Você está na página 1de 18

888 888

CONSELHO CIENTÍFICO CONSELHO CIENTÍFICO


Fabiana Krepel (Coordena- fórnia, San Diego - UCSD), Chris- Fabiana Krepel (Dean, FILE Mello (Santa Marcelina College),
dora Geral, FILE Symposium), tine Mello (Faculdade Santa Symposium), Cicero Silva (Sci- Fabiano Onça, Geert Lovink (In-
Cicero Silva (Coordenador Cien- Marcelina), Fabiano Onça, Geert entific Board Chair).  stitute of Network Cultures),
tífico - Symposium).  Lovink (Instituto das Culturas da Emeriti Scientific Board: Jane de Almeida (UCSD and
Conselho Científico Emérito: Rede), Jane de Almeida (UCSD e Gregory Ulmer (University of Mackenzie University),Noah
Gregory Ulmer (Universdade da Universidade Mackenzie), Noah Florida), Lev Manovich (Univer- Wardrip-Fruin (UCSC), Raquel
Florida), Lev Manovich (Univer- Wardrip-Fruin (UCSC), Raquel sity of California, San Diego - Rennó (MediaLabMadrid),
sidade da Califórnia, San Diego Rennó (MediaLabMadrid), Ro- UCSD), Ted Nelson (The Oxford Roberto Simanowski (Brown
- UCSD), Ted Nelson (Instituto berto Simanowski (Universidade Internet Institute). University), Rogério da Costa
Oxford de Internet). Brown), Rogério da Costa (Bire- Scientific Board:  Brett Stal- (Bireme), Paula Perissinotto
Conselho Científico: Brett me), Paula Perissinotto (FILE), baum (University of California, (FILE), Ricardo Barreto (FILE).
Stalbaum (Universidade da Cali- Ricardo Barreto (FILE). San Diego - UCSD), Christine

Normas editoriais Editorial Guidelines


1. Artigos - textos com dimensão variável entre 25 mil a 30 mil caracteres, com 1. Articles - texts may have between 25,000 to 35,000 characters. It should con-
espaço, contendo descrição dos resultados, metodologia, análise e conclusões de tain analysis, reflection and conclusion about academic or professional themes in
pesquisa ou obra artística realizada no campo da Arte e Tecnologia, Cultura Digital art and technology, digital cultura, code art, code and digital communication.
e da Comunicação Digital. Serão priorizados textos que efetivamente sejam decor- Guidelines for quotations, notes and references
rentes de pesquisa e que evidenciem descoberta científica e/ou invenção metodoló-
gica ou conceitual em face a outros gêneros de texto. 1. Quotations
Quotations can be direct or indirect, or in a foreign language. In this case, they
Citações, notas e referências should be presented in the original language with the respective translation in the
footnote.
1. Citações
As citações podem ser diretas ou indiretas, podendo estar em língua estrangeira 1.1. Direct, literal or textual quotations
desde que a tradução conste como nota de rodapé. Inserted in the text: Short quotations (up to three lines) are included in the text,
with quotation marks.
1.1. Citações diretas, literais ou textuais:
Inseridas no texto: As citações breves (até três linhas) são incluídas no próprio 1.2. Indirect quotations
texto, entre aspas. The source should be mentioned either in the text itself where the author’s ideas
are stated, or at the end of the sentence as a bibliographic note.
1.2. Citações indiretas
A fonte também deverá ser citada ( autor, data, página) dentro do próprio pará- 2. Bibliographic notes
grafo em que estão expostas as idéias do autor ou ao final do mesmo sob forma de At the end of a quotation there should be a bibliographic note, indicating the last
nota bibliográfica. name of the author in capitals, the year of publication of the work followed by the
number of the page where the quotation is found, and observing the punctuation
2. Notas bibliográficas to be used.
A nota bibliográfica deve constar no final da citação, indicando o sobrenome do Complete data about the quoted work should appear in the references section.
autor em caixa alta, o ano de publicação da obra, seguido do número da página onde
a citação se encontra e observando a pontuação a ser obedecida. 3. Footnotes
Os dados completos da obra citada deverão aparecer na seção das referências. Used only for additional information related to the text and important for its un-
derstanding.
3. Notas de rodapé
Usadas apenas para acrescentar informações relacionadas ao texto e importan- 4. References
tes para o seu entendimento.
4.1. Books, theses, dissertations, monographs, scientific works in general
4. Referências When the work has up to three authors, they should all be mentioned, in order
Todas as citações bibliográficas do texto devem compor uma lista final, of appearance in the publication. The names are separated by semicolon. If there
cujas normas são: are more than three authors, the first three are mentioned, followed by the expres-
sion et al.
4.1. Livros, teses, dissertações, monografias trabalhos científicos em geral:
Quando a obra tem até três autores, mencionam-se todos, na ordem em que 4.2. Book chapters
aparecem na publicação. Os nomes vêm separados por ponto-e-vírgula. a) Of an author in his/her own work:
Se há mais de três autores, mencionam-se até os três primeiros, seguidos da MANOVICH, Lev. Software Takes Command. San Diego: SWS, 2009. 205 p.
expressão et aI. b) Of an author in a collective work:
WARDRIP-FRUIN, Noah. Software Studies. In: PERISSINOTTO, Paula.; BARRE-
4.2. Capítulos de livros TO, Ricardo (Orgs.). FILE 2008. São Paulo: IMESP, 2008. p.445-469.
a) De um autor em sua própria obra:
MANOVICH, Lev. Software Takes Command. San Diego: SWS, 2009. 205 p. 4.3. Articles from scientific journals 
b) De um autor em uma coletânea: SILVA, Mendes. Love: an approach. Cleaning Journal. New York: Inova, v. 11, n.
WARDRIP-FRUIN, Noah. Software Studies. In: PERISSINOTTO, Paula.; BARRE- 2, p. 59-78, jul/aug 1998.
TO, Ricardo (Orgs.). FILE 2008. São Paulo: IMESP, 2008. p.445-469.

4.3. Autoria institucional


FOLHA DE S. PAULO.  Novo manual de redação. 4. ed. São Paulo: Folha de S.
Paulo, 1992, 331 p.
4.4. Artigos de revistas científicas
SILVA, Mendes. Amor: a vida em São Paulo.  Revista de Limpeza Urbana. São
Paulo: Inova, v. 11, n. 2, p. 59-78, jul/ago 1998.

888 888
Alexandra Dementieva Andrea Sosa e Laura Maiori
BÉlgica Belgium Argentina Argentina
Drama House Quando o ambiente vira a interface
A expansão dos bits. Gênese de operações aumentadas
em realidades mistas

Com base no acaso e nas op- quência e as escolhas que cada balho em vídeo integra diversos senvolve. Os projetos exploram Quando o ambiente vira a When the environment novas possibilidades entre bits tween intangible and tangible. In
ções que os espectadores fazem, espectador faz refletem suas elementos, incluindo a psico- a profundidade da experiência interface turns to be the interface e átomos, entre o intangível e this landscape, information ex-
o projeto explora as tendências próprias perspectivas e padrões logia comportamental, desen- perceptual dos espectadores e Noções como dispositivos Notions as Ambient Devices, o tangível. Nessa paisagem, a ceeds its containers and seems
contemporâneas na construção de comportamento, e assim tor- volvimento de narrativa usando a interação do espectador indi- ambientes, computação ubíqua, Ubiquitous Computing, Tan- informação excede seus reci- to get into every existent mat-
de uma narrativa e na interação nam o espectador muito mais uma “câmera subjetiva”. Seus vidual com a exposição, assim interfaces tangíveis, emergem gibles Interfaces, emerge from pientes e parece entrar em toda ter. We can think about bits as
entre diversas subcamadas de que um participante ativo. projetos de instalação interativa como com os outros visitantes. de uma mudança conceitual so- a conceptual shift about the re- a matéria existente. Podemos air, particularly in terms of ac-
informação, efetuada através do tentam ampliar o potencial de O tema de uma instalação ou bre a relação entre o virtual e o lation between the virtual and pensar sobre bits como ar, es- tion: in the same way we used to
impacto da mídia digital, não- Alexandra Dementieva percepção da mente usando di- seu método de produção torna- real (físico). A realidade virtual the real (physical). Virtual Real- pecialmente em termos de ação: breath without being awared of
linear. Ele também questiona o Alexandra Dementieva es- ferentes materiais de produção: se menos importante para ela como gerador de espaços total- ity as generator of entirely syn- da mesma forma que costumá- the process, in this kind of con-
próprio processo de narrar his- tudou jornalismo e belas artes computadores, projeções de ví- do que a mente do usuário. As- mente sintéticos foi no início dos thetic spaces, was at the early vamos respirar sem ter consci- figurations we can interact with a
tórias e ao mesmo tempo con- em Moscou e Bruxelas. Seus deo, trilhas sonoras, slides, fo- sim, este torna-se o centro do anos 1990 uma área privilegia- 90’s, a privileged scope in com- ência desse processo, neste tipo system without even notice it (at
sidera a maneira como a plateia principais interesses são a psi- tos, etc. Ao fazer certas alusões projeto ou o principal ator da da nos avanços da informática: putational developments: the de configuração podemos intera- least all the time). The distance
lê. Investiga as diferenças entre cologia social e percepção e históricas, culturais e políticas, performance. o futuro parecia ter chegado. O future seemed to be there. New gir com um sistema sem sequer between natural and artificial
a percepção individual e a cole- sua aplicação em instalações seus locais de exposição criam novo milênio deixa essa ideia millenium leave this idea and percebê-lo (pelo menos o tempo gets shorter. Meanwhile, the de-
tiva. Em outras palavras, a se- interativas multimídia. Seu tra- a moldura em que a ideia se de- e volta seu olhar para o espaço turns its gaze to the surround- todo). A distância entre natural e vice finds its place as a medium
físico ao redor. Nas palavras de ing physical space. In words of artificial diminui. Enquanto isso, for a certain aim, not being a goal
Based on chance and the words, the sequence and choic- interactive installations. Her create the frame within which Mark Weiser: a realidade virtual Mark Weiser: virtual reality can o dispositivo encontra seu lugar on itself anymore. In presence
choices that viewers make, the es that each viewer selects re- videowork integrates different the idea develops. The projects pode ser um mapa, mas não um be a map but not a territory. Be- como meio para um certo obje- of the body bit, try to trace the
project explores the contempo- flect his own perspectives and elements, including behavioral explore the spectator’s depths território. Além dos crescentes yond the increasing cybernetics tivo, não mais sendo uma meta frontiers between real and vir-
rary trends in the construction behavioral patterns, thus makes psychology, developing narra- of perceptual experience and espaços cibernéticos onde nos- spaces where our own existence em si. Na presença do bit corpo, tual seems to be an impossible
of a narrative and the interplay the viewer much more than an tive using a ‘subjective camera’. the interaction of the individual sa existência flui, a consistência flows, the physical consistency tentar traçar as fronteiras entre task. In interstices and its slides,
between diverse informative active participant. Her interactive installation proj- spectator with the exhibition as física de nosso corpo salienta a of our body stresses the need real e virtual parece uma tarefa lie the potentialities of this in-
sub-layers effected through ects attempt to widen the mind’s well as with other visitors. The necessidade de incluir o design to include in interface design, impossível. Nos interstícios e tersection in Culture and Art.
the impact of digital, non-linear Alexandra Dementieva potential for perception using subject of an installation or its de interface, nossos sentidos e our senses and time-space co- seus lados estão as possibili- When Gene Youngblood, in the
media. It also questions the very Alexandra Dementieva stud- different production materials: production method becomes coordenadas de tempo/espaço ordinates we inhabit. The Mixed dades dessa intersecção entre 70´s thought that art was reach-
process of storytelling and at the ied journalism and fine arts computers, video projections, less important to her than the que habitamos. O paradigma Realities paradigm, specially cultura e arte. Quando Gene ing the point where almost every
same time considers the way of in Moscow and Brussels. Her soundtracks, slides, photogra- mind of the user. Thus the lat- das realidades mistas, realidade Augmented Reality, responds Youngblood, na década de 1970, phenomenon of life on earth
audience reading. It investigates main interests focus on social phy, etc. By making certain his- ter becomes the center of the especialmente aumentada, cor- to this tendency describing sev- pensou que a arte estava atin- would be part of the artist´s pal-
the differences of individual and psychology and perception and torical, cultural and political al- project or the main actor in the responde a essa tendência, des- eral ways to merge both spaces gindo o ponto em que quase todo ette, was he looking in advance
collective perception. In other their application in multimedia lusions, her exhibition locations performance.  crevendo diversas maneiras de (physical and virtual). Certainly, fenômeno da vida na terra faria maybe the I/O Brush de Tangible
fundir ambos os espaços (físico the world is not a desktop. The parte da paleta do artista, estaria Bits, among many others?
e virtual). Certamente o mundo openness to environment beyond talvez vendo antecipadamente a
não é um “desktop”. A abertura the screen sets new possibilities I/O Brush of Tangible Bits, entre
do ambiente além da tela define between bits and atoms, be- muitas outras?

ANDREA SOSA ANDREA SOSA relação entre o físico e o virtual, the relation between the physi-
Nascida em 1977. Formada Born in 1977. I’m graduated especialmente gêneros como cal and the virtual, specially
em design de multimídia (2004) in Multimedia Design (2004) realidade aumentada, computa- genres as augmented reality,
e cinema (2007). Atualmente and Filmmaking (2007). Cur- ção física, computação ubíqua. physical computing, ubiquitous
sou professora e pesquisadora rently I´m a Professor and Re- Também me interesso pela ex- computing. I’m also interested
no departamento de design de searcher at Multimedia Design ploração das possibilidades da on exploring the possibilities of
multimídia, Facultad de Bellas Department, Facultad de Bellas interatividade coletiva, assim collective interactivity as well as
Artes, Universidad Nacional de Artes, Universidad Nacional de como o espaço público como public space as a plataform for
la Plata, e do Instituto Universi- la Plata, and the Instituto Uni- plataforma para xps artísticas. artistic experiences.
tario Nacional del Arte em Bue- versitario Nacional del Arte in
nos Aires. Trabalho no campo de Buenos Aires. I work in the field
arte interativa e cinema. Meus of interactive art and filmmak-
interesses se concentram na ing. My interests focused on

