Você está na página 1de 9

comunidade lean thinking

CURRICULUM VITÆ
Rua Cupertino de Miranda 35 4º Dto ­ 4760 124 VN de Famalicão
www. leanthinkingcommunity.org
management@leanthinkingcommunity.org

IDENTIFICAÇÃO
Data de constituição: 21 de Dezembro de 2006
Publicação em Diário da República, 2ª série, 12 de Março de 2007
Figura jurídica: Associação de direito privado sem fins lucrativos
Número de Contribuinte: 507 955 110 de VN de Famalicão, CAE 911.10
Telefones de Contacto: 91 853 8982 / Fax 211 454 136
NIB (Banco BPI, VNF): 0010 0000 38661010001 83
Entidade acreditada pela
Entidade acreditada desde 2006 pela Direcção-Geral do Emprego e das Relações
de Trabalho (DGERT) nos seguintes domínios:

 Concepção de intervenções, programas, instrumentos e suportes formativos;


 Organização e promoção das intervenções ou actividades formativas;

 Desenvolvimento/execução de intervenções ou actividades formativas.


A CLT tem o seu sistema de gestão da qualidade certificado pela APCER no âmbito
da ISO 9000:2008 para os domínios da Formação e Consultadorio.
O sistema de investigação, desenvolvimento e inovação (ID+I) está estruturado à imagem da NP4457.

MISSÃO, PRINCÍPIOS E VALORES


A missão da Comunidade Lean Thinking (CLT) é a seguinte:

 Contribuir para o desenvolvimento dos seus stakeholders através da criação e partilha de conhecimento e experiências baseado
em relações win-win;
 Contribuir de forma desinteressada e integra para o bem comum partilhando ganhos e conhecimento, numa perspectiva de
melhoria contínua;

 Ser uma organização de referência no domínio da investigação, desenvolvimento e inovação nas áreas do lean thinking;

 Obter reconhecimento nacional e internacional através da implementação da filosofia lean thinking em organizações empresariais
através da metodologia going lean ®.
Neste âmbito, a CLT assenta a sua acção nos seguintes princípios:
• Honestidade e integridade;
• Igualdade e respeito;
• Partilha de conhecimento e desenvolvimento de todos;

• Serviço e contribuição no espírito win-win;

• Realização.
Os valores da CLT são os seguintes:

comunidade lean thinking 1 de 8


comunidade lean thinking
lean today, win tomorrow

• Honestidade;
• Justeza;
• Manter os compromissos;
• Respeito pelo indivíduo;
• Encorajar a iniciativa individual;
• Partilhar ganhos e reconhecimento.

Orientação Estratégica:
Aposta na investigação, desenvolvimento e inovação (ID&I) como fonte geradora de conhecimento e elemento fundamental ao
desenvolvimento de boas práticas. A CLT conta com um forte grupo de investigadores e pessoas ligadas à aplicação prática e com
grande experiência para que nunca perca de vista a aplicabilidade prática dos seus esforços de investigação e inovação. Para além
do desenvolvimento de novas práticas de gestão, a CLT espera ainda desenvolver aplicações tecnológicas para facilitar a
implementação das práticas lean nas organizações.
O conhecimento e as soluções geradas neste domínio são posteriormente transferidas para aplicações práticas, onde são validadas
e melhoradas. No âmbito da transferência de conhecimento, a Comunidade definiu um modelo de negócios que assenta no
pensamento win-win (relações de mútuo benefício para as partes envolvidas). Este modelo tem uma característica única ao propor
a partilha de ganhos gerados pela intervenção. As restantes duas áreas de intervenção (projectos e certificação) desenvolvem-se
como consequência das anteriores e caracterizam-se pelo envolvimento em projectos em rede e pela certificação de pessoas
(sênseis) e organizações (lean enterprises).
Para além destas actividades centrais, a CLT tem ainda um forte sentimento de responsabilidade social ao dedicar parte dos seus
ganhos a quem precisa, procurando deste modo contribuir para o bem comum e o desenvolvimento de todos.

