Você está na página 1de 36
DEPARTAMENTODEPARTAMENTODEPARTAMENTODEPARTAMENTO DEDEDEDE DEFESADEFESADEFESADEFESA
DEPARTAMENTODEPARTAMENTODEPARTAMENTODEPARTAMENTO DEDEDEDE DEFESADEFESADEFESADEFESA
AGROPECUAGROPECUAGROPECUAGROPECUÁÁRIAÁÁRIARIARIA
DIVISÃODIVISÃODIVISÃODIVISÃO DEDEDEDE INSPEINSPEÇINSPEINSPEÇÇÃOÇÃOÃOÃO DEDEDEDE PRODUTOSPRODUTOSPRODUTOSPRODUTOS DEDEDEDE
ORIGEMORIGEMORIGEMORIGEM ANIMALANIMALANIMALANIMAL
Serviços de Inspeção Sanitária e Sistemas Unificados − SISBI e SUSAF-RS
Serviços de Inspeção Sanitária e Sistemas
Unificados − SISBI e SUSAF-RS
Divisão de Inspeção de Produtos de Origem Animal Responsabilidade de preservar a saúde pública através
Divisão de Inspeção de Produtos de
Origem Animal
Responsabilidade de preservar a saúde pública através
da fiscalização e inspeção da produção de alimentos de
origem animal, autorizando o funcionamento de
empresas avaliando e fiscalizando as condições de
higiene dos trabalhos, normatizando o registro de rótulos
e produtos e fiscalizando o trânsito destes alimentos.
Estrutura Administrativa - DIPOA Médicos Veterinários 13 Técnicos Agrícolas 02 Administrativos 03 Estagiário
Estrutura Administrativa - DIPOA
Médicos Veterinários
13
Técnicos Agrícolas
02
Administrativos
03
Estagiário Curricular
01
Estagiário
02
Regionais da Agricultura
19
Supervisores CISPOA
12
Estabelecimentos em
atividade
Cerca de
350
CLASSIFICAÇÃO Entreposto de carnes e derivados Fábrica de produtos suínos Fábrica de conservas de produtos
CLASSIFICAÇÃO
Entreposto de carnes e derivados
Fábrica de produtos suínos
Fábrica de conservas de produtos cárneos
Matadouro de aves e pequenos animais
Matadouro frigorífico
Micro matadouro frigorífico
Entreposto de laticínios
Fábrica de laticínios
Micro usina de beneficiamento de leite
Posto de resfriamento de leite
Usina de beneficiamento de leite
Casa do mel
Entreposto de mel e cera de abelhas
Granja avícola
Entreposto de ovos
Fábrica de conservas de ovos
Entreposto de pescados
Fábrica de conservas de pescados
DIPOA Apoio Setor Setor de Registro de Estabelecimento Setor de Registro Rótulos Setor de Qualidade
DIPOA
Apoio
Setor
Setor de Registro
de Estabelecimento
Setor de Registro
Rótulos
Setor de Qualidade
De Produtos
Setor de
SISBI/SUSAF
Produtos e
Fiscalização
Setor de Laticínios
Ovos e Mel
Setor de Carnes
e Derivados
OUTROS SERVIÇOS
Serviço de Epidemiologia
Serviço de Controle
Serviço de Educação
Sanitária
e
Estatística
de Trânsito
e Quarentena
LeiLeiLeiLei FederalFederalFederalFederal 7.889/897.889/897.889/897.889/89 Art.Art.Art.Art. 4444º ---- SãoSãoSãoSão