238 239
Andreas Muxel e Martin Hesselmeier
Alemanha Germany
Unheard Noise

A expansão dos bits. Gê- The bit´s expansion. Gen- rolar: redes de relações intrica- intricate relations that seeks for Ruído inaudível Unheard Noise Martin Hesselmeier Martin Hesselmeier
nese de operações aumen- esis of Augmented Opera- das que buscam uma forma”. As a form”. The vulnerable struc- Apresentação “corpo capa- presentation „capacitive Em 2002 Martin Hesselmeier In 2002 Martin Hesselmeier
tadas em realidades mistas tions in Mixed Realities estruturas vulneráveis de Ersilia, tures of Ersilia, with no physical citativo”, instalação luminosa body“, reactive light installation formou-se em design de comu- received a diploma in communi-
Todas as culturas construíram All cultures have built utopias. sem existência física e sua forma existence and the form trying reativa Silence is gone from today´s nicação pela Universidade de cation design from the Universi-
utopias. Enraizada na noção gre- Rooted in the greek notion of to- tentando se manifestar em vida, to manifest into life, match the O silêncio desapareceu dos urban spaces. Noise pollution is Ciências Aplicadas, Academia ty of Applied Sciences, Academy
ga de topos (lugar), uma u-topia pos (place), a u-topia has been equiparam-se às atuais configu- current configurations of mixed espaços urbanos de hoje. A produced, 24 hours a day, 7 days de Artes e Desenho de Man- of Arts and Design Mannheim,
foi concebida como um não-lu- conceived as a non-place or non- rações de realidades mistas. Em realities. In their multiform an poluição sonora é produzida a week. We can close our eyes, nheim, e em 2007 tirou o diplo- and in 2007 a diploma in audio-
gar ou um lugar inexistente, ide- existent place, ideal, to where seus territórios multiformes e evanescent territories, the virtu- 24 horas por dia, sete dias por but our ears are always open. ma em mídia audiovisual pela visual media from the Academy
al, aonde a humanidade poderia humankind might go. Nowa- evanescentes, o virtual e o real al and the real ravel and unravel semana. Podemos fechar os This lecture is about the pro- Academia de Artes da Mídia de of Media Arts Cologne as a post-
ir. Hoje, na era dos bits, a noção days, in the bits era, the notion enrolam e desenrolam novas new properties, augmenting and olhos, mas nossos ouvidos es- ducers of urban noise and how Colônia como estudante de pós- graduate student. He has since
de lugar mudou, por causa das of place has been changed, be- propriedades, aumentando e expanding the experience of Re- tão sempre abertos. Esta pa- unnatural sound disrupts the graduação. Desde então ele tra- been working for the European
mediações eletrônicas. O espaço cause of electronic mediations. expandindo a experiência da re- ality. This Paper investigates the lestra é sobre os produtores de activity and balance of human balha para a União Europeia no Union research project “Citizen
que habitamos hoje é uma mol- The space we inhabit today, is alidade. Este trabalho investiga field of Mixed Realities, its speci- ruído urbano e como os sons or animal life. Noise in a range projeto de pesquisa “Citizen Me- Media” as an user interface de-
dura cheia de e-topias. Um espa- a framework full of e-topias. A o campo das realidades mistas, ficity, scopes and potentialities, inaturais perturbam a atividade of low frequencies is impercep- dia” como designer de interface signer. He also works for various
ço formado por várias camadas space formed by several layers sua especificidade, âmbitos e focusing the analysis in the aug- e o equilíbrio da vida humana ou tible by our ears, but is sensed de usuário. Também trabalha design studios in Germany.
onde muitos espaços virtuais e where many virtual and physical potencialidades, enfocando a mented operations that come animal. O ruído em uma faixa de by the whole body. This unheard para vários estúdios de design
físicos coexistem. Neste contex- spaces coexists. In this context análise nas operações aumenta- when the real and the virtual get baixas frequências é impercep- sound becomes part of our ev- na Alemanha. Andreas Muxel
to não é possível pensar a reali- is not possible to think reality as das que ocorrem quando o real together. In first place, concepts tivel aos nossos ouvidos, mas é eryday life. In 2004 Andreas Muxel re-
dade como algo unívoco, mas um something univocal, but a mixed e o virtual se encontram. Em as Interface, Metaphor and Im- sentido por todo o corpo. Esse The installation „capacitive Andreas Muxel ceived a diploma in media com-
fenômeno misto, em que noções phenomenon, in which notions primeiro lugar, são analisados mersion are analized. Then it som inaudível torna-se parte de body“ is a modular light system Em 2004 Andreas Muxel se munication design from the
como espaço, tempo, corpo, per- such as space, time, body, per- conceitos como interface, metá- focuses on artworks to see how nossa vida cotidiana. that reacts to the sound of urban formou em design de comuni- University of Applied Sciences
cepção, distância mudam seu ception, distance changed their fora e imersão. Depois ele enfoca this concepts operates in real A instalação “corpo capaci- spaces. The sensors are used to cação de mídia na Universidade Vorarlberg. From 2004 to 2007
próprio significado. Italo Calvino, own meaning. Italo Calvino in his obras de arte para ver como esse contexts. Finally, we propose tativo” é um sistema modular measure vibrations of architec- de Ciências Aplicadas de Vorarl- he worked as an interaction
em seu livro “Cidades Invisíveis”, book “invisible Cities”, imagined conceito opera em contextos re- a theory about the operations luminoso que reage ao som dos tural solids in a range of low fre- berg. De 2004 a 2007 trabalhou and interface designer for the
imaginou cidades estranhas, nas strange cities, in the margins of ais. Finalmente, propomos uma of augmentation in the field of espaços urbanos. Sensores são quencies. These oscillations are como designer de interação e MARS-Exploratory Media Lab
margens do impossível. Uma the impossible. One of this cities, teoria sobre as operações de Mixed Realities. usados para medir vibrações de triggered by surrounding ambi- interface para o MARS-Explo- at the Fraunhofer Institute for
dessas cidades, Ersilia, mostrou Ersilia, showed a curious topol- aumentação no campo das rea- sólidos arquitetônicos em uma ent noise, for example traffic ratory Media Lab no Fraunhofer Media Communication. In 2008
uma topologia curiosa: “Viajando ogy: “Travelling this way through lidades mistas. faixa de baixas frequências. Es- noise. The sensor data controls Institute for Media Communica- he finished his postgraduate
assim pelo território de Ersi- the Ersilias’s territory, you find sas oscilações são provocadas light wires, which are tensed to a tion. Em 2008 ele concluiu seus studies at the Academy of Media
lia, encontram-se as ruínas de the ruins of abandoned towns, pelo ruído ambiente circun- spatial net structure. A dynamic estudos de pós-graduação na Arts Cologne. In his works he is
cidades abandonadas, sem as without the walls that do not last, dante, por exemplo, o ruído do light space is thereby created, Academia de Artes de Mídia em interested in the mixture of digi-
paredes que não duram, sem os without the bones of the dead tráfego. Os dados dos sensores which creates a visual feedback Colônia. Em seu trabalho ele se tal code and physical material.
ossos dos mortos que o vento faz that wind makes roll: webs of controlam fios leves que são of the aural activity around the interessa pela mistura de códi- He lives and works in Cologne,
estendidos formando uma es- installation. go digital e material físico. Vive Germany.
LAURA MAIORI sor and Researcher at Multi- gráfico, arte interativa e fotogra- are those platforms which work trutura de rede espacial. Um e trabalha em Colônia, Alema-
Nascida em 1978. Forma- media Design Department, Fac- fia. Meus interesses enfocam with telepresence and collective espaço de luz dinâmico é assim nha.
da em design de comunicação ultad de Bellas Artes, Universi- temas relacionados à fusão de interactivity. criado, que gera um feedback
visual (2002), estou prestes a dad Nacional de la Plata. I work espaços físicos e virtuais, reali- visual da atividade aural ao re-
terminar estudos em design in the field of graphic design, dades aumentadas e ambientes dor da instalação.
multimídia. Atualmente sou interactive art and photography. imersivos. Outra área de inte-
professora e pesquisadora no My interests focused on themes resse são as plataformas que
departamento de design multi- related to the merge of physical trabalham com telepresença e
mídia, Facultad de Bellas Artes, an virtual spaces, augmented interatividade coletiva.
Universidad Nacional de la Pla- realities and immersive environ-
ta. Trabalho no campo de design ments. Another area of scope

240 241
Blendid: David Kousemaker, Tim Olden Christa Erickson
Holanda Netherlands EUA USA
TouchMe Climate Shifts

TouchMe é uma instalação in- TouchMe is an interactive in- extra é acrescentada quando os TouchMe is intended to those Todos somos afetados por de ou financeiras, que padrões We are all affected by our immediate context and its political, en-
terativa que permite a seus usu- stallation that allows its users to resultados são mantidos como typical modern public spaces nosso contexto imediato e suas de reação são semelhantes ou vironmental, cultural and temporal influences. “Climate Shifts” jux-
ários criar e contribuir com uma create and contribute a personal parte permanente da instala- that seem predominantly de- influências políticas, ambien- diferentes ao redor do globo? taposes various locations around the globe and their points of view
imagem pessoal para o espaço image to the otherwise imper- ção. signed to withstand large flows tais, culturais e temporais. Um grande guarda-chuva aci- through local news headlines and weather data. Differences in con-
público normalmente impes- sonal public space. Images that TouhMe destina-se àqueles of people without any impact. It “Climate Shifts” justapõe vá- ma funciona como tela na qual a cerns and perspectives emerge, sometimes about the same world
soal. As imagens criadas pela are created by interacting with espaços tipicamente modernos is as if the users of these spaces rios locais ao redor do mundo peça anima mudanças por vários events, allowing a glimpse into the collective psyche of each place.
interação com uma lâmina de a plate of frosted glass remain que parecem criados predo- were viewed only as pawns, e seus pontos de vista por meio destinos com a ponta do guarda- How do geographically differing news sources interpret an election?
vidro congelado são uma parte a part of the piece and are dis- minantemente para suportar which are to be efficiently rout- das manchetes dos noticiários chuva agindo como localizador. What are the primary concerns in Beirut versus Jerusalem? What
da peça e são expostas quando played when no interactions oc- grandes fluxos de pessoas sem ed through this domain on their locais e informações sobre a Notícias sobre “clima”, tempo e events in Asia echo in Latin America? When financial or health cri-
não ocorrem interações durante cur for a given time. qualquer impacto. É como se os way from point A to point B. All meteorologia. Surgem diferen- hora são obtidas de informações ses strike, what patterns of response are similar or different across
um determinado tempo. Members of the public can in- usuários desses espaços fos- traces of these visitors will be ças de interesse e perspectiva, RSS em tempo real e dispostas the globe?
Os membros do público po- teract with this piece by simply sem vistos apenas como peões, erased when the next sched- às vezes sobre os mesmos fa- em camadas sobre uma imagem A large umbrella acts as an overhead screen upon which the piece
dem interagir com esta peça pressing a part of their body or que devem ser conduzidos efi- uled cleaning crew has removed tos mundiais, permitindo uma iluminada de satélite de poluição animates shifts through various destinations with the top of the um-
simplesmente pressionando objects against a frosted glass cientemente por esse campo em the footprints from the granite percepção da psique coletiva de do globo. Também em camadas, brella pole acting as a locator. ‘Climate’ news, weather and time are
uma parte de seu corpo ou ob- surface, leaving a kind of imprint seu trajeto do ponto A ao ponto wear-free floor. cada lugar. Como fontes de notí- o tempo é refletido por ponteiros gathered from real-time RSS feeds and layered over an illuminated
jetos contra uma superfície de for them and others to see. The B. Todos os vestígios desses vi- cias geograficamente diferentes de relógio que giram e se adap- light pollution satellite image of the globe. Similarly layered, time is
vidro gelada, deixando uma es- interaction itself is entertaining, sitantes serão apagados quando interpretam uma eleição? Quais tam conforme o fuso horário do reflected by clock hands that spin and adjust according to the time
pécie de impressão para eles e and an extra dimension is added a próxima equipe de limpeza são as preocupações básicas lugar atual. zone of the current location.
outros verem. A interação em as the results are kept as a per- remover as pegadas do piso de em Beirute e em Jerusalém? Assistência de programação: Programming Assistance: Raed Atoui Funded in part by a Fellow-
si é divertida, e uma dimensão manent part of the installation. granito antidesgaste. Que acontecimentos na Ásia têm Raed Atoui financiado em par- ship from Sculpture Space, Utica, NY.
repercussão na América Latina? te por uma bolsa do Sculpture
Blendid Quando ocorrem crises de saú- Space, Utica, NY.
É um coletivo de interação Blendid is an interaction art/ para a interatividade. Blendid se focus on interactivity. Blendid is
entre arte e design formado por design collective consisting of interessa basicamente por pro- primarily interested in projects Christa Erickson e museus. Internacionalmente, Christa Erickson
David Kousemaker e Tim Olden. David Kousemaker & Tim Olden. jetos que permitem um cruza- that allow for digital technology É uma artista interdisciplinar ela fez exposições em: Banff Is an interdisciplinary artist who weaves together combinations of
Operando no espaço entre arte Operating in the space between mento entre a tecnologia digital to crossover into the physical que entrelaça combinações de Center for the Arts, Hong Kong video, tactile materials, programming, physical cinematic devices,
interativa e design, sua colabo- interactive art and design, their e o reino físico. realm. vídeo, materiais táteis, progra- Arts Centre, vários museus na and live data in interactive installations. Her individual and col-
ração usa uma ampla variedade collaboration utilizes a wide mação, dispositivos cinemato- Argentina e festivais internacio- laborative works have been exhibited widely both within the United
de tecnologias para criar peças variety of technologies to cre- gráficos físicos e dados ao vivo nais de mídia como CYNETart States and abroad. Sites within the United States include the PPOW
experimentais com um enfoque ate experimental pieces with a em instalações interativas. Suas (Alemanha), HTMLLES (Cana- (NY), Jamaica Center for the Arts (NY), SVA Visual Arts Museum
obras individuais e colaborati- dá), FILE (Brasil), Medi@terra (NY); the Walker Art Center (MN); the Institute for Studies in the Arts
vas foram exibidas amplamente (Grécia) e Ciber@rt (Espanha). at ASU (AZ); the California Museum of Photography; Maryland Art
nos Estados Unidos e no exte- Erickson foi artista residente Place; and Firehouse Gallery (VT) as well as numerous university
rior. Os locais nos EUA incluem no Hong Kong Arts Centre para galleries and museums. Internationally, she has had exhibits at the
PPOW (NY), Jamaica Center for “Digital Now 2003” e artista re- Banff Center for the Arts, the Hong Kong Arts Centre, several art
the Arts (NY), SVA Visual Arts sidente no Sculpture Space em museums in Argentina, and at international media arts festivals like
Museum (NY); Walker Art Cen- 2007. Ela também escreve, é CYNETart (Germany), HTMLLES (Canada), FILE (Brazil), Medi@terra
ter (MN); Institute for Studies in curadora e dá palestras sobre (Greece), and Ciber@rt (Spain). Erickson was Artist-in-Residence at
the Arts at ASU (AZ); California novas mídias. É diretora do Con- the Hong Kong Arts Centre for “Digital Now 2003” and an Artist-in-
Museum of Photography; Ma- sortium for Digital Arts, Culture, Residence at Sculpture Space in 2007. She also writes, curates, and
ryland Art Place; e Firehouse and Technology da Stony Brook regularly speaks about new media. She is the Director for the inter-
Gallery (Veltroni), assim como University. disciplinary Consortium for Digital Arts, Culture, and Technology at
várias galerias de universidades Stony Brook University.

242 243
Cynthia Lawson Jaramillo Drica Guzzi e Hernani Dimantas: weblab.tk
EUA USA Brasil Brazil
Layered Photography: A Case for Still atores em rede
Images as “Time-based” Media

