Você está na página 1de 1

15 Maio 2009 11

PORTUGAL
A solidariedade dos Pirilampos Mágicos Mortes em hospital Spa de Vieira do Minho é dos melhores
O Hospital Central de Faro
Mais de 800 mil Pirilampos Mágicos estão disponíveis para todos negou que haja relação directa O Aquafalls Spa Hotel, de Vieira do Minho, é a única unidade
os que quiserem participar na campanha que há mais de 20 anos entre a morte de oito utentes e a portuguesa incluída pela revista britânica Tatler na sua lista dos
recolhe fundos em benefício das instituições que apoiam pessoas infecção por uma bactéria que “101 melhores spas do mundo”, disse fonte empresarial. A revista,
com deficiência intelectual. “Os recursos que temos dificilmente infectou 31 pessoas. O hospital que assinala 300 anos de existência, refere-se ao Aquafalls como
são suficientes e têm que ser complementados com estas diz que se registaram 31 casos “algo de verdadeiramente excitante e fresco e um spa
campanhas. É para isso que elas existem, para adquirir com diagnóstico positivo mas verdadeiramente revigorante num país que parecia adormecido
equipamentos que não seria possível ter para dar outras que não há relação directa com no tempo”. “Este novo, genuíno e baby spa hotel - prossegue -
condições e outra qualidade” , disse o presidente da Federação a infecção pela bactéria tem vista fantástica sobre as soberbas montanhas da Peneda-
Nacional de Cooperativas de Solidariedade Social, Mário Aboim. “clostridium difficile”. Gerês, único parque natural do país”, afirma a crítica da Tatler.

MEDIDA PODE BENEFICIAR MAIS DE 45 MIL

Perdão para reformados que não entregaram IRS


Segundo noticia o jornal “Público”, o Ministério caso”, sublinhando que as coimas “podem vir a ser verifique que da entrega da declaração não
das Finanças está a preparar um perdão de coimas anuladas. Dependerá da análise casuística e não resultaria qualquer imposto a pagar ao Estado.
para os mais de 45 mil reformados que não havendo prejuízo para o Estado, conforme decorre Este perdão das coimas contraria, no entanto, o
entregaram a sua declaração de IRS em 2008 do art.º 32, número 1 do Regime Geral das que o primeiro-ministro José Sócrates afirmou no
referente aos rendimentos recebidos em 2007. Infracções Tributárias (RGIT)”. Ora, esta norma Parlamento no dia 22 de Abril depois de ter sido
O perdão apenas se aplicará aos contribuintes do RGIT prevê precisamente que as coimas confrontado pelo Partido Popular. Na altura, José
que não tendo entregue a declaração, se verifique aplicadas podem ser anuladas quando a “infracção Sócrates garantiu que não haveria anulação das
que não têm qualquer imposto a pagar ao Estado e não ocasione prejuízo efectivo à receita tributária”; coimas, sublinhando não ser este “o momento
surge depois de no início do ano a Direcção-geral “estar regularizada a falta cometida”; “a falta para, por demagogia e eleitoralismo, sermos mais
dos Impostos (DGCI) ter notificado cerca de 120 revelar um diminuto grau de culpa”, ou “no caso de simpáticos”. “Não o faço (perdoar a coima) em
mil contribuintes, dos quais mais de um terço o infractor reconhecer a sua responsabilidade e nome da sensibilidade eleitoral, para dar votos.
pensionistas, por não terem apresentado a referida regularizar a situação tributária até à decisão do Não posso dar à administração fiscal nenhum sinal
declaração de IRS. processo”. O “Público” sabe, no entanto, que as equívoco no que diz respeito ao cumprimento da
Fonte oficial do Ministério das Finanças disse ao instruções que estão a ser preparadas vão no lei”, sublinhou o primeiro-ministro à saída do
“Público” que cada questão será “analisada caso a sentido de anular todas as coimas em que se debate.
PUB.

Interesses relacionados