02/11/13

PEGN - NOTÍCIAS - 50 tendências para explorar

Assine PEGN e receba até 2 meses grátis!
Curtir 235 mil

notícias esportes entretenimento vídeos

CENTRAL

E-MAIL

ENTRAR

Seguir @peqem presas

MOVIMENTO EMPREENDA Aumentar Texto Diminuir Texto ABRA SEU NEGÓCIO Tamanho do texto CUIDE DE SEU NEGÓCIO FRANQUIAS Envie por E-mail REVISTA Compartilhe Maio de 2013 Ampliar Especiais Imprima capa ASSINE Reportagem de Capa / mercado PRINCÍPIOS EDITORIAIS

RSS HOME Favoritos Twitter

50 tendências para explorar
Curtir 285
Tw eetar 35

2

Confira as pesquisas que antecipam os movimentos dos consumidores e fature alto com as novas demandas
Por Bruna Martins Fontes

MOBILIDADE 27 TELINHA QUENTE Já chega a 19 milhões o número de brasileiros com smartphones, segundo estudo realizado pela agência W/McCann e pelo grupo Ponto Mobi. De acordo com a pesquisa, 83% desses usuários acessam a internet pelo aparelho. Apesar da boa penetração, só 16% deles fizeram compras pelo celular — nos EUA, o número chega a 29%, segundo o Google. Mais uma prova de que não adianta investir só no site da empresa: é hora de transformar a telinha em plataforma para compra on-line e vitrine para aplicativos. Vale a pena também ficar de olho no conteúdo para tablets — 450 mil foram vendidos no Brasil em 2011, segundo o IDC. 28 GEOLOCALIZAÇÃO O crescente uso de smartphones no Brasil abre outro mercado promissor: o da geolocalização. Com esse recurso, é possível saber quais são as empresas e as ofertas disponíveis perto de onde o consumidor está, o que favorece a compra por impulso. Segundo pesquisa da Think Insights/Google, uma em cada três buscas feitas no celular está relacionada à localização; 59% dos usuários visitam lojas locais após fazer busca na web móvel e 30% das buscas por restaurantes são feitas pelo mobile. Para a Copa, vale fazer seu anúncio em outros idiomas para entrar no radar dos turistas. 29 LOJA CONECTADA No Brasil, já é comum ter acesso à internet por Wi-Fi em cafeterias e restaurantes. Mas esse tipo de conexão ainda não chegou às lojas. O comércio deve se preparar, pois nos EUA e na Europa os consumidores estão adorando a mania de usar o smartphone durante as compras, para fazer consultas na hora e saber mais sobre seus objetos de desejo. Usando ferramentas como aplicativos, realidade aumentada e códigos QR, eles conseguem ter acesso a informações mais aprofundadas sobre o produto, como histórias de quem já o utilizou, comparações de preço e avaliações de especialistas. NOVAS DEMOGRAFIAS
revistapegn.globo.com/Revista/Common/0,,EMI287145-17152-1,00-TENDENCIAS+PARA+EXPLORAR.html 1/6