Fotografia em camadas: Um as a mudar-se para um espaço of photography. The principal Cynthia Lawson Jara- É por meio daquilo que há de It is through what they have in em um mundo não qual não há model of separation between
caso de imagens estáticas como interino entre fora e dentro da techniques I incorporate into my millo comum que compreendemos common that we understand the mais como vigorar o modelo the discipline fields proposed
mídia "baseada no tempo" imagem. Meus trabalhos apre- work pushing it far away from É mídia-artista e educadora. as redes sociais, o que as movi- social networks, what moves epistemológico de separação by the old modernity project.
Em comparações entre filme sentados através de caixas de the “still image” include pairing Ela ensinou nos Estados Unidos, menta e as formas de compar- them and the ways of sharing entre os campos das disciplinas Science, technique, philosophy,
e fotografia, as análises geral- luz contêm sequências de ima- and layering (digitally and physi- Guatemala, Colômbia, Repúbli- tilhamento de interesses e sa- interests and knowledges. Tech- proposto pelo antigo projeto da and social action, critique and
mente se concentram na foto gens que poderiam ser coladas cally). This paper will have a his- ca Dominicana e Japão. Seus beres. A tecnologia aponta para nology points to the heightening modernidade. Ciência, técnica, thought construction are inter-
como imagem estática e no digitalmente, mas são coladas torical overview to define terms trabalhos de arte e textos foram o incremento do estado de rela- of the relationship state among filosofia e o agir social, crítica twined, in such a way that the
filme como uma sequência de fisicamente, objetos iluminados around “time-based media” and publicados, exibidos e apresen- ções entre as pessoas. A rede só people. The network only ex- e construção de pensamento network pervades our forms of
imagens (Campany 2007). Esse por trás, quase esculturais. O “media arts.” I will refer to art- tados em diversos países. Ela existe por causa das relações. ists because of relationships. estão imbricados entre si, de knowledge and configures itself
enfoque na fotografia como mí- espaço real do objeto represen- ists such as Bill Viola, Jeff Wall, tem formação em engenharia As pessoas estão conversando People talk on the network in maneira que a rede permeia on the plan where we produce
dia centrada em uma imagem ta as variações do tempo capta- Shirin Neshat, and David Hock- elétrica pela Universidad de los na rede de uma forma muito pe- a very peculiar way. We use e- nossas formas de conhecimento and share knowledge.
estática a afastou da prática do. Finalmente, em Pompidou ney who have pushed the bound- Andes (Bogotá) e mestrado em culiar. Usamos e-mails, blogs, mails, blogs, Twitter and Orkut e se configura no plano em que Actors mingle in informa-
geral e dos textos sobre "arte- from Above, 6 Seconds, o tema aries of time and space in print telecomunicações interativas da twitter e orkut para reverberar to reverberate words. The web's produzimos e compartilhamos tional spaces. Hybrid spaces,
mídia" que tendem a enfocar a do trabalho é o movimento das and on screen in their film and New York University. Cynthia é as palavras. A sedução espiritu- spiritual seduction is the prom- o saber. now no longer sterile, since ap-
mídia muitas vezes chamada pessoas em espaços urbanos photography work. I will also re- atualmente professora assisten- al da Web é a promessa do retor- ise of a return of the voice. We propriated, become productive
de "baseada no tempo", como públicos e semipúblicos. Como fer to three of my own projects te de design integrado na School no da voz. Queremos resgatar a want to rescue the capacity of Os atores se misturam nos fields. A generous shift of links
vídeo, performance, instalação, descrito por Michel de Certeau, as cases for time-based photog- of Design Strategies da Parsons capacidade de comunicação. communication. espaços informacionais. Espa- that catalyze conversation, pro-
software art, net art e combi- "o ato de caminhar é para o sis- raphy (or the inclusion of pho- The New School for Design, e é But, what is the web? We know ços híbridos, agora não mais es- vokes and solidifies the engage-
nações destas. Como artista de tema urbano o que o ato de falar tography as a media art): outsi- membro ativo da Madarts, um Mas o que é a Web? Sabemos about radio, telephone, televi- téreis uma vez que apropriados, ment. People have new possibil-
mídia, eu contesto essa noção, é para a linguagem ou para as deIn, recent work presented as coletivo de arte em Brooklyn, do rádio, do telefone e da tele- sion. But the internet is an even tornam-se campos produtíveis. ities. New tools and new ideas
trabalhando com a fotografia declarações pronunciadas" (De light boxes, and Pompidou from Nova York. visão. Mas a internet é um am- more mysterious environment. Uma troca generosa de links que emerge from the organization of
como uma mídia baseada no Certeau, 2002). A paisagem ur- Above, 6 Seconds. In my series biente ainda misterioso. Cheio Full of meanders, perversities catalisa a conversação, provoca these actors. The network is now
tempo e criando obras que, eu bana está constantemente em outsideIn the presentation of the Cynthia Lawson Jara- de meandros, perversidades e and wonders. It mirrors life in e solidifica o engajamento. As viewed as multiple networks, in
acredito, deveriam se situar movimento (através de seus photographs as pairs invite peo- millo maravilhas. Espelha a vida em all senses, digitally repeating pessoas tem novas possibilida- which the expression of subjec-
mais no reino da arte-mídia do pedestres), e é esse movimento ple to shift into an interim place Cynthia Lawson Jaramillo todos os sentidos repetindo di- the problems of our society. In des. Novas ferramentas e novas tivity is the social reality. A com-
que no rótulo mais tradicio- que meu trabalho documenta. between outside and inside the is a media artist and educator. gitalmente as mazelas da nossa the moment we live, life hap- idéias emergem da organização municative process that results
nal de fotografia. As principais A técnica de camadas digitais é image. My works presented She has taught in United States, sociedade. No momento em que pens on the network. It is our desses atores. A rede passa a in social consequences.
técnicas que utilizo em meu usada para ampliar e até ques- through light boxes contain se- Guatemala, Colombia, Domini- estamos vivendo, a vida acon- experimentation of being from ser vista como redes, múltiplas,
trabalho, afastando-o muito tionar o tempo captado em cada quences of images that could can Republic, and Japan. Her tece na rede. Trata-se da nossa a socio-technical reality where nas quais a expressão de subje-
da "imagem estática", incluem "fotografia". be digitally collaged but instead artwork and writing has been experimentação em ser a partir our actions happen in a world tividade é a realidade social. Um
pareamento e camadas (digital are physically collaged, almost internationally published, ex- de uma realidade sociotécnica in which it is no longer possible processo comunicativo que re-
e fisicamente). Este trabalho In comparisons between film sculptural, backlit objects. The hibited, and performed. She has onde nossas ações acontecem to impose the epistemological sulta em conseqüências sociais.
trará uma visão histórica para and photography, analyses most actual space of the object repre- a B.S. in Electrical Engineering
definir termos relativos a "mí- often focus on the photograph sents the variances of time cap- from Universidad de los Andes Drica Guzzi Master in communication and Hernani Dimantas
dia baseada no tempo" e "arte- as a still image and film as a tured. Lastly, in Pompidou from (Bogotá) and a Masters in Inter- Drica Guzzi possui mestrado semiotics from Pontifícia Uni- Hernani Dimantas é Mestre Master in communication and
mídia". Vou me referir a artistas sequence of images (Campany Above, 6 Seconds, the subject active Telecommunications from em Comunicação e Semióti- versidade Católica de São Paulo em Comunicação e Semiótica semiotics from Pontifícia Uni-
como Bill Viola, Jeff Wall, Shirin 2007.) This focus on photogra- of the work is the movement of New York University. Cynthia is ca pela Pontifícia Universidade - PUCSP (2006). She is coordina- pela Pontifícia Universidade Ca- versidade Católica de São Paulo.
Neshat e David Hockney, que phy as a medium centered on a people in public and semi-public currently Assistant Professor of Católica de São Paulo - PUCSP tor of Escola do Futuro at USP tólica de São Paulo. Tema da dis- Paper theme: "Linkania - the so-
ampliaram os limites do tempo still image has removed it from urban spaces. As described by Integrated Design in the School (2006). É coordenadora da Escola and of the formation strategies sertação: Linkania - a sociedade ciety of collaboration". Presently,
e espaço na impressão e na tela the general practice and writing Michel De Certeau, “The act of of Design Strategies at Parsons do Futuro da USP e das estraté- and content of th Digital Inclu- da colaboração. Atualmente é he is content coordinator of the
em seu trabalho de cinema e about “media arts” which tend to walking is to the urban system The New School for Design, and gias de formação e conteúdo do sion Program of the government cordenador de conteúdo do Pro- program AcessaSP and program
fotografia. Também me referirei focus on media often referred to what the speech act is to lan- an active member of Madarts, an Programa de Inclusão Digital do of the state of São Paulo - Acessa grama AcessaSP e do Programa Acessa Escola - Government of
a três de meus projetos como as “time-based” such as video, guage or to the statements ut- arts collective in Brooklyn, NY. Governo do Estado de São Pau- SP and Acessa Escola. As a re- Acessa Escola - Governo do Esta- the state of São Paulo, coordi-
casos de fotografia baseada no performance, installation, soft- tered.” (De Certeau, 2002) The lo - Acessa SP e Acessa Escola. searcher, she acts in the educa- do de São Paulo, Coordenador do nator of Lidec - Laboratory of
tempo (ou a inclusão da fotogra- ware art, net art, and combina- urban landscape is continually Como pesquisadora, atua na tion area, with emphasis to new Lidec - Laboratório de Inclusão Digital Inclusion and Commu-
fia como arte-mídia); outsideIn, tions of these. As a media artist in motion (via its pedestrians) área da Educação, com ênfase online teaching technologies, Digital e Educação Comunitária - nal Education - Escola do Fu-
um trabalho recente apresenta- I challenge this notion, engaging and it is this motion that my em novas tecnologias de apren- social networks, educommuni- Escola do Futuro - USP, Articula- turo - USP, articulator of project
do como caixas de luz, e Pom- with photography as a time- work documents. Digital layer- dizagem on-line, redes sociais, cation, digital culture, and public dor do projeto Metareciclagem. É Metareciclagem. He is director
pidou from Above, 6 Seconds. based medium and creating work ing is the technique used to ex- educomunicação, cultura digital participation. She is director of diretor da weblab.tk e coordena of weblab.tk and coordinates the
Em minha série outsideIn, a that I believe should be situated tend, and even put into question, e participação pública. É diretora weblab.tk and coordinates the o blog lixoeletronico.org. blog lixoeletronico.org.
apresentação das fotografias more in the realm of media arts the time captured in each “pho- da weblab.tk e coordena o blog blog lixoeletronico.org.
como pares convida as pesso- than the more traditional label tograph.” lixoeletronico.org.

244 245
Emiliano Causa, Tarcisio Pirotta e Matías Costas
Argentina Argentina
Sensível

Sensível, novas interfaces fí- de processos dos seres vivos. Em do laboratório de multimídia do e professor de produção multi- The interactive installation Centro Cultural Recoleta, MA- and augmented reality. Taught Born in Quilmes in 1976.
sicas ligadas a sistemas de vida 2003, o grupo passou a realizar CCEBA, professor de informáti- mídia formado pela Universidad "Sensitive", by Proyecto Bio- CLA (La Plata), C.C. Borges, C.C. informatics at the music com- Composer, artist, multimedia,
artificial na arte performances e depois instala- ca, design e oficina multimídia Nacional de La Plata. É docente pus (www.biopus.com.ar), is Gral. San Martín, Fundación position courses and cinema teacher and researcher. A Com-
A instalação interativa "Sen- ções interativas com sistemas do curso de artes multimídias da Área Transdepartamental de a touch-sensitive screen cre- Telefónica and Fundación OSDE, at U.N.L.P and artificial intelli- position graduate, he teaches
sível", do grupo Proyecto Biopus de capacitação de movimento do do I.U.N.A, professor de tecno- Artes Multimídias do IUNA. Tra- ated with low-cost technologies, among other places. The group gence at the Systems Engineer- harmony, counterpoint and mu-
(www.biopus.com.ar), é uma público. Expôs no MALBA, Cen- logia multimídia do curso de De- balha para o setor privado como which allows people to interact received national and interna- ing course at U.T.N. He currently sical morphology and he is also
tela sensível ao tato criada com tro Cultural Recoleta, MACLA sign Mutimídia da Faculdade de designer e produtor multimídia with a virtual eco-system which tional awards. From the begin- works in research and teaches a teacher of multimedia produc-
tecnologias de baixo custo, que (La Plata), C.C: Borges, C.C.Gral. Belas Artes da U.N.L.P. Traba- generates music in real time. ning, they pursue working with in postgraduate courses related tion graduated by U.N.L.P. Works
permite que as pessoas intera- San Martín, Fundación telefónica lha com pesquisas relacionadas Matías Romero Costas The presentation will deal with the concept of relation between to multimedia art and new in- as a professor of graduate and
jam com um ecossistema virtu- e Fundación OSDE entre outros à bioarte e realidade aumenta- Nascido em Quilmes em 1976. the techniques applied to the the work and the public, creat- terfaces (sensors and real time postgraduate levels and is a re-
al que gera música em tempo centros. Foi premiado nacional da. Foi docente de informáti- Compositor, artista multimídia, construction of screens and ing new ways of participation sound and video control). Works searcher at U.N.L.P., at I.U.N.A.,
real. Esta apresentação tratará e internacionalmente. Desde o ca nos cursos de composição docente e pesquisador. Gradu- their connection with artificial and interpretation, always after with multimedia art, biogenera- at ENERC (INCAA), at UnTrefe
das técnicas implementadas no princípio o grupo busca traba- musical e cinema na U.N.L.P. e ado em Composição, é profes- life systems to generate music. the dream of, some day, being tive art, net.art, experimental and at U.B.A. Member of group
desenvolvimento da instalação. lhar o conceito da relação entre de inteligência artificial no cur- sor de harmonia, contraponto e Thus will be developed the prob- able to create the “living work”. music and video, building instal- “Biopus Project”, in which he
Serão vistas as técnicas empre- a obra e o público, gerando no- so Engenharia de Sistemas da morfologia musical e professor lem of the art object construc- lations with sensors and the ap- presented works of net.art, vid-
gadas na construção das telas e vos modos de participação e in- U.T.N. Atualmente trabalha com de produção multimídia forma- tion from the integration of ele- Emiliano Causa plication of informatics in art in eoart, performances and inter-
sua vinculação com sistemas de terpretação sempre em busca do pesquisa e leciona em cursos do pela UNLP. Trabalha como ments formerly heterogeneous. Born in La Plata in 1970. general. active installations. His works
vida artificial para a geração de sonho de poder algum dia criar a de pós-graduação relacionados docente da graduação, pós-gra- Multimedia artist and informa- were exhibited in Argentina and
música. Dessa forma se desen- “obra viva”. à arte multimídia e novas inter- duação e pesquisador na UNLP, Biopus Project tion systems engineer (U.T.N.). Tarcisio Lucas Pirotta abroad and were awarded na-
volverá o problema da constru- faces (sensores e controle de ví- no I.U.N.A., na ENERC (INCAA), Founded in 2000, the first Member of group Biopus Proj- Born in 1977 in 9 de Julio tionally and internationally.
ção do objeto de arte, a partir da Emiliano Causa deo e som em tempo real). Tra- na UnTref e na UBA. Faz parte years of the group were dedi- ect (www.biopus.com.ar), first (Buenos Aires Province). He is a
integração de elementos inicial- Nasceu em La Plata em 1970. balha com arte multimídia, arte do grupo “Projeto Biopus” com cated to making experimental prize at MAMBA/Telefónica de visual communication designer
mente heterogêneos. Artista multimídia e engenhei- bio-generativa, net.art, música e o qual apresentou obras de net. videoclips with electroacous- Arte y Tecnología 2006. He is and professor of multimedia
ro de sistemas de informação vídeo experimental, construção art, vídeo arte, performances tic music. From 2002 on, they a research director and post- production graduated by Uni-
Projeto Biopus (U.T.N.). Integrante do grupo de instalações com sensores e a e instalações interativas. Suas started to work with net.art and graduate from the Department versidad Nacional de La Plata.
Fundado em 2000, nos primei- Projeto Biopus ( www.biopus. aplicação da informática à arte obras foram apresentadas na genetic art, with the simulation of Multimedia Arts at I.U.N.A., He is also a professor at Trans-
ros anos, o grupo se dedicou à com.ar ), primeiro lugar do em geral. Argentina e no exterior. Ganhou of processes of living beings. In coordinator of the multimedia departamental Area of Multime-
realização de videoclipes experi- MAMBA/Telefónica de Arte y prêmios nacionais e internacio- 2003, the group started to make arts course at I.U.N.A., profes- dia Art at I.U.N.A. Works for the
mentais com música eletroacús- Tecnología 2006. É diretor de Tarcisio Lucas Pirotta nais. performances and interactive sor of multimedia technology at private sector as a designer and
tica. A partir de 2002, começou pesquisa e pós-graduação do Nasceu em 1977 em 9 de Julio installations with the public’s the Multimedia Design Course multimedia producer.
a realizar trabalhos de net.art e Departamento de Artes Multi- (Província de Buenos Aires). É movement capacitation sys- of The School of Fine Arts at
arte genética, com a simulação mídias do I.U.N.A., coordenador designer de comunicação visual tems. They exhibited at MALBA, U.N.L.P. He researches bioart Matías Romero Costas

246 247
Fernando Fogliano Franklin Lee / Anne Save de Beaurecueil
Brazil Brazil Brasil/UK BRAZIL/UK
Theremin Articulando terrenos ambientais

