Você está na página 1de 2

BCP Classificao para eleger VNI Pesquisar:

Uso racional da VNI Seu uso baseado em premissas semelhantes s da ventilao convencional, com alguns pontos que devem ser relembrados e ressaltados. Correo da hipoxemia, reduo do trabalho respiratrio, melhora do conforto respiratrio, reduo de infeces, reinalao do dixido de carbono e interfaces. Atendimento inicial ao politraumatizado Avaliao inicial dos pacientes politraumatizado seguem as recomendaes do Comit de Trauma do Colgio Americano de Cirurgies, cujo protocolo segue uma sequncia. Um dos dados importantes a serem obtidos provm da histria do trauma e de seus mecanismos. Cinemtica do trauma torcico necessrio avaliar o mecanismo envolvido na leso (coliso frontal, capotamento, queda etc.), a natureza da leso (fechada ou penetrante) e a estimativa de transferncia de energia.

Proteo cervical e contra hipotermia Quatro condies que implicam risco de morte iminente: pneumotrax hipertensivo, pneumotrax aberto, trax instvel e hemotrax macio. Leses torcicas especficas No implicam em risco de morte iminente na chegada do paciente. No entanto, so causas de mordidade e mortalidade tardia decorrente do trauma na UTI. Fraturas de costelas Estima-se que ocorram em cerca de 10% de todos os traumas vistos em pronto-socorro. Porm, apenas 50% das fraturas so vistas na radiografia de trax. A importncia no esta na fratura em si (exceo nos casos de trax instvel), mas nas leses frequentemente associadas.

Fraturas de primeira e de segunda costela so marcadores de traumatismo severo porque so costelas curtas, mais grossas do que as outras, e bem protegidas pela musculatura torcica, de tal forma que necessria uma grande transferncia de energia para fratur-las.

Pneumotrax simples Contuso pulmonar a leso parenquimatosa do pulmo mais comum em traumas torcicos fechados. Cerca de 70% decorre de acidentes automobilsticos. Existem trs mecanismos propostos para seu desenvolvimento: (1) efeito imploso decorrente da expanso do ar secundrio a uma onda de choque, levando a ruptura alveolar; (2) efeito de inrcia quando os alvolos mais leves so tracionados das estruturas brnquicas mais pesadas; e (3) cisalhamento de interface gsliquido. O aspecto histopatolgico fundamental uma hemorragia com edema ao redor, associado a graus variveis de (hepatizao pulmonar). De qualquer forma, a contuso pulmonar resulta em inflamao localizada e sistmica, com aumento da permeabilidade dos alvolos e capilares associados, alm de alterao quantitativa e qualitativa de surfactante. O resultado clnico um processo de hipoxemia e as alteraes na ventilao decorrentes do shunt pelo pulmo no ventilado. Hipercapnia e aumento do trabalho pulmonar tambm ocorrem como resultado de alteraes na ventilao-perfuso pulmonar e hipoventilao em decorrncia da dor das fraturas de costela, o que exacerba a atelectasia. O aspecto radiolgico final contempla opacidade irregulares difusas, no respeitando segmentos ou lobos. Contuso miocrdica Leses da aorta torcica

Você também pode gostar