Você está na página 1de 2
A bandeira Integralista: NÚCLEOS INTEGRALISTAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO Visite nosso portal:

A bandeira Integralista:

NÚCLEOS INTEGRALISTAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

Visite nosso portal: www.integralismorio.org contato@integralismorio.org

PERGUNTAS E RESPOSTAS SOBRE INTEGRALISMO

A bandeira do Movimento Integralista é simbolizada por uma bandeira azul e branca com as

seguintes características: em campo azul real, uma esfera branca, ao centro da qual se destaca um Sigma maiúsculo em cor preta.

O azul da bandeira simboliza a atitude do pensamento integralista. Evoca distâncias,

mostrando que o Integralismo não se submete aos limites políticos que nos têm amesquinhado, mas tem um grande ideal que é a integridade do Brasil e a projeção de sua grandeza entre os povos do Universo.

A esfera branca mostra a pureza de sentimentos e a sinceridade dos propósitos integralistas.

A cor branca é ainda a resultante da mistura de todas as cores, e o Sigma nela inscrito

significa, como está dito acima, é a integralização de todas as Forças Sociais na suprema expressão da Nacionalidade.

O

lema integralista:

O

lema integralista “Deus, Pátria e Família

O

Integralismo adotou como lema, as palavras “Deus, Pátria e Família”, que foram as últimas

proferidas pelos lábios do Presidente Afonso Pena, em seus últimos instantes de vida. Afonso Pena morreu em pleno exercício do seu mandato presidencial(1906/1909), vítima do surto de gripe espanhola que então assolava o País.

Os integralistas aproveitaram estas últimas palavras do ex-Presidente, para usar como lema, pois se encaixam adequadamente nos princípios que norteiam a Doutrina do Sigma:

Deus(que dirige o destino dos Povos),Pátria (Nosso lar) e Família (Início e fim de tudo).

O que significa Anaue?

A palavra “Anauê!” é um vocábulo Tupi, que servia de saudação e de grito dos nossos

indígenas. É uma palavra afetiva que quer dizer “ Você é meu irmão” (Dicionário Montona).

Como o Integralismo é a Grande Família dos Camisas-Verdes, e um Movimento Nacionalista, de sentido nativista . Anauê foi a palavra consagrada em louvor do Sigma. É a exclamação da saudação integralista. Serve ainda para exaltar, afirmar, consagrar e manifestar alegria.

O

que e o Sigma?

O

Sigma é o sinal simbólico do Movimento Integralista. É uma letra grega que corresponde

ao nosso "S" sinônimo de soma. É usada para indicar a soma dos finitamente pequenos e também era a letra com a qual os primeiros cristãos da Grécia indicavam o nome de Cristo (Soteros).

O símbolo lembra que o nosso movimento tem o significado de integrar todas as forças

sociais do país.

O Sigma é o sinal simbólico do Movimento Integralista; É uma letra grega que corresponde

ao nosso “S” , e indica soma; É usada para indicar a soma dos finitamente pequenos; e também era a letra com a qual os primeiros cristãos da Grécia indicavam o nome de Cristo (Soteros).

Ele lembra que o nosso Movimento é no sentido de integrar todas as Forças Sociais do País na suprema expressão da Nacionalidade, daí a nossa luta para implantar o Estado Integral.

Integralismo e o racismo:

O Integralismo é racista e/ou anti-semita?

Não, pelo contrário, esse tipo de sentimento só tem a prejudicar a nação como um todo, coisa que o Integralismo repudia. Nossa intenção é juntar todas as forças produtivas e classes da Nação numa única direção de progresso, e para isso precisaremos do branco, do negro e do índio. Não faria sentido algum nutrir qualquer espécie de preconceito racial num país tão miscigenado como o Brasil, o Integralismo é consciente da realidade brasileira e como tal identifica a mistura de raças como traço característico e imutável do Brasil. Para deixar essa questão bem clara, transcrevemos abaixo as palavras do próprio Plínio Salgado sobre o tema :

''Não sustentamos preconceitos de raça; pelo contrário, afirmamos ser o povo e a raça brasileiros tão superiores como quaisquer outros. Em relação ao judeu, não nutrimos contra essa raça nenhuma prevenção. Tanto que desejamos vê-la em pé de igualdade com as demais raças, isto é, misturando-se, pelo casamento, com os cristãos.''

Integralismo x democracia

O Integralismo é contra a democracia e a liberdade?

Não, pelo contrário, o Integralismo quer restituir a verdadeira democracia como a forma de governo na qual o bem comum da sociedade é priorizado, ao contrário do que ocorre hoje em dia quando uma verdadeira cleptocracia se instalou em Brasília roubando os cofres da nação sob o pretexto de governar para o povo.

O Integralismo entende a democracia como o estado de direito onde as liberdades individuais

são garantidas e é dado a cada um e a todos a oportunidade de exercer seu papel dentro do contexto social, desenvolvendo seus potenciais, produzindo riqueza para sua família através do trabalho e contribuindo assim para o engrandecimento da nação. Conseqüentemente, não pode haver democracia onde há corrupção generalizada, altos níveis de desemprego e uma criminalidade organizada e desenfreada. Portanto, o Integralismo não

quer acabar com a democracia, mas restituí-la.

Movimento ultrapassado?

Não é o Integralismo um movimento do passado, que não faz mais sentido no mundo

moderno?

O Integralismo trata, numa última análise, do próprio destino superior e espiritual do

homem, e essa questão nunca ficará obsoleta. Embora surgida na década de 1930, estruturada sob o pensamento de Plínio Salgado, a doutrina Integralista compreendeu com maestria a alma brasileira em todos seus aspectos culturais, sociais e políticos, que permanecem basicamente os mesmos até hoje. Além disso, os atuais Integralistas têm empreendido um grande esforço intelectual e prático

na tentativa de renovar alguns aspectos necessários do movimento para que ele esteja apto

a enfrentar os novos desafios e dilemas que o século XXI nos apresenta.

Se você deseja maiores informações sobre o Integralismo, contate:

NÚCLEOS INTEGRALISTAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

contato@integralismorio.org

VISITE NOSSO PORTAL: www.integralismorio.org