Theremin é um projeto que te teoria da evolução. Segundo prospectam regularidades em novos campos do conhecimento. Tal A pesquisa da Associação tante na formação da cultura. The research at the Archi- plays an important role in mold-
se constitui no campo da Com- Arata (2003) a interatividade é como fizeram os artistas ao longo da história da arte, hoje também Arquitetônica da School of As propostas de design mostra- tectural Association School of ing culture. Design propos-
plexidade e da Emergência. importante porque permite a utilizam os recursos ambientais que têm à disposição para com- Architecture’s Diploma Unit 2 das nesta apresentação criam Architecture’s Diploma Unit 2 als shown in this presentation
Theremin nos permite obser- existência de múltiplos pontos por suas narrativas. A pigmentos e superfícies hoje se incorporam (Londres) demonstra uma fusão relações simbióticas entre a (London) demonstrates here create symbiotic relationships
var eventos que não são únicos, de vista, celebra o papel criativo dispositivos eletrônicos, computadores e softwares como recursos de dois paradigmas aparente- sociedade urbana, o condiciona- a fusion of two seemingly mu- between urban society, environ-
tampouco regulares. Tais even- do jogo, catalisa a emergência e construtivos e expressivos. À “matéria prima” para a arte de nossos mente exclusivos no discurso mento ambiental e a paisagem, tually exclusive paradigms in mental conditioning, and land-
tos são passíveis de gerencia- é, em última instância, pragmá- tempos incorporam-se a emergência, a interatividade e a inteligên- arquitetônico recente. Os proje- ao articular as organizações no recent architectural discourse. scape, by articulating ground
mento, contudo não se subme- tica. A arte contemporânea, em cia das máquinas. Theremin, portanto é um projeto que estabelece tos documentados nesta apre- solo para mediar os fluxos cir- Projects documented in this organizations to mediate both
tem a nenhuma coerção (Arata, seu papel de perscrutar novos o terreno para onde confluem linguagens propiciando a emergência sentação demonstram maneiras culatórios e naturais. presentation demonstrate ways circulatory and natural flows.
2003). Emergência é aquilo que campos do conhecimento, vale- de novos padrões narrativos e estéticos. de mediar entre o desempenho to mediate between both tech-
os processos complexos e “au- se de dispositivos inteligentes tecnológico e a manipulação dos Franklin Lee e Anne Save nological performance as well Franklin Lee e Anne Save
to-organizados” produzem, é a com os quais podemos jogar Fernando Fogliano terrenos, definidos aqui como de Beaurecueil as the manipulation of grounds, de Beaurecueil
razão pela qual existem fura- toda sorte de jogos. Através Fotógrafo, doutor em Comunicação e Semiótica pela PUCSP. Le- os sistemas circulatórios exter- Franklin Lee e Anne Save de defined here as the external and Franklin Lee and Anne Save
cões, ecossistemas, e a huma- dessa experimentação podemos ciona há 10 anos nos cursos de fotografia digial do Senac, Lato sen- no e interno que estruturam as Beaurecueil lecionam na Uni- internal circulatory systems de Beaurecueil are Diploma 2
nidade. O objetivo dos estudos avançar em terrenos da cultura su em Fotografia do Senac. Líder do Grupo de Pesquisas da Imagem organizações sociais, com uma dade Diploma 2 da Architectural that structure social organiza- Unit Masters at the Architec-
sobre a Complexidade é buscar e da natureza nos quais não tí- Contemporânea, GPIC. Dedica-se a exploração das implicações es- ênfase específica para a sincro- Association (AA) School of Ar- tions, with a specific emphasis tural Association (AA) School of
compreender como novas clas- nhamos antes nos aventurado. téticas, cognitivas e tecnológicas da imagem tendo em vista a refle- nização dos fluxos ambientais e chitecture em Londres (http:// on how to synchronize both en- Architecture in London (http://
ses de entidades emergem e A Arte contemporânea pode xão nos campos da fotografia e do design da interação. culturais. A Unidade define uma www.aaschool.ac.uk/) e são di- vironmental and cultural flows. www.aaschool.ac.uk/) and co-
permanecem modelando-as ser entendida como uma práti- nova agenda social e uma filo- retores do escritório de arquite- The Unit is defining a new social directors of the SUBdV architec-
no contexto de uma abrangen- ca cognitiva com a qual artistas sofia estética para transformar tura SUBdV em São Paulo (www. agenda and aesthetic philosophy ture practice in São Paulo (www.
estratégias estabelecidas de subdv.com). Seus trabalhos têm to transform established tech- subdv.com). The work has been
Theremin is conceived in the fields of knowledge makes use Fernando Fogliano design técnico-ecológico, e para sido exibidos recentemente no nical ecological-design strate- recently shown at the Ecobuild
field of Complexity and Emer- of intelligent devices to advance For the last 10 years I’ve been a lecturer of Digital Photography at trazer às noções convencionais Ecobuild 2009 em Londres, no gies, and to bring conventional 2009 in London, the ‘Raw, New
gency. Theremin allows us to in cultural and nature areas the Photography an Graphic Design Courses. I’ve been a supervisor de design sustentável uma nova ‘Raw, New Brazilian Architec- notions of sustainable design a Brazilian Architecture’ at the
observe events that are nei- that we have never been before. for final year students of photography. I’m also lecturing Color Man- relevância cívica e cultural. Os ture’ - London Festival of Archi- new civic and cultural relevance. London Festival of Architecture
ther unique nor regular. These Contemporary Art can be seen agement in the Digital Imaging Courses at Post-Graduation Latu projetos são localizados no ou tecture 2008, e no Beijing Archi- The projects are either located 2008, and the Beijing Architec-
events can be object of manage- as a cognitive practice for art- Sensu in Photography and Graphic Design Courses. More recently, influenciados pelo contexto tectural Biennale 2008. O livro within or influenced by the Bra- tural Biennale 2008. Forthcom-
ment however are not coercible ist to prospect new regularities I’ve been developing a research group on Contemporary Imagery brasileiro, onde, talvez devido a “Articulating Grounds: Synchro- zilian context, where perhaps ing AA Agendas 7 publication
(Arata, 2003). Emergency is what in new fields of knowledge. As (GPIC) looking at the emergent fields in Imagery and Media. I’m also suas paisagens variadas e es- nizing Environmental and Cul- due to its sculptural variegated “Articulating Grounds: Synchro-
complex processes and self or- occurred through history of art, coordinating a research line of Static and Moving Images at CUS- culturais e suas influências afri- tural Flows” pela AA agendas 7 landscapes and African and In- nizing Environmental and Cul-
ganized systems produce. It is artists use the environmental Senac. Fields of interest: Digital Photography, Image Technologies, canas e indígenas, o ambiente publication, Maio 2009. digenous-Indian influences, the tural Flows”, May 2009.
the reason why there are hurri- resources available to construct Computer Human Interaction, Cognitive Science, Studies of Com- natural tem um papel impor- natural environment in Brazil
canes, ecosystems and the hu- their narratives. To pigments plexity, Java Programming Language.
manity. The goal of Complexity and surfaces they incorporate
as a scientific field is give us the electronic devices, computers
basis to understand how new en- and software as resources of ex-
tity classes emerge and remain pressivity. The raw material for
modeling them in a broad theory contemporary art now includes
of evolution. According to Arata emergency, interactivity and the
(2003) interactivity is important intelligence of machines. Ther-
because it allows the existence emin wants to create a terrain
of multiple points of view, cel- where the confluence of lan-
ebrates the creative role of the guages can occur creating the
game, catalyzes the emergency conditions to the emergence of
and is pragmatic. Contemporary new narrative and esthetic pat-
Art, in its role of scrutinize new terns.

248 249
Graziele Lautenschlaeger Jorge Crowe
Brazil Brazil Argentina ARGENTINA
Don´t Give Up! About a history that doesn´t want to be E-Handicraft: new old ways of dealing with hardware
told:  From Art in process to process in Art.

Don´t Give Up! About a history interatores manipulem os frag- de 2008, realizou estágio de cessed only when people stop E-artesanato: novas velhas Como artista, aplico técnicas E-waste, e-scrap, WEEE velopment of my work. I share
that doesn´t want to be told:  mentos narrativos são 4 cordas, pesquisa no Departamento de handling the hopes in a such maneiras de lidar com hardware de DIY (Do It Yourself) como al- (Waste Electrical and Electronic this knowledge with people in
From Art in process to process com cores correspondentes às Cultura da Interface da Kuns- point, indicated by balloons over E-lixo, e-dejetos, WEEE teração de hardware e de circui- Equipment) are words and ab- a workshop that I call “Labo-
in Art. situações narrativas. A trilha tuniversität Linz, na Áustria.It the characters´ head.  (Equipamento elétrico e eletrô- tos no desenvolvimento de meu breviations that needed to be ratorio de Juguetes” (Toy Lab).
Será apresentado ao público o sonora é composta por ruídos e will be presented to the public The technical solutions are nico descartado) são palavras e trabalho. Eu compartilho esse created in order to refer to the People who want to build, to in-
processo de criação e execução temas musicais – peças-chaves the creative and execution pro- simple but quite laborious. The abreviações que precisam ser conhecimento com pessoas em ever growing amount of discard- vent, to tear apart and remake,
da instalação interativa Don´t na construção da atmosfera psi- cesses of the interactive ins- inputs generated by the move- criadas para nos referirmos à uma oficina que chamo de “La- ed electronic devices that multi- to PLAY. In a few words: Playing
Give Up! About a history that cológica de cada história. Cenas tallation Don´t give up! About ment of the ropes are collected crescente quantidade de equi- boratório de brinquedos”. As plies on the streets and dumps with things is what my lecture
doesn´t want to be told, exibida extras que ajudam a desvendar a history that doesn´t want to by encoders (sensors of rota- pamentos eletrônicos descarta- pessoas que querem construir, of every city. Gadgets are de- intends to be about.
pela primeira vez na mostra “Art a trama e os temas musicais be told, exhibited for the first tions) attached to the pulleys dos que se multiplicam nas ruas inventar, destruir e refazer, signed to become useless after
on the Move” durante o festival são acessados apenas quando o time at Ars Electronica 2008´s and processed by a microcon- e depósitos de lixo das cidades. BRINCAR. Em poucas palavras: a period that becomes shorter Jörg Niehage
Ars Electronica 2008, em Linz, interator pára com a corda num Campus Exhibition “Art on the troller, which sends the data Os “gadgets” são criados para brincar com as coisas é do que and shorter as time goes by (the Jörg Niehage (Germany)
Áustria. intervalo correspondente da ani- move”, in Linz, Austria. to the software Max/msp/jitter, se tornar inúteis depois de um trata minha palestra. famous built-in obsolescence). studied communications de-
 A instalação foi realizada du- mação, indicado pela aparição running in a computer. In this período que se torna cada vez But are these objects fallen into sign at the University of Applied
rante o período em que a autora de balões de pensamento sobre From March until September software are programmed the mais curto com o passar do Jörg Niehage oblivion really obsolete? A little Science Darmstadt. His work
esteve enquanto pesquisadora as cabeças dos personagens. of 2008, the author was working real-time reactivity of the audio- tempo (a famosa obsolescência Jörg Niehage (Alemanha) es- bit of knowledge on how things operates between the fields
no Interface Cultures Depart-   Tecnicamente, as soluções as a master exchange student at visual contents. programada). Mas esses objetos tudou design de comunicações work may prove this wrong. This of graphic design, installation
ment da Kunstuniversität Linz são relativamente simples, po- Interface Cultures Department Graziele Lautenschlae- que caem no esquecimento são na Universidade de Ciências knowledge gives power back: and sound art. Participated in
e contou com a colaboração de rém não pouco trabalhosas. of Kunstuniversität Linz and got ger realmente obsoletos? Um pouco Aplicadas de Darmstadt. Seu the power of invention, of simple exhibitions/festivals including
pessoas de diferentes áreas do Anexado à roldana, um encoder the collaboration of people from is a brazilian researcher de conhecimento sobre como as trabalho opera entre os cam- and cheap solutions for every- Ars Electronica Linz, Transme-
conhecimento. (sensor de rotação) capta infor- different knowledge fields to ex- graduated in 2005 in Image and coisas funcionam pode provar pos de design gráfico, instala- day issues. Or just the joy to diale Berlin, Schirn Kunsthalle
A proposta inicial da instala- mações do movimento da cor- ecute her project. Sound at Federal University of que isso está errado. Esse co- ção e arte sonora. Participou build the beautiful, the ugly, the Frankfurt, Lab30 Augsburg,
ção foi a criação de um conflito da: direção e velocidade. Essas The main purpose was to cre- São Carlos (UFSCar). Since 2007, nhecimento dá poder de volta: o de exposições/festivais como funny, the useless, the price- Mousonturm Frankfurt.
entre o sistema de interação e informações são enviadas a um ate a tension between the inter- she is inscribed in the Architec- poder da invenção, de soluções Ars Electronica Linz, Transme- less: a TOY.
as pessoas que interagem com microcontrolador, o qual traduz action system and the visitants. ture and Urbanism Master´s simples e baratas para questões diale Berlim, Schirn Kunsthalle As an artist I apply DIY (Do
ele.  E a idéia se consumou os dados recebidos para uma The system is programmed to Program of the University of cotidianas. Ou apenas a alegria Frankfurt, Lab30 Augsburgo, It Yourself) techniques such
como jogo em que o próprio linguagem que um software no take the narrative to chaos and São Paulo and is a member of de construir o belo, o feio, o en- Mousonturm Frankfurt. as hardware hacking, circuit
interator deve  organizar nar- computador possa entender. No the users are where public ex- Nomads.usp – Center for In- graçado, o inútil, o sem preço: bending and modding in the de-
rativamente os fragmentos de caso, foi utilizado o Max/Msp/ pectations are constructed and teractive Living Studies. From um brinquedo.
imagens e sons disponíveis. O Jjitter. Neste, são programadas interrupted, as a metaphor of a March until September of 2008,
sistema foi programado para as relações entre as informa- history that does not want to be she was as master exchange
conduzir a narrativa ao caos e ções recebidas dos encoders e told. student at the Interface Culture
os interatores são desafiados a manipulação das animações e The system contains four Department in the Kunstuniver-
por uma história que não quer da trilha sonora em tempo real. events: a lost and blue man, sität Linz, Austria.
ser contada. a yellow dog, a red and in love
Para atingir a proposta ini- Graziele Lautenschlae- couple and a purple and spite-
cial, foram criadas quatro even- ger ful murderer. They are all re-
tos narrativos muito simples, É bacharel em Imagem e Som lated and it is left to the visitant
mas que inter-relacionados dão pela UFSCar (2005) e Contribuiu to discover what happened in
complexidade à trama. As histó- na criação do Laboratório Aberto the scenario. The four events
rias são de um homem triste e de Interatividade para a dissemi- displayed in the form of ani-
azul; de um simpático cachorro nação do conhecimento científi- mations are projected in the
amarelo; de um casal apaixona- co e tecnológico (LAbI) da mes- mockup inspired by Escher´s
do, e vermelho; e de um assas- ma universidade(2006-2007). É painting. These animations and
sino roxo, de tanto rancor. mestranda pelo programa de its soundtracks are controlled
As imagens das quatro situa- pós-graduação em Arquitetura by the users through a tangible
ções narrativas são projetadas e Urbanismo pela Universida- interface: four coloured ropes
sobre uma maquete branca e de de São Paulo e participa do related to the events colours.
suspensa, inspirada no quadro Núcleo de Estudos de Habitares Hiden scenes and musical
“Relatividade”, de Escher e a Interativos -Nomads.usp (2007- themes which help the visitants
interface disponível para que os 2009). Entre março e setembro to discover the history are ac-

250 251
José Luis de Vicente & Irma Vilá [Visualisar] Leo Nuñez
Espanha Spain Argentina aRGENTINA
Atlas Eletromagnético e visualização Game of Life

