Você está na página 1de 3

Laboratório de Física Experimental I

Prof. Adriano Hoth Cerqueira

Profª. Alejandra Kandus

Profª. Maria Jaqueline Vasconcelos

Prof. Sandro Barboza Rembold

Departamento de Ciências Exatas e Tecnológicas

Universidade Estadual de Santa Cruz

Material de apoio à disciplina de Física Experimental I ministrada no segundo semestre de 2011

Expe rimento 6 – Vantagem Mecânica

Introdução

de massa qualquer, preso por uma cord a, por exemplo, e o

mantemos em equilíbrio, todo o seu pe so nos é transmitido através de uma tensão na c orda. Assim, segunda a lei da inércia, de Newton,

Quando suspendemos um objeto

0 →

1

onde é a tensão na corda e é o

colineares e, portanto, desprezando o c aráter vetorial das mesmas). Consideremos, por exemplo, a Figura 1, na qual um objeto de massa está s uspenso, em equilíbrio, por um sistema de cor das e roladas. Com o auxílio de diagramas de forças, podem os concluir rapidamente que a força aplicada se rá menor que a força transmitida (pela “máquina”), de mod o que definimos a vantagem mecânica do s istema como sendo a

razão entre ambas:

peso do objeto dependurado (note que estam os assumindo forças

2

Vamos obter experimentalment e para um dado conjunto de massas e roldanas. A força aplicada será medida com um dinamômetro.

de massas e roldanas. A força aplicada será medida com um dinamômetro. (a) (b) (c) Figura

(a) (b)

(c)

Figura 1: Sistemas de roldanas.

Material e métodos

Serão utilizadas roldanas, cordas, massas (discos metálicos), um gancho para conexão das massas, um tripé e um dinamômetro.

Roteiro Experimental:

a) Escolha um conjunto de discos metálicos, acople-os ao gancho de conexão e depois a uma das roldanas. Meça o peso do conjunto discos+gancho+roldana com o auxílio do dinamômetro. Repita essa medida pelo menos 5 vezes.

b) Disponha a roldana no aparato experimental, montando-o como mostrado na Figura 1(a).

c) Com um dinamômetro, na outra extremidade do sistema, meça a força que mantém o equilíbrio do sistema e anote esse valor. Para cada massa dependurada, meça pelo menos 5 vezes a força indicada no dinamômetro.

d) Repita o procedimento do item c para um valor diferente de massa.

e) Repita os procedimentos dos itens c e d para os aparatos mostrados nas Figuras 1(b) e (c).

Apresentação de resultados

a) Monte um diagrama de forças completo, apresentando em cada ponto do sistema as forças pertinentes que nele atuam. Calcule a intensidade teórica dessas forças para cada massa utilizada.

b) Obtenha a vantagem mecânica do sistema, para cada massa dependurada. Discuta no relatório se a vantagem mecânica obtida é a mesma para todas as massas, e se esse resultado seria ou não esperado teoricamente.