ÁREAS DE INTERVENÇÃO
As áreas de intervenção da Comunidade Lean Thinking estão organizadas do seguinte modo:
A1. Investigação, desenvolvimento e inovação de boas práticas lean thinking;
A2. Transferência de conhecimento:
A2.1. Mudança cultural, formação e treino;
A2.2. Consultoria e apoio às organizações.
A3. Desenvolvimento de projectos nacionais e comunitários;
A4. Certificação de organizações e particulares.
A4.1. Formação de senseis;
A4.2. Certificação de organizações lean.

Trabalho realizado em A1.


2007 Realização da Cruzada Lean Thinking entre o período de Agosto a Dezembro de 2007. Esta iniciativa
envolveu 30 organizações empresariais ligadas aos diversos sectores de actividade económica.
Participação de Paulo Amaro no Lean Summit Barcelona, 4/5 de Outubro;
Acompanhamento e orientação de três dissertações de mestrado no âmbito da filosofia lean thinking;
RoadMap to lean thinking implementation – Eng António Paulo Amaro, Universidade Lusíada
de VN Famalicão. Dissertação orientada por Prof João Paulo Pinto;
Lean Services – Eng Filomena Moreira, Universidade Lusíada de VN Famalicão. Dissertação
orientada por Prof João Paulo Pinto;
Transferência de Conhecimento – Eng Carlos Rodrigues, Universidade de Aveiro (DEGI).
Dissertação orientada por Prof João Paulo Pinto;
Participação de João Paulo Pinto no 12º Fórum Internacional sobre Qualidade e Segurança na Saúde
Barcelona, 18/20 de Abril;
Trabalho realizado em A2.
2008 Organização do Mega Evento Lean Thinking (MELT) em colaboração com a Universidade Lusíada de VN
Famalicão a 21 de Junho de 2008. Evento que contou com a presença de um orador do MIT (USA) e um da
Universidade de Cardif (UK).
Curso Lean Thinking – a filosofia dos vencedores, no Hotel Ipanema Park (Porto). Formador: João Paulo
Pinto, 13/14 de Março.;
Curso Going Lean, no Hotel Ipanema Park (Porto). Formador: Artur Veloso, Abril.
Curso VSM, no Hotel Ipanema Park (Porto). Formador: Hugo Gonçalves, Abril.
Curso “Introdução ao Lean” em parceria com a APQ. Formador: Paulo Amaro.

Curriculum – Maio de 2009 2 de 8


comunidade lean thinking
lean today, win tomorrow

Intervenção (consulting) Lean Thinking na Briel (Porto);