. diz Anibal Messa. que procura serviços domésticos especializados. aponta a consultoria Plano CDE. broches e chaveiros com motivos como frutas.6 milhões de integrantes entre maio de 2010 e o mesmo mês de 2011. No Japão. Entre as mulheres da classe C.EMI287145-17152-1. Esse enclausuramento também abre um bom mercado para serviços de conveniência. A Fifa usa como referência um guia que recomenda separar ao menos 266 revistapegn.854 a R$ 6. O aquecimento econômico dessas regiões aumenta o poder de compra de um público que anseia por produtos e serviços mais sofisticados.00-TENDENCIAS+PARA+EXPLORAR. investidor em startups ligadas a tecnologia e internet. é preciso oferecer um serviço diferenciado. em 2000. já que existem poltronas à disposição. como os de reparo e limpeza. docinhos. Já na Finlândia. Salões de beleza também estão faturando. mas com famílias da classe B (renda de R$ 4. segundo o instituto de pesquisas Data Popular. que têm entre 100 mil e 500 mil habitantes. flores e animais fofinhos.50 tendências para explorar 30 TERCEIRA IDADE Engana-se quem pensa que os mais velhos se preocupam apenas com a saúde. D e E que usam lan houses fazem cursos on-line para se qualificar. 35 EDUCAÇÃO ON-LINE Aulas complementares e cursos técnicos e profissionalizantes são os dois segmentos mais promissores do ensino a distância. São as que mais crescem. já concentram 25% da população brasileira. eles esperam. Vale a pena investir nsse público de solteiros. 38 ESTÁDIO ACESSÍVEL A legislação brasileira prevê que 2% dos assentos de um estádio sejam destinados a quem usa cadeira de rodas. pessoas obesas e com pouca mobilidade. para 12. 34 PORÇÃO PARA UM O número de pessoas que moram sozinhas subiu de 8. de acordo com dados do IBGE. 31 SEM SAIR DE CASA Fazer da sua residência um ambiente seguro e confortável para se proteger do mundo — e não ter mais que sair de lá — é uma tendência de comportamento que se fortalece a cada ano no Brasil e em muitos países. 69% investem na aparência para crescer na carreira. Esses consumidores priorizam qualidade e não preço.” 36 CIDADES MÉDIAS As cidades de médio porte.globo. essa é a prioridade do orçamento. especialmente os de entrega de produtos de alto valor agregado.126 e R$ 4.1%. vinhos. mas quem quiser cativar também os adolescentes pode extrapolar a tendência para pingentes de corrente e de celular. seja no ambiente de home office ou na cozinha gourmet. O público-alvo aqui são os adultos.02/11/13 PEGN . De 2003 a 2010. De acordo com o instituto. pet e moda”. “O uso de vídeos deve decolar”. Esse grupo adora comprar presentes para filhos e netos — e não mede gastos. Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (Fecomercio-SP). “A ideia é deixar a educação mais eficiente e mais barata. segundo dados do Data Popular. e produtos feitos para consumo unitário. com aparência de que foram feitas em casa.html 2/6 .854 já representa mais de metade da população brasileira (55%).6% da população do país. idosos e divorciados.NOTÍCIAS . Além de bater um papo com o funcionário e ganhar ajuda para empacotar as compras. NICHOS EM ALTA 37 MICROARTESANATO Quem faz ou vende acessórios deve ficar atento a uma nova tendência do artesanato: joias. como o BuscaPé. Mas. segundo estudo da FGV com base em dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Esse é outro segmento que tende a crescer ancorado na base da pirâmide de renda — 19% dos jovens das classes C. sentados. vinhos finos e cervejas artesanais. a venda de esmaltes para essa fatia do mercado passou de 40% para 53% do total. os idosos aprovaram o caixa do supermercado K Citymarket. “É uma boa oportunidade para comércio eletrônico em segmentos como o de bebês. segundo a Federação do Comércio de Bens. a loja de departamentos Keio facilita a experiência de compra com prateleiras mais baixas.6% da população. letras maiores e cadeiras para descanso. Foi o único estrato que cresceu no ano passado: ganhou 3. diz William Halal. Porto Alegre é a capital dos solitários. literalmente.com/Revista/Common/0. para ganhar esses clientes. que representam 21. aumenta a demanda por sistemas de automação e mobiliário que deixem o lar mais prático e aconchegante. fundador da consultoria de tendências Tech Cast. como alimentos orgânicos. especialmente os alimentícios. segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). presentes e acessórios com miniaturas divertidas. outros 2% devem atender a deficientes visuais.329). as que mais gastam com esse serviço — R$ 281 milhões mensais. 33 BELEZA ACESSÍVEL As brasileiras querem ficar bonitas. em 2009. especialmente as que estão chegando agora ao mercado de trabalho. pesquisam na internet antes de comprar e concentram sua atenção na educação — para 66% deles. 32 FOCO NA CLASSE C A classe que reúne famílias com renda entre R$ 1. Com isso.

“O cliente tem consciência de que o item é caro devido ao longo tempo de produção. levando em conta sua estrutura óssea e o formato de seu corpo. ensinar português a eles está se revelando uma atividade promissora.00-TENDENCIAS+PARA+EXPLORAR.4% no primeiro semestre de 2011. lojas e serviços especializados podem aproveitar essa mudança no nicho da bebida. Sua participação de mercado. saúde e acessibilidade. ou ainda o público da terceira idade. aja no global”. Bares. pode alcançar 20% até 2020. que se popularizou no início do processo de globalização. R$ 7. São 45. alimentação e segurança. pioneiros em fabricar roupas sob medida para quem tem Síndrome de Down. segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em 2010.139 no ano passado. A indústria já desenvolve tecnologias que permitem fazer essa personalização com baixo custo. 46 LOCAL E UNIVERSAL A crescente globalização do consumo não implica em oferecer os mesmos produtos e serviços para todo mundo. ao mesmo tempo. O excesso de sacolas sai de cena para dar lugar a peças únicas. atualmente na casa dos 5%. NEGÓCIOS GLOBAIS 44 SERVIÇO POLIGLOTA Como a tendência é que os cenários econômicos dos Estados Unidos e Europa permaneçam complicados em 2012. o novo lema do varejo é “pense no local. artesanais e de altíssimo valor agregado. 40 EXCLUSIVIDADE Para o público classe A. revistapegn. mais adequados ao seu estilo de vida. a nova faceta do luxo é consumir em menor quantidade. afirma Andrea Bisker.. uma boa tática para escapar da concorrência com megalojas de departamentos é apostar em roupas para nichos muito pouco explorados no Brasil — pessoas que estão acima do peso. uma paráfrase do antigo mantra “pense de forma global e atue no local”. com materiais únicos”. Muito pelo contrário: são cada vez mais valorizados os itens de origem.6 bilhões devem ser investidos no programa Viver Sem Limite. e isso vale tanto para um vinho envelhecido como para uma bolsa incrível. 39 MODA PARA POUCOS No universo da moda. Quem quiser cativar esse público deve pensar em outras línguas. 42 DEGUSTAÇÃO DE CERVEJA O brasileiro está tomando gosto por experimentar cervejas diferentes — o que inclui tