Você está na página 1de 66

INSTRUMENTO DE REGISTO DE AVALIAÇÃO DO DESEMPENHO

Educação Especial

Período de avaliação:

Avaliado: NIF:
Categoria Prof.: Vínculo: Departamento:
Avaliador: Sim Grupo:
Cargos:

Avaliador(a): NIF:
Categoria Prof.: Cargo: Competência:

Observações finais do(a) Avaliado(a):

Assinatura: Data:

Observações finais do(a) Avaliador(a):


Assinatura: Data:
Anexo X

FICHA DE AVALIAÇÃO DO DESEMPENHO


DOCENTE DOS GRUPOS DE EDUCAÇÃO ESPECIAL

AVALIAÇÃO EFECTUADA PELO COORDENADOR DE DEPARTAMENTO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO
Agrupamento de escolas / Escola
Código
Direcção Regional de Educação
(A preencher pelo avaliador)
Nome do avaliador 0
Cargo 0
NIF 0

Nome do avaliado 0
Categoria 0
Departamento curricular 0
NIF 0

Período em avaliação0
Sub-total A
A Preparação e organização das actividades lectivas Classificação (A1+A2+A3+A4+A5
)/5
Adequação dos Programas Educativos Individuais às necessidades de cada aluno, tendo
A.1 em conta os princípios da inclusão, em trabalho conjunto com os docentes de 2- Regular
turma/disciplina e encarregados de educação.
Adequação das estratégias de ensino e aprendizagem às necessidades de cada aluno e às
A.2 aprendizagens adquiridas. 5 - Excelente
8.0
A.3 Ponderação dos progressos de cada aluno na planificação das actividades lectivas 4 - Muito Bom
A.4 Participação na elaboração do Plano Individual de Transição 4 - Muito Bom
A.5 Outro a estipular pelo Agrupamento /Escola não agrupada

Sub-total B
B Realização das actividades lectivas Classificação B1+B2+B3+B4+B5)
/5
Cumprimento dos objectivos definidos no PEI (áreas curriculares específicas e conteúdos
B.1 dos currículos específicos individuais que lecciona). 5 - Excelente
Adequação dos materiais utilizados ao nível de funcionalidade de cada aluno, ao seu nível
B.2 etário e ao estilo de aprendizagem 2- Regular
Adequação das estratégias e actividades desenvolvidas às medidas e objectivos
B.3 educativos definidos no PEI. 4 - Muito Bom 8.0
Utilização de métodos de ensino adequados às estratégias de aprendizagem de cada
B.4 aluno em situação de grupo 4 - Muito Bom
B.5 Outro a estipular pelo Agrupamento /Escola não agrupada
Sub-total C
C Relação pedagógica com os alunos Classificação (C1+C2+C3+C4+C5
)/5
Promoção de um clima favorável à aprendizagem, ao bem-estar e desenvolvimento afectivo,
C.1 emocional e social dos alunos. 5 - Excelente
Criação de um ambiente de trabalho favorável à convivência, ao respeito pelos outros e pelas
C.2 diferenças individuais. 4 - Muito Bom
Promoção da participação activa dos alunos na construção e práti ca de regras de convi vência,
C.3 fomentando a vivência de práticas de colaboração, no âmbito da formação para a cidadania 3 - Bom
8.0
democrática.
C.4 Disponibilidade para atender, ouvir e apoiar os seus alunos. 3 - Bom
C.5 Outro a estipular pelo Agrupamento /Escola não agrupada
Sub-total D
D Avaliação das aprendizagens dos alunos Classificação (D1+D2+D3+D4+D
5)/5
Realização das avaliações pedagógicas especializadas sempre que solicitadas pelos professores
D.1 /educadores do ensino regular ou outros. 3 - Bom
D.2 Realização da avaliação diagnóstica das aprendizagens e competências dos alunos. 5 - Excelente
D.3
Avaliação do trabalho realizado com vista ao ajustamento permanente do processo de
ensino/aprendizagem. 4 - Muito Bom 8.3
D.4 Promoção, no final de cada período, da intervenção dos alunos na sua auto-avaliação. 4 - Muito Bom
D.5 Outro a estipular pelo Agrupamento /Escola não agrupada

TOTAL= (A+B+2xC+D) /5 8.1


Página 3 de 66
O avaliador , em ____/____/____

Página 4 de 66
ESCALA A UTILIZAR

DESCRIÇÃO NÍVEL

O docente NUNCA evidencia um desempenho adequado e correcto. Os aspectos


1 - Insuficiente
fundamentais da competência não são demonstrados.

O docente NÃO evidencia um desempenho adequado e correcto. Os aspectos


2 - Regular
fundamentais da competência são demonstrados de modo inconsistente.

O docente evidencia um desempenho adequado e correcto. Os aspectos fundamentais


3 - Bom
da competência são GERALMENTE demonstrados.

O docente evidencia um desempenho bastante adequado e correcto. Os aspectos


4 - Muito Bom
fundamentais da competência são FREQUENTEMENTE demonstrados.

O docente evidencia um desempenho com um elevado grau de adequação e correcção.


5 - Excelente
Os aspectos fundamentais da competência são SEMPRE demonstrados.

Legenda:
FONTES

AD - Análise DocumentalPCT - Proj. Curr. de Turma / PF - Portefólio / DD - Dossier de Departamento / D - Do


OD - Observação DirectaAO - Aula Observada / PA - Planif. da aula assistida / S - Sumários / F - Fichas
GO - Grelhas de Observação / Reg - Registos
Instruções de Preenchimento:

2
Capa – Identificação e Observações Finais
É a parte destinada à identificação do avaliado e do avaliador (o nome deverá ser digitado por extenso
e completo). Em «observações finais», tanto o avaliado como o avaliador poderão registar as considerações
que acharem convenientes (sugestões, aspectos mais relevantes, dificuldades, opiniões sobre o processo
de avaliação, etc).
Página 1 - Ficha de Avaliação do Desempenho a entregar no final do período de avaliação (Ficha do ME)
Página 2 - Escala a utilizar e instruções de preenchimento

Páginas 3 a 7 – Instrumento de Registo propriamente dito


É a parte destinada ao conteúdo propriamente dito do formulário e está dividido em vários sub-campos
correspondentes às competências previstas nas Fichas de Avaliação do ME.

O preenchimento deve ser feito em consenso avaliado/avaliador. Caso haja divergências, elas deverão ser
registadas pelo avaliado, na Ficha de Auto-avaliação e no campo «observações finais» e pelo avaliador nos
campos referentes a «observações finais» e «observações»; neste último campo, o avaliador também poderá
registar eventuais aspectos que, não “cabendo” nos campos acima, considere pertinentes.
Em cada ano escolar, quando a técnica de recolha é «Observação Directa», há 3 campos de possível registo
para cada indicador, mas apenas se deverá registar o que é observado. O mesmo é aplicável quando a técnica
de recolha é «Análise Documental» que tem apenas um campo para cada ano escolar; assim, este campo
apenas deverá ser preenchido perto do final do ano ou do termo do contrato (em data a definir no Regulamento
Interno); até lá, avaliado/avaliador deverão encontrar-se para que as fontes estejam o mais completas possível.

Este instrumento está construído em formato Excell e prevê a utilização da escala de 1 a 5, em função do n.º de
momentos, competências e indicadores registados que, depois de transposta para a classificação qualitativa,
é convertida na escala prevista no Anexo XVI - "Regras para aplicação das ponderações e dos parâmetros
classificativos". O avaliador apenas regista as competências e indicadores observados e que se sente em
condições objectivas de o fazer.

NOTA: A planificação da aula a ser observada deverá ser entregue ao avaliador até 2 dias úteis antes da aula,
de modo a permitir, na medida do possível, um encontro prévio avaliado/avaliador.