Intervenção (consulting) Lean Thinking na Amorim (Couruche);
Intervenção (consulting) Lean Thinking na Fapomed – Felgueiras;
Formação lean nas empresas: LeasePlan, Britons, Lameirinho, Pioneer e Eurico Ferreira.
Realização de três edições da PG em Lean Management em parceria com o IDT.
Realização da quarta edição da PG em Lean Management na cidade do Porto (2008/09).
2007 Acreditação da CLT pelo IQF, desde Setembro de 2007.
Intervenção Lean Thinking na EFACEC, divisão DT, de Outubro a Novembro de 2007.
Intervenção Gestão de Operações e Supply Chain Management na Fapomed (Felgueiras), de Novembro
2007 a Abril de 2008.
Intervenção Lean Thinking na Amorim & Irmãos (Coruche), de Setembro a Dezembro de 2007.
Continuação da intervenção em Janeiro até Maio de 2008;
Intervenção Lean Thinking no Departamento de Aprovisionamento do Hospital de S João do Porto, EPE,
Setembro de 2007.
Realização do Lean Assessment na Hella North América (Flora, USA) – Agosto de 2007. Nova intervenção
de Janeiro a Março de 2008.
Organização de um Seminário realizado a 27 de Junho no Auditório da CCDRC, em Coimbra, subordinado
ao tema “Lean Management:-ferramentas de Gestão Japonesa na Produtividade das Empresas e Serviços”,
em colaboração com o IFDEP Instituto para o Fomento do Empreendedorismo em Portugal
(http://www.ifdep.pt/) e a Comunidade Lean Thinking.
Realização do Seminário Lean Thinking – factor para a competitividade das empresas – 25 de Maio no
Auditório da AIDA (Associação Indistrial de Aveiro). Evento realizado em colaboração com a CH
Consultores (Coimbra), AIDA e a Universidade de Aveiro.
Realização do Curso de Pós-graduação em Lean Management com a duração de 170 horas (um ano lectivo)
– Primeira edição iniciada em Setembro de 2007 – as restantes edições estão planeadas para Janeiro e Abril
de 2008. Total de formandos: 56. Esta PG é realizada em parceria com o Instituto Politécnico do Porto/IDT.
Protocolo de cooperação entre a CLT e o IDT/IPP (Porto) para a realização da PG em Lean Management e
acções de formação em Empresas;
Protocolo de cooperação entre a CLT e a Profitability Engineers Lda (Lisboa) para os domínios da formação
(acções de curta duração);
Protocolo de cooperação entre a CLT e a AEP (Porto) para os domínios da formação;
Protocolo de cooperação entre a CLT e a CopiRisco Lda (Lisboa) para os domínios de projectos
comunitários, formação e consultoria;
Participação de João Paulo Pinto nas conclusões do II Seminário Internacional de Economia Social, 17 de
Abril, em VN Famalicão
Realização do Congresso Internacional Going Lean – 14/15 de Março no Hotel Solverde em Espinho.
Contou com 20 palestrantes dos quais quatro estrangeiros. Total de participantes: 125. Obtenção de
financiamento da Fundação para a Ciência e Tecnologia.
Trabalho realizado em A3.
2008 Apresentação do projecto “Rumo à excelência nas IPSS” – proposta apresentada no âmbito do
POPH/QREN (Abril)
Apresentação de três propostas ao POPH (medidas do eixo 3) (Março).
Aprovação da proposta apresentada ao POPH (Projecto nº 009866/2008/23, relativo à
tipologia 2.3. Formações Modulares Certificadas – valor do projecto: €24,037.00) – a desenvolver em
2008/09 na cidade de VN Famalicão.
Trabalho realizado em A4.
2008 Desenvolvimento da metodologia Going Lean ® (roadmap para a implementação da filosofia lean thinking
nas organizações).
Desenvolvimento do produto “Lean People” em parceria com a empresa Dynargie (Porto,
www.dynargie.pt).

Curriculum – Maio de 2009 3 de 8


comunidade lean thinking
lean today, win tomorrow

RECURSOS HUMANOS
Órgão Sociais:
Assembleia-geral:
• Presidente: Luís Jorge Pinto, Eng (IOLINE, Gouveia)

• Vice-presidente: Paulo Amaro, Eng (EFACEC, Porto)

• Secretário: Elisa Maria Gonçalves, Enf (Hospital de SJ de Deus, VN Famalicão)

Direcção Nacional:
• Presidente: João Paulo Pinto, Prof (CLT, VN Famalicão)

• Vice-presidente: Sílvia Costa, Dra (CLT, VN Famalicão)

• Secretário: Cecília Martins, Eng (Universidade LUSÍADA, VN Famalicão)

• Tesoureiro: Elisa Maria Pinto Gonçalves, Eng (Hospital de SJ de Deus, VN Famalicão)

• Vogal: Cecília Martins, Eng (Universidade LUSÍADA, VN Famalicão)

Conselho Nacional:
• Presidente: Raul Lopes, Eng (FAPOMED, Felgueiras)

• Vice-presidente: Albino Reis, Prof (CENERTEC, Rio Tinto)


• Secretário: Francisco Vieira, Eng (BLAUPUNKT, Braga)

Conselho Fiscal:
• Presidente: Carlos Nunes Neto, Eng (SETRIC PORTUGAL, Felgueiras)

• Vice-presidente: Pedro Sousa, Eng (EURICO FERREIRA, Trofa)

• Secretário: Ana Alvim, Eng (BRUMA, VN Famalicão)

Equipa Executiva (por ordem alfabética):


