Você está na página 1de 4

21082 - Actividade Formativa 2

I - Escolha múltipla
Em cada questão apenas uma das afirmações a), b), c), d) é verdadeira. Indique-a
marcando × no quadrado respectivo.

n !
! n
1. A soma 2 é igual a:
i=1 j=i

a) n2 + 2n. c) n2 − n.
" n #
!
b) k 2 − n. d) n2 + n.
k=1

n
! $ %
n i
2. Para n > 0, (−1) i =
i=0

a) (−2)n . c) 0.
n
! n $ %
!
i i n
b) (−1) 2 . d) 2 i .
i=0 i=0
i par

3. Considere as afirmações seguintes:


n & '
! & '! n & '
n n n−2
(i) =2 ;
i n−2 i
i=1 i=1

n
" n n
#
! 1 ! !
(ii) ni = ni+1 + i · ni .
i=1
n i=1 i=1
n
! n
!
i
(iii) (−n) = − ni .
i=1 i=1

Então:
a) Nenhuma das afirmações é verdadeira.

b) Apenas uma das afirmações é verdadeira.

c) Apenas duas das afirmações são verdadeiras.

d) Todas as afirmações são verdadeiras.

1
! !
4. O coeficiente de t3 na soma t#(S∪{a}) é:
S⊆[4] a∈[4]\S

a) 1. c) 2.
$ % $ %
4 4
b) 2 . d) 2 · 2.

!!
5. 2#(S\{a}) é igual a:
S⊆[2] a∈S

a) 6. c) 4.

b) 5. d) 3.

6. A que é igual ∆(iHi )?


1
a) Hi+1 . c) + 1.
i+1
1
b) 1 + Hi . d) + Hi+1 .
i+1

$ %
n−1
7. Se ak = (−1)k−1 k − 1 , então ∆ak é:
$$ % $ %%
k n−1 n−1
a) (−1) k − k−1 .
$ %
n
b) (−1)k k .
$$ % $ %%
n−1 n−1
c) ((−1)k − (−1)k−1 ) k − k−1 .
$ %
k−1 n−1
d) (−1) k−1 .

n
!
8. (i + 1)m é igual a:
i=1
" n #m " m #" n #
! ! $m% !
a) (i + 1) . c) k ik .
i=1 k=0 i=1
" n #
m $ % ! m $ %
! m ! m k
b) k ik . d) k i .
k=0 i=1 k=0

2
II - Problemas
Justifique todas as afirmações e apresente os cálculos realizados para as obter

9. Explicite as parcelas do seguinte somatório e calcule o valor final:


!3 ! i !!
i
a) . b) #(S \ T ).
i=0 j=1
i+j T ⊆S S⊆[3]

3 !
! 3 !
3
10. Considere o triplo somatório αijk .
k=1 j=k i=j

a) Explicite este somatório para n = 3.

b) Troque a ordem dos somatórios de modo a que o primeiro ı́ndice seja i, o segundo
seja k e o terceiro seja j.

n & '
! n i
11. Mostre que 3 = 4n
i
i=0

a) utilizando o teorema binomial;

b) por indução.

12. Use o método da perturbação para calcular as duas somas seguintes:


!n !n
a) Sn = (−1)n−i . b) Tn = (−1)n−i i.
i=0 i=0

n !
! n
13. a) Calcule a soma ij.
i=1 j=1

n !
! i n
n2 (n + 1)2 ! 2
b) Mostre que 2 ij = + i.
i=1 j=1
4 i=1

n
! n
! i2 + i
c) Calcule i3 aplicando o método da expansão-contracção à soma .
i=1 i=1
2

2n
!
14. Mostre que se tem, para n ≥ 1, (−1)k+1 k 2 = −n(2n + 1).
k=1

a) Por indução matemática.

b) Como se não soubesse o resultado do somatório. [Sugestão: decomponha [2n] em


pares e em ı́mpares.]

15. a) Mostre que k 2 (k − 1) = (k + 1)3 − k 2 .

3
n
!
b) Utilizando a igualdade da alı́nea anterior calcule k 2 (k − 1).
k=0
n
!
c) Calcule i(n − 1 − i)(n − i).
i=0

1 ( )
16. a) Mostre que im = ∆ im+1 para quaisquer naturais i, m.
m+1
n
! (n − 1)n(n + 1)
b) Mostre que i2 = .
i=1
3
n
! n(n + 1)(2n + 1)
c) Mostre, por recurso às alı́neas anteriores, que i2 = .
i=1
6

!n !2n
(i2 − j 2 )2
d) Calcule a soma 2
.
i=1 j=n+1
(i + j)

n !
! n $ %$ %
i j
17. Mostre que (−1)j−i k i = 1.
i=k j=i

conjunto de cardinalidade ı́mpar. Use a mudança de variável S $→ X \ S


18. a) Seja X um !
para mostrar que (−1)#S = 0.
S⊆X

b) Mostre que a igualdade acima também é verdadeira quando X é não vazio


* de qualquer
cardinalidade. [Sugestão. Fixe um elemento a ∈ X e mostre que S⊆X (−1)#S =
* a∈S
− S⊆X\{a} (−1)#S .]

n
! $ %
n
19. a) Mostre, por recurso ao método de indução matemática, que (−1)k k k m = 0,
k=0
para todos os naturais 0 ≤ m < n.
!n $ %
k n
b) Mostre que (−1) k (a + k)m = 0, para todos a ∈ N, 0 ≤ m < n.
k=0
n
!
c) Mostre que (−1)#S (#S)m = 0, para qualquer conjunto X não vazio e qualquer
S⊆X
natural m tal que 0 ≤ m < #S.

!n ! n ! !n
1 1 1
20. a) Mostre que =2 + Hn(2) onde Hn(2) = 2
.
i=1 j=1
i · j 1≤i<j≤n
i · j k=1
k
! 1 1 ( (2) )
b) Com a ajuda da alı́nea anterior, argumente que = Hn + (Hn )2 .
1≤i≤j≤n
i·j 2

FIM