Palestra sobre teoria e práti- fundadores do zzzinc, um novo Lecture about theory and He is also one of the founders Esta obra faz parte de uma Leo Nuñez This work is part of a series Leo Nuñez
ca da visualização computacio- laboratório em Barcelona de practice of computational visu- of zzzinc, a new lab space in série de projetos que se pautam Leo Nuñez nasceu em 23 de of projects guided by the pos- Leo Nuñez was born in April
nal e apresentação do projeto pesquisa cultural e inovação. É alization and presentation of the Barcelona working around cul- na possibilidade de intervir em abril de 1975 em Caseros, Bue- sibility to intervene in complex 23, 1975 in Caseros, Buenos
Atlas Eletromagnético. professor de história da Internet project Atlas Eletromagnético tural research and innovation. sistemas complexos a partir da nos Aires, Argentina. Estudou systems from the integration of Aires, Argentina. He studied
e de mídia interativa na Escuela He teaches history of the Inter- integração do espectador como engenharia de sistemas na UTN the spectator as a disturbing el- systems engineering at UTN
José Luis de Vicente de Diseño Elisava of Barcelona José Luis de Vicente net and interactive media in the elemento perturbador do com- (Universidad Tecnológica Nacio- ement of those systems’ behav- (Universidad Tecnológica Na-
José Luis de Vicente é pesqui- e escreve regularmente sobre José Luis de Vicente is a re- Escuela de Diseño Elisava of portamento desses sistemas. nal), design de imagem e som iour. “Game of life: Intervened cional), image and sound design
sador, curador e escritor. Traba- cultura digital em inúmeros jor- searcher, curator and writer Barcelona, and writes regularly “Game of life: Sistema interveni- na UBA (Universidad de Buenos System” incorporates the spec- at UBA (Universidad de Bue-
lha nas fronteiras entre artes e nais espanhóis, como o El Mun- working around the edges of  about digital culture on Spanish do” incorpora o espectador, que Aires) e artes eletrônicas na tator, who can intervene in this nos Aires) and electronic art at
novas mídias, criatividade di- do. Seus interesses de pesquisa new media arts, digital creativ- newspapers such as El Mundo, pode intervir nesse algoritmo de UNTREF (Universidad Nacional artificial life algorithm, modify- UNTREF (Universidad Nacional
gital e inovação em Design e recentes incluem Visualização ity, and innovation in Design and Público and ADN.Es. He speaks vida artificial, modificando o es- de Tres de Febrero). Ganhou em ing the work state and the sys- de Tres de Febrero). He got the
Cultura. É membro do conselho da Informação, Design Verde, Culture. regularly at new media confer- tado da obra e o comportamento terceiro lugar o prêmio Mamba tem behaviour. third prize in Mamba – Fun-
do FAD, a associação centenária Arquitetura da Mídia, Estéticas He is a member of the board ences and festivals.  do sistema. Durante muito tem- – Fundación Telefónica de Arte y For a long time the sciences dación Telefónica de Arte y Nue-
de Arquitetos e Designers de do Software, arqueologia e his- of FAD, Barcelona’s centenary His current fields of Interest po as ciências se preocuparam Nuevas Tecnologías na catego- have been concerned with ex- vas Tecnologías in the category
Barcelona e dirige o programa tórias da cultural digital. Asociation of Architects and include Information Visualiza- com a explicação e a reprodução ria Projeto Multidisciplinar Ex- plaining and reproducing life. An Experimental Multidiscipline
VISUALIZAR sobre Visualiza- Designers, and directs the VI- tion, Green Design, Spectrum da vida. Exemplo disso é a vida perimental com a obra “Disper- instance of this is artificial life. Project with the work “Disper-
ção da Informação no Medialab Irma Vilà SUALIZAR program on Informa- politics, Media Architecture, artificial. Na atualidade a ciência siones”(2006), em terceiro lugar Today, science has ceased to siones” (2006). He also came
Prado em Madri. É curador resi- Irma Vilà é pesquisadora tion Visualization at Medialab Senseable Cities, Software Aes- deixou de apenas buscar atingir o Vida 10.0 com “Propagacio- solely trying to reach these ob- third in Vida 10.0 with “Propa-
dente no Arquiset, a semana de em mídias digitais, curadora Prado, Madrid. He is resident thetics, Archaeology and histo- esses objetivos e passou a pro- nes”(2007) e em segundo lugar jectives and started to propose gaciones” (2007) and second in
arquitetura de Barcelona. Ante- e produtora cultural. Tem um curator at Arquiset, Barcelona’s ries of Digital Culture. por a intervenção da natureza. o Mamba-Fundación Telefónica the intervention in nature. This Mamba-Fundación Telefónica
riormente foi diretor artístico do vasto conhecimento em física, week of Architecture. Previously Irma Vilà Este trabalho se pauta nessas de Arte y Nuevas Tecnologías na work is guided by such issues, de Arte y Nuevas Tecnologías in
Festival OFFF na área de Esté- engenharia, multimídia e um he has been artistic director of Irma Vilà is a digital media questões, não se restringindo à categoria Projetos Incentivo à not restricted to the creation of the category Incentive Projects
tica do Software (2005-2007), background em artes, ciência the OFFF Festival on Software researcher, curator and cultural criação de padrões de vida arti- produção artística com “Espacio artificial life patterns, but also to art production with “Espacio
diretor do ArtFutura, o primeiro e tecnologia. Tem colaborado Aesthetics (2005-2007); Deputy producer. She has a wide knowl- ficial e sim propondo a interven- Cambiario” (2009). Suas obras proposing the intervention in Cambiario” (2009). His works in-
festival de Arte e Tecnologia da na produção de festivais como Director of ArtFutura, Spain’s edge in physics, engineering and cão do próprio sistema, atingin- incluem: “Pasos Discretos” the system itself, thus reaching clude: “Pasos Discretos” (2008),
Espanha (2001-2007) e curador Sónar, Offf e Copyfight, assim first festival of Art and Technol- multimedia, and a background do, assim, estados emergentes (2008), “Entes Indóciles” (2008), emerging states within the sys- “Entes Indóciles” (2008), “Game
associado ao Sónar, o aclama- como em exibições no Centro ogy (2001-2007), and associated in arts, science and technology. dentro do sistema por meio da “Game of life: Sistema inter- tem through the intervention of of life: Sistema intervenido”
do festival de Música avançada para a Cultura Contemporânea curator of Sónar, Barcelona’s She has collaborated in the intervenção de agentes exter- venido” (2008), “Dispersiones” agents that are external to it. (2008), “Dispersiones” (2008),
e arte multimídia de Barcelo- de Barcelona (CCCB). Atual- acclaimed festival of Advanced production of festivals as So- nos a ele. (2008), “Propagaciones” (2007), “Propagaciones” (2007), “Ros-
na (2005-2007). Seus projetos mente trabalha em projetos Music and Multimedia Art (2005- nar, Offf and Copyfight as well “Rostros” (2006). tros” (2006).
recentes incluem o Atlas do de pesquisa como o Atlas de 2007). Recent projects include as in exhibitions in the Center
Espaço Eletromagnético (www. Espaço Eletromagnético (www. The Atlas of Electromagnetic for Contemporary Culture of
spectrumaltas.org), um blog de spectrumaltas.org). Também Space (www.spectrumaltas.org), Barcelona (CCCB). Nowadays
dados sobre a história da regu- trabalha como curadora e co- a data blog about the history of she works in research projects
lação do Spectrum e a exibição ordenadora de comunicação no Spectrum regulation, and the such as Atlas of Electromagnet-
Máquinas e almas, em cartaz Festival ArtFutura e com o cole- Exhibition Machines and Souls, ic Space (www.spectrumaltas.
de Junho a Outubro de 2008 tivo de artistas audiovisuais Te- on show from June to Ocotber org). She also works as curator
no Museu Reina Sofia de Arte lenoika (www.telenoika.net). 2008 at the Reina Sofia National and communication coordinator
Moderna. Também foi um dos Museum of Modern Art, Madrid. for the ArtFutura Festival, and
with Telenoika audiovisual art-
ists collective (www.telenoika.
net).

252 253
Luis Felipe Carli Marina Chernikova
BRASIL Brazil Holanda Netherlands
Complexidade Organizada e Emergência na Surfe Urbano em Moscou
Produção de Imagens Gráficas

Complexidade é mais que linearidade da lógica, da causa lógico da ciência clássica”, no uma produção que se valha do Esta obra confronta o espec- em uma percepção energizada um conjunto arquitetônico cla- e mestrado em artes pela HKU,
uma sobrecarga sensorial, uma e consequência, da mecânica micro universo quântico não há caráter de rede e de multiplici- tador com uma visão contempo- da cidade. De muitas formas, ramente estruturado dá lugar a Holanda. Atualmente desenvol-
estética do caos, é um olhar clássica, a entropia da segunda mais certezas, no macro univer- dade, do mundo como um am- rânea da cidade. É o resultado é como a energia do oceano é uma percepção dinâmica, frag- ve uma nova série de obras fo-
não determinante e não sim- lei da termodinâmica, são racio- so, nossas equações físicas não biente complexo. de uma pesquisa dos limites da percebida em suas ondas, e mentada e individual do meio tográficas e em vídeo baseadas
plificador sobre a realidade. nalizações não mais aplicáveis são mais capazes de explicar os percepção psicológica do meio enquanto surfa você não está urbano. na exploração das estruturas
Não devemos criar pressupos- a totalidade dos fenômenos a fenômenos, o véu de determina- Luis Felipe Carli urbano, enquanto ao mesmo desfrutando a paisagem, mas Fragmentos de vídeo de Mos- visuais dinâmicas de megalópo-
tos ao abarcar nosso mundo nossa volta. O que estamos con- ção do homem e sua realidade Luis Felipe Carli é recém tempo explora e testa as fron- na verdade sentindo e usando cou, Tóquio e Paris são unidos les de várias tradições culturais,
fenômenico, e sim entende-lo seguindo enxergar aos poucos é visto como máquinas pontuais formado pela Faculdade de Ar- teiras da linguagem de vídeo essa energia. Portanto, a nave- em um fluxo poderoso. O mo- e na memória como processo
como uma real multiplicidade, uma realidade fruto do trabalho vem aos poucos se rompendo. quitetura e Urbanismo da Uni- como meio para sua represen- gação acelerada dos moradores vimento inicial contínuo, quase dinâmico de produto da cons-
um mapa de inter-relações que e das inter-relações das maté- Junto com isso muitas possibi- versidade de São Paulo, onde tação artística. O projeto opera urbanos pela paisagem urbana, meditativo, é encoberto por uma ciência humana. Participou de
pode ser adentrado por diversos rias mais diversas, da exteriori- lidades se abrem através da ci- desenvolveu a pesquisa sobre na zona de conflito entre a per- como surfar em uma onda no enorme onda de imagens que inúmeros festivais e exposições,
caminhos e navegado de diver- dade das suas correlações. Se bernética e do poder computa- Complexidade Organizada e cepção de uma imagem docu- mar, lhes deixa, enfocados como invade toda a superfície da tela. como VIPER Basel, Rencontres
sas formas. O forte papel do o mundo vem se apresentando cional dos aparelhos eletrônicos Emergência na Produção de mentária real do meio urbano, estão em seus deveres diários, Internationales Paris-Berlim,
autor, do líder, vem aos poucos cada vez mais como complexo atuais, mas além de questões Imagens Gráficas. Ele também é o conhecimento comum sobre somente o tempo para a per- Marina Chernikova Kandinsky Prize Moscou, Vi-
se desmanchando, a natureza e múltiplo, porque ainda pro- técnicas, se faz necessário tam- sócio-diretor do Estúdio Origa- ele e as memórias individuais, cepção de detalhes marcantes e Artista multimídia que vive sionaria Siena, duas Bienais de
não é algo criado por um pro- duzimos de forma hierárquica bém uma discussão teórica que mi desde outubro de 2007, tendo sempre em modificação. pontos principais ligados a eles. em Amsterdã e Moscou. Tem Moscou.
jetista divino, tampouco nossa e simplificadora? “Houve uma nos permita aproximar e utilizar desenvolvido trabalhos para Oi É uma tentativa de traduzir Em consequência, o conceito de mestrado em pintura pela Aca-
inteligência e consciência. A brecha no quadro epistemo- a tecnologia de modo a gerar telefonia, MTV brasil, WallMart, a energia percebida da cidade cidade geralmente aceito como demia de Belas Artes de Moscou
Disney, entre outros.
This work confronts the spec- the perceived energy from the architectural ensemble gives way to a dynamic, fragmentary and in-
Complexity is more than to the totality of phenomena falling apart. With this, a lot of tion of Graphical Images. He is tator with a contemporary vision city into an energized percep- dividual perception of the urban environment.
a sensorial overwhelming, a around us. What we are begin- possibilities are opening with also partner-director in Studio of the city. It is the result of an tion of the city. In many ways, Video fragments from Moscow, Tokyo and Paris are united into
chaos aesthetics, it is a non de- ning to be able to see, is a reality the cybernetics and the compu- Origami since october 2007, investigation of the borders of like the energy of the ocean is one powerful stream. The initially continuous, almost meditative
terminant non simplifying look that is product of the work and tational power of today electron- having developed works for Oi psychological perception of the perceived in its waves and while movement is covered by an enormous wave of images that invades
over reality. We shouldn’t create inter relations of the most di- ics, but beyond technical issues, telephony, MTV brazil, WallMart, urban environment, while at the surfing you are not enjoying the the entire surface of the screen.
assumptions as we cover our verse matters, of the exteriority we need a theoretical discussion Disney, among others. same time exploring and test- view but in actual fact sensing
phenomenon world, but under- of its correlations. If the world that allow us to approximate and ing the frontiers of the video and using this energy. Thus, the Marina Chernikova
stand it as a real multiplicity, a been presented is every day utilize the technology in a way to language as the medium for accelerated navigation of urban Multimedia artist living in Amsterdam and Moscow. She holds an
map of inter-relations, that can more complex and plural, why generate a production that it is its artistic representation. The dwellers through the cityscape, MFA in painting from Moscow State Fine Art Academy and Media
be entered and navigated in we still product in a hierarchical worth the character of net and project operates in the zone of like surfing on an ocean wave, Master of Arts from HKU, Netherlands. Presently she is developing a
different ways. The strong role and simplified way? “Have been multiplicity, of the world as a conflict between the percep- leaves them, focused as they are new series of photographical and video works based on the explora-
of the author, the leader, have a rupture in the epistemological complex ambient. tion of a real documentary im- on their daily duties, only time tion of the dynamical visual structures of megalopolises of various
been falling apart, the nature frame of the classical science”, age of the urban environment, for the associative scanning of cultural traditions, and memory as a dynamic process of a product of
it is not something create by a in the micro quantic universe Luis Felipe Carli the common knowledge about striking details and the land- human consciousness. She took part in numerous festivals and ex-
godlike designer, neither our there are no more certain- Luis Felipe Carli was re- it and individual, ever changing marks linked with it. As a result, hibitions as VIPER Basel, Rencontres Internationales Paris-Berlin,
intelligence or conscience. The ties, in the macro universe, our cently graduated by the Faculty memories. the generally accepted concept Kandinsky Prize Moscow, Visionaria Siena, two Moscow
linearity of logic, cause and con- physical equations are no more of Architecture and Urbanism It is an attempt to translate of a city as a clearly structured
sequence, classic mechanic, capable of explain the phenom- of the University of São Paulo,
the entropy of the second law ena, the veil of determination of where he developed a research
of thermodynamics, are ratio- the man and his reality seem as about Organized Complexity
nalizations no more applicable a punctual machine has been and Emergence in the Produc-