Carlos Jorge Rodrigues – Licenciado em Engenharia e Gestão Industrial pela Universidade de Aveiro. Colaborou com a Colep
CCL (Grupo RAR) no Departamento de Melhoria Contínua. É consultor a tempo inteiro na CLT desde Fevereiro de 2009;
Christiane Lucas Tscharf – Mestre em Ciências de Educação pela Universidade de Aveiro. Responsável pelo Sistema de Gestão
da Qualidade da CLT. Desempenha também funções no departamento de formação e treino da Associação.
Fernanda Correira – Responsável pelo back-office da CLT, assegura as funções administrativas e coordena actividades de
formação e treino. Entrou na Comunidade em Janeiro de 2009;
João Paulo Pinto – Doutorado em gestão de operações (Universidade de Huddersfield), Mestre em Sistemas Avançados de
Fabrico e Novas Tecnologias (Universidade de Liverpool) e Bacharel em Engenharia de Manutenção Industrial (IPG). Prof
Associado da Faculdade de Engenharia da Universidade Lusíada, consultor e investigador. Fundador da Comunidade Lean
Thinking em 2006. Fundador e Presidente da Direcção Nacional da Comunidade Lean Thinking.
Luís Jorge Pinto – Licenciado em Engenharia Electrónica e Informática pela Universidade de Glamorgam (UK). Especialista no
desenvolvimento de sistemas de software e hardware para controlo e monitorização. Sócio fundador da CLT e Presidente da
Assembleia-Geral.
Miguel Montenegro Araújo - Licenciado em Gestão e Engenharia Industrial pela FEUP (1995-2000)
Pós-Graduação em Gestão Industrial na Lusíada Famalicão - 2001Curso Geral de Gestão - EGP - 2007. Desempenho funções na
Blaupunkt, na Jomar e na Colep CCL (Grupo RAR). Responsável pelo departamento de Consultadoria e Coaching da CLT.
Paulo Amaro - Licenciado em engenharia e gestão industrial na Universidade Lusíada. MBA em Sistemas de Informação
realizado no IESF (Instituto de Estudos Superiores Financeiros e Fiscais. Mestrado em Gestão de Operações na Universidade
Lusíada. Iniciou a sua formação profissional na SOMMER ALLIBERT. Colaborou em empresas do ramo automóvel como a
FORD Electrónica Portuguesa, a AUTOEUROPA nas áreas de gestão de operações e processos de melhoria contínua.
Actualmente é o responsável pela produção de transformadores de potência na EFACEC Energia e membro da Comunidade Lean
Thinking e um dos Responsáveis pela área de R&D desta associação.
Sílvia Clara Costa – Licenciada em Secretariado e Assessoria de Direcção pelo Instituto Politécnico da Guarda. Investigadora
em Lean People e Assessoria de gestão do Projecto OLT. Pós-graduação em Lean Management (2008). Fundadora e Vice-
Presidente da Comunidade Lean Thinking desde 2006.

Curriculum – Maio de 2009 4 de 8


comunidade lean thinking
lean today, win tomorrow

PUBLICAÇÕES E COMUNICAÇÕES
PINTO, JPO, 2009. Lean - o antidoto para a crise. Entrevista principal no Caderno de Emprego do Expresso de 17 de Janeiro.
PINTO, JPO, 2008. Lean Management. Comunicação apresentada no Workshop Lean Management, CENI-IPS - Setúbal 27 de
Novembro.
PINTO, JPO, 2008. Lean Energy. Comunicação apresentada no XXIII Seminário da APETT, VN Famalicão, 18 de Novembro.
PINTO, JPO, 2008. Criação de valor nas organizações. Comunicação apresentada Lean Management, UNL - Lisboa 12/13 de
Maio.
GONÇALVES, H. 2008. Aplicação Lean Thinking em Portugal. Seminário Lean Six Sigma promovido pela APGEI a 05 de Março
(Porto).
PINTO, JPO, 2007. Princípios da criação de valor nas organizações. Comunicação apresentada no V Congresso Nacional de
Gestores, Espinho 14/15 de Setembro. Evento organizado pela Associação Portuguesa de Management.
PINTO, JPO, CORREIA H e LOPES L. 2007. A Qualidade na economia social. Revista Qualidade da APQ, Verão de 2007.
AMARO, P, 2007. Lean thinking e produtividade. Comunicação apresentada no Seminário Lean Management, Julho, Leiria.
ALVARÊS, M (Jornalista), 2007. Criar Valor eliminando o desperdício. Apresentação da CLT no Suplemento “Criar Valor” do
Jornal Primeiro de Janeiro de 09 de Julho.
PINTO, JPO, 2007. Lean thinking e produtividade. Comunicação apresentada no Seminário Lean Management, Junho, Coimbra.
CORREIRA J (Jornalista) , 2007. Eliminar desperdicios para criar valor. Revista Logística Hoje Nº 68.
GONÇALVES, H, 2007. Introdução ao. Seminário Lean Services, Fundação Cupertino de Miranda – Universidade Lusíada de
VNF.
VELOSO, AJ, 2007. Implementação Lean na Trecar. Seminário Lean Services, Fundação Cupertino de Miranda – Universidade
Lusíada de VNF.
AMARO P e PINTO, JP, 2007. Criação de Valor e eliminação de desperdicios. Revista Qualidade da APQ (primavera de 2007).
GONÇALVES, H, 2007. Lean supply chain management. Comunicação apresentada no Congresso de Logística do IFE, Lisboa, 19
de Abril.
LOPES R, NETO C e PINTO JPO, 2007. Quick changeover – aplicação prática do método SMED. Revista Técnica Engenho,
Janeiro/Março.
DIREITO, IC (Jornalista), 2007. Gestão lean. Revista Exame, Março de 2007.
PINTO, JPO, 2007. Comunidade lean thinking. Revista Tecnometal, N 168.
PINTO, JPO, 2006. Sistemas Quick-Changeover. Comunicação apresentada no Seminário de Gestão Industrial da AEP, Novembro,
Porto.