LeiLeiLeiLei FederalFederalFederalFederal 7.889/897.889/897.889/897.889/89
Art.Art.Art.Art. 4444º ---- SãoSãoSãoSão competentescompetentescompetentescompetentes paraparaparapara realizarrealizarrealizarrealizar aaaa fiscalizafiscalizafiscalizafiscalizaçãoãoãoão::::
• MAPAMAPAMAPAMAPA nosnosnosnos estabelecimentosestabelecimentosestabelecimentosestabelecimentos quequequeque fafafafaçamamamam comcomcomcomérciorciorciorcio interestadualinterestadualinterestadualinterestadual ouououou
internacionalinternacionalinternacionalinternacional;
• SASASASA dosdosdosdos EstadosEstadosEstadosEstados nos estabelecimentos que façam comércio
intermunicipal;intermunicipal;intermunicipal;intermunicipal;
• SASASASA dosdosdosdos MunicMunicMunicMunicípiospiospiospios nosnosnosnos estabelecimentosestabelecimentosestabelecimentosestabelecimentos quequequeque fafafafaçamamamam comcomcomcomérciorciorciorcio
apenasapenasapenasapenas municipalmunicipalmunicipalmunicipal;;;;
Órgãos de saúde pública nos atacados e varejos.
DECRETODECRETODECRETODECRETO NNNN° 5741574157415741 DEDEDEDE 30303030 DEDEDEDE MARMARMARMARÇÇOÇÇOOO DEDEDEDE
DECRETODECRETODECRETODECRETO NNNN° 5741574157415741 DEDEDEDE 30303030 DEDEDEDE MARMARMARMARÇÇOÇÇOOO DEDEDEDE 2006200620062006
Organiza o SUASA
Permite aos estabelecimentos registrados nos
SIEs e SIMs, que estejam inseridos no sistema,
o comércio em todo o territterritóterritterritóórioórioriorio nacionalnacionalnacionalnacional
Os serviços que não aderirem permanecem
seguindo a Lei n° 7889/89
SIF (Instancia central) SIE SIM (DIPOA – Instância Intermediária) (Instancia Local) A ADESÃO É VOLUNTÁRIA
SIF
(Instancia central)
SIE
SIM
(DIPOA – Instância
Intermediária)
(Instancia Local)
A ADESÃO É VOLUNTÁRIA
DECRETODECRETODECRETODECRETO ESTADUALESTADUALESTADUALESTADUAL NNNN° 49340493404934049340 DEDEDEDE 05050505 DEDEDEDE
DECRETODECRETODECRETODECRETO ESTADUALESTADUALESTADUALESTADUAL NNNN° 49340493404934049340 DEDEDEDE 05050505 DEDEDEDE JULHOJULHOJULHOJULHO DEDEDEDE 2012201220122012
Regulamenta a Lei Estadual n° 13825 o SUSAF/RSSUSAF/RSSUSAF/RSSUSAF/RS
Permite que as agroindústrias, registrados nos SIMs de
municmunicímunicmunicíípiosípiospiospios ouououou dededede consconsóconsconsóórciosórciosrciosrcios de municípios quequequeque estejamestejamestejamestejam
inseridosinseridosinseridosinseridos nononono sistemasistemasistemasistema, o comércio em todo o territterritóterritterritóórioórioriorio
estadualestadualestadualestadual
OsOsOsOs serviserviçserviserviççosçososos quequequeque nãonãonãonão aderiremaderiremaderiremaderirem permanecempermanecempermanecempermanecem seguindoseguindoseguindoseguindo aaaa LeiLeiLeiLei
