Você está na página 1de 4

IGREJA PRESBITERIANA 6 – A Palavra do Evangelho de Cristo é eficaz em cumprir

DO AURENY IV tudo o que Deus propôs em sua soberana vontade. Assim, a


obra de Cristo se constitui de:
PALMAS – TO a) Livramento da escravidão do pecado, do estilo de vida do
AVALIAÇÃO DA ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL
ABRIL DE 2009-05-08 mundo, da ignorância e indiferença quanto à vontade de Deus,
da culpa pelos pecados, da ira de Deus e da morte eterna.
b) Escape da morte eterna, dos perigos e doenças do mundo,
1 – As falsificações do Evangelho tendem a promover o das maldições, dos homens maus, da pobreza e do fracasso
engano quando geram falsos obreiros, falsos crentes e material.
falsas igrejas (denominações ou convenções doutrinárias). c) Contentamento e indiferença quanto à vontade de Deus,
O que Satanás pretende com isso? uma vez que não haverá quem escape da morte eterna.
a) Incentivar os crentes a desenvolver o senso crítico. d) Aproveitamento de todos os benefícios materiais e
b) Levar a Igreja de Cristo a uma evolução ideológica e espirituais prometidos para a vida na terra, sem perspectiva de
doutrinária. vida eterna com Deus.
c) Acrescentar, sutilmente, falsos ensinos ou anular a doutrina 7 – O pluralismo religioso prega o abandono da
da justificação pela fé em Jesus. "arrogância" teológica do cristianismo, nega que exista
d) Promover a diversidade de idéias dentro do evangelho de verdade religiosa absoluta, e exalta a experiência religiosa
Jesus. individual como critério último para cada um. Essa idéia é
2 – O Evangelho verdadeiro está centralizado no “Cristo absurda e contradiz a missão dada por Jesus aos cristãos
publicamente posto na cruz”. Nesse sentido, a intenção da de...
pregação do apóstolo Paulo era... a) Tentar converter pessoas de outra fé através de um jogo
a) Enfatizar sua própria religiosidade, comparando-se a Cristo. lógico e de argumentações teológicas.
b) Ensinar que a razão do evangelho está centralizada na obra b) Considerar que todas as tradições religiosas são ambíguas
redentora de Cristo. (inclusive o cristianismo), isto é, uma combinação do que é
c) Reforçar os ensinos sobre a obrigatoriedade da circuncisão. bom e do que é ruim
d) Levantar provas científicas da morte vicária de Jesus. c) Esperar que as pessoas encontrem a Deus no contexto de
3 – Identifique a concepção do Evangelho da Graça de várias religiões e culturas diferentes.
Cristo que seja coerente com a revelação do Novo d) Pregar o Evangelho a toda criatura, esperando que o
Testamento. Espírito Santo atraia e transforme os corações e promova a
a) Ser abençoado é ter prosperidade material, não ficar doente conversão dos escolhidos.
e não ter problemas. 8 - Alguns pontos comuns entre os evangélicos foram
b) Não é necessário combater o pecado e deve-se tentar seus considerados pelos conservadores como os pontos
próprios meios de salvação. fundamentais da fé e do cristianismo evangélico. Que item
c) Curas, milagres e bênçãos imediatas são serviços espirituais abaixo seria incoerente com a fé reformada?
prestados pela Igreja de Cristo ao público carente. a) A inspiração, -infalibilidade e inerrância das Escrituras –
d) A função da Igreja é proclamar a obra redentora de Cristo, a reagindo contra os ataques do liberalismo que considerava que
justificação pela fé e a rejeição ao pecado. a Bíblia estava cheia de erros de todos os tipos.
4 – O Evangelho da Graça de Cristo revelado no Novo b) A divindade de Cristo – também negada pelos liberais, que
Testamento apresenta as seguintes características, exceto: insistiam que Jesus era apenas um homem divinizado.
a) A soberania de Deus como autor e consumador da fé. c) O sacrifício propiciatório de Cristo – para os liberais, Cristo
b) A eleição com chamado eficaz para a salvação dos filhos de havia morrido somente para dar o exemplo, nunca pelos
Deus. pecados de ninguém.
c) O constrangimento do amor de Deus através do Espírito d) Sua ressurreição não foi literal nem física, mas espiritual,
Santo, que atrai e transforma seus escolhidos pela pregação do como afirmam os liberais, que as consideravam como
Evangelho. invenção mitológica da mente criativa dos primeiros cristãos.
