Você está na página 1de 15
DEB’MAQ DO BRASIL LTDA Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 -
DEB’MAQ DO BRASIL LTDA Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 -

DEB’MAQ DO BRASIL LTDA

Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 - Camanducaia - MG Fone: 35 3433.8310 www.debmaq.com.br treinamento@debmaq.com.br

APOSTILA COMANDO MCS SX-570 OPERAÇÃO E PROGRAMAÇÃO

treinamento@debmaq.com.br APOSTILA COMANDO MCS SX-570 OPERAÇÃO E PROGRAMAÇÃO Thiago Pires Assistência Técnica 1

Thiago Pires Assistência Técnica

1

DEB’MAQ DO BRASIL LTDA Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 -
DEB’MAQ DO BRASIL LTDA Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 -

DEB’MAQ DO BRASIL LTDA

Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 - Camanducaia - MG Fone: 35 3433.8310 www.debmaq.com.br treinamento@debmaq.com.br

INDICE

Funções Preparatórias - Funções G

3

Funções Auxiliares M

4

Ciclos Internos

5

LIGAR E REFERÊNCIAR A MÁQUINA

6

MOVIMENTAR OS EIXOS DA MÁQUINA EM JOG (FEED)

6

CHAMADA DE FERRAMENTA NA TORRE

6

LIGAR A PLACA EM MANUAL

7

DIGITAR OU ALTERAR PROGRAMA NA MÁQUINA

7

FAZER A SIMULAÇÃO DE UM PROGRAMA NO GRÁFICO

8

PRESSETAR FERRAMENTA

9

TABELA DE LADO DE CORTE

10

EXECUTAR A PEÇA EM SERIE( PASSO A PASSO)

11

EXECUTAR PEÇA EM SÉRIE (EXECUÇÃO CONTÍNUA)

11

CORREÇÃO DO DESGASTE DA FERRAMENTA

11

INICIAR EXECUÇÃO NO MEIO DO PROGRAMA

11

CCIICCLLOOSS FFIIXXOOSS CCiiccllooss DDee DDeessbbaassttee LLoonnggiittuuddiinnaall

12

CCiicclloo DDee CCaannaal l

13

CCiiccllooss DDee RRoosscca a

14

CCiiccllooss DDee FFuurraaççãão o

15

2

Thiago Pires Assistência Técnica

DEB’MAQ DO BRASIL LTDA Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 -
DEB’MAQ DO BRASIL LTDA Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 -

DEB’MAQ DO BRASIL LTDA

Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 - Camanducaia - MG Fone: 35 3433.8310 www.debmaq.com.br treinamento@debmaq.com.br

Linguagem ISO

Os comandos MCS série 500 operam tanto em linguagem “Heidenhain” como já vimos, como também em linguagem padrão ISO e permitem a elaboração de programas que tenham sentenças programadas nas duas linguagens.

Na Linguagem ISO temos os seguintes comandos possíveis de serem programados:

G00

Interpolação linear com avanço rápido

G01

Interpolação linear com avanço programado

G02

Interpolação circular sentido horário

G03

Interpolação circular sentido anti-horário

G04

Tempo de espera

G20

Programção do eixo X em diâmetro

G21

Programção do eixo X em raio

G33

Execução de uma passada de rosca

G40

Desativa compensação do raio da ferramenta

G41

Compensa raio da ferramenta à esquerda

G42

Compensa raio da ferramenta à direita

G54

Deslocamento de origem em relação ao zero máquina

G55

Deslocamento de origem em relação ao zero máquina

G56

Deslocamento de origem em relação ao zero máquina

G57

Deslocamento de origem em relação ao zero máquina

G58

Deslocamento de origem em relação ao zero máquina

G59

Deslocamento de origem em relação ao zero máquina

G70

Dimensões em polegadas

G71

Dimenções em milímetros

G90

Coordenadas em valores absolutos

G91

Coordenadas em valores incrementais

G92

Máxima rpm para VCC (Velocidade de Corte Constante)

