Você está na página 1de 1

descalço

É A PEGADA
CORRER

Ande por Nova York e repare


no pessoal que corre no
PAZ?
A ameaça de uma bomba atômica
está mais viva do que nunca.
Os conflitos étnicos mataram
quase 200 chineses só no mês
A CASA CAIU
PARA A
GARRAFA DE água
Ela já tinha sido barrada em CONTRA: A FAVOR:
1 MILHÃO
DE DÓLARES
É QUANTO O JAPÃO
VAI GASTAR PARA
ENTRAR NA BRIGA
de julho. Agora uma boa notícia: repartições e eventos públicos “É uma questão “Nossa água muni-
Central Park. Você deverá
a paz mundial pode estar a em cidades americanas como moral. A venda de cipal pode ser uma PELOS DOENTES DO
ver gente usando uma água engarrafada é das melhores do
sapatilha esquisita, de design
caminho. Segundo estimativas São Francisco e Seattle. um golpe fantástico mundo. Mas ela
MUNDO. O GOVERNO
de pesquisadores, o mundo está Depois, foi achincalhada na da indústria de é distribuída por QUER COLOCAR O
um tanto extravagante
bem menos sangrento do que Europa, por políticos como bebidas – eles quilômetros de
(digamos assim). É a Vibram convenceram as canos, alguns com PAÍS NA ROTA DO
já foi. Cerca de 250 mil pessoas Ken Livingstone, ex-prefeito
FiveFingers (dê uma olhada COM TÊNIS pessoas a comprar algumas centenas
nela na foto abaixo), uma Quando corremos calçados, tocamos o solo morrem por ano em consequência de Londres. Agora encontrou
basicamente a de anos. Esses canos TURISMO MÉDICO,
primeiro com o calcanhar. A sola reta impede de algum conflito armado, seja um rival de peso: a pequena mesma água que podem vazar – por
espécie de luva para os pés
que o pé impulsione o passo – o trabalho fica em combate, seja por fome ou Bundanoon, na Austrália. QUE DEVE ATRAIR
de quem gosta de correr sai da torneira. isso, os sistemas
com a perna. Desse jeito, até 80% dos corre- doenças causadas pela guerra. Com 2 500 habitantes, a E, ambientalmente, municipais perdem MAIS DE 780 MILHÕES
descalço. Descalço? É. O pé dores sofrem pelo menos uma lesão por ano. o uso da garrafa entre 18 e 44%
É bem menos do que no século 20, cidade se tornou, em julho,
no chão é o novo queridinho não faz sentido.” da água durante DE PESSOAS NOS
que teve 800 mil mortes anuais a primeira a proibir a venda
de muitos corredores – e de HUW KINGSTON, o transporte. E pode PRÓXIMOS 3 ANOS –
em sua 2ª metade e 3,8 milhões por de água engarrafada em haver contaminação
muitos cientistas também. comerciante e
ano até 1950. O que aconteceu? qualquer lugar dentro de seus um dos líderes nos canos.” OU 1 EM CADA 10
Em julho, pesquisadores da campanha de
O psicólogo Steven Pinker, da limites. E a decisão espalhou STEPHEN EDBERG,
de universidades da Bélgica
Universidade Harvard, diz que o pelo mundo a discussão
Bundanoon pela
adoção da água professor de PESSOAS DO MUNDO.
e da Inglaterra concluíram da torneira. medicina laboratorial
que pessoas que nunca
aumento do número de democracias sobre as garrafinhas. Veja os da Universidade NÃO VAI SER FÁCIL. OS
ajudou. Assim como a nossa saúde: argumentos pró e contra essa Yale e especialista
calçaram sapato na vida (sim,
como a expectativa de vida invenção do mundo moderno.
em análise de água. JAPONESES TERÃO
existe gente assim, na Índia) DESCALÇO subiu, temos mais medo de arriscar CONCORRENTES DE
são menos afetadas pelo O homem correu assim por milhões de anos. o pescoço. Até a globalização teria PESO, COMO ÍNDIA,
impacto das passadas no O meio do pé chega ao solo antes do calcanhar.
A sola se espalha no chão, e os dedos dão contribuído: um mundo
solo. Além disso, nunca CINGAPURA E ATÉ
aquele empurrão. A passada fica curtinha mais integrado é um mundo
apareceu comprovação
definitiva dos benefícios
e os joelhos se dobram levemente. mais tolerante, segundo Pinker. BRASIL, QUE JÁ
daqueles amortecedores
presentes em tênis famosos. PRÓXIMA Atenção, leitores endinheirados. Interessados em dar
fama ao próprio nome podem procurar a MTA, que
ATRAEM A CLIENTELA
ESTRANGEIRA – PRIN-
ESTAÇÃO:
administra o metrô de Nova York. Por US$ 4 milhões,
Na verdade, o que apareceu
a MTA vendeu a uma empresa o direito de batizar uma CIPALMENTE EURO-
foi cientista dizendo o
estação da cidade. A parada Atlantic Avenue/Pacific

SUPER
contrário: que quão mais PEUS E AMERICANOS
Street, no Brooklyn, vai ganhar uma palavra a mais:
caros os tênis, mais lesões
eles causam (veja o quadro FACEBOOK ULTRAPASSA O GOOGLE Barclays, o nome de um banco inglês. Fica a dúvida:
as referências geográficas, que ajudam passageiros
– EM BUSCA DE TRATA-
acima). É por isso que o
Setembro pode ser o mês em que a internet terá um novo dono. Ou melhor: 250 perdidos a se localizar, vão perder espaço para acordos MENTO BARATO.
pessoal tem aderido ao pé
no chão. Ou quase. Para não
milhões de donos – todos os usuários do Facebok, a rede social que deve ultrapassar comerciais? E fica o pedido: vamos fazer uma vaquinha COMO NÃO PODE
o Google como site de maior audiência do planeta. Hoje, 146 milhões de pessoas pra criar a estação SUPER?
se ferir, a saída é proteger COMPETIR EM CUSTO,
entram na página do Google todos os dias – no Facebook, são 123 milhões. Setembro
os pés com calçados que O JAPÃO TEM OUTRA
promete a virada no placar: 150 milhões de visitantes para o Google e 156 milhões
reproduzem o nosso passo
para o Facebook, segundo cálculo da consultoria iStrategyLabs. A rede social também ESTRATÉGIA: O FOCO
natural, como a FiveFingers.
está avançando em outro terreno “googliano”, a publicidade online.Veja por quê:
FiveFingers: o que EM NICHOS, COMO
é funcional não Google Seu modelo é baseado em Facebook Rastreia perfis específicos de
precisa ser bonito. palavras-chave retiradas das buscas que consumidores. Exemplo: exibe anúncios
COMBATE AO CÂNCER
fazemos ou de mensagens trocadas pelo só para nova-iorquinos de 25 a 30 anos E ANÁLISE GENÉTICA.
Gmail. Assim, acha pessoas interessadas empregados da Apple. O número de
em algum assunto. E exibe a elas anúncios gente que clica no anúncio chega a ser
relacionados a seus interesses. até 4 vezes maior do que no Google.