nnnn° 7889/897889/897889/897889/89
SUSAF/RS SIE SIM (DIPOA – Instância Central) (Instancia Local) A ADESÃO É VOLUNTÁRIA
SUSAF/RS
SIE
SIM
(DIPOA – Instância
Central)
(Instancia Local)
A ADESÃO É VOLUNTÁRIA
SISTEMAS SERVIÇOS = ? ?
SISTEMAS
SERVIÇOS
=
?
?
SERVIÇOS DE INSPEÇÃO SIF = SERVIÇO DE INSPEÇÃO FEDERAL SIE = SERVIÇO DE INSPEÇÃO ESTADUAL
SERVIÇOS DE INSPEÇÃO
SIF = SERVIÇO DE INSPEÇÃO FEDERAL
SIE = SERVIÇO DE INSPEÇÃO ESTADUAL (CISPOA)
SIM = SERVIÇO DE INSPEÇÃO MUNICIPAL
O SUSAF/RS e o SISBI NÃO SÃO SERVIÇOS DE INSPEÇÃO
SÃO SISTEMAS
“ OS SERVIÇOS PODEM FAZER PARTE DOS SISTEMAS “
OBJETIVO Padronização e harmonização dos procedimentos entre OS SERVIÇO DE INSPEÇÃO ADESÃO Quem solicita
OBJETIVO
Padronização e harmonização dos procedimentos
entre OS SERVIÇO DE INSPEÇÃO
ADESÃO
Quem solicita adesão ao Sistema é o SERVIÇO
DE INSPEÇÃO
ORGANIZAÇÃO DE UM SERVIÇO DE INSPEÇÃO 1 - Lei que cria o serviço e estipula
ORGANIZAÇÃO DE UM SERVIÇO DE INSPEÇÃO
1 - Lei que cria o serviço e estipula a obrigatoriedade da prévia inspeção
sanitária
Exemplo: Lei Estadual n° 10.691/1996 Dispõe sobre a Inspeção
e
Fiscalização dos produtos de origem animal no Estado
Sul.
do Rio Grande
2
– Decreto que regulamenta esta lei
Exemplo: Decreto nº 39.688/1999 que regulamenta a Lei nº
10.691/1996
Classificação dos estabelecimentos
Funcionamento dos estabelecimentos
Higiene dos estabelecimentos
Registro dos estabelecimentos
Rotulagem
Carimbos
Penalidade
3 – Normas Técnicas Específicas (Portaria, resolução)
NÃO EXISTE SIM, SEM MÉDICO VETERINÁRIO
NECESSIDADE BÁSICAS PARA ADESÃO DOS MUNICÍPIOS OU CONSÓRCIOS (IN 02/2013 – SEAPA) Estrutura administrativa
NECESSIDADE BÁSICAS PARA ADESÃO DOS MUNICÍPIOS
OU CONSÓRCIOS (IN 02/2013 – SEAPA)
Estrutura
administrativa
compatível
com
o
número,
classificação e porte das agroindústrias
Controle da qualidade e inocuidade dos produtos de
origem animal (análises microbiológicas e físico-
químicas)
Prevenção e combate à fraude
Controle ambiental dos estabelecimentos
Combate a clandestinidade
POR QUE TANTA BUROCRACIA?
POR QUE TANTA BUROCRACIA?
Vítimas de botulismo recebem alta da UTI Os pacientes M.S.S., 14 anos e L.F.S.S., 12
Vítimas de botulismo recebem alta da
UTI
Os pacientes M.S.S., 14 anos e L.F.S.S.,
12 anos, vítimas de botulismo, receberam
alta da Unidade de Terapia Intensiva
(UTI) do Hospital Geral do Estado na
manhã desta quinta-feira (28). De acordo
com o boletim médico divulgado pelo
HGE, os adolescentes, que foram
transferidos para a enfermaria da ala C
(área verde), apresentam quadro estável
e não correm risco de morte