d) A dependência de uma escolha intencional do homem, 9 - Nestes últimos anos tem crescido a consciência entre
movido unicamente por seu “governo moral”. muitos presbiterianos de que é preciso assumir um maior
5 – Considerando o mistério da Trindade Santa, que opção compromisso com as nossas raízes, com a nossa identidade.
abaixo melhor esclarece sobre o modo como Deus se Esse interesse pode ser considerado como:
revelou no plano da salvação? a) Mero saudosismo ou tradicionalismo
a) O Espírito Santo enviou o Filho e agora reina na terra até o b) Reconhecimento de que o Presbiterianismo abraça valores
dia em que se assentará à direita do Pai. distintivos que continuam sendo relevantes.
b) O Pai executou todo o plano da Salvação, vindo morrer c) Respeito ao culto e aos nossos métodos dos outros grupos
pelos pecadores e agora reina na terra, enquanto o Filho e o evangelísticos.
Espírito Santo assistem a tudo do céu. d) Desejo de aumentar as estatísticas, e não de agradar a Deus
c) O Pai enviou seu Filho para morrer pelos pecadores e agora e obedecer aos ditames da sua Palavra.
assiste a sua Igreja através do Espírito Santo até o dia do 10 - O Evangelho da Graça de Cristo revelado no Novo
arrebatamento. Testamento apresenta os seguintes aspectos no combate ao
d) O Pai enviou seu Filho para morrer pelos pecadores e comercio religioso, exceto:
depois veio Ele mesmo ajudar a sua Igreja enquanto o Espírito a) É o poder de Deus para a salvação de todo aquele que crê.
Santo assiste tudo do céu até o dia do arrebatamento. b) É uma ideologia pregada pelos apóstolos de Jesus.
c) É a mensagem que descreva a ação salvadora de Deus.
d) É a palavra de sabedoria da parte de Deus que edifica e agradar a Deus e obedecer os ditames da sua
mantém a Igreja de Cristo. Palavra, temos instalado o pragmatismo que
tanto mal nos causa, levando à progressiva
O pluralismo erosão da fé reformada. Que os nossos líderes
denominacionais, professores de instituições
O pluralismo religioso, por sua vez, prega o teológicas, pastores, presbíteros e outras pessoas
abandono da "arrogância" teológica do em posições de influência redobrem os seus
cristianismo, nega que exista verdade religiosa esforços para preservar os nossos melhores
absoluta, e exalta a experiência religiosa valores, sem deixarmos de estar sintonizados
individual como critério último para cada um. A com os tempos em que vivemos.
idéia de cristãos tentarem converter pessoas de
outra fé ao cristianismo é absurda. O tema da Ecumenismo Religioso
salvação em outras religiões foi discutido
recentemente na Assembléia Geral do Concílio É a tentativa de aproximar as grandes e
Mundial de Igrejas. O relatório apresentado diferentes religiões do mundo. Essa aproximação
trouxe debate considerável. As conversas se vai desde cooperação em missões e ação social e
arrastam sem produzir qualquer progresso política, até união e fusão de credos. A iniciativa
claro. tem sido principalmente de órgãos protestantes.
O maior deles é o Concílio Mundial de Igrejas
Uma consulta teológica sobre a salvação na Suíça (CMI).
patrocinada pelo CMI, composta por 25 teólogos,
trouxe as seguintes conclusões: A filosofia que permite o CMI fazer esta
tentativa é o pluralismo. Como o nome já indica,
1) Através da história, pessoas tem encontrado a essa filosofia defende a pluralidade da verdade,
Deus no contexto de várias religiões e culturas ou seja, que não existe uma verdade absoluta,
diferentes. mas sim verdades diferentes para cada pessoa.
Esse conceito é ambíguo, mas definitivamente já
2) Todas as tradições religiosas são ambíguas faz parte integrante da nossa cultura presente.
(inclusive o cristianismo), isto é, uma Ele acredita que seja possível o relacionamento
combinação do que é bom e do que é ruim. de pessoas com crenças e ideologias diferentes,
sem que um tenha de sujeitar suas convicções ao
3) É necessário progredir além de uma teologia domínio do outro. A idéia de converter alguém às
que confina a salvação a um compromisso suas próprias convicções é politicamente
pessoal explícito com Jesus Cristo. incorreto. A chave está na valorização da
negociação e da cooperação em lugar de se tentar
Em algumas denominações o pluralismo tem provar que se está certo ou errado.
sido proposto como filosofia oficial, como na O pluralismo religioso, por sua vez, prega o
Igreja Metodista Unida, dos Estados Unidos. abandono da "arrogância" teológica do
cristianismo, nega que exista verdade religiosa
Pragmatismo absoluta, e exalta a experiência religiosa
individual como critério último para cada um. A
Nestes últimos anos tem crescido a consciência idéia de cristãos tentarem converter pessoas de
entre muitos presbiterianos de que é preciso outra fé ao cristianismo é absurda. O tema da
assumir um maior compromisso com as nossas salvação em outras religiões foi discutido
raízes, com a nossa identidade. Não se trata de recentemente na Assembléia Geral do Concílio
mero saudosismo ou tradicionalismo, mas de Mundial de Igrejas. O relatório apresentado
reconhecer que o presbiterianismo abraça trouxe debate considerável. As conversas se
valores distintivos que continuam sendo arrastam sem produzir qualquer progresso
relevantes em nossos dias. Dois desses valores claro.
dizem respeito ao nosso culto e aos nossos Uma consulta teológica sobre a salvação na Suíça
métodos evangelísticos. Quando esses dois patrocinada pelo CMI, composta por 25 teólogos,
elementos tão importantes são moldados pelo trouxe as seguintes conclusões:
desejo de aumentar as estatísticas, e não de
1) Através da história, pessoas tem encontrado a em agosto elegendo Monsenhor Philip Morris,
Deus no contexto de várias religiões e culturas padre católico romano, como membro votante da
diferentes. sua Comissão Executiva.

2) Todas as tradições religiosas são ambíguas Ecumenismo Evangélico


(inclusive o cristianismo), isto é, uma
combinação do que é bom e do que é ruim. É a tentativa de aproximação entre igrejas
evangélicas, a nível de cooperação em atividades
3) É necessário progredir além de uma teologia evangelísticas e sócio-políticas, e mesmo de fusão
que confina a salvação a um compromisso organizacional. Por exemplo, a cooperação
pessoal explícito com Jesus Cristo. interdenominacional de igrejas e ministros--
muitos dos quais não estariam interessados no
Em algumas denominações o pluralismo tem ecumenismo cristão ou religioso – que se unem
sido proposto como filosofia oficial, como na para patrocinar uma cruzada de Billy Graham.
Igreja Metodista Unida, dos Estados Unidos. Vale lembrar que o número de denominações
diferentes chegou a 22.000 em 1985 e continua
No momento, o ecumenismo religioso não vai crescendo a uma taxa de cinco novas todas as
indo bem. No último encontro do CMI, o assunto semanas.
progrediu quase nada. O que agora estão
pensando é cooperação em áreas sociais apenas, Muitas igrejas conservadoras permanecem
enquanto que cada religião mantém sua opostas a esforços ecumênicos por causa da
individualidade. Parece que o sonho de uma teologia liberal e da agenda de trabalho políticos
religião mundial única está acabando. dos conselhos nacionais e mundiais que
geralmente estão por detrás destes esforços. E
Ecumenismo Cristão uma razão ainda maior, é porque a verdade não
deve ser sacrificada no altar da unidade
Este tipo de ecumenismo tenta a aproximação eclesiástica.
entre os grandes ramos da cristandade, ou seja, a
Igreja Católica, a Igreja protestante, e a Introdução
Ortodoxa, e entre os diversos ramos protestantes
entre si. Algum progresso existe. A liderança da Para muitas pessoas, o tema deste artigo pode
Igreja Episcopal e da Igreja luterana Evangélica parecer árido, acadêmico e sem qualquer
na América concordou, depois de duas décadas importância.
de negociar, darem comunhão entre si,
reconhecer os cleros e ordenar bispos em Entretanto, considerando os argumentos abaixo,
conjunto. Cada grupo retém sua autonomia. A sua relevância ficará clara. Primeiro,
liderança de oito denominações protestantes
alcançaram acordo preliminar sobre as suas o fundamentalismo está em evidência no mundo.
igrejas, formando uma "comunhão de Em todo o mundo, grupos religiosos
convenção" na qual cada denominação iria, fundamentalistas estão crescendo rapidamente.
embora ainda autônoma, aceitar os ministros e Na América Latina, grupos pentecostais radicais
sacramentos dos outros. se multiplicam e mudam as estatísticas gerais.
Na Coréia do Sul e no Taiwan, centros do
Os católicos romanos continuam dialogando Confucionismo neotradicionalista se firmam. No
bilateralmente com luterano, líderes da igreja Japão, uma nova versão radical do Budismo
Anglicana, e Ortodoxos em um esforço para cresce rapidamente. E o fundamentalismo do
achar solo teológico comum. Até mesmo algumas mundo islâmico é conhecido por todos.
igrejas Pentecostal que tendem a ser anti-
ecumênico parecem propensas para relações Nos Estados Unidos e em outras partes do
mais abertas. A Igreja Cristã (os Discípulos de mundo, o fundamentalismo cristão ganha força,
Cristo, denominação americana com mais de 1 após um período de aparente extinção. Muito
milhão) entrou para a história ecumênica de embora existam profundas diferenças entre estes
protestantes e católicos em sua Assembléia Geral grupos mencionados, eles têm em comum o
desejo de retornar aos fundamentos e às origens verdade) e no naturalismo (negação da
de sua religião, e estão dispostos a lutar para isto. intervenção criadora de Deus no mundo) e
queriam adaptar as doutrinas do cristianismo à
Segundo, o termo "fundamentalista" designa moderna teoria científica e às filosofias da época.
uma larga porcentagem do cristianismo norte-
americano, com ramificações no mundo e A Reação Conservadora: Surgimento do
também no Brasil. A influência do Fundamentalismo Cristão
fundamentalismo no Brasil não pode ser
esquecida ou minimizada. O nome "fundamentalistas" foi cunhado para se
referir aos pastores, presbíteros e professores
Terceiro, o uso pejorativo do termo. conservadores americanos de todas as
Determinados termos, dentro do Cristianismo, denominações históricas que se coligaram para
acabam por perder seu sentido original e defender a fé cristã da intrusão do liberalismo
adquirir uma conotação pejorativa. Não poucas nos seus seminários e igrejas. O nome foi usado
vezes, estes termos pejorativos são usados por três motivos. Primeiro, os conservadores
irresponsavelmente para rotular adversários insistiam que o liberalismo atacava
políticos e eclesiásticos, e com generalizações determinadas doutrinas bíblicas que eram
injustas. Se pudermos, devemos sempre ajudar a fundamentais do cristianismo e que, ao negá-las,
esclarecer o que o termo significa. transformava o cristianismo em outra religião,
diferente do cristianismo bíblico. Segundo, a
E, finalmente, existem bem poucos estudos sobre publicação em 1910-1915 da série Os
o tema "fundamentalismo" Fundamentos, 12 volumes de artigos escritos por
conservadores onde defendiam os pontos
no meio evangélico. Se pudermos ajudar no fundamentais do cristianismo e atacavam o
esclarecimento da Igreja de Cristo sobre este modernismo, a teoria da evolução, etc., dos quais
assunto, ficaremos gratos a Deus. É neste foram publicadas 3 milhões de cópias e
propósito que publicamos este artigo. espalhadas pelos Estados Unidos. Há artigos de
eruditos conservadores como J. G. Machen, John
Murray, B. B. Warfield, R. A. Torrey, Campbell
O Surgimento do Liberalismo Teológico Morgan e outros. E terceiro, a elaboração de
A melhor maneira de compreender a origem do uma lista dos pontos considerados fundamentais
termo "fundamentalista" é entender o do cristianismo.
crescimento do liberalismo teológico radical nas
principais denominações históricas dos Estados Em 1920, o termo "fundamentalistas" foi
Unidos no final do século XIX e início do século empregado por conservadores batistas para
XX. O liberalismo era, de muitas maneiras, um designar todos aqueles que lutassem em favor
fruto do Iluminismo, movimento surgido no destes cinco pontos. O uso se espalhou para
início do século XVIII que tinha em seu âmago todos, de todas as denominações afetadas pelo
uma revolta contra o poder da religião liberalismo que lutavam para preservar estas
institucionalizada e contra a religião em geral. As doutrinas fundamentais do cristianismo, e que se
pressuposições filosóficas do movimento eram, alinhavam teologicamente com o conteúdo da
em primeiro lugar, o Racionalismo de Descartes, obra Os Fundamentos.
Spinoza e Leibniz, e o empirismo de Locke,
Berkeley e Hume. Os efeitos combinados dessas As principais fases do movimento
duas filosofias — que mesmo sendo teoricamente fundamentalista nos Estados Unidos
contrárias entre si concordavam que Deus tem Nesta parte, analisaremos o desenvolvimento
de ficar de fora do conhecimento humano — histórico e teológico do fundamentalismo na
produziu profundo impacto na teologia cristã Igreja Cristã nos Estados Unidos e no Brasil.
Podemos dividir sua história em quatro fases.
Nem todos os liberais abraçavam todos estes Fase 1: Conflito e derrota (até meados da década
pontos, e havia diferentes manifestações do de 1920)
liberalismo. Entretanto, todas elas estavam
enraizadas no racionalismo (só a ciência tem a