254 255
Milena Szafir
Brasil BRAZIL
MANIFESTO21.TV: MASHUP-REMIX SITUATIONS @ SOCIAL OPERATIONAL
SYSTEM

This project was basically freedom of expression and the ties. Yes!, mobile media and online networks “can allow for many-
Assumindo como exemplo assistidos na internet). Ou seja, identidade nômade, interativa, Milena Szafir a live (and on demand) webtv rights of communication, using to-many communication providing opportunities for political” and
paradigmático de nossa con- em nossa contemporânea vira- individualista e possivelmente Milena Szafir (Santos-SP, channel broadcasting from cellphones (mobile technology cultural collective activism i.e. these technologies can change the
temporaneidade temos a World da de século, a televisão (como autocrítica. A partir destas pre- 1977) é formada em Proces- streets to the World Wide Web; to data transmission) for col- power from a small number of media owners to entire ex-audiences:
Wide Web tornando-se um local a conhecemos) caminha para a missas, durante os meses de ja- samento de Dados (ETESP) e in other words, anyone had the lective free and independent “MANIFEST YOURSELF [artist is everybody]”. *This project has been
de reconhecimento videográfico perda de seu posto supremo de neiro e fevereiro de 2008 – con- em Arquitetura e Urbanismo chance to be ‘youtubed’ be- purposes. The project also dis- awarded in 2006 at “FIAT SHOWS BRAZIL ART EXHIBITION” (curated
(vide o YouTube nos primeiros comunicação em massa, dando comitantemeente à exibição do (FAUUSP). Trabalha há dez anos sides learning how to make seminates the notion of D.I.Y., by Giselle Beiguelman, a new media art brazilian researcher) and
meses do ano de 2006 como lugar aos dispositivos móveis vídeo Era Pós-Panóptica: Retó- com educação não-formal e their own webtv channels in the through workshops and lectures at “NEW MEDIA ART & CULTURAL AWARDS” (Urban Intervention
um fenômeno do vídeo onli- aliados ao espaço cibernético ricas Líquidas em Redes Móveis projetos culturais junto, além de current context of freedom and (at some major Brazilian Uni- and Social Operating System with ‘New Media’ Devices) support-
ne responsável por mudanças in consumo (blogs, videoblo- ocorreu, finalmente, o 1o Labo- ministrar cursos e palestras em domination that we’re living in versities, Locative Media Events ed by São Paulo Government State. http://blog.manifesto21.com.
comportamentais do ser urbano gs, MySpace e Youtube, dentre ratório Midiático Experimenta diferentes instituições dentro e (network and liquid-modern and for teenagers in São Paulo br/2007/11/14/mobile-webtv-live-broadcast-txt-english2/
contemporâneo), instaurando outras redes sociais online) – do Manifesto21.TV”, sob orien- fora do Brasil. A partir de 2008 societies) whereas we must to Suburbs), in our current ‘liquid’
novas formas de visibilidade, constantemente sendo reinven- tação do grupo-dupla convida- volta a Academia (mestrado) take an activist position reffer- context, of fluxes, accelerations, Milena Szafir
de poder e, desta maneira, ge- tado e expandido –, se tornando da: mm não é confete. O concei- para pesquisar e escrever sobre ing to the mobile technologie’s surveillance, spectacle and con- Milena Szafir is graduated in Computer Science [1994] and Urban-
rando distintas subjetividades o “espaço público” de “mentes to metodológico proposto visava “Philip K. Dick no inconsciente popularization and the rising of sumption; talking “about ‘new ism [2003]. She’s been worked in the last ten years with non-formal
ao ‘permitir’ voz a todos aque- coletivas” por excelência em o conteúdo audiovisual (no qual urbano: cinema, ideologia, mí- different argues about “public” media’ for a critical mass”, and education, cultural projects, workshops and presentations here in
les, com um “mínimo” de infra- nossa sociedade, conectando a interface midiática também se dias em rede” e “A webTV no and “digital” television in Bra- trying to make participants un- Brazil and abroad. Since 2008, she’s been researched about Philip K.
estrutura, conectados a este indivíduos, cada qual a partir de insere) para além da técnica. Ou Brasil: visibilidade e mobilidade zil. Originally conceived in 2005, derstand that every cellphone Dick, cinema & new medias, also webtv & social-networking-video-
mundo da tecnologia digital (à sua auto-experiência cotidiana, seja, a proposta ao participante – estudo de caso manifesto21.tv this ‘technoconceptual’ work in or pocket-pc can be a powerful sharing sites at her master degree in the best universities in Brazil.
época – agosto de 2006 –, dia- onde a questão da comunicação inscrito-selecionado estabele- e derivações práticas” nas prin- progress (the first brazilian mo- weapon, like worldwide broad-
riamente 65 mil vídeos eram na atual sociedade em rede mó- ce-se a partir de uma vivência cipais universidades do país. bile webtv live broadcast) has casting station, i.e. everyone
postados e 100 milhões exibi- vel passa a ser aqui pensada- coletiva-colaborativa de cunho more info: http://sistemas.usp. been in the streets since june is able to learn how to use this
dos somente no Youtube, o que elaborada junto a um possível retórico-audiovisual. br/atena/atnCurriculoLattesMo 2006. It aimed at stimulating infrastructure to change reali-
representava 42,2% dos vídeos (e crescente) ‘corpo-coletivo’ de strar?codpes=2861001

256 257
Nina Waisman
EUA USA
Between Bodies

“Entre Corpos” conecta as mentos dos visitantes em “En- maneira. Uma compreensão as vidas dos tijuanenses de uma “Between Bodies” connects sonic advertisements for the Research is showing gesture to be a key contributor to the for-
ações dos visitantes com as tre Corpos” provocam anúncios corporal é desejada. maneira mais rica. visitors’ actions to bodily en- civic energy animating Tijuana. mation of language and abstraction. Does performing a new ges-
energias corporais que circulam sonoros de energia cívica que A pesquisa mostra que os ergies circulating throughout But these advertisements re- ture generate new logics? How is our understanding of the world
por Tijuana (México), tornando anima Tijuana. Mas esses anún- gestos são um importante con- Nina Waisman Tijuana, making visceral our quire you to supply your bodily changing as smaller gestures are used to encounter larger terrain?
viscerais nossas ligações com cios exigem que você forneça tribuinte da formação da língua O trabalho de Nina Waisman links to the vast network of hu- energy to the exchange. The In “Between Bodies”, visitors’ gestures are tracked in order to con-
a vasta rede de agência humana sua energia corporal à troca. A e da abstração. Realizar um considera formas de controle e man agency at work in the city. installation samples everyday nect them to life in Tijuana, highlighting everyday acts that add up to
que funciona na cidade. Produ- instalação mostra o trabalho novo gesto gera uma nova ló- comunicação dirigidas tecno- Products assembled at great work and play sound-gestures, a huge source of inventive energy. The installation gathers traces of
tos montados com grande custo cotidiano e gestos sonoros, gra- gica? Nossa compreensão do logicamente, provocadas pela human cost in Tijuana are sold recorded throughout the city. this energy in one space, where it can be felt as a common source of
humano em Tijuana são ven- vados por toda a cidade. Esses mundo muda conforme gestos in-formação pela tecnologia do worldwide, yet media hype These sound-gestures are trig- power, putting Tijuana’s agency in dialog with that of the visitor. Sur-
didos no mundo inteiro, mas a gestos sonoros são provocados menores são usados para en- espaço, tempo e movimentos would suggest our only connec- gered and changed by visitors’ veillance technology is appropriated for interests that run counter to
onda da mídia sugere que nos- e modificados pelos movimen- contrar um terreno maior? Em do corpo. Sua produção vai de tion to the city is through fear. natural movements through the the intentions of those typically tracking the border – here sensors
sa única conexão com a cidade tos naturais dos visitantes pela “Entre Corpos”, os gestos dos instalações interativas de som We ingest media’s relentless piece. Pitch, speed, volume and allow visitors, through acts of bodily transduction, to perceive the
é através do medo. Ingerimos a peça. Volume, tom, velocida- visitantes são rastreados para e escultura à fabricação de ob- feed of drug-related crimes; layering of sounds are modu- lives of Tijuanenses in a richer way.
incansável ração de crimes li- de e sobreposição de sons são conectá-los com a vida em Tiju- jetos, com projetos exibidos em deliciously terrified, most stay lated in real time, in relation to
gados a drogas; deliciosamente modulados em tempo real, em ana, salientando atos cotidianos locais como CECUT em Tijuana, away from the city, effecting a a visitor’s actions and proximity Nina Waisman
aterrorizada, a maioria se afas- relação com as ações de um vi- que formam uma enorme fonte House of World Cultures em growing blockade. This lack of to sensors hung in a space. The Nina Waisman’s work considers technologically driven forms of
ta da cidade, efetuando um blo- sitante e a proximidade de sen- de energia criativa. A instalação Berlim, San Diego Museum of full representation of Tijuana’s visitor’s body becomes a tuning control and communication, provoked by technology’s in-forming of
queio crescente. Essa falta de sores pendurados no espaço. O reúne vestígios dessa eergia Art, UCSD, UCLA, LACE e Telic civic life also short-circuits any instrument, a transducer of oth- the body’s space, time, and movements. Her production ranges from
representação plena da vida cí- corpo do visitante torna-se um em um espaço onde ela pode em Los Angeles. social actions a richer portrayal ers’ bodily energies. Ideally this interactive sound-and-sculpture installations to object-making, with
vica de Tijuana também põe em instrumento sintonizador, um ser sentida como uma fonte de Marius Schebella é um pes- might engender. The damaging transduction is not a one-way projects shown at venues such as the CECUT in Tijuana, the House
curto-circuito quaisquer ações transdutor de outras energias energia comum, colocando a quisador e desenvolvedor técni- cycle of media-fueled isolation street. To explore the sound of of World Cultures in Berlin, the San Diego Museum of Art, UCSD,
sociais que um retrato mais rico corporais. Idealmente, essa agência de Tijuana em diálogo co de mídia interativa. Ele cola- is not unique to Tijuana. another’s body requires one to UCLA, LACE and Telic in Los Angeles.
poderia gerar. O ciclo prejudicial transdução não é uma rua de com as intenções dos que ge- borou com empresas e artistas If we are living in an attention listen to its rhythms, to internal- Marius Schebella is a researcher and technical developer of in-
de isolamento alimentado pela mão única. Para explorar o som ralmente rastreiam a fronteira na Europa, Canadá e EUA. economy, visitors’ movements ize them in some way. A bodily teractive media. He has collaborated with companies and artists in
mídia não é único a Tijuana. do corpo de outra pessoa é ne- -- aqui sensores permitem que in “Between Bodies” trigger understanding is hoped for. Europe, Canada and the USA.
Se estamos vivendo numa cessário apenas escutar seus os visitantes, através de atos de
economia de atenção, os movi- ritmos, interiorizá-los de certa transdução corporal, percebam

258 259
Pau Alsina Renato Targa Timothy Weaver
ESPANHA Spain Brasil BRAZIL USA
Compexity theory in the cultural analysis. Redes sociais, interfaces web e Ferramentas para cinema da vida
fotografia

Palestra sobre teorias da complexidade em relação a análise da Este texto, parte de uma dis- This text, part of a master’s O projeto “Ferramentas para bioinformáticas em canais de The “Tools for Life Cinema” project brings the experimental hy-
cultura. sertação de mestrado em an- degree dissertation in prog- cinema da vida” traz a hibridi- meta- e multimídia que pode ser bridization of digital live cinema and performative bioinformatics
damento, propõe analisar, com ress, proposes to analyze, from zação experimental do cinema criativamente manipulados por into the form of “life cinema.” This subgenre of new media/digital
Pau Alsina base na fotografia, como ocor- a photography perspective, how digital ao vivo e bioinformática autores/artistas para sonoriza- cinematic performance builds upon the open-ended multimedia
Pau Alsina é professor de Estudos em Artes e Humanidades da rem os relacionamentos nas the relationships occur in online performática à forma de “cine- ção e visualização interativas. output of live cinema and the bending of biological computing, artifi-
Universitat Oberta de Catalunya (UOC), diretor do espaço Artnodes redes sociais online e a força social networks and the power ma da vida”. Este subgênero de Existem atualmente ferramentas cial life, ecological modeling and biomimicry to deliver sonic deriva-
de arte, ciência e tecnologia e pesquisador em Arte e Novas Mïdias que eles têm ao gerar diversos they have on generating sev- performance cinemática digital/ desta classe para a tradução de tives and visual translations of biological/environmental sensibilities
no Instituto Interdisciplinar da Internet (IN3), que tem entre seus tipos de benefícios para as pes- eral types of bonus for people, novas mídias se faz sobre a pro- sequências nucléicas (do DNA) into immersive new media forms. This presentation will introduce/
pesquisadores Manuel Castells, entre outros. Sua investigação é soas, em especial fotógrafos e specially photographers and dução multimídia de final aberto e de aminoácidos (de proteínas) review an authoring tool base for new media-based biological nar-
centrada na articulação de uma ontologia do presente em relação às fotografados. Avalia as dinâmi- photography subjects. It esti- do cinema ao vivo e da flezão de em saída MIDI. Esta base está rative creation. These tools are both functional and exploratory and
práticas que interrelacionam arte, ciência e tecnologia no contexto cas das redes sociais e das co- mates the social networks and computação biológica, vida ar- atualmente se expandindo para can be broken down into the following tool classes: 1) novel perfor-
da sociedade em rede. munidades e como a reputação communities dynamics and how tificial, modelagem ecológica e ferramentas capazes de traduzir mance interfaces & surfaces, 2) translators and modifiers of bioin-
interfere com a individualidade, the reputation interferes with bioimitação para produzir deri- conjuntos interessantes de DNA/ formatic (re)sources to sonic and visual outputs, and 3) generators
Lecture about the theory of complexity and its unfluence in the identidade e subjetividade por individuality, identity and sub- vados sônicos e traduções visu- proteínas para saídas mais am- of speculative biological narrativity Novel Performance Interfaces &
cultural analysis. meio da linguagem fotográfica. jectivity through photographic ais de sensibilidades biologicas/ plas além do paradigma MIDI. surfaces: The objective of developing novel performance interfaces
Ao discutir conceitos de lingua- language. Discussing concepts ambientais em novas formas de Geradores de narrativa bio- and surfaces is to work with the potential for novel physical interac-
Pau Alsina gem fotográfica, por meio de from photographic language, mídia imersivas. Esta apresenta- lógica especulativa: esta classe tions in combination with biological form, image or pattern related
Pau Alsina is a New Media Philosopher and Musician from Bar- investigações teóricas de Bar- using theoretical investiga- ção vai mostrar/rever uma base de ferramentas usa uma abor- to a new media-based biological narrative. Performative circuits and
celona, Spain. He is director of Artnodes (http://www.uoc.edu/ thes, Flüsser e Sontag, com a tions from Barthes, Flüsser and de ferramentas de autoria para a dagem de remendo de processo interactive surfaces capable of carrying electronic signals in relation
artnodes) , a space on the intersections between Art, Science and dinâmica das redes e o capital Sontag, with networks dynamic criação de novas narrativas bio- para permitir novas saídas expe- to biological morphologies will be shown.
Technology, at the Open University of Catalonia (UOC). Nowadays he simbólico gerado pelo com- and social capital generated by lógicas com base em mídia. Es- rimentais para interações base- Translators and interpreters of bioinformatic (re)sources: Empha-
is a Digital Arts researcher at the Internet Interdisciplinary Institute partilhamento de fotografias, sharing photographs, configure sas ferramentas são ao mesmo adas em modelagem biológica/ sis on this tool class is on the facilitation of techniques for translat-
(IN3) (http://www.uoc.edu/in3/) currently working on the confluence delimitam-se algumas formas some kinds of relationships. tempo funcionais e exploratórias ecológica e interações biomo- ing and modifying bioinformatic sources into meta- and multimedia
of art and tecno-science. de relacionamentos. Apresen- Shows a case of a personal proj- e podem ser divididas nas se- leculares. Ferramentas que se outputs that can be creatively manipulated by authors/artists for in-
ta um case de projeto autoral ect, Sao Paulo No Logo, by Tony guintes classes: 1) novas interfa- baseiam em modelos clássicos teractive sonification and visualization. Tools of this class currently
online, Sao Paulo No Logo, de de Marco, and which artistic and ces e superfícies de performan- de população predadora-presa exist for the translation of nucleic (from DNA) and amino acid (from
Tony de Marco, e que caminhos professional paths it allows to ce, 2) tradutores e modificadores para interações de áudio e ví- proteins) sequence to MIDI output. This base is currently expand-
artísticos e profissionais ele analyzing. de (re)cursos bioinformáticos deo e mixagem serão revistas e ing into tools that can translate interesting DNA/protein datasets for
permite analisar. para produções sonoras e visu- apresentadas. broader outputs beyond the MIDI paradigm. Generators of specula-
Renato Targa ais, e 3) geradores de narrativa tive biological narrativity: This tool class uses a process patching
Renato Targa Renato Targa is journalist and biológica especulativa. Timothy Weaver approach to enable new experiential outputs for interactions based
Renato Targa é jornalista e researches communications Novas interfaces e superfí- Timothy Weaver é um artista upon biological/ecological modeling and biomolecular interac-
pesquisa comunicação e foto- and photography at ECA-USP. cies de performance: O objetivo de novas mídias e ex-cientista tions. Tools that build upon classic predator-prey population mod-
grafia na ECA-USP. Trabalha He works with Internet since de desenvolver novas interfaces da vida cujo objetivo concertado els for video and audio interactions and mixing will be reviewed and
com Internet desde 1996, no 1996, for UOL. He was curator e superfícies de performance é foi contribuir para a restauração shown.
UOL. Foi curador de fotografia of photography at Campus Party trabalhar com o potencial de no- da memória ecológica através
do Campus Party Brasil 2009. Brasil 2009 vas interações físicas em com- de um processo de investigação Timothy Weaver
binação com forma, imagem ou especulativa na interface arte / Timothy Weaver is a new media artist and former life scientist
padrão biológicos relacionados tecnologia. Os projetos de arte whose concerted objective has been to contribute to the restora-
a nova narrativa biológica base- de Timothy de cinema ao vivo, tion of ecological memory through a process of speculative inquiry
ada em mídia. Serão mostrados vídeo e som foram apresentados along the art | technology interface. Timothy’s live cinema, video
circuitos performáticos e su- na Transmediale, FILE, Sub- and sound art projects have been featured at Transmediale, FILE,
perfícies interativas capazes de tleTechnologies (Toronto), New SubtleTechnologies (Toronto), New Forms Festival (Vancouver), Ko-
transmitir sinais eletrônicos em Forms Festival (Vancouver), Ko- rean Experimental Art Festival, Boston CyberArts, SIGGRAPH, and
relação com morfologias bioló- rean Experimental Art Festival, the New York Digital Salon. Weaver is Associate Professor of eMAD/
gicas. Boston CyberArts, SIGGRAPH e Digital Media Studies, University of Denver (Colorado, USA).
Tradutores e intérpretes de New York Digital Salon. Weaver
(re)cursos bioinformáticos: a ên- é professor associado de eMAD/
fase nesta classe de ferramentas Digital Media Studies, University
está na facilitação de técnicas of Denver (Colorado, EUA).
para traduzir e modificar fontes