ACÇÃO SOCIAL
De acordo com os Estatutos da Comunidade Lean Thinking, 7.5% do resultado líquido destina-se ao apoio de instituições de
solidariedade social que trabalhem directamente com crianças e idosos carenciados.
Doação dos direitos de autor da obra “Gestão de Operações na Industria e Serviços”, Edições Lídel – 2006 à IPSS “Recreio do
João” em VN Famalicão.
Em finais de 2007 a CLT entregou o seu primeiro contributo a uma Instituição de Apoio a Crianças do Concelho de VN Famalicão.
Em 2008, a CLT tornou-se entidade “Padrinho” da IPSS Recreio do João de Ribeirão ao contribuir com €1,100.00 para apoio desta
Instituição.

ACTUAIS DESAFIOS
De acordo com o seu Plano de Actividades para o biénio 2008/09, os actuais e futuros desafios da CLT são os seguintes:

 Realização da 6ª edição do curso de Pós-Graduação em Lean Management (Porto, Setúbal e Leiria);

 Realização da 1ª edição do curso de Pós-graduação em Six Sigma (Porto);

 Consolidação e afirmação da componente de Consultoria da CLT;

 Estruturação do sistema de Investigação, Investigação e Inovação da CLT de acordo com a norma NP4457;

 Criação de um centro de Conhecimento e de Competências em Lean Management para o Sector Público (em áreas estratégicas
como a saúde, serviço militar e educação);
 Desenvolvimento de soluções lean (métodos e ferramentas) para o sector dos serviços, em especial para o sector público;

Curriculum – Maio de 2009 5 de 8


comunidade lean thinking
lean today, win tomorrow

 Desenvolvimento de um modelo de transferência de conhecimento lean para as organizações empresariais;

 Parceria com a AEP para a realização de acções de formação intra e inter-empresa no âmbito das competências da CLT;

 Publicação do Livro LEAN SERVICES através da editora Lídel (Lisboa), Julho de 2009;

 Candidatura a Programas EU no âmbito do 7º Programa Quadro;

 Apresentação de um projecto ID+I à FCT;

 Realização de iniciativas ID+I no âmbito da filosofia lean thinking.


Criação de SIG’s (special interest groups);

 Definição do sistema de certificação Lean da CLT (para Empresas e Sênseis);

 Preparação do processo de certificação da CLT no âmbito das SA8000 (finais de 2010).

Curriculum – Maio de 2009 6 de 8


comunidade lean thinking
lean today, win tomorrow

Curriculum – Maio de 2009 7 de 8


PRINCIPAIS CLIENTES & PARCERIAS
Designação e Referência Datas Protocolo ID&I Formação Consultin Projectos OBSERVAÇÕES E NOTAS
de e Treino ge Financiad
cooperaç Coaching os
ão
IOLINE Lda (Gouveia) Desde Janeiro 07   Desenvolvimento de sistemas e aplicações (hardware e software)

  Parceiro na organização do Seminário Going Lean 2007;


CENERTEC (Rio Tinto) Desde Março 2007 Realização de acções de formação em parceria.
PROFITABILITY Desde Maio 2007  Realização de acções de transferência de conhecimento em parceria.
ENGINEERING (Lisboa)
IIR PORTUGAL (Lisboa) Desde Junho 2007  Parceiro na realização do Master Course em Lean Thinking e Strategy Deployment

GEWISS PORTUGAL (Paredes) Junho 2007  Formação e treino.