G94

Avanço em mm/min

G95

Avanço em mm/rot e “S” em RPM

G96

Define avanço em mm/rot, “S” em m/min, ativando a VCC (Velocidade de corte

constante)

G97

“S” em RPM e desativa a VCC

Thiago Pires Assistência Técnica

3

DEB’MAQ DO BRASIL LTDA Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 -
DEB’MAQ DO BRASIL LTDA Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 -

DEB’MAQ DO BRASIL LTDA

Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 - Camanducaia - MG Fone: 35 3433.8310 www.debmaq.com.br treinamento@debmaq.com.br

Funções Auxiliares

Podemos programar até 3 funções auxiliares com o CICLO 2, ou então, 01 função através de um posicionamento qualquer. As funções mais utilizadas são:

M00 – Interrompe a execução do programa e desliga a placa e o refrigerente; M02 – Igual a M00; além disso, executa um reset modal no comando e seleciona a sentença 0000 do programa (retorno ao início); M03 – Liga placa sentido horário; M04 – Liga placa sentido anti-horário; M05 – Desliga a placa; M08 – Liga óleo refrigerante; M09 – Desliga óleo refrigerante; M13 – Liga placa sentido horário e o refrigerante de corte; M14 – Liga placa sentido anti-horário e o refrigerante de corte; M28 – Testa estado de contra-ponta recuada; M29 – Testa estado de contra-ponta avançada; M30 – Igual M02; M37 – Define Gama baixa; M38 – Define Gama média; M39 – Define Gama alta; M40 – Recua contra-ponta; M41 – Avança contra-ponta; M46 – Abre a placa/pinça; M47 – Fecha a placa/pinça; M58 – Ativa o modo de Velocidade de Corte Constante (VCC); M59 – Estabelece a máxima rotação para VCC; caso não venha associado a uma rotação, cancela VCC; M68 – Testa estado de placa aberta; M69 – Testa estado de placa fechada; M90 – Desativa a Compensação de Raio de Corte (CRC); M91 – Ativa a CRC à direita; M92 – Ativa a CRC à esquerda; M97 – Parada precisa.

Exemplo:

0005. CYC CALL 2 M97 M69 M28; 0058. POS ZA 20.000 F0 M05.

Thiago Pires Assistência Técnica

4

DEB’MAQ DO BRASIL LTDA Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 -
DEB’MAQ DO BRASIL LTDA Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 -

DEB’MAQ DO BRASIL LTDA

Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 - Camanducaia - MG Fone: 35 3433.8310 www.debmaq.com.br treinamento@debmaq.com.br

CICLOS INTERNOS

Os comandos MCS série 500, possuem ciclos internos que são responsáveis por execuções específicas:

CICLO O – RESET INTERNO Tem a função de reestabelecer as condições modais iniciais do CNC. Deve estar em todo início de programa.

CICLO 1– TEMPO DE ESPERA Utiliza-se este ciclo para interromper a execução de um programa por um tempo determinado. Por exemplo, em abertura de canais.

CICLO 2 – FUNÇÕES AUXILIARES Define, as funções auxiliares/miscelâneas (M), as funções de ferramenta (T), de corretor (D), de rotação (S) e inserção automática de chanfros e raios (B).

CICLO 3 – ROSCA Utiliza-se para abertura de roscas paralelas ou cônicas, programando-se passada por passada.

CICLO 4 – TRANSLAÇÃO DO SISTEMA DE COORDENADAS Serve para se fazer um deslocamento de origem.

CICLO 6 – SALTA INCONDICIONAL Utiliza-se para saltar de uma linha para outra (subsequente ou não) dentro de um programa (JUMP).

CICLO 22 – CICLO FIXO DE CANAL Permite a abertura de 1 ou mais canais espaçados igualmente. Permite inserção de raios no fundo do canal, inserção de raios ou chanfros nas pontas e diferentes ângulos em cada borda.