260 261
Tuti Fornari Mesa Redonda: Brett Stalbaum (UCSD), Denise Stringhini (Mackenzie),
Brasil BRAZIL Jane de Almeida (Mackenzie)
Música ao vivo Brasil/EUA BRAZIL/USA
Grid computing / Cinegrid

“aLive Music” descreve a tra- iniciamos o desenvolvimento aLive Music describes the trajectory of development of a bio- A computação em Grid e os sidade Católica do Rio Grande The Grid computing and the systems do create and administrate
jetoria de desenvolvimento de de um sistema multi-modal de inspired system programmed in Pd (Puredata) for the usage of sistemas para criar e adminis- do Sul (1993), mestrado em super high speed networks and the experience of CINEGRID, a group
sistemas bio-inspirados para mapeamento de característi- performatic processes of adaptive musical generation in real-time. trar redes de super alta veloci- Ciências da Computação pela that is developing the new generation of features for the online cin-
a criação musical e processa- cas de desenhos em aspectos This system uses techniques of evolutionary computation where dade e a experiência do CINE- Universidade Federal do Rio ema using based in the 4K definition.
mento sonoro. musicais. Este é feito por des- individual,s belonging to a population, evolve along time according GRID, um grupo que desenvolve Grande do Sul (1997) e doutora-
aLive Music, descreve a tra- critores musicais cognitivos e with external dynamic criteria that act as the conditioning pressure uma nova geração de ferramen- do em Ciências da Computação Brett Stalbaum
jetória de desenvolvimento de representado por um genótipo of a biological environment. In our computational system, individu- tas para o cinema on-line uti- pela Universidade Federal do Coordinator of the Interdisciplinary Computing and the Arts Major
um sistema bioinspirado pro- sonoro que é então portado a als are algorithms, given by patches programmed in Pd, that behave lizando a definição mínima de Rio Grande do Sul (2002). Atual- at University of California, San Diego (UCSD) and a walking artist.
gramado em Pd (Puredata) um sistema evolutivo, desenvol- as units of sound generation, according with intrinsic criteria that imagem de 4K. mente é professora da Faculda- His latest project in locative media is the Walking Tools project at
para a utilização em processos vido em Pd. Neste sistema, cada we named here as sonic genotype. These individuals evolve through- de de Computação e Informática www.walkingtools.net .
performáticos de geração mu- indivíduo, representando um out Darwinian criteria of fitness, basically represented by the coex- Brett Stalbaum (UCSD) na Universidade Presbiteriana
sical adaptativa, dinâmica e em desenho, é uma patch que gera isting processes of selection and reproduction. The resulting music Coordenador do curso Inter- Mackenzie. Denise Stringhini
tempo-real. Este sistema utiliza som continuamente, se desloca audio is the summation of all sounds generated by the population disciplinar em Computação e BA in Informatics, Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande
técnicas de computação evoluti- por um campo de localização individuals. Here we describe the trajectory of its development, ini- Artes na Universidade da Cali- Jane de Almeida do Sul (1993), master in Computer Science from the Universidade
va onde indivíduos, pertencen- espacial sonora, tem seu própio tiated in 2001, with the creation of a computational model for the fórnia, San Diego (UCSD) e um Coordenadora do Programa Federal do Rio Grande do Sul (1997) and Ph.D. in Computer Science
tes à uma população, evoluem tempo de vida, reproduz outras evolutionary generation of symbolic sequences (MIDI data) of evolu- artista andarilho. Seu último de Pós-graduação (mestrado e from the Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2002). She is
ao longo do tempo de acordo patches e eventualmente morre. tionary music. In 2003 we developed an evolutionary system for the projeto na área de mídias loca- doutorado) em Educação, Arte professor in the College of Computation and Informatics at Mack-
com critérios dinâmicos exter- O nome desse trabalho (aLive synthesis of waveforms, guided by psychoacoustic criteria. In 2005 tivas é o walkingtools em www. e História da Cultura da Univer- enzie University.
nos, que agem como a pressão Music) se deve em grande parte we proposed an automatic system for the evolutionary generation of walkingtools.net . sidade Mackenzie e professora
condicionante do meio-ambien- ao fato de que este sistema, por soundscapes. In 2008 we started the development of a multi-modal visitante no departamento de Jane de Almeida
te em um sistema biológico. Em ser desenvolvido em Pd, permi- system of mapping pictorial features, retrieved from drawings, into Denise Stringhini Arte Visuais da Universidade da Coordinator of the Graduate Studies (master and Ph.D.) course
nosso sistema computacional, te que as patches literalmente musical aspects. Such mapping is done by cognitive musical de- Possui graduação em Infor- Califórnia, San Diego (UCSD). in Education, Art and History of Culture at Mackenzie University and
os indivíduos são algorítmos, gerem novas patches, emulan- scriptors and ported as a sonic genotype, hence forming a popula- mática pela Pontifícia Univer- visiting faculty at the Visual Arts Department, University of Califor-
dados por patches, programa- do assim o processo evolutivo tion of individuals within an evolutionary music environment, written nia, San Diego (UCSD).
das em Pd (Puredata). Estas são biológico na criação contempo- in Pd. In this system, each individual, representing one drawing, is
unidades geradoras de áudio, rânea musical. a patch that: continuously generates sound, moves within a sonic
cuja geração é feita de acordo localization field, has its own life span, reproduces other patches,
com aspectos intrínsecos, que Timothy Weaver and eventually dies out. The name of this work (aLive Music) mainly
chamamos de genótipo sono- Timothy Weaver é um artista comes from the fact that this system, as being written in Pd, takes
ro. Estes indivíduos evoluem de novas mídias e ex-cientista the advantage of this language that allows a patch to literally create
por critérios Darwinianos de da vida cujo objetivo concertado new patches, to therefore better simulate the process of biological
adequação; basicamente, re- foi contribuir para a restauração evolution of species in contemporary music composition.
presentados pelos processos da memória ecológica através
de seleção e reprodução. O re- de um processo de investigação Tuti Fornari
sultado sonoro é a somatória especulativa na interface arte / Tuti Fornari is a Brazilian musician, composer and researcher.
acústica de toda a população de tecnologia. Os projetos de arte He spent six years living in the California, USA (1995-2001) where
indivíduos. Aqui descrevemos a de Timothy de cinema ao vivo, he was visiting scholar researcher at the Center for Computer Re-
trajetória de desenvolvimento vídeo e som foram apresenta- search in Music and Acoustics , CCRMA - Stanford. He was also Bra-
deste sistema sonoro, iniciado dos na Transmediale, FILE, Sub- zilian/Jazz piano player at the Stanfor Jazz Ensemble and musical
em 2001, com a criação de um tleTechnologies (Toronto), New assistant of Michael Brook, at the sound track of the movie “Albino
modelo computacional para a Forms Festival (Vancouver), Ko- Alligator”. He finished his PhD in Evolutionary Computation for Mu-
geração evolutiva de seqüências rean Experimental Art Festival, sical Synthesis in 2003. Between 2005-2006 he published three CDs:
simbólicas (MIDI) de música Boston CyberArts, SIGGRAPH e Saudobra, Novina and Acalanto, all available at: www.cdbaby.com/
evolutiva. Em 2003 foi desenvol- New York Digital Salon. Weaver tutifornari. In 2007 he did a PosDoc at the university of Jyvaskyla,
vido um sistema de síntese de é professor associado de eMAD/ Finland, on Musical Cognition, funded by the European Research
segmentos sonoros através de Digital Media Studies, University Community, FP6 project: Braintuning. In 2008 he became Research-
critérios psicoacústicos de ade- of Denver (Colorado, EUA). er at the Nucleus for Sound Communication (NICS) at the University
quação. Em 2005 foi desenvolvi- of Campinas (UNICAMP), in Brazil.
do um sistema para criação di-
nâmica de soundscapes através
da síntese evolutiva. Em 2008

262 263
Mesa Redonda: Bruno Massara, Camilo Lima,
Caroline Vallandro, Daniela Bissoli
Brasil BRAZIL
WIRESCAPES

WIRESCAPES é resultado ser vistos como um sistema hí- WIRESCAPES is the result it in order to question it.Time Bruno Massara Rocha de Arquitetura e Urbanismo,
de um processo de estudo de brido e aberto de imagens, sons from languages graphics stud- layers, intensities, distinct dy- Bruno Massara Rocha é ar- onde desenvolve trabalhos de
linguagens gráficas e métodos e animações que o re-presenta ding process and interpretation namics, are renegotiating ev- quiteto e artista formado em pesquisa em linguagens digitais,
de interpretação direcionados como forma de questioná-lo. A methods for central urbanareas eryday into social life, that’s Belo Horizonte em 1998. Foi pro- modelagem e animação aplica-
para áreas urbanas centrais arquitetura metropolitana cons- which register and mixcollecte- the metropolitan architecture. fessor do Curso de Arquitetura dos ao espaço urbano. Caroline
que registra e mixa informações titui-se de estratos de tempos, dinformation from publics spac- They print signs and symbols on da UNILESTE e coordenador do Vallandro é estudante de arqui-
coletadas nos espaços públicos intensidades, dinâmicas distin- es indifferent extractsobjecting the landscape that incorporate Grupo de Pesquisa Cartografias tetura da Universidade Federal
em diferentes estratos com o tas, que são cotidianamente re- re-work them critically in the them. WIRESCAPES searches to Urbanas na mesma institui- do Espírito Santo, estagiária do
objetivo de retrabalhá-las criti- negociados em sua vida social. digital universe. The register in- look through the LANDSCAPE, ção. Atualmente é professor na Núcleo de Arquitetura e Urba-
camente num universo digital. Eles imprimem sinais e sím- dentifies mainly: (a) visibilityaxis to recognize their inner details, UFES (Universidade Federal do nismo, pesquisadora de mídias
O registro identifica principal- bolos na paisagem que por sua from the most importantbuild- make their own aspects became Espírito Santo) e pesquisador digitais e suas aplicações na
mente: (a) eixos de visibilidade vez incorpora-os. WIRESCAPES ings, whichconstitutes essen- sensitive. In WIRESCAPE, to see das aplicações de processos metrópole. Daniela Bissoli é ar-
dos principais edifícios cujo busca olhar através da LANDS- tial parts in the construction is just part of the experience. digitais avançados para análise quiteta urbanista formada pela
papel na formação da memória CAPE, reconhecerseus detalhes of a coletitive memory and the Part of those own aspects of do espaço metropolitano. Utiliza Universidade Federal do Espírito
coletiva e na identidade da cida- internamente, tornar sensíveis city identity, (b) the dynamics the metropolitan architecture is como campo de testes, eventos Santo, mestranda do Programa
de é fundamental, (b) a dinâmi- suas inerências. Em WIRESCA- of circulation fluxes in principal found in other extracts, voiced or e situações urbanas que se re- de Pós-Graduação em Arqui-
ca dos fluxos de circulação nas PE, ver é apenas parte da ex- avenuesas well as their relation hapticals. LANDSCAPE dema- alizam no espaço urbano cen- tetura e Urbanismo da UFES,
principais avenidas bem como periência. Parte das inerências with concentrated areas of peo- terializes in lines; opens space tral da cidade de Vitória. Camilo investiga processos, conceitos e
a relação deles com os pontos da arquitetura metropolitana ple and vehicles, (c) the empty to the lecture of sounds gener- Lima é estudante de arquitetura teorias críticas acerca da Paisa-
de concentração de pessoas encontra-se situada em outros spaces occurrence, or re-infor- ated by the social life into the da Universidade Federal do Espí- gem Cultural Urbana.
e veículos, (c) a ocorrência de estratos, sonoros ou hápticos. mational potential areas, (d) the landscape. To realize more,you rito Santo, estagiário do Núcleo
espaços vazios, ou áreas po- LANDSCAPE desmaterializada mannerism of urban landscape, need to see less. Once the ma-
tencialmente re-informáveis, em linhas, abre espaço para a as natural as social, among oth- terial elements do not exists, Bruno Massara Rocha
(d) a peculiaridade da paisagem leitura dos ruídos provocados ers elements and events appar- LANDSCAPE became a space Bruno Massara Rocha is architect and media artist graduated at
urbana tanto natural, quanto pela vida social na paisagem. ently spontaneous that emerge where the social life does not Belo Horizonte in 1998. He was teacher of Architecture at UNILESTE
social, entre outros elementos e Enxergar mais vendo menos. in the city context. All registers have any associated landscape. and member of Cartografias Urbanas research group. Today teaches
eventos aparentemente espon- Uma vez esvaziada de matéria, extracts build up key elements The social life happens inside Architecture at Universidade Federal do Espírito Santo (UFES), and
tâneos que surgem no contexto LANDSCAPE se converte num for architectural metropolitan the emptiness. When there is researchs about advanced digital process applied for metropolitan
da cidade. Todas estas camadas espaço cuja vida social não pos- critic, and elaborate new in- a lot to see, when the image is analysis. Uses urban events in central areas as a reference for such
de registro constituem elemen- sui nenhuma paisagem asso- terpretation strategies for new too filled or when there are lots analysis. Camilo Lima is student of Architecture and Urban Plan-
tos chave para a crítica da ar- ciada. A vida social acontece no propositions languages. WIR- of images, nothing can really be ning at UFES, and researchs digital languages, modeling and ani-
quitetura metropolitana, para a vazio. Quando há muito que ver, ESCAPESexistence mirrors saw. On the other side, when the mation for urban spaces in the Núcleo de Arquitetura e Urbanismo.
elaboração de novas estratégias quando uma imagem é muito the LANDSCAPE concept in a image is almost empty it is ca- Caroline Vallandro is student of Architecture and Urban Planning
de interpretação e para novas cheia ou quando há muitas ima- critical operative platform from pable to show up so many things at UFES, researchs digital media and its apllication in metropolitan
linguagens de proposição. WI- gens nada se vê. Quando uma which territory andlandscape that totally fills the observer. area analysis. Daniela Bissoli is architect and urban planner gradu-
RESCAPES rebate o conceito imagem é quase vazia é capaz can be seen as a hybrid and ated at UFES, master student of Programa de Pós-graduação em
LANDSCAPE numa plataforma fazer surgir tantas coisas que open system of images, sounds Arquitetura e Urbanismo, researchs process, concepts and critical
operativa crítica a partir da qual chega a preencher totalmente o and animations that re-present theories about Urban Cultural Landscape.
o território e a paisagem podem observador.

