Você está na página 1de 4
Escola EB 2/3 de Vila Verde Ficha de Trabalho de Geografia 8º ano EMIGRAÇÃO EM

Escola EB 2/3 de Vila Verde Ficha de Trabalho de Geografia 8º ano EMIGRAÇÃO EM PORTUGAL: EVOLUÇÃO E FLUXOS MIGRATÓRIOS

Nome-

Turma

Quando emigraram os portugueses tinham como objectivo: estabilizar a situação económica, fugir da fome e da miséria, criar condições para sustentar a família. Tendo em conta os países de destino dos emigrantes, podemos considerar, na história da emigração portuguesa, três ciclos:

1º Ciclo

Decorreu até princípios da década de 60 e foi fundamentalmente orientada para o Brasil, Venezuela, Argentina, Estados Unidos e Canadá. Devido à abolição da escravatura no Brasil (em 13 de Maio de 1888) assistiu-se à intensificação da emigração para este país já que era necessária mão-de-obra abundante para os trabalhos antigamente desempenhados pela mão-de-obra negra e escrava.

antigamente desempenhados pela mão-de-obra negra e escrava.  2º Ciclo Decorreu desde inícios da década de

2º Ciclo

Decorreu desde inícios da década de 60 até 1974 e orientou-se sobretudo para os países industrializados da Europa Ocidental, nomeadamente, a ex-República Federal da Alemanha, Luxemburgo, Reino Unido, Holanda e, em especial, a França. Estes países tiveram que se socorrer da mão-de-obra estrangeira para reconstrução das suas economias, parcialmente destruídas durante a II Guerra Mundial (1940/1945). Os postos de trabalho ocupados pelos portugueses

estavam ligados sobretudo à construção civil, limpeza ou hotelaria). No entanto, durante a Guerra colonial portuguesa (1965/1974), assistiu-se também ao aumento da emigração portuguesa.

Fig. 1 Fluxos migratórios após a II Guerra Mundial

3º Ciclo Decorreu a partir de 1974 e corresponde ao renascimento de correntes de emigração antigas, apoiadas em redes de acolhimento e solidariedade locais, desenvolvidas por anteriores gerações de emigrantes. Em 1973, aconteceu grande crise económica, provocada pela subida vertiginosa e crescente dos preços do petróleo, principalmente devido à guerra

entre o Irão e o Iraque. Verificou-se nos princípios dos anos 70 um abrandamento do crescimento económico e as restrições à imigração tornaram-se implacáveis. Face a estas restrições a emigração volta a ser principalmente transoceânica e orientada para os Estados Unidos, Canadá, Austrália e Venezuela. Nos últimos anos, a emigração tem-se voltado de novo para a Europa.

os Estados Unidos, Canadá, Austrália e Venezuela. Nos últimos anos, a emigração tem-se voltado de novo

O fenómeno da emigração portuguesa, que remonta à época dos Descobrimentos, é responsável pela existência de comunidades portuguesas espalhadas por todo o mundo. Embora, pelo menos em épocas recuadas, tenha pesado o espírito aventureiro, a curiosidade de conhecer novas terras e novas gentes e o “espírito missionário”, a emigração portuguesa teve sempre como causa básica a procura de bens materiais em nações mais ricas e que a terra de origem a muitos negava. A tabela seguinte refere-se à evolução da emigração de portugueses entre os anos de 1900 e 1995.

 

N.º

 

N.º

emigrantes

Ano

emigrantes

Ano

(milhares)

(milhares)

1900

18

1947

10

1902

21

1952

42

1903

19

1954

38

1907

39

1956

24

1909

37

1957

31

1912

86

1960

30

1914

22

1962

35

1915

17

1965

120

1916

21

1966

130

1918

10

1969

102

1920

61

1970

170

1921

22

1972

102

1922

38

1973

118

1923

38

1974

68

1925

20

1975

42

1926

39

1976

30

1927

34

1978

22

1929

39

1979

21

1930

20

1980

29

1931

58

1982

12

1932

3

1986

6

1933

5

1988

8

1937

11

1990

0

1939

14

1993

19

1944

0

1995

14

Tabela 1 Número de emigrantes portugueses entre 1900 e 1995

Questões

1. Constrói o gráfico com base nos dados da tabela I, do número de emigrantes portugueses entre os anos 1900 e 1995. (a construção deve ser realizada no papel milimétrico que surge no final da ficha)

2. Assinala no gráfico os principais marcos da emigração portuguesa que abaixo se assinalam, seguindo as etapas cronológicas correctas:

a)

Aumento da emigração portuguesa no Brasil (1910);

b)

Primeira Guerra Mundial (1915);

c)

Segunda Guerra Mundial (1940)

d)

Guerra Colonial (1965/1974);

f)

Crise económica mundial resultado dos preços do petróleo.

3.

Os fluxos migratórios podem ter várias causas ou motivos. Qual é a causa principal da emigração portuguesa?

4. Completa o seguinte diagrama com as palavras emigração e imigração.

Excesso de mão-de-

obra

emigração e imigração. Excesso de mão-de- obra Pouco desemprego e salários altos Desemprego e salários

Pouco desemprego

e salários altos

de mão-de- obra Pouco desemprego e salários altos Desemprego e salários baixos Escassez de mão-de-

Desemprego e salários

Desemprego e salários
baixos

baixos

Desemprego e salários baixos
Desemprego e salários baixos
e salários altos Desemprego e salários baixos Escassez de mão-de- obra 5. A abolição da escravatura
e salários altos Desemprego e salários baixos Escassez de mão-de- obra 5. A abolição da escravatura
e salários altos Desemprego e salários baixos Escassez de mão-de- obra 5. A abolição da escravatura
e salários altos Desemprego e salários baixos Escassez de mão-de- obra 5. A abolição da escravatura

Escassez de mão-de-

obra

5. A abolição da escravatura no Brasil levou à intensificação da imigração nesse país. Porquê?

6. Explica de que forma é que as duas grandes guerras afectaram a emigração portuguesa.

7. Indica três profissões desempenhada por muitos portugueses nos países de destino.

8. Concordas com a seguinte afirmação “Portugal já não é um país de emigrantes mas também de imigrantes”?

9. Observa o mapa que se segue referente aos principais fluxos emigratórios dos portugueses:

aos principais fluxos emigratórios dos portugueses: 9.1-Com base no mapa indica: a) O país de acolhimento

9.1-Com base no mapa indica:

a) O país de acolhimento de mais emigrantes portugueses

b) O país de acolhimento que recebeu menos emigrantes portugueses

c) O país do continente americano preferido pelos emigrantes portugueses

d) O país do continente europeu que mais recebeu emigrantes

e) O país do continente africano que mais acolheu emigrantes portugueses

10. Cartografa o mapa com os principais fluxos emigratórios da Europa, elaborando a respectiva legenda:

portugueses 10. Cartografa o mapa com os principais fluxos emigratórios da Europa, elaborando a respectiva legenda:

4