CICLO 23 – CICLO DE FURAÇÃO

Permite a execução de furos no centro da peça (sentido longitudinal), com incrementos para alívio de material

e tempo de espera ao final da furação.

CICLO 24 – CICLO DESBASTE LONGITUDINAL Permite o desbaste e/ou acabamento de um perfil definido no programa de usinagem, com movimento de corte no eixo longitudinal (Z) e aprofundamento no eixo transversal (X), ou seja, o desbaste de perfis no comprimento da peça.

CICLO 33 – CICLO AUTOMÁTICO DE ROSCAS

É um ciclo que permite a execução de roscas informando-se apenas os parâmetros de rosca a ser usinada,

não se necessitando programar passada por passada.

CICLO 34 – CICLO DE DESBASTE TRANSVERSAL Permite o desbaste e/ou acabamento de um perfil definido no programa de usinagem, com movimento de corte no eixo longitudinal (X) e aprofundamento no eixo transversal (Z), ou seja, o desbaste de perfis na face da peça.

A chamada de um ciclo deve ser feita através da função “CYCLE CALL”. (chamada de ciclo), que abreviamos

como “CYC CL”. Exemplo:

0000.

CYC CALL0;

0001.

CYC CALL 1

T20;

0003.

CYC CALL 2

M69

T1 D1 S1000;

Thiago Pires Assistência Técnica

5

DEB’MAQ DO BRASIL LTDA Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 -
DEB’MAQ DO BRASIL LTDA Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 -

DEB’MAQ DO BRASIL LTDA

Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 - Camanducaia - MG Fone: 35 3433.8310 www.debmaq.com.br treinamento@debmaq.com.br

LLIIGGAARR EE RREEFFEERRÊÊNNCCIIAARR AA MMÁÁQQUUIINNAA

1.

Ligar a chave geral

2.

Destravar o botão de emergência

3.

Apertar a tecla INICIALIZA

4.

Apertar a tecla MODOS

5.

Apertar a tecla MANUAL

6.

Apertar a SETA PARA DIREITA

7.

Apertar a tecla MOV. EIXOS

8.

Neste momento escolher qual o eixo a movimentar:

“XMAIS” ou “XMENOS”, “ZMAIS” ou “ZMENOS” em seguida movimentar os eixos proximo ao centro dos eixos X e Z.

9.

Apertar a tecla SETA PARA ESQUERDA 2 vezes

10.

Apertar a tecla REFERÊNCIA

11.

Apertar a tecla BUSCA

12.

Regular o potenciômetro de avanço para deslocar

13.

Apertar a tecla F1 (START)

MMOOVVIIMMEENNTTAARR OOSS EEIIXXOOSS DDAA MMÁÁQQUUIINNAA EEMM MMAANNUUAALL

1.

Apertar a tecla MODOS

2.

Apertar a tecla MANUAL

3.

Apertar a tecla SETA PARA DIREITA

4.

Apertar a tecla MOV. EIXOS

5.

Movimentar os eixos X e Z utilizando as teclas do soft – key:

X MAIS” ou “X MENOS” “Z MAIS” ou “Z MENOS”.

CCHHAAMMAADDAA DDEE FFEERRRRAAMMEENNTTAA NNAA TTOORRRREE

1.

Apertar a tecla MODOS

2.

Apertar a tecla MDI

3.

Apertar a tecla CYC (TECLA nº 4)

4.

Apertar a tecla nº 2

5.

Apertar a tecla ENTER

6.

Movimentar o cursor até a letra T

7.

Digitar o número da posição desejada

8.

Apertar a tecla ENTER

9.

Apertar a tecla END

10.

Apertar a tecla F1 (START)

Thiago Pires Assistência Técnica

6

DEB’MAQ DO BRASIL LTDA Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 -
DEB’MAQ DO BRASIL LTDA Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 -

DEB’MAQ DO BRASIL LTDA

Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 - Camanducaia - MG Fone: 35 3433.8310 www.debmaq.com.br treinamento@debmaq.com.br

LLIIGGAARR AA PPLLAACCAA EEMM MMAANNUUAALL

PPRRIIMMEEIIRROO DDEEVVEEMMOOSS GGRRAAVVAARR RROOTTAAÇÇÃÃOO PPAARRAA OO EEIIXXOO AARRVVOORREE

1.

Apertar a tecla MODOS

2.

Apertar a tecla MDI

3.

Apertar a tecla CYC

4.

Apertar a tecla nº 2

5.

Apertar a tecla ENTER

6.

Movimentar o cursor até a letra S

7.

Digitar o valor da RPM desejada

8.

Apertar a tecla ENTER

9.

Apertar a tecla END

10.

Apertar a tecla F1 (START)

AGORA LIGAR O EIXO ARVORE

1.

Apertar a tecla MODOS

2.

Apertar a tecla MANUAL

3.

Apertar a tecla SETA PARA DIREITA

4.

Apertar a tecla GIRO ARV.

5.

Ligar a placa usando as teclas M3 ou M4 e desligar usando a tecla M5.

DDIIGGIITTAARR OO PPRROOGGRRAAMMAA NNAA MMÁÁQQUUIINNAA

1.

Apertar a tecla MODOS

2.

Apertar a tecla PROGRAM

3.

Apertar a tecla DIRETÓRIO

4.

Digitar o nº do Programa

5.

Apertar a tecla ENTER

6.

Depois desse passo é só começar a digitar o programa.

Para escrever CYC CALL, teclar CYC (tecla nº 4) digitar o número do ciclo e ENTER Para escrever POS L, teclar X e Z, e então ENTER Para escrever POS teclar X ou Z, e Então ENTER Para escrever POL teclar CC (tecla ponto) e ENTER

Para escrever POS C, teclar CIR (tecla 9), e ENTER Para escrever LBS ST, teclar LBS (tecla 7), e ENTER

Thiago Pires Assistência Técnica

7

DEB’MAQ DO BRASIL LTDA Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 -
DEB’MAQ DO BRASIL LTDA Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 -

DEB’MAQ DO BRASIL LTDA

Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 - Camanducaia - MG Fone: 35 3433.8310 www.debmaq.com.br treinamento@debmaq.com.br

SSIIMMUULLAARR PPEEÇÇAA NNOO GGRRÁÁFFIICCOO

1.

Apertar a tecla MODOS

2.

Apertar a tecla EX. CONT.

3.

Apertar a tecla DIRETÓRIO

4.

Digitar o nº do programa

5.

Apertar a tecla ENTER

6.

Apertar a tecla GRAFICO

7.

Apertar a tecla CONFIG Ao entrar no gráfico aparecerá na tela a seguinte tabela

LIMPAR TELA GRAFICO ON/OFF DEFORMAÇÃO ON/OFF MUDAR FORMATO: PLANO XZ PLANO ZX MUDAR ESCALAS: Eixo X :min máx Eixo Z :min max:

onde:

LIMPAR TELA: ao apertar a tecla ENTER com o cursor sobre essa função o cnc vai deixar a tela do gráfico em branco pronto para uma nova simulação.

GRAFICO ON/OFF: Ao teclar ENTER nesta função o CNC vai ligar (on) ou desligar (off) o gráfico.

DEFORMAÇÃO ON/OFF: Esta opção permite melhorar a resolução do gráfico no caso de fresadora

MUDAR FORMATO: Ao teclar ENTER nesta função o CNC abrirá outra janela dizendo PLANO ZX ou PLANO XZ. Selecionar a Função PLANO ZX e teclar enter.

MUDAR ESCALAS: Xmin: Deve ser 10mm menor que o centro da peça Xmáx: Deve ser 10mm maior do que o ø da peça em bruto. Zmín: Deve ser 10mm menor do que a face traseira da peça. Zmáx: Deve ser 10mm maior do que a face dianteira da peça.

Após preenchida a tabela acima com os dados da ferramenta teclar SIMULA

Thiago Pires Assistência Técnica

8

DEB’MAQ DO BRASIL LTDA Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 -
DEB’MAQ DO BRASIL LTDA Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 -

DEB’MAQ DO BRASIL LTDA

Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 - Camanducaia - MG Fone: 35 3433.8310 www.debmaq.com.br treinamento@debmaq.com.br

PPRREESSSSEETTIINNGG DDEE FFEERRRRAAMMEENNTTAA ((FFAAZZEERR OO ZZEERROO PPEEÇÇAA))

Presseting do eixo X

1.

Em manual encostar a ferramenta em um diâmetro conhecido e uniforme da peça.

2.

Apertar a tecla MODOS

3.

Apertar a tecla MDI

4.

Apertar a tecla Tecla TDF (tecla 3)

5.

Digitar o nº da Ferramenta. (D - corretor)

6.

Apertar a tecla ENTER

7.

Movimentar o cursor até o valor de LX

8.

Digitar o valor do diâmetro em que a ferramenta está encostada

9.

Apertar a tecla 2nd

10.

Apertar a tecla TDF

11.

Apertar a tecla END

12.

Apertar a tecla ENTER

Presseting do eixo Z

1.

Encostar a ferramenta na face da peça

2.

Apertar a tecla MODOS

3.

Apertar a tecla MDI

4.

Apertar a tecla TDF

5.

Digitar o nº da ferramenta (D – corretor)

6.

Apertar a tecla ENTER

7.

Movimentar o cursor até o valor de LZ

8.

Digitar a medida Z no ponto em que a ferramenta esta encostada

9.

Apertar a tecla 2nd

10.

Apertar a tecla TDF

11.

Nesse momento o cursor vai se movimentar para a letra R

12.

Digitar o valor do Raio da Pastilha

13.

Apertar a tecla ENTER

14.

Digitar o lado de corte da pastilha (ver pág. 48 do caderno de Exercícios)

15.

Apertar a tecla END

16.

Apertar a tecla ENTER

Thiago Pires Assistência Técnica

9

DEB’MAQ DO BRASIL LTDA Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 -
DEB’MAQ DO BRASIL LTDA Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 -

DEB’MAQ DO BRASIL LTDA

Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 - Camanducaia - MG Fone: 35 3433.8310 www.debmaq.com.br treinamento@debmaq.com.br

TTAABBEELLAA LLAADDOO DDEE CCOORRTTEE

T T A A B B E E L L A A L L A A

Thiago Pires Assistência Técnica

10

DEB’MAQ DO BRASIL LTDA Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 -
DEB’MAQ DO BRASIL LTDA Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 -

DEB’MAQ DO BRASIL LTDA

Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 - Camanducaia - MG Fone: 35 3433.8310 www.debmaq.com.br treinamento@debmaq.com.br

XXE

EEX

E

EEC

CCU

UUT

TTA

AAR

RR AA PPR

A P

RRI IIM MME EEI IIR RRA AA PPE

P

EEÇ

ÇÇA

AA DDE

D

EE CCA

C

AAD

DDA

AA PPR

P

RRO

OOG

GGR

RRA

AAM

AA

MMA

EXECUTAR A PEÇA EM SÉRIE (PASSO A PASSO)

1. Apertar a tecla MODOS

2. Apertar a tecla EX. PASSO

3. Apertar a tecla DIRETÓRIO

4. Digitar o número do programa; Exemplo: 1111

5. Apertar a tecla ENTER

6. Fechar o potenciômetro de avanço a 0%

7. Apertar a tecla F1 START

8. Abrir lentamente o potenciômetro e observar para onde vai a ferramenta

9. Repetir os passos 6, 7 e 8 a cada linha do programa.

EXECUTAR A PEÇA EM SÉRIE (EX. CONTINUA)