2
de Departamento / D - Dossiê
mários / F - Fichas

2
2
2
2
2
2
2
2
2
2
2
2
2
2
2
2
Educação Especial

2008/2009
Momentos/Datas Clas. Qual.
Técnica Cód. Competências / Indicadores
de Fontes
Recolha A Preparação e organização das actividades lectivas
Adequação dos Programas Educativos Individuais às necessidades de cada aluno, tendo em conta os princípios da inclusão, em trabalho conjunto com os
PEI docentes de turma/disciplina e encarregados de educação.
PF
AD A.1 Elabora o Programa Educativo individual (PEI) em colaboração com o docente/director de turma, encarregado 2
DD de educação e/ou outros?
PA 2- Regular
Adequa as orientações programáticas fixadas no PEI às necessidades específicas dos alunos?

Adequação das estratégias de ensino e aprendizagem às necessidades de cada aluno e às aprendizagens adquiridas.
PEI
Adequa as estratégias de ensino e aprendizagem às necessidades de cada aluno e às aprendizagens
PF 5
AD A.2 adquiridas?
DD
5 - Excelente
PA Elabora adequadamente os materiais de apoio às actividades, diversificando recursos e procedimentos, em
função das necessidades específicas dos alunos?

Ponderação dos progressos de cada aluno na planificação das actividades lectivas


PEI
PF As planificações têm em consideração as aprendizagem já efectuadas pelos alunos? 5
AD A.3
DD 4 - Muito Bom
PA Sistematiza procedimentos e tarefas de rotina proporcionando aos alunos várias experiências de
4
aprendizagem em função das competências definidas no PEI?

Participação na elaboração do Plano Individual de Transição


Actas
PF Elabora o Plano Individual de Transição (PIT) em colaboração com o docente/director de turma, encarregado
AD A.4 de educação e/ou outros?
DD 4 - Muito Bom
PA
Adequa recursos, materiais e procedimentos às necessidades específicas dos alunos? 4

OBSERVAÇÕES:

3
3
3
3
3
3
3
3
3
3
Educação Especial

2008/2009
Momentos/Datas Clas. Qual.
Técnica Cód. Competências / Indicadores
de Fontes
Recolha B Realização das actividades lectivas

Cumprimento dos objectivos definidos no PEI (áreas curriculares específicas e conteúdos dos currículos específicos individuais que lecciona).
Realiza actividades lectivas tendo em conta os objectivos definidos no Programa Educativo
Individual?
OD AO B.1 Realiza actividades lectivas tendo em conta os diversos contextos em que lecciona?
Realiza actividades lectivas tendo em conta as abordagens de Ensino/Aprendizagem das áreas curriculares 5 - Excelente
5
específicas?
Realiza actividades lectivas tendo em conta as abordagens de Ensino/Aprendizagem dos conteúdos dos
Currículos Específicos Individuais?
Adequação dos materiais utilizados ao nível de funcionalidade de cada aluno, ao seu nível etário e ao estilo de aprendizagem
Utiliza uma variedade de recursos adequados ao desenvolvimento das competências
2
OD AO B.2 estabelecidas no PEI?
2- Regular
Explora adequadamente os diferentes recursos que utiliza?
Mobiliza para a aula recursos e materiais do âmbito das TIC sempre que possível?
Adequação das estratégias e actividades desenvolvidas às medidas e objectivos educativos definidos no PEI.
Utiliza estratégias e actividades que são adequadas ás medidas e objectivos definidos no
4
OD AO B.3 Programa Educativo Individual?
4 - Muito Bom
Utiliza estratégias e actividades que rentabilizam as questões emergentes do quotidiano e da vida do aluno?

Utilização de métodos de ensino adequados às estratégias de aprendizagem de cada aluno em situação de grupo
Promove actividades cooperativas de aprendizagem (pares, grupo…)?
OD AO B.4 Promove a aquisição de hábitos e métodos de estudo?
4 - Muito Bom
Promove a autonomia dos alunos? 4
Promove a auto-estima dos alunos com reforços positivos?

OBSERVAÇÕES:

4
4
4
4
4
4
4
4
4
4
Educação Especial

2008/2009
Momentos/Datas Clas. Qual.
Técnica Cód. Competências / Indicadores
de Fontes
Recolha C Relação pedagógica com os alunos

Promoção de um clima favorável à aprendizagem, ao bem-estar e desenvolvimento afectivo, emocional e social dos alunos.
Utiliza formas de reforçar positivamente os alunos a aumentar a sua motivação.

