para agrupamento de placas Junho 2009

39

Quadro estrutural em perfil (metalon) 2 x 2” revestido com chapa de alumínio e pintura
Quadro estrutural em perfil
(metalon) 2 x 2” revestido
com chapa de alumínio e
pintura eletrostática.
600
120
125º
115º
Nível do solo
0051
003
57051572
572842
1414

Escala 1:10

Corte lateral

6.11 Formato 900 × 875 mm (planificado)

Montantes e travessas em madeira certificada envernizada (verniz de proteção naval ou similar). Tubos em ferro galvanizado com pintura eletrostática. Placas em chapa de alumínio (1mm) com pintura eletrostática e impressão serigráfica.

1132

76 900
76
900
eletrostática e impressão serigráfica. 1132 76 900 Ø1 1/2" Parafuso de fixação de rosca mecânica. Ø1

Ø1 1/2"

Parafuso de fixação de rosca mecânica.

900 Ø1 1/2" Parafuso de fixação de rosca mecânica. Ø1 1/4" Vista frontal Perspectiva explodida INEA

Ø1 1/4"

Vista frontal

Perspectiva explodida

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Desenhos técnicos construtivos Formato 900 x 875 mm

Junho 2009

Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas Desenhos técnicos construtivos Formato 900 x 875 mm

40

76 450 50 50 Corte lateral Vista frontal 1400 40 50 775
76
450
50
50
Corte lateral
Vista frontal
1400
40
50
775

Escala 1:10

6.12 Formato 450 × 775 mm

e formato 300 x 525 mm

Montantes em madeira certificada envernizada (verniz de proteção naval ou similar). Placas em chapa de alumínio (1mm) com pintura eletrostática e impressão serigráfica.

300 50 76 50 Corte lateral Vista frontal 1400 40 50 525
300
50
76
50
Corte lateral
Vista frontal
1400
40
50
525
50 76 50 Corte lateral Vista frontal 1400 40 50 525 Perspectiva explodida INEA Instituto Estadual

Perspectiva explodida

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Desenhos técnicos construtivos Formato 450 × 775 mm e 300 x 525 mm

Junho 2009

de Sinalização de Parques e Reservas Desenhos técnicos construtivos Formato 450 × 775 mm e 300

41

detalhe 3 detalhe 1 detalhe 4 detalhe 5 detalhe 2 detalhe 6
detalhe 3
detalhe 1
detalhe 4
detalhe 5
detalhe 2
detalhe 6

Escala 1:12,5

6.13

Detalhes

Os desenhos ao lado localizam os detalhes de fixação que serão apresentados em maior escala nas páginas seguintes.

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Desenhos técnicos construtivos Detalhes

Junho 2009

Estadual do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas Desenhos técnicos construtivos Detalhes Junho 2009

42

6.13.1 Detalhe 1

120 150 100 90 90 90 recorte na trave de madeira recorte na trave de
120
150
100
90
90
90
recorte na trave de madeira
recorte na trave de madeira
recorte na trave de madeira
42
42
42
placa de alumínio dobrada,
a ser fixada no recorte
da trave de madeira.
placa de alumínio dobrada,
a ser fixada no recorte
da trave de madeira.
placa de alumínio dobrada,
a ser fixada no recorte
da trave de madeira.
parafuso
de fixação
parafuso
parafuso
autoatar-
de fixação
de fixação
rachante
autoatar-
autoatar-
trave vertical de madeira
trave vertical de madeira
trave vertical de madeira
rachante
rachante
65
65
65

Escala 1:2

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Desenhos técnicos construtivos Detalhe 1

Junho 2009

do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas Desenhos técnicos construtivos Detalhe 1 Junho 2009

43

6.13.2 Detalhe 2

braçadeira de ferro para tubo de 1 1/4" fixada por rebites trave vertical chapa de
braçadeira de ferro
para tubo de 1 1/4"
fixada por rebites
trave vertical
chapa de alumínio
35

Escala 1:2

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Desenhos técnicos construtivos Detalhe 2

Junho 2009

do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas Desenhos técnicos construtivos Detalhe 2 Junho 2009

44

(150)

(120)

(100)

6.13.3 Detalhe 3

Copo de arremate da fixação do tubo. parafuso rosca mecânica e tubo. a mesma peça
Copo de arremate da fixação do tubo.
parafuso rosca mecânica e tubo.
a mesma peça (parafuso + cano perfurado)
é usada em todos os formatos de placa.
porca ou chapa rosqueada soldada ao tubo
escareamento na haste vertical com
para encaixe dos elementos metálicos.
40
15
15
Ø 1 1/2"

Escala 1:1

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Desenhos técnicos construtivos Detalhe 3

Junho 2009

do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas Desenhos técnicos construtivos Detalhe 3 Junho 2009

45

(150)

(120)

(100)

6.13.4 Detalhe 4

entalhe na haste vertical para encaixe da haste horizontal 15 45 65
entalhe na haste vertical para encaixe
da haste horizontal
15
45
65

Escala 1:1

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Desenhos técnicos construtivos Detalhe 4

Junho 2009

do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas Desenhos técnicos construtivos Detalhe 4 Junho 2009

46

6. 13.5 Detalhe 5 parafuso de rosca mecânica de 1/4” por 3” Escala 1:2 INEA

6.13.5 Detalhe 5

parafuso de rosca mecânica de 1/4” por 3” Escala 1:2 INEA Instituto Estadual do Ambiente
parafuso de rosca
mecânica de 1/4” por 3”
Escala 1:2
INEA Instituto Estadual do Ambiente
Manual de Sinalização de Parques e Reservas
Desenhos técnicos construtivos
Detalhe 5
Junho 2009
47
6.13.6 Detalhe 6: fixação no solo Os desenhos abaixo apresentam o detalhe 6 para todos
6.13.6
Detalhe 6: fixação no solo
Os desenhos abaixo apresentam o detalhe 6
para todos os formatos e tipos de suportes.
nível do solo
concreto
480
480
480
520
vergalhão
Escala 1:20
500
INEA Instituto Estadual do Ambiente
Manual de Sinalização de Parques e Reservas
Desenhos técnicos construtivos
Detalhe 6
Junho 2009
48
600
005
0051
600
1400
500
600
1500
500
2225850
750
1287
3560
1187

Frente

centralizar os símbolos na largura da camisa

200 80
200
80

Costas

centralizar os símbolos na largura da camisa

80
80

Frente

centralizar os símbolos na largura da camisa

80200
80200

Costas

centralizar os símbolos na largura da camisa

80
80

Apêndice

A aplicação coordenada do símbolo do Parque em outros itens de contato com o público, (como camisetas, brindes, uniformes, veículos, etc.), colabora com a sinalização no sentido de reforçar a identidade visual, contribuindo para a percepção dos Parques e Reservas do Rio de Janeiro como um conjunto integrado, protegido e controlado por uma mesma estrutura de organização. Através desta unidade na comunicação visual transparecem as presenças das instituições que cuidam desta organização: o Governo do Estado, a Secretaria do Ambiente, o INEA e, quando houver, a adotante.

Officina Sans Bold, 13,5 pt 2220 157 20 2715 15 15 70
Officina Sans Bold, 13,5 pt
2220
157
20
2715
15
15
70

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Apêndice

Junho 2009

2715 15 15 70 INEA Instituto Estadual do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas

49

63 mm 63 mm INEA Instituto Estadual do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e
63 mm 63 mm
63 mm
63 mm
63 mm 63 mm INEA Instituto Estadual do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas
63 mm 63 mm INEA Instituto Estadual do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Apêndice

Junho 2009

63 mm 63 mm INEA Instituto Estadual do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas

50

INEA Instituto Estadual do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas A p ê

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Apêndice

Junho 2009

INEA Instituto Estadual do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas A p ê n

51

Escala 1:10

6 cm 15 cm 12 cm 6 cm eixo 6,7 cm 7,3 cm 36 cm
6 cm
15 cm
12
cm 6 cm
eixo
6,7 cm
7,3 cm
36
cm
12 cm
14 cm
15,5 cm
Porta traseira
15
cm
70
cm
Capô

limite infe rior da capa do bagageiro

limite s upe rior da lanterna

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Apêndice

Junho 2009

rior da lanterna INEA Instituto Estadual do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas Apêndice

52

Escala 1:10

30 cm

7 cm 11,8 cm 30 cm 7 cm
7 cm
11,8 cm
30 cm
7 cm

Porta Lateral

13,5 cm

10

18

cm

cm

6,5 cm

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Apêndice

Junho 2009

18 cm cm 6,5 cm INEA Instituto Estadual do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e

53

Anexo

Este Manual está acompanhado de arquivo em CD contendo sua versão em PDF editável.

INEA Instituto Estadual do Ambiente

Manual de Sinalização de Parques e Reservas

Anexo Arquivos eletrônicos

Junho 2009

Instituto Estadual do Ambiente Manual de Sinalização de Parques e Reservas Anexo Arquivos eletrônicos Junho 2009

54