Você está na página 1de 3

Separar cores

Introdução
Já pensaste que o preto pode não ser
preto? As cores das tuas canetas (ou marcadores)
podem ser mistura umas das outras.

Nesta experiência vais poder descobrir que


cores são utilizadas para fazer os teus
marcadores.

Questão Problema: Será que o preto é só constituído por cor preta?

Objectivo: Separar as diferentes cores de diferentes tintas

Material necessário:

1 Tesoura
1 Fio
Clipes
1 Tina
1 Régua
Marcadores
Guardanapos de papel
2 Garrafas de água

Reagentes:

Água

Página 27
Separar cores

Procedimento:

Cortar os guardanapos em tiras;

Fazer uma pinta com um dos marcadores numa tira com cerca de 1,5 cm de
uma ponta;

Repetir o passo anterior mas agora com as restantes cores;

Colocar água num prato raso até cobrir o fundo;

Colocar uma garrafa de plástico cheia de água de cada lado do prato;

Prender o fio as rolhas das garrafas de modo a que fique bem esticado por
cima do prato;

Prender todas as tirar no fio com clipes, de modo a que as pintas dos
marcadores fiquem para baixo e fora de água (só a pontinha do papel deve
tocar na água);

Esperar até que a água molhe quase toda a tira de papel e coloca as fitas a
secar (basta retirar o prato com a água);

Registar o que observa na tabela 1.

Página 28
Separar cores

Explicação da questão problema:

Os químicos têm várias maneiras de separar misturas. O que acabaste de


realizar é uma cromatografia, com a qual separaste as cores que existem em cada
marcador. Por exemplo, a cor castanha é uma mistura de azul e laranja. Á tira de
papel com as cores separadas chama-se cromatograma.

Como sabes, quando colocas água num


guardanapo, esta espalha-se logo. O mesmo
acontece quando colocas a ponta das tiras de
papel em água.

Quando a água chega á mancha de tinta


dissolve-a. Depois, quando a água se espalha,
algumas cores são levadas (arrastadas) para mais
longe (mais para cima) que outras, ficando assim
separadas.

Página 29