OD AO C.1 Promove a auto-estima e segurança dos alunos através de um ambiente prevísivel no desenvolvimento da
aula. 5 - Excelente
Comunica expectativas de sucesso face aos alunos.
Promove o debate com os alunos sobre os problemas / dificuldades da turma. 5
Criação de um ambiente de trabalho favorável à convivência, ao respeito pelos outros e pelas diferenças individuais.
Encoraja o diálogo professor/aluno e aluno/aluno?
Implementa formas de trabalho colaborativo quando possível e necessário?
OD AO C.2
Concede igualdade de participação a todos os alunos, implementando estratégias adequadas? 4 4 - Muito Bom
Promove regras de convivência, colaboração e respeito?
Promove formas de trabalho colaborativo (em pares, grupos)?
Promoção da participação activa dos alunos na construção e prática de regras de convivência, fomentando a vivência de práticas de colaboração, no âmbito
da formação para a cidadania democrática.

C.3 Promove estratégias de participação organizada? 3 3


OD AO
Previne e corrige com rigor, eficácia e em tempo útil os comportamentos desajustados? 3 - Bom

Fomenta e reforça comportamentos responsáveis e assertivos?


Disponibilidade para atender, ouvir e apoiar os seus alunos.
Presta atenção às necessidades individualizadas dos alunos?
OD AO C.4
Responde correctamente a dúvidas e dificuldades dos alunos? 3 - Bom
Disponibiliza-se para a resolução e mediação de conflitos? 3 3

OBSERVAÇÕES:

5
5
5
5
5
5
5
5
5
5
5
5
Educação Especial

2008/2009
Momentos/Datas Clas. Qual.
Técnica Cód. Competências / Indicadores
de Fontes
Recolha D Avaliação das aprendizagens dos alunos
Realização das avaliações pedagógicas especializadas sempre que solicitadas pelos professores/educadores do ensino regular ou outros.
Adequa os instrumentos de avaliação ao nível de desenvolvimento e às necessidades específicas dos alunos
5
PEI referenciados?
PF
AD DD D.1 Recolhe informação sobre os alunos para a realização de avaliações pedagógicas especializadas.
PA 3 - Bom
Elabora ou participa na elaboraçãocom os diversos intervenientes no processo de avaliação o relatório
Reg técnico-pedagógico resultante dos dados recolhidos
Fornece feedback aos professores e encarregados de educação sobre os resultados da avaliação
2
realizada.
Realização da avaliação diagnóstica das aprendizagens e competências dos alunos.
PEI/PF Adequa os instrumentos de avaliação ao nível de desenvolvimento e às necessidades específicas dos alunos,
D.2 em conformidade com o PEI 5
DD
AD PA/F
5 - Excelente
GO Utiliza uma variedade de recursos/instrumentos adequados à avaliação 5
Avaliação do trabalho realizado com vista ao ajustamento permanente do processo de ensino/aprendizagem.
Modifica os processos de avaliação para corresponder às necessidades específicas de cada aluno
PEI
PF
DD Utiliza adequadamente os processos de avaliação das aprendizagens definidos no PEI 4
AD D.3
PA 4 - Muito Bom
Reg Utiliza a comunicação contínua para manter os pais/encarregados de educação informados acerca do
GO desenvolvimento do PEI
Trabalha cooperativamente com os docentes do ensino regular e os demais intervenientes no processo
4
educativo
Promoção, no final de cada período, da intervenção dos alunos na sua auto-avaliação.

Leva os alunos a avaliarem com regularidade as suas próprias aprendizagens, os seus pontos fortes e fracos,
4
PEI/DD D.4 os seus progressos, atitudes, de forma a tomarem parte activa na gestão do seu processo de aprendizagem.
AD PF/PA 4 - Muito Bom
F/GO
Integra a auto-avaliação dos alunos, como estratégia reguladora do desenvolvimento das competências
4
estipuladas no PEI

OBSERVAÇÕES:

6
6
6
6
6
6
6
6
6
6
6
6