Você está na página 1de 3

Entrevistado: Ana Regina Carneiro Guimarães

Empresa: Angaroa Roupas Profissionais


Site: www.angaroaroupas.com.br

1-Qual é o seu negócio e quando começou?

Trabalho com confecções de roupas profissionais, meu negócio começou há muito tempo
quando minha mãe confeccionava roupas não só profissionais mais todos os estilos era o
único meio de trabalho que meus pais tinham e sabiam fazer muito bem.

2-Quais as dificuldades que você passou para obter seu negócio? Pensou em
algum momento desistir?

Nunca pensei em desistir, as dificuldades foram grandes logo que decidi registrar a empresa
e tornar minha confecção voltada para roupas profissionais. E conseguir funcionários
capacitados, compra de tecidos, máquinas etc. Essas foram uma das dificuldades que
passamos.

3- Como você define este mercado? E porque escolheu esse ramo de negocio?

O mercado é amplo e muito fácil de engajar. Esta é uma época de grandes transformações,
gerais, diríamos no campo industrial, comercial e dos prestadores de serviço. Escolhemos
este ramo pra estar ao lado dessas transformações conquistando clientes.

4- Você precisou de algum empréstimo para o investimento e abertura do


negócio? Caso sim foi difícil?

Não, tudo foi comprado aos poucos com as encomendas que eram feitas. Boa parte era
para poupança sempre tivemos isso muito bem controlado.

5- Quem são seus clientes?

Os principais clientes são: condomínios, bancos, empresas de segurança, indústrias e cada


vez mais as empresas prestadoras de serviços em todas as áreas. Sem contar os ramos em
que o uniforme é obrigatório, como o alimentício e o hospitalar.

6- Você faz algum tipo de pesquisa de mercado? Busca informações sobre a


satisfação do seu cliente?

Normalmente não faço pesquisas, fico sabendo se meu cliente ficou satisfeito quando ele
faz novas encomendas, até agora todos que trabalham conosco nunca deixaram de
encomendar seus uniformes com a Angaroa. Quando um cliente fica muito tempo sem
encomendar ligamos e perguntamos se precisam de algo se está tudo correto.
7- Como você promove ou pretende promover seu produto?

No momento promovo meu produto através do site, e da satisfação do meu cliente,


pretendo futuramente criar o catálogo da confecção.

8- Quais as vantagens e desvantagens dos concorrentes em relação a sua


empresa?

As desvantagens dos nossos concorrentes é que nossos produtos são muito bem
confeccionados não estão concorrendo com qualquer empresa e as vantagens é que temos
pouca divulgação isso faz com nosso concorrente fica um passo a frente.

10- Qual sua alternativa para uma emergência na entrega de um produto ou na


falta de matérias primas?

Até o momento nunca precisamos agir com emergência por falta de matéria prima, sempre
tivemos controle de estoque dos materiais. Compramos sempre uma quantidade maior do
que consumimos, sempre pensando na possibilidade de uma grande encomenda.

11-Quais seus pontos fortes e fracos?

Pontos fortes é nossa qualidade. E os fracos é que situamos em um local de pouco espaço
para o tamanho das encomendas que queremos alcançar.

12-Quais suas próximas metas e perspectivas para o futuro?

Minha meta é oferecer o melhor de nossa confecção, diferenciados pela qualidade de


nossos produtos, pela nossa agilidade de entrega. O maior objetivo é que Angaroa passe a
produzir roupas profissionais por todo o Brasil, confeccionando roupas para as grandes
indústrias e empresas de grandes portes.

Conclusão:

A nossa entrevistada é uma empreendedora que manteve suas metas e alcançou seus
objetivos. Ainda almeja avançar no mercado e produzir para todo o Brasil.
Podemos perceber nessa entrevista que a empreendedora, passou por dificuldades como: a
legalização da empresa, a falta de profissionais capacitados na área, dificuldades na compra
de equipamentos e continua passando por uma série de desafios como espaço físico e pouca
divulgação do seu negócio. Apesar de todas essas dificuldades a empreendedora se manteve
perseverante e não pensou em desistir. A cada dia se sente mais realizada com seu negócio e
com grandes planos para o futuro.

Você também pode gostar