CH CONSULTORES (Coimbra) Julho 2007   Parceiros em actividades de transferência de conhecimento e programas financiados.

IDT/IPP (Porto) Desde Maio 07   Parceiro na realização da Pós-graduação em LEAN MANAGEMENT

AEP (Porto) Desde Julho 2007   Protocolo de Cooperação para o desenvolvimento de acções de formação e consultoria no âmbito
da actividade da CLT

EXCELLENS CONSULTING (Porto) Julho 2007  Parceiro em actividades de Consulting e Coaching

HOSPITAL DE S JOÃO DO PORTO Setembro 2007  Intervenção no Serviço de Aprovisionamento (1 mês)

CORTICEIRA AMORIM (Coruche) Set 2007 a Abril 2008  Implementação Lean Thinking (realização de dois projectos de consultadoria)

UNIVERSIDADE LUSÍADA de VNF Set a Dez 2007  Realização de 7 case studies para a OLT

EFACEC – Divisão DT (Porto) Novembro 07  Estudo de implementação da Filosofia Lean Thinking a toda a divisão de DT (transformadores de
distribuição)

COPIRISCO (Lisboa) Desde Set 2007   Protocolo de Cooperação: iniciativas de Consultoria e Candidaturas ao Programa QREN

LAMEIRINHO (Pevidém, GMRS) Nov a Dez 2007 

FAPOMED (Felgueiras) Nov a Abril 2008  Processo de implementação de boas práticas de Gestão de Operações e Supply Chain Management

BRIEL (Porto) Jan a Junho 2008  Projecto de Implementação Lean Thinking

ASSOCIAÇÃO INDUSTRIAL DO DISTRITO DE Desde Dezembro    Parceria na apresentação de projectos QREN e transferência de conhecimento.
AVEIRO (AIDA) 2007
LEASEPLAN Lda (Lisboa) Jan a Março 2008  Formação em Lean Thinking

ASSOCIAÇÃO PORT p/QUALIDADE (Porto) Janeiro 2008  Formação em Lean Thinking

BRITONS (Viseu) Fevereiro 2008  Formação em Lean Thinking

EURICO FERREIRA (Snt Tirso) Maio 2008  Formação em Gestão de Operações, Logística e Lean

IPE (Industria Produtora de Espumas, Pedroso) Maio 2008  Formação em Going Lean

PETRATEX (Paços de Ferreira) Maio 2008  Formação em Going Lean

MARTINEZ ONERO (Espanha) Julho 2008  Projecto de Implementação Lean Thinking em parceria com a empresa Excellens (Porto)

TOYOTA CAETANO (Ovar) Julho 2008  Formação em Lean Thinking e VSM para os quadros superiores.

DYNARGIE (Porto) Julho 2008  Desenvolvimento de um package “Lean People” (concluído em Jan de 2009)

CENI – (IPS – Setúbal) Setembro 2008   Protocolo de Cooperação, Realização do Curso de PG em Lean Management (iniciado a 19 de Janeiro
de 2009)

PIONEER Portugal (Seixal) Outubro 2008  Formação em Lean Thinking e Going Lean

Associação Empresarial de Paços de Dezembro 2008  Protocolo de Cooperação, inclui tb a ProfiSousa (Dr Paulo Dinis)
Ferreira
TELESERVICE/ARVAT (Porto) Jan a Abril de 2009  Implementação Lean Thinking

SODÉCIA (Guarda) 2009  Acções de formação no decorrer de 2009

comunidade lean thinking 8 de 8


comunidade lean thinking
lean today, win tomorrow

SAFIRA (Porto) Maio de 2009  Acções de formação

ALMEDINA (Coimbra) Maio de 2009  Acções de formação

Curriculum – Maio de 2009 9 de 8