Você está na página 1de 1

1.

A PESSOA HUMANA E SUA DIGNIDADE A dignidade humana, na linguagem filosfica, o princpio moral de que o ser humano deve ser tratado como um fim e nunca como um meio. , portanto, um direito essencial. longa a caminhada empreendida pela humanidade para o reconhecimento e estabelecimento da dignidade da pessoa humana. De acordo com o Prof. Fbio Konder Comparato, todos os seres humanos, apesar das inmeras diferenas biolgicas e culturais que os distinguem entre si, merecem igual respeito, como nicos entes no mundo capazes de amar, descobrir a verdade e criar a beleza. Em razo desse reconhecimento universal,conclui: ningum nenhum indivduo, gnero, etnia, classe social, grupo religioso ou nao pode afirmar-se superior aos demais.Atualmente, no se discute, h o reconhecimento de que toda pessoa tem direitos fundamentais, decorrendo da a imprescindibilidade da sua proteo para preservao da dignidade humana.O conceito de Direitos Humanos muito amplo. Para o Prof. Fernando Sorondo, ele pode ser considerado sob dois aspectos: constituindo um ideal comum para todos os povos e para todas as naes,seria ento um sistema de valores ; e este sistema de valores, enquanto produto de ao da coletividade humana,acompanha e reflete sua constante evoluo e acolhe o clamor de justia dos povos. Por conseguinte, os Direitos Humanos possuem uma dimenso histrica. A Declarao Universal dos Direitos Humanos, aprovada em resoluo da III Seo Ordinria da Assembleia Geral das Naes Unidas proclama: A presente Declarao Universal dos Direitos Humanos como o ideal comum a ser atingido por todos os povos e todas as naes, com o objetivo de que cada indivduo e cada rgo da sociedade, tendo sempre em mente esta Declarao, se esforcem, atravs do ensino e da educao, em promover o respeito a esses direitos e liberdades e, pela adoo de medidas progressivas de carter nacional e internacional, em assegurar o seu reconhecimento e a sua observncia universais e efetivos, tanto entre os povos dos prprios Estados-membros quanto entre os povos dos territrios sob a sua jurisdio. Esta Declarao avalia vrios aspectos dos relacionamentos humanos.O tema dos direitos humanos de crescente relevncia na caracterizao da mentalidade jurdica do sculo XXI. Possui, ao mesmo tempo, um toque de passado e uma projeo de futuro. Mas o que so esses direitos? Quais seus fundamentos? Como surgiram? Para onde se dirigem? Perguntas como estas no so facilmente respondidas, necessitam de uma ampla anlise histrico-filosfica, alm de um profundo conhecimento jurdico. A doutrina apresenta distintos posicionamentos e ideologias que devem ser observados, visando ao mais completo entendimento da matria. Inicialmente, pergunta-se qual o fundamento desses direitos e qual a sua fonte justificativa? Os tericos se dividem em duas posies antagnicas, j muito trabalhadas pela Teoria Geral do Direito: o Positivismo e o Jusnaturalismo.

http://pt.scribd.com/doc/62896757/57884282-Apostila-Direitos-HumanosDamasio

Você também pode gostar