Você está na página 1de 3

UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA UNEB DEPARTAMENTO DE EDUCAO CAMPUS I DEDC I NCLEO DE EDUCAO A DISTNCIA - NEAD LICENCIATURA EM MATEMTICA NA MODALIDADE

ADE EDUCAO A DISTNCIA

Disciplina: Clculo Integral Professor formador: Mauricio Brando Coordenadores: Gerusa S. Pinheiro/Adelmo Ribeiro. ROTEIRO DE ESTUDOS 02 Integrao por substituio Nessas primeiras semanas estudamos os conceitos bsicos de uma integral indefinida: definio, propriedades e integrais imediatas. Vimos que:
1) f ( x)dx = R( x) + c R' ( x) = f ( x) (definio) 2) [ f ( x) + g ( x)]dx = f ( x)dx + g ( x)dx 3) kf ( x)dx = k f ( x)dx, k constante (propriedades )

E as integrais imediatas: a)

b) c)

x n +1 x dx = + c, n +1
n

para n 1

1 dx = ln x + c x cos( x)dx = sen( x) + c

e) f) g)

d) sen( x)dx = cos( x) + c


sec 2 ( x)dx = tg ( x) + c

e x dx = e x + c sec( x)tg ( x)dx = sec( x) + c

Nestes casos, as primitivas so obtidas aplicando-se as regras de derivao no sentido inverso (operao inversa da derivada). Muitas vezes, a funo a ser integrada no est em um formato que se possa obter imediatamente a sua primitiva. Nestes casos, fazemos uso de algumas tcnicas de primitivao. Vamos comear pela integral por substituio (pginas de. 17 a 31 do mdulo Volume 2). O mtodo da substituio procura desfazer (compensar) o que a regra da cadeia faz no momento da derivao. Esta tcnica aplicada em integrais da forma:

g ( f ( x)) f ' (x)dx


O termo substituio sugere a substituio da varivel x por outra varivel. Fazendo u = f ( x) , a diferencial dada por:
du = f ' ( x)dx (vide texto 01)

Repetindo
u = f ( x) du = f ' ( x)dx

Substituindo na integral:

g(

f ( x) ) f ' ( x)dx = g (u )du { 1 4 24 3


u du

Espera-se que a integral g (u )du seja imediata ou que pelo menos possamos aplicar outra tcnica conhecida para chegarmos numa integral imediata. Vejamos alguns exemplos. Exemplo 1. Calcule a integral 2 x( x 2 + 5) 8 dx . Primeiro analise a funo a ser integrada. Poderamos desenvolver ( x 2 + 5) 8 e em seguida multiplicar por 2 x . Obteramos uma funo polinomial que j sabemos integrar porm isso seria bastante trabalhoso. O que vamos fazer aplicar a tcnica da substituio. Observe que a derivada de x 2 + 5 2 x e este termo aparece multiplicando dentro da integral. Fazendo u = x 2 + 5 temos du = 2 xdx
u = x2 + 5 du = 2 xdx

Logo:
2 8 8 2 8 x2 + 5 ) 8 .1 22 xdx 2 3 3 = u du = 2 x( x + 5) dx = ( x + 5) .2 xdx = ( 1 u du

u9 +c 9

Finalmente, no podemos nos esquecer de retornar para a varivel original x.


u9 x2 + 5 2 x ( x + 5 ) dx = + c = 9 9
2 8

)9 + c

Exemplo 2. Calcule a integral cos( x)e sen( x) dx . Fazendo:


u = sen( x) du = cos( x)dx
u8 6 7 sen ( x )

Temos ento que cos( x)e sen( x ) dx = e

cos( x)dx = e u du = e u + c = e sen( x ) + c 1 4 24 3


du

cos( x)e

sen( x )

dx = e sen( x) + c

Exemplo 3. Calcule a integral Fazendo:

x 2 + 3 dx .
u = x2 + 3 du = 2 xdx du = xdx 2

Temos ento que


x 1

x 2 + 3 dx = x 2 + 3 xdx = u . 2
1
2

1 du

1 1 1 du = ln u + c 2 u 2

x 2 + 3 dx = 2 ln u + c = 2 ln x
c) r = ln( x) d) u =

+3 +c

Exerccios 01. Encontre a diferencial de cada funo abaixo. a) y = x 4 b) u = tg ( x)

Exerccios 02. Calcule as integrais abaixo fazendo as substituies sugeridas. a)

sen( x) . cos (x) dx, faa u = sen(x) b) x 3 sen(x 4 ) dx, faa r = x 4

Exerccio 03. Usando o mtodo da substituio, calcule as integrais abaixo. a)

e dx b) 2 xe x + 2 dx
5x
2

c) cos(4 x)dx d)

x 3 + 8 dx

x2

Respostas.

Exerccios 01 a)dy = 4 x 3 dx Exerccios 02 a) 2 sen 3 ( x) + c 3 1 b) cos( x 4 ) + c 4 b)du = sec 2 (x)dx c)dr = 1 dx dx = x x d)du = 1 2 x dx

Exerccios 03 a) e5x +c 5
2 b)e x + 2 + c

c)

sen(4 x) +c 4

1 d) ln x 3 + 8 + c 3

Você também pode gostar