1. Apertar a tecla MODOS

2. Apertar a tecla EX. CONT.

3. Apertar a tecla DIRETÓRIO

4. Digitar o número do programa; Exemplo: 1111

5. Apertar a tecla ENTER

6. Apertar a tecla F1 START

7. Abrir o potenciômetro de avanço

FAZER CORREÇÃO DO DESGASTE DA PASTILHA

1. Dentro do modo de execução contínua.

2. Apertar a tecla TDF (tecla nº 3)

3. Digitar o número do corretor a ser corrigido

4. Apertar a tecla ENTER

5. Levar o cursor para LX para corrigir o eixo X LZ para corrigir o eixo Z

6. Apertar a tecla 2nd

7. Apertar a tecla H

8. Para fazer a correção no eixo X, este valor devera ser digitado em RAIO e se for no eixo Z a medida sera real.

9. Apertar a tecla ENTER

10. Apertar a tecla END

INICIAR EXECUÇÃO NO MEIO DO PROGRAMA

1.

Apertar a tecla MODOS

2.

Apertar a tecla EX. CONT.

3.

Procurar o ponto onde se deseja iniciar a execução (interessante começar

sempre no cabeçalho da ferramenta utilizada para a operação, CYC CALL 2)

4. Apertar a tecla F1 (START)

Thiago Pires Assistência Técnica

11

DEB’MAQ DO BRASIL LTDA Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 -
DEB’MAQ DO BRASIL LTDA Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 -

DEB’MAQ DO BRASIL LTDA

Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 - Camanducaia - MG Fone: 35 3433.8310 www.debmaq.com.br treinamento@debmaq.com.br

CCiicclloo ddee DDeessbbaassttee

CYC CALL 24 DLONG

X0

Z0

X1

Z1

INCR

PERFIL

SOBREMX

SOBREMZ

TIPO

FERR.

INCR PERFIL SOBREMX SOBREMZ TIPO FERR . X0 - Diâmetro Inicial da Usinagem (Diâmetro da barra)

X0- Diâmetro Inicial da Usinagem (Diâmetro da barra) Z0- Coordenada ‘ Z ’ inicial X1- Menor diâmetro da peça acabada. Z1- Menor cota Z da peça acabada. INCR.- Profundidade de corte (no raio) PERFIL- Nº do Label que define a peça acabada. SOBREMEX- Sobremetal para acabamento no eixo X SOBREMEZ- Sobremetal para acabamento no eixo Z TIPO: Digitar: 0 - Para somente desbaste

1 - Para desbaste e acabamento

2 - Para somente acabamento

FERR- Teclar 0 para ferramenta no lado positivo do eixo X e 1 Para ferramenta no lado negativo do eixo X.

Thiago Pires Assistência Técnica

12

DEB’MAQ DO BRASIL LTDA Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 -
DEB’MAQ DO BRASIL LTDA Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 -

DEB’MAQ DO BRASIL LTDA

Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 - Camanducaia - MG Fone: 35 3433.8310 www.debmaq.com.br treinamento@debmaq.com.br

CCiicclloo FFiixxoo ddee CCaannaall

i c c l l o o F F i i x x o o d

CYC CALL 22 CANAL

X1

Z1

A

RECUO

B

A1

A2

RI

R1/-B1

R2/-B2

W

FERR

NCANAIS

DIST

X1 – Diâmetro externo do canal

Z1 – Cota Z no centro da base do canal

A – Altura do Canal Recuo – Profundidade para alívio da ferramenta

B - Largura da base do canal

A1 – Ângulo da face esquerda do canal

A2 – Ângulo da face direita do canal

RI – Raios internos no canal

R1/-B1 – Se tiver valor positivo fará um raio, e se tiver valor negativo fará um chanfro no canto externo lado esquerdo do canal. R2/-B2- Se tiver valor positivo fará um raio, e se tiver valor negativo fará um chanfro no canto externo lado direito do canal. W- Largura do Bedame FERR – Se a ferramenta estiver no plano positivo do eixo X essa variável terá o valor 0 se tiver no plano negativo terá o valor 1

Nº CANAIS- Nº de canais que tem a peça

DIST.- Distância entre centros de um canal para o outro.

Thiago Pires Assistência Técnica

13

DEB’MAQ DO BRASIL LTDA Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 -
DEB’MAQ DO BRASIL LTDA Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 -

DEB’MAQ DO BRASIL LTDA

Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 - Camanducaia - MG Fone: 35 3433.8310 www.debmaq.com.br treinamento@debmaq.com.br

CCiicclloo ddee RRoossccaa

CYC CALL 33 ROSCA

X1.

Z1.

X2.

Z2.

AFAST.

PASSO

PROF.

ACABAMEN.

TIPO

ANG. FERR.

N. PASSA

N. VAZIO

ANG. SAI.

FERR.

ANG. FERR. N. PASSA N. VAZIO ANG. SAI. FERR. X1 -Cota X do ponto Inicial da

X1-Cota X do ponto Inicial da rosca Z1-Cota Z do ponto Inicial da rosca X2-Cota X do ponto final da rosca (rosca paralela valor de X1 e X2 são iguais) Z2- Cota Z do ponto final da rosca

AFAST.-Distância para aceleração do eixo (deve ser no mínimo 2 vezes o passo da rosca) PASSO-Passo da rosca PROF. -Profundidade da rosca, altura do filete. (deve ter valor positivo para roscas externas e valor negativo para roscas internas) ACABAMEN.-Sobremetal para acabamento. (material a ser tirado na ultima passada de rosca). TIPO - Define a forma de entrada da ferramenta na rosca terá valor 0 para entrada em 90º e 1 para entrada pela lateral do filete. ANG. FERR.- Esta variável deve ser preenchida com metade do ângulo da ferramenta. N.PASSA – Determina o nº de passadas que será executada a rosca N.VAZIO – Determina o nº de passadas que a máquina repetirá sem aprofundar no material depois de acabada a rosca. ANG.SAI.- Define o ângulo que a ferramenta vai sair da rosca terá valor 0 para 90º, 1 para 45º e 2 para 60º FERR.- Define o plano do eixo X em que a ferramenta vai trabalhar terá valor 0 para o plano positivo e 1 para o plano negativo.

vai trabalhar terá valor 0 para o plano positivo e 1 para o plano negativo. Thiago

Thiago Pires Assistência Técnica

vai trabalhar terá valor 0 para o plano positivo e 1 para o plano negativo. Thiago

14

DEB’MAQ DO BRASIL LTDA Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 -
DEB’MAQ DO BRASIL LTDA Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 -

DEB’MAQ DO BRASIL LTDA

Rod. Fernão Dias, Km 909 – Bairro dos Prados 37650-000 - Camanducaia - MG Fone: 35 3433.8310 www.debmaq.com.br treinamento@debmaq.com.br

CCiicclloo ddee ffuurraaççããoo

CYC CALL 23 FURAÇÃO PROFUNDA

Z0

Z1

PROF.

INCR.

DIAM.

V.CORTE

TEMPO.

Z0-Ponto de aproximação da peça no eixo Z Z1-Ponto exato onde se inicia o furo no eixo Z PROF.- Profundidade do Furo (se o furo for passante a profundidade deve ser maior que o comprimento da peça) INCR.- Profundidade para alivio da Broca (Quebrar cavaco) DIAM - Diâmetro da Broca V. CORTE - Velocidade de corte da broca TEMPO-tempo de espera da broca no fundo do furo após o término da furação.

TEMPO -tempo de espera da broca no fundo do furo após o término da furação. Thiago

Thiago Pires Assistência Técnica

15