Entenda o caso

Cinco crianças ingeriram uma quantidade de sardinha enlatada e mortadela em Coruripe. Após a ingestão, os menores passaram mal e foram internados no HGE. A menor Ingrid Maria dos Santos, 6 anos, não resistiu e faleceu, já João Victor dos Santos recebeu alta no dia 25 de abril. Os três irmãos de João Victor seguem internados.

O botulismo é uma intoxicação alimentar, que pode ser fatal. Alimentos contaminados e mal conservados podem conter a bactéria Clostridium botulinum que atinge o sistema nervoso central

CONTROLE AMBIENTAL

CONTROLE AMBIENTAL

CONTROLE AMBIENTAL
ANÁLISES DE LABORATÓRIO

ANÁLISES DE LABORATÓRIO

ANÁLISES DE LABORATÓRIO
COMBATE A CLANDESTINIDADE

COMBATE A CLANDESTINIDADE

COMBATE A CLANDESTINIDADE
COMBATE A CLANDESTINIDADE
PANORAMA ATUAL DO SUSAF/RS HÁ 280 SIMs NO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL HÁ
PANORAMA ATUAL DO SUSAF/RS
HÁ 280 SIMs NO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL
HÁ CERCA DE 1000 A 1200 AGROINDÚSTRIAS REGISTRADAS
NOS MUNICÍPIOS
HÁ 216 MUNICÍPIOS SEM SERVIÇO DE INSPEÇÃO
CONSTITUÍDO
HÁ 42 PROCESSOS DE SIMs NA SEAPA
HÁ EM TORNO DE 30 PROCESSOS no MAPA – SISBI
HÁ MAIS DE 200 MUNICÍPIOS QUE NÃO FIZERAM QUALQUER
ENCAMINHAMENTO
ATIVIDADES E METAS EM RELAÇÃO A DIPOA E AO SISTEMAS •Continuidade da realização de Seminários
ATIVIDADES E METAS EM RELAÇÃO A DIPOA E AO SISTEMAS
•Continuidade da realização de Seminários Regionais com as
agroindústrias e SIMs
• Solicitar adesão para outros escopos no SISBI (leite e derivados, mel e
derivados)
•Separar defesa e inspeção na SEAPA (concurso público)
•Implementar Manuais de Inspeção em todos os estabelecimentos
CISPOA.
• Capacitação e Orientação dos Serviços de Inspeção Municipais (SIMs)
- 3 turmas em 2012 e 2 turmas em 2013 (parcerias CRMV e FAMURS)
•Auditorias nos Municípios que solicitarem adesão ao SUSAF
MUNICÍPIOS QUE PASSARAM POR TREINAMENTO EM 2012: AGUDO NOVA PALMA BOA VISTA DO SUL NOVO
MUNICÍPIOS QUE PASSARAM POR TREINAMENTO EM 2012:
AGUDO
NOVA PALMA
BOA VISTA DO SUL
NOVO HAMBURGO
CA XIAS DO SUL
OSÓRIO
CATUÍPE
PINHAL GRANDE
CHUVISCA
RESTINGA SECA
CONSTANTINACONSTANTINACONSTANTINACONSTANTINA
SANTA CRUZ DO SUL
DONADONADONADONA FRANCISCAFRANCISCAFRANCISCAFRANCISCA
SÃO MIGUEL DAS
MISSÕES
FAXINAL DO
SOTURNO
SÃO PEDRO DA SERRA
ITACORUBI
SÃO PEDRO DO BUTIÁ
IVORÁ
SÃO PEDRO DO SUL
MARQUES DE SOUZA
SEBERI
MORRO REUTER
TABAÍ
OBRIGADA! ANGELAANGELAANGELAANGELA ANTUNESANTUNESANTUNESANTUNES DEDEDEDE SOUZASOUZASOUZASOUZA
OBRIGADA! ANGELAANGELAANGELAANGELA ANTUNESANTUNESANTUNESANTUNES DEDEDEDE SOUZASOUZASOUZASOUZA
OBRIGADA! ANGELAANGELAANGELAANGELA ANTUNESANTUNESANTUNESANTUNES DEDEDEDE SOUZASOUZASOUZASOUZA

OBRIGADA!

OBRIGADA! ANGELAANGELAANGELAANGELA ANTUNESANTUNESANTUNESANTUNES DEDEDEDE SOUZASOUZASOUZASOUZA
OBRIGADA! ANGELAANGELAANGELAANGELA ANTUNESANTUNESANTUNESANTUNES DEDEDEDE SOUZASOUZASOUZASOUZA
OBRIGADA! ANGELAANGELAANGELAANGELA ANTUNESANTUNESANTUNESANTUNES DEDEDEDE SOUZASOUZASOUZASOUZA
OBRIGADA! ANGELAANGELAANGELAANGELA ANTUNESANTUNESANTUNESANTUNES DEDEDEDE SOUZASOUZASOUZASOUZA
OBRIGADA! ANGELAANGELAANGELAANGELA ANTUNESANTUNESANTUNESANTUNES DEDEDEDE SOUZASOUZASOUZASOUZA

ANGELAANGELAANGELAANGELA ANTUNESANTUNESANTUNESANTUNES DEDEDEDE SOUZASOUZASOUZASOUZA

AngelaAngela-AngelaAngela--souza-souzasouza@agricultura.rs.gov.brsouza@agricultura.rs.gov.br@agricultura.rs.gov.br@agricultura.rs.gov.br (51)(51)(51)(51) 32883288-32883288--6355-635563556355

(51)(51)(51)(51) 32883288-32883288--6355-635563556355
(51)(51)(51)(51) 32883288-32883288--6355-635563556355