Você está na página 1de 2

Instalação, Configuração e Operação em Redes Locais e Internet

MEIOS DE TRANSMISSÃO DE UMA REDE

Existem vários meios de transmissão utilizados na comunicação de dados. Uns são mais utilizados, outros menos,
outros caíram mesmo em desuso. Em seguida, iremos abordar os mais comuns, sendo eles:

• Cabo de fios entrançados


• Cabo coaxial
• Cabo fibra óptica
• Ondas de rádio
• O satélite

Cabo de fios entrançado

O cabo de fios entrançados foi originalmente produzido para transmissão telefónica analógica. Assim, utilizando o
sistema de transmissão por cabo de fios entrançados, aproveita-se esta tecnologia que já é tradicional por causa do
seu tempo de uso e do grande número de linhas instaladas.

Este é um sistema constituído por dois fios de cobre isolados e entrançados um no outro, este
tipo de cabo utiliza-se em redes com fichas do tipo RJ45 e é composto por 4 pares de fios
entrançados. Embora na rede telefónica se utiliza um tipo de cabo idêntico, esse cabo só tem
dois pares e são colocados em paralelo.

A taxa de transmissão varia de acordo com as condições das linhas telefónicas utilizadas, podendo variar entre 300 a
115.000 bps. Estas taxas são aceitáveis para ligações ponto a ponto, no entanto, para multiponto, a taxa de
transmissão decresce significativamente.

Cabo coaxial

O cabo coaxial permite uma maior velocidade de transmissão que o par


entrançado, permitindo transmissões até os 100 Mbps para longas distâncias.
Inicialmente era utilizado para transmitir sinais de televisão. Tem um formato
cilíndrico, constituído por um fio de cobre condutor (sinais eléctricos) revestido
por um material isolante e por duas camadas protectoras. Geralmente são
empregados na ligação de pontos próximos um do outro (rede local de
computadores).

Este tipo de cabo permite uma velocidade de transmissão bastante elevada devido à sua
tolerância a ruídos graças a uma blindagem adicional. Esta blindagem é constituída por uma malha
metálica (condutor externo) que envolve um condutor interno isolado, protegendo-o contra o
fenômeno da indução, causado por interferências elétricas ou magnéticas externas.

PROGRAMA CO-FINANCIADO
PELOS FUNDOS ESTRUTURAIS
Cabo de fibra óptica

A fibra óptica é um dos meios mais promissores para a transmissão de dados a grandes
velocidades. São cabos constituídos por fibra de vidro que transportam luz. Como não
transporta electricidade, a fibra é o meio mais adequado para conectar prédios com
diferentes ligações eléctricos.

São várias as vantagens da utilização destes cabos: Imunidade total contra a diafonia e
contra interferências electromagnéticas e de radiofrequência, a falta de ruídos
internos e externos significa que os sinais tem um alcance maior e se movem mais
rápido, o que proporciona uma velocidade e uma distância maiores do que as obtidas
com cabos de cobre e não atraem raios como cabos de cobre.

No entanto, por ser uma interface óptica, um conector de fibra óptica deve criar um
ângulo recto preciso em relação à extremidade do cabo, estabelecendo com ela uma
conexão perfeita, o que dificulta a instalação. Para além disto, são necessários vários
minutos para que um instalador treinado estabeleça uma conexão. Portanto, o custo da
mão-de-obra é alto, e o responsável pela instalação necessita de um conjunto de
ferramentas caras, mesmo que seja necessário estabelecer apenas uma conexão. Por fim,
os tranceptores de fibra óptica localizados em cada extremidade do cabo são muito caros.

Ondas rádio

Ondas de rádio tratam-se de um meio de transmissão particularmente utilizado nos telemóveis e nos sistemas de
captação de rádio. Este meio de transmissão é bastante utilizado em redes locais, principalmente em aplicações onde
é necessária uma grande mobilidade ou onde é particularmente difícil a colocação de cablagens.

Satélite

O satélite, por vezes é o único meio possível para a transmissão de dados, devido ás grandes distâncias que é
necessário percorrer. É também o meio de transmissão mais rápido, no entanto, ainda é um meio muito caro, pelo
que a sua utilização não é muito comum.

PROGRAMA CO-FINANCIADO
PELOS FUNDOS ESTRUTURAIS