Você está na página 1de 3

PROJETO – LER FAZ BEM À VIDA

Dados de Identificação
Componente Curricular – Português
Áreas Linguagens
Literatura Infantil

Professoras – Maria Cristina Câmara Alves


Maria Zenóbia Nunes Alves
Patrícia Ferreira

Turmas Envolvidas – Quartas-Séries 1041 / 2041


Curso Normal

Data da Realização - de outubro de 2008 a dezembro de 2009

Justificativa – Sabe-se que o desinteresse das crianças, dos adolescentes e até


mesmo dos adultos pela leitura é algo que vem crescendo a cada ano. O mundo
mágico e persuasivo da televisão, da internet e dos jogos de videogame são fortes
concorrentes da literatura, que, por sua vez, vem tentando conquistar um público
maior de leitores, através das narrativas e ilustrações atraentes. Com base nesta
realidade, este projeto visa envolver os alunos e seus familiares na aquisição do
gosto e hábito da leitura, conhecendo, assim, o mundo fantástico da literatura.
Acredita-se que a leitura é a extensão da escola na vida das pessoas. Freire expõe
no seu livro – A importância do Ato de Ler – que: “ ... aprender a ler, a escrever, a
alfabetizar-se é, antes de mais nada, aprender a ler o mundo, compreender o seu
contexto, não por meio de manipulação mecânica das palavras, mas numa relação
dinâmica que vincula linguagem e realidade”. Portanto, o hábito da leitura é a
maior herança que a escola pode proporcionar a seus educandos e é com este
propósito que o projeto é ampliado a toda a escola, com a construção do projeto
“Ler, Crescer e Trasformar” , coordenado pela professora Karen Abreu de
Oliveira.

Objetivo Geral – Incentivar alunos, familiares e comunidade em geral a


desenvolverem o gosto e o hábito da leitura.

Objetivos Específicos –
Oportunizar aos educandos e familiares subsídios para a leitura, através da
“sacola da leitura”;

Proporcionar momentos reflexivos, a pais e filhos, em relação às obras lidas –


livros, panfletos, revistas ... ;
Incentivar a escrita através da redação de opiniões sobre as obras lidas

Oportunizar momentos lúdicos de contação de histórias aos alunos e aos pacientes


da pediatria do Hospital Geral;

Formar grupos de Contadores de Histórias, com os alunos do Curso Normal,


enriquecendo, com isso, seus currículos.

Metodologia

Uma das primeiras ações do projeto aconteceu em 2008 quando a professora


Maria Zenóbia Nunes Alves, com a colaboração da professora Patrícia Ferreira e
os alunos da turma 3103 do Curso Normal, arrecadaram livros e elaboraram uma
“oficina de contação de histórias. Levaram esse trabalho ao Hospital Geral, mais
precisamente ao setor pediátrico, proporcionando, com isso, uma atividade lúdica
aos pacientes internados. Formou-se, assim, o primeiro grupo voluntário de
contação de histórias, atividade realizada vinculada às aulas de Literatura Infantil.
Outra ação realizada junto às 4ªs séries do turno da manhã e da tarde foi a
organização da “sacola de leitura”, contendo livros, revistas panfletos, ... e um
caderno de anotações. Esse material foi organizado com o objetivo de,
temporariamente, ser levado para casa, pelos alunos, onde os mesmos, juntamente
com seus familiares, fariam a leitura e comentários sobre o conteúdo do referido
material. A partir daí, deu-se o início dos trabalhos com fichas de leitura,
dramatizações, hora da leitura em sala de aula, incrementando o projeto Ler,
Crescer e Transformar.
Em 2009, com a falta de livros e a necessidade de atualização da leitura, foi
solicitado, à direção da escola, a compra de livros novos e a confecção de sacolas
contendo o logo e nome da escola, bem como o nome do projeto em questão.
Outra ação já pensada e a ser efetivada é a presença do “autor na escola” (nome
ainda a ser sugerido), com o objetivo de proporcionar uma conversa do mesmo
com os alunos, incentivando ainda mais o gosto e o hábito pela leitura e produção
textual.
Organizar uma feira de livros usados também faz parte das ações ainda a serem
realizadas e esta visa que um público maior tenha acesso à literatura em geral.
A expectativa é que este projeto realmente se efetive na escola e que a renovação de
livros seja feita periodicamente, uma vez que a leitura é fundamental para o
desenvolvimento cognitivo da criança, em todos os aspectos- percepção, fala,
solução de problemas, aquisição da linguagem, enfim todas as habilidades.

Avaliação –

O referido projeto terá alcançado seus objetivos se as pessoas envolvidas


acrescentarem, ao seu cotidiano, o hábito da leitura como um momento, prazeroso,
lúdico ou informativo.

Sugestão de Autores a Serem Trabalhados –


Olavo Bilac, Cecília Meireles, Lígia Bojunga Nunes, Monteiro Lobato, Elias José,
José Paulo Paes, Roseana Murray, Pedro Bandeira, Mário Quintana, Ana Maria
Machado, Ruth Rocha, Sérgio Caparelli, André Neves, Ana Cláudia Ramos,
Gláucia de Souza e autores de Contos de Fadas, tais como Perrault, Irmãos
Grimm, e Andersen.

Referências Bibliográficas –

CAGLIARI, Luiz Carlos. Alfabetização e Lingüística – São Paulo, Scipione, 1990.


FRANCHI, Eglê. E as crianças eram difíceis: a redação na escola – São Paulo,
Martins Fontes, 1986.
FREIRE, Paulo. A importância do ato de ler – São Paulo, Cortez, 1982.
ZILBERMAN, Regina ; SILVA, Ezequiel Theodoro da. Leitura – perspectivas
interdisciplinares – São Paulo, Ática, 1988.

___________________________________________