Você está na página 1de 10

Módulo

Gravimetrica

Análise gravimetrica de ferro presente no vinho


As regiões produtoras têm uma
cultura típica, visível em cada
vinho produzido

O vinho é uma bebida


alcoólica, resultante da
fermentação
O ferro é também um elemento
vital do corpo humano
É necessário para fabricar
a hemoglobina e, por
conseguinte, é
responsável pelo
transporte de oxigénio a
todas as células do corpo. C Hemáceas

A falta de ferro pode B Plasma

provocar anemia.
A Leucócitos

D Plaquetas
Descrição do tipo de proteínas no
vinho
A concentração de proteínas depende:
 Casta
 Riqueza azotada do solo
 Grau de maturação - o teor em proteínas
termosensíveis do mosto aumenta com a maturação
 Processo tecnológico - prensagem / maceração
pelicular / sulfitagem / esmagamento
Os vinhos, tinto branco e rosé
distinguem-se pela limpidez
Limpidez (NTU)

Branco Rosé Tinto

Brilhante < 1.0 < 1.2 < 2.0

Turvo > 4.4 > 4.8 > 8.0


A análise gravimétrica
A análise gravimétrica, é um
método analítico quantitativo
cujo processo envolve a
separação e pesagem de um
elemento ou um composto do
elemento na forma
mais pura possível.
Exemplo de determinação gravimetrica
do ião ferro presente no vinho
 Pesar a amostra do vinho
 Ao vinho junta-se água com alguns reagentes
(por exemplo) acido clorídrico reagente
químico
 Seguidamente adicionar uns reagentes que
evitem a contaminação do precipitado
 Adiciona-se amoníaco com o objectivo de a
tornar básica lentamente, isso favorece o
crescimento dos cristais.
 Adicionar um indicador ácido base,
seguidamente aquece-se a solução até se
verificar que a solução tem um precipitado
 Retira-se o copo do aquecimento e coloque-se
no frio para o precipita demonstrar mais
rapidamente os cristais
 Por fim filtra-se a solução por filtração de
sucção
 Os cristais vão para uma estufa, depois de seco
pesa-se e ai temos a quantidade real de ferro.
Características de um bom
precipitado

 Ter baixa solubilidade


 Ser fácil de recuperar por filtração

 Não ser reactivo com o ar, a água...

 Ser algo onde o nosso analito seja

apenas uma pequena porção do


precipitado
O vinho é um composto mágico: mata a sede, mata a vontade, mata a
saudade. Faz nascer o calor, acende a paixão, desperta o amor. Traz
luz para a vida, sabedoria, bom gosto, desejo. Alegra a mesa, acorda o
homem, solta a mulher”.

Abril, de 2009

Trabalho elaborado por: Isabel Silva

Você também pode gostar