264 265
Mesa Redonda: Cicero Silva (FILE Labo), Eunézio A. de Souza (Mackenzie),
Sheldon Brown (CRCA/UCSD), Todd Margolis (CRCA/UCSD)
Brasil/EUA BRAZIL/USA
Cinema 4K em rede e transmissão de alta
velocidade via Kyatera

O cinema de híper super alta Hyper High Res Cinema using imersiva Applied Interactives e University of Illinois in Chicago. Eunézio A. de Souza a Ph.D. in Communication and Semiotics, is the author of the book
definição utilizando a computa- the Grid computing is the future também membro do coletivo de He is a founding member of the Professor e pesquisador da Plato online: nothing, science and technology (All Print), member
ção em grid representa o futuro of the cinematic experience it- arte Sine::apsis Experiments. immersive and interactive art Pós-graduação em Engenharia of the jury and Scientific Board of FILE Symposium (chair), and has
da experiência cinemática. Essa self. This talk will present the Margolis é atualmente diretor and technology non-profit or- Elétrica (mestrado e doutorado) been organizing seminars such as Tecnocriações and Estética e No-
palestra apresentará as futuras future apps for the development técnico do Center for Resear- ganization Applied Interactives, e coordenador do Laboratório vas Tecnologias. Lev Manovich is the author of Soft Cinema: Navi-
aplicações para o desenvolvi- of an online (20GB or more) net- ch in Computing and the Arts and also a member of the art de Fotônica da Universidade gating the Database (The MIT Press, 2005), Black Box - White Cube
mento de uma rede de cinema work cinema. (CRCA) da UCSD em San Diego, collaborative Sine::apsis Ex- Mackenzie. (Merve Verlag Berlin, 2005), and The Language of New Media (The
on-line em conexões iguais ou Califórnia. Foi programador vi- periments. Margolis was previ- Eunézio Antônio de Souza é MIT Press, 2001) which is hailed as “the most suggestive and broad
maiores a 20GB de transmis- Sheldon Brown sitante de pesquisa na UIC, co- ously a visiting research pro- natural de Bom Jesus do Galho, ranging media history since Marshall McLuhan.” He has written 90
são. Sheldon Brown is the direc- desenvolvendo um novo sistema grammer at UIC, co-developing Minas Gerais. Em 1986, bacha- articles which were reprinted over 300 times in several countries.
Sheldon Brown tor of the Center for Research de exibição de realidade virtual, a new virtual reality system, The relou-se em Física pela USP/ Manovich is a Professor at the Visual Arts Department, University
Sheldon Brown é diretor do in Computing and Arts at the The Varrier (tm) Auto-Stereo- Varrier (tm) Auto-Stereographic São Carlos e em 1991 obteve of California, San Diego, a Director of the Software Studies Initiative
Centro de Pesquisa em Compu- University of California in San graphic. display. seu doutoramento em Física at the California Institute for Telecommunications and Information
tação e Artes da UCSD, onde é Diego, where he teaches visual pela Unicamp. Em seu trabalho Technology (CALIT2), and a Visiting Researcher at the Goldsmith
professor de artes visuais e fun- arts and is the founder of the Cicero Silva Cicero Silva de tese, implantou as primeiras College (London) and the College of Fine Arts, University of New
dador da área de artes em novas new media arts area at the Cali- Coordenador do FILE Labo. Director of FILE Labo. Cicero experiências com fibras dopadas South Wales (Sydney). He is much in demand to lecture around the
mídias no California Institute of fornia Institute of Information Cicero Silva é pesquisador e Silva, researcher and profes- com Érbio no Brasil e caracteri- world, having delivered 270 lectures, seminars and workshops in
Information Technologies and Technologies and Telecommu- professor na área de tecnolo- sor of new media arts, digital zou as primeiras fibras brasilei- the last ten years.
Telecommunications. Seu tra- nications. His work in computer gia e comunicação e coordena communication and the coor- ras fabricadas pelo CPqD. Entre
balho em jogos para computa- games, virtual reality, media art o Grupo de Software Studies no dinator of the Software Studies 1992 e 1995, trabalhou no Bell Eunézio A. de Souza
dor, realidade virtual, instalação installation and public art is ex- Brasil. Atualmente é pesquisa- Group in Brazil. Currently he is Laboratories, Holmdel, NJ-USA, Professor and researcher in the Graduate Studies in Electric En-
em arte mídia e arte pública é hibited in several countries. dor no Center for Research in a researcher in the Center for no Departamento de Pesquisas gineer (master and Ph.D.) courses and coordinator of the Photonic
exposto em diversos países. Technical director at the Cen- Computing and the Arts (CRCA) Research in Computing and the Fotônicas Avançadas. É profes- Laboratory at Mackenzie University.
ter for Research in Computing na Universidade da Califórnia, Arts (CRCA) at the University of sor adjunto licenciado do Insti- Eunézio Antônio de Souza was born in Bom Jesus do Galho, Mi-
Todd Margolis and the Arts (CRCA), University San Diego (UCSD). Cicero foi California, San Diego (UCSD). tuto de Física da Universidade nas Gerais. In 1986 he graduated in physics from USP/Sao Carlos
Todd Margolis é um artis- of California, San Diego (UCSD). Visiting Scholar na Universi- He was a Visiting Scholar at the de Brasília (UnB) e, desde 2003, and in 1991 he obtained his Ph.D. in physics from Unicamp. In his
ta, educador e tecnólogo. Em dade da Califórnia, San Diego University of California, San Di- professor adjunto da Universi- doctorate paper, he has implanted the first experiments with erbi-
2004 recebeu o mestrado em Todd Margolis (2006-2007/apoio CAPES), onde ego (2006-2007/Fellowship from dade Presbiteriana Mackenzie. um-doped fibers in Brazil, and has characterized the first Brazilian
visualização eletrônica do Elec- Todd Margolis is an artist, ed- desenvolveu sua pesquisa de CAPES/State Department of Seu interesse científico inclui fibers manufactured by CPqD. From 1992 to 1995, he worked at Bell
tronic Visualization Laboratory ucator and technologist. In 2004, pós-doutorado sob orientação Education/Brazil) and at Brown Física de Lasers e Amplificado- Laboratories in Holmdel, NJ (USA), at the Department of Advanced
da Universidade de Illinois em he received his MFA in Electronic de Ted Nelson. University (2005/Scholarship res, Sistemas de Comunicações Photonic Research. He is licensed adjunct professor at Mackenzie
Chicago. É membro fundador da Visualization from the Electronic supported by CAPES/MEC). Ci- Ópticas e Compreensão do Pro- Presbyterian University. His scientific interest includes laser physics
organização de arte interativa e Visualization Laboratory at the cero holds a Master degree and cesso Visual. and amplifiers, optical communication systems, and visual process
understanding.

266 267
Mesa Redonda: Erick Baptista Passos/Nina Paim
Luisa Fosco / Felipe Moura de Carvalho /Joana Passi /
Maria Paula Saba dos Reis/Patrik Matos da Silva
Brasil
IMPA _ Discotable | Reactbar | FOCO
| CollecTable | Reactoons

Discotable Discotable lacionamento entre o mundo sional chart. colaborativo - e têm contato multimidia e arte educadora is a Full Researcher at IMPA and the leading scientist of VISGRAF
É um instrumento de musica Discotable is an electronic digital e material conectando com os princípios básicos da no Instituto Moreira Salles. Ri- Laboratory. - Ilana Paterman is a member of the research staff of
eletrônica para performance ao music instrumento for live per- objetos tangíveis, chamados Reactoons animação. A relação entre real cardo David Casta˜eda Marin é VISGRAF Laboratory – IMPA. - Marcelo Cicconet is a Ph.D student of
vivo. Sua interface multitoque formance. Its multitouch and fiduciais, à álbuns de música Reactoons is a computer apli- e virtual é talvez a mais impor- estudante de mestrado em Ma- Mathematics at IMPA.
e tangível é orgânica e natural, tangible interface is organic digital. Nós baseamos nossa cation for collaborative creation tante discussão deste trabalho, temática e Computação Gráfica
com representações visuais in- and natural, with intuitive visual implementação no software da of stories for children. With a que, através da dinâmica do no IMPA. Felipe Moura
tuitívas para sons e efeitos. representations of sounds and Apple iTunes(R), e introduzimos library of objects, children can jogo, traz essa experiência de Felipe Moura , M.Sc. Student of Computer Science at COPPE/
effects. uma ferramenta para mine- manipulate Cenes and charac- uma maneira intuitiva e espon- André Maximo UFRJ. Luisa Fosco, undergrad design student at ESDI/UERJ. Luiz
Reactbar ração de dados através de um ters in a multi-touch table and tânea. É estudante de doutorado Velho is a Full Researcher at IMPA and the leading scientist of VIS-
A idéia do Reactbar é usar Reactbar gráfico multi-dimensional. create a story that the imagina- em Engenharia de Sistemas e GRAF Laboratory. Ilana Paterman is a member of the research staff
a interface multitouch e tan- The idea of Reactbar is to use tion can think of. The library is Erick Passos Computação na Universidade of VISGRAF Laboratory – IMPA. Marcelo Cicconet is a Ph.D student
gível para entretenimento em multitouch interaction and tan- Reactoons a collection of real and tangible É doutorando em Compu- Federal do Rio de Janeiro Maria of Mathematics at IMPA.
espaços público, explorando o gible interface for entertainment É um aplicativo de criação objects (toys), which are recog- tação pale UFF (Universidade Paula é estudante de gradua-
conceito de rede social. O apli- in public spaces, exploring the colaborativa de histórias para nized by the table and associated Federal Fluminense) - Nina ção em Design na Escola Su- Luiz Velho
cativo promove a interação en- concept of social networking. crianças. Com uma biblioteca with virtual objects.The library Paim é estudante de Design na perior de Desenho Industrial, Luiz Velho is a Full Researcher at IMPA and the leading scientist
tre os usuários, começando de The application was designed to de objetos, elas podem mani- works as a kit of toys that can be ESDI (Escola Superior de De- Universidade Estadual do Rio of VISGRAF Laboratory. Ilana Paterman is a member of the research
uma forma virtual. Tem uma in- be used by users in a pub or res- pular personagens e objetos expanded adding more objects. senho Industrial) - Luiz Velho de Janeiro Luiz Velho é Pesqui- staff of VISGRAF Laboratory – IMPA. Marcelo Cicconet is a Ph.D
terface simples e intuitiva, em taurant, in order to estimulate em uma mesa multi-toque, So, also increas the possibilities é Pesquisador Titular do IMPA sador Titular do IMPA e coorde- student of Mathematics at IMPA. Joana Passi is a multimedia artist
uma experiência de uso diver- people to get in touch with each criando as histórias que sua of creating stories. The stories e coordenador do Laborató- nador do Laboratório VISGRAF. and art educator at Instituto Moreira Salles. Ricardo David Casta-
tida. O aplicativo foi projetado other. It promotes a real interac- imaginação possa alcançar. A are recorded on tangible cards, rio VISGRAF. - Ilana Paterman Ilana Paterman é assistente de ñeda Marin is a second year Msc student of Mathematics-Computer
para ser utilizado em um bar tion among users, starting it in a biblioteca é uma coleção de which can be linked to other é assistente de pesquisa do pesquisa do Laboratório VIS- Graphics at IMPA.
ou restaurante, para estimular virtual way. objetos reais e palpáveis (brin- cards. So the stories can be ed- Laboratório VISGRAF - IMPA. GRAF - IMPA. Marcelo Cicconet
as pessoas a interagirem entre quedos), que são reconhecidos ited or associated with others - Marcelo Cicconet Ph.D é es- Ph.D é estudante de doutorado André Maximo
si. Promove uma real interação FOCO pela mesa e associados com os recorded stories. The Reactoons tudante de doutorado em Mate- em Matemática no IMPA. André Maximo is a Ph.D. student in Computer and System Engi-
entre usuários em um mesmo Is a system designed to facili- objetos virtuais. Funciona como was initially conceived as a ped- mática no IMPA. neering at Federal University of Rio de Janeiro. Maria Paula is an
ambiente, a partir de um pri- tate the access to extensive and um kit de brinquedos que pode agogical tool for the creation of Alexandra Alves undergraduate student in Design at Escola Superior de Desenho
meiro contato virtual. diverse digital collection of pho- ser expandido, gerando novas stories directed by educators, Felipe Moura É estudante de doutorado Industrial, State University of Rio de Janeiro Luiz Velho is a Full Re-
tos. A ReacTable and fiducials possibilidades de criação de working specific theme. With Estudante de Mestrado em [Ph.D] na Universidade de São searcher at IMPA and the leading scientist of VISGRAF Laboratory.
FOCO are used to create quicker and histórias. Essas histórias são an intuitive interface, the chil- Ciências da Computação pela Paulo. Patrik Matos é formando Ilana Paterman is a member of the research staff of VISGRAF Labo-
É um sistema desenhado easier means of search and in- gravadas em cartões (peças dren show their points of views COPPE/UFRJ. Luisa Fosco, em design na ESDI, Produtor ratory – IMPA. Marcelo Cicconet is a Ph.D student of Mathematics
para facilitar o acesso a exten- teract within the digital archive. tangíveis) e podem ser toca- on the subject, develop the cre- estudante da graduação em Cultural pelo Cefet-Q e Técnico at IMPA.
sos e diversos arquivos digitais The collecTable is a media das (play) individualmente, ou ativity, ability to work in groups Desenho Industrial na ESDI/ em Eletrônica. Ele estudou inte-
de imagens. A tecnologia da organizer software using multi- associadas a outros cartões já - in a collaborative environment UERJ. Luiz Velho é Pesquisador ratividade e motion graphics na Alexandra Alves
ReacTable e fiduciais são utilia- touch and tangible interfaces. By gravados. A ordem de associa- - and have contact with the Titular do IMPA e coordenador Alemanha. Luiz Velho é Pesqui- Alexandra Alves is a PhD student at Universidade de São Paulo.
dos para facilitar a pesquisa e investigating the natural move- ções dos cartões é livre, assim basic principles of animation. do Laboratório VISGRAF. Ilana sador Titular do IMPA e coorde- Patrik Matos is designer [in diploma project at ESDI], cultural pro-
interação com o arquivo digital. ments of one trying to organize como a ordem das histórias The relation between real and Paterman é assistente de pes- nador do Laboratório VISGRAF. ducer [CEFET-Q] and technical of Electronics.He studied interac-
CollecTable his personal media collection, tocadas, possibilitando uma virtual is perhaps the most im- quisa do Laboratório VISGRAF Ilana Paterman é assistente de tion design and motion graphics in Germany. Luiz Velho is a Full
A collecTable é um softwa- like music discs, video tapes, execução linear ou não das portant discussion of this work, - IMPA. Marcelo Cicconet Ph.D pesquisa do Laboratório VIS- Researcher at IMPA and the leading scientist of VISGRAF Labora-
re para organização de media photographs and textbooks, we criações, em uma espécie de which, through the dynamics of é estudante de doutorado em GRAF - IMPA. Marcelo Cicconet tory. Ilana Paterman is a member of the research staff of VISGRAF
usando interfaces tangíveis present a system to explore this edição. O Reactoons foi conce- the game, brings the experience Matemática no IMPA. Ph.D é estudante de doutorado Laboratory – IMPA. Marcelo Cicconet is a Ph.D student of Mathemat-
e multi-toque. Após investi- interaction in a digital environ- bido inicialmente enquanto fer- of an intuitive and spontaneous em Matemática no IMPA. ics at IMPA.
gar os movimentos naturais ment focused on music. In this ramenta pedagógica, destinado way. Luiz Velho
de alguém tentando organizar work, we study the relationship à criação de histórias dirigidas é Pesquisador Titular do
sua coleção pessoal de me- between digital and physical por educadores, trabalhando Erick Passos IMPA e coordenador do Labora-
dia, como discos de música, worlds by connecting tangible temas específicos. Com uma Erick Passos is a PhD student tório VISGRAF. Ilana Paterman
fitas cassete, fotografias e li- objects, called fiducials, with interface intuitiva, as crianças of Computer Science at UFF é assistente de pesquisa do La-
vros texto, nós apresentamos digital music albums. We based demonstram os seus pontos de (Universidade Federal Flumin- boratório VISGRAF - IMPA. Mar-
um sistema para explorar esta our implementation on the Ap- vista sobre um determinado as- ense) - Nina Paim is an under- celo Cicconet Ph.D é estudante
interação em um ambiente di- ple’s iTunes(TM) software, and sunto, desenvolvem a criativi- graduate student in Design at de doutorado em Matemática
gital focado em música. Neste introduces a tool for mining me- dade, a habilidade de trabalhar ESDI (Escola Superior de De- no IMPA. Joana Passi é artista
trabalho, nós estudamos o re- dia data through a multi-dimen- em grupo – em um ambiente senho Industrial) - Luiz Velho

268 269