Você está na página 1de 2

I

·
"

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO

I PROCESSO TC 01134/08 IillII


ADMINISTRAÇAO DIRETA MUNICIPAL - PREFEITURA
MUNICIPAL DE PRINCESA ISABEL - PEDIDO DE PARCELAMENTO DO
VALOR DA MULTA APUCADA AO EX-PREFEITO JOSÉ SIDNEY DE
OUVEIRA DECORRENTE DO ACÓRDÃO APL TC 58612006 -
DEFERIMENTO EM 10 DEZ PARCELAS.

ACÓRDÃO APL TCJB ·,612.008


RE.lATÓRIO
Esta Corte de Contas, na Sessão Plenária realizada em 30 de agosto de 2006,
nos autos que trataram da análise da Prestação de Contas Anual da Prefeitura Municipal
de Princesa Isabel, relativas ao exercício de 2003, decidiu, através do Acórdão APL TC
586/2006, às fls. 04/09, por (in verbis):
1. "APLICAR multa pessoal ao Senhor José Sidney Oliveira, no valor de R$ 2.805,10 (dois
mil e oitocentos e cinco reais e dez centavos), em virtude de grave infração a preceitos
e disposições constitucionais e legais, ssisnos termos do artigo 56, inciso VIII, da
LOTCE (Lei Complementar 18193) e Portaria 50/2001;
2. ASSINAR o prazo de 60 (sessenta) dias para o recolhimento voluntário do valor da
multa supracitada, aos cofres estaduais, através do FUNDO DE FISCALIZAÇÃO
FINANCEIRA E ORÇAMENTÁRIA MUNICIPAL, sob pena de cobrança executiva, desde
já recomendada, inclusive com a interveniência da Procuradoria Geral do Estado ou da
Procuradoria Geral de Justiça, na inação daquela, nos termos dos parágrafos 3° e 4°, do
artigo 71 da Constituição do Estado, devendo a cobrança executiva ser promovida nos
30 (trinta) dias seguintes ao término do prazo para recolhimento voluntário, se este não
ocorrer;
3. REPRESENTAR ao Instituto Nacional do Seguro Social acerca da situação
previdenciária do município constatada nestes autos;
4. RECOMENDAR à Administração Municipal de Princesa Isabel, no sentido de que não
mais se repitam as falhas constatadas nas contas sob análise."

o interessado, Senhor José Sidney Oliveira, ex-Prefeito do Município de


Princesa Isabel, através de seu procurador (fls. 10/11), requereu o parcelamento do valor
da multa em 24 (vinte e quatro) parcelas, alegando impossibilidade econômica de quitá-
lo de uma só vez (fls. 02 e 17/18).
A Auditoria se manifestou concluindo no sentido de que o pedido se enquadra nas
possibilidades de parcelamento na forma requerida, conforme previsto na RN TC 05/95 e
33/97 (fls. 12/15), no entanto, o solicitante não cumpriu o prazo estabelecido pelo citado
instrumento normativo, ficando a critério do Tribunal o deferimento do parcelamento.
Os autos não foram encaminhados ao Perquet, esperando-se o seu
pronunciamento nesta oportunidade.
Não foram determinadas as comunicações de estilo.
É o Relatório.

PRO·POSTA DE DECISÃO
No entender do Relator, nada obsta que seja concedido em 10 (dez) parcelas
iguais e sucessivas o parcelamento do valor da multa solicitado pelo ex-Prefeito, Senhor
José Sidney Oliveira, por restar evidenciada a impossibilidade da quitação integral
daquele, não obstante o pedido ter sido efetuado fora do prazo estabelecido pelas RN
TC 05/95 e 33/97.
Com efeito, o Relator propõe no sentido de que o Tribunal Pleno CONCEDA ao ex-
Prefeito, Senhor JOSÉ SIDNEYOLlVEI , o parcelamento do valor da multa que lhe fora
aplicada, em 10 (dez) parcelas ig I e sucessivas de R$ 280,05 (duzentos e oitenta
reais e cinco centa s), vencend a rimeira delas até 30 (trinta) dias após a publicação
da decisão que vier ser profe· a

É a Propost ~

~~
TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO

I PROCESSO TC 01134/08 ~I
DECISÃO DO TRIBUNAL
Vistos, relatados e discutidos os autos do PROCESSO TC-01138/08; e
CONSIDERANDO os fatos narrados no Relatório;
CONSIDERANDO o mais que dos autos consta;
ACORDAM os INTEGRANTES do TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DA
PARAíBA (TCE-Pb), à unanimidade de votos, averbando-se suspeito o Conselheiro
Antônio Nominando Diniz Filho, na Sessão desta data, de acordo com a Proposta
de Decisão do Relator, em CONCEDER ao ex-Prefeito, Senhor JOSÉ SIDNEY
OLIVEIRA, o parcelamento do valor da multa que lhe fora aplicada, em 10 (dez)
parcelas iguais e sucessivas de R$ 280,05 (duzentos e oitenta reais e cinco
centavos), vencendo a primeira delas até 30 (trinta) dias após a publicação do
presente Acórdão.

Publique-se, intime-se e registre-se.


Sala das Sessões d CE-Pb - Plenário Ministro João Agripino
João es , 1 e abril de 2.008.

.....


---------.
Fui presente: ---=="'E::::::........,....---:::-:---....,.,...,.,.....;;:=----'---~--~
Ana Têresa Nóbrega
Procuradora Geral do Ministério Público especial junto ao Tr unal

rkro