Você está na página 1de 2

CENTRO UNIVERSITÁRIO ADIVENTISTA DE SÃO PAULO

CURSO DE PEDAGOGIA 2º ANO


ENGENHEIRO COELHO 2007

Nome: Jocilene Herefeld


Prof: Luciane

O PERFIL: ORIENTANTAÇÃO EDUCACIONAL

 Um dos grandes objetivos da Orientação Educacional contemporânea é mostrar ao


docente que a capacidade de negociação é um atributo fundamental do perfil
docente atual. A Orientação Educacional torna-se essencial no processo educativo.
Já que sua área de atuação é ampla e vista juntamente o desenvolvimento pleno do
educando. Visando o desenvolvimento integral e harmonioso de sua personalidade,
e preparando-o para o exercício das opções básicas.

 Orientação Educacional deve ser exercida por profissionais com preparo pessoal e
habilitação técnica adequada, para que possa organizar, elaborar, executar e avaliar
sua atividade de modo a maximizar as possibilidades, o orientador na função
facilitada do desenvolvimento integral do educando é um serviço planejado,
orientando, que visa proporcionar condição ao educando de superar suas
dificuldades de aprendizagem escolar, de integração familiar e social, bem como da
escolha profissional. Serviço perfeitamente integrada no contexto da Teoria da
Educação.

 Orientador não é mais visto como um prestador de serviço, mas um mediador das
necessidades da aprendência, onde o cognitivo e os sistemas organizados de
pensamentos e sentidos provocam ao educando aprendente experiências mais
elaboradas e melhores condições de inserção na sociedade e de convivência
humana. Orientador Educacional é um processo dinâmico, contínuo, sistemático e
integrado em todo o currículo escolar. Orientador é cooperativo e integrado em que
todos os educadores, e em especial o professor, assumem papel ativo de relevância.

 A Orientação Educacional vê o educando como um ser global que desenvolver-se


harmoniosa e equilibradamente em todos os aspectos físico, mental, emocional,
social, moral, estético, político, educacional e vocacional. A competência do
Orientador, participar da elaboração, execução e avaliação da proposta pedagógica,
conhecer e nortear as atividades escolares, cabe o Orientador promover atividades
que possibilitam maior integração entre colegas de uma mesma turma e de turmas
diferentes, desenvolver um trabalho preventivo de conscientização da vida.

 Orientador tem que ter em mente as características apresentadas em cada fase da


vida do educando, realizar reuniões de aconselhamento ou mesmo de
encaminhamento a outros profissionais. E realizações de palestras, debates e
projetos. Com o auxilio dos demais educadores o Orientador Educacional deverá
proporcionar um ambiente adequado e agradável a todos.
 A Orientação Educacional tem a sua área vital, incentivar a tomada de decisão com
responsabilidade e respeito, no que se refere a ele e ao outro. Através das palestras,
projetos, filmes ou discussões em grupo, sobre a importância de viver bem no
coletivo escolar evitando a discriminação entre colegas.

 Em ação integrada com família/docente/equipe técnica/comunidade, atuar de modo


preventivo ao coordenador todo um trabalho de “aprender a aprender”. Orientador
deve planejar-se para adaptar seus métodos de trabalhos frente à demanda escolar
que atende. Levante dados pertinentes à área escolar de educandos e turmas de
modo sistemático durante todo o ano letivo, para embasar suas ações e decisões
pedagógicas;

 A competência do Orientador Educacional na área escolar: acompanhar a adaptação


e integração do educando à escola, visando a melhoria do rendimento escolar no
desenvolvimento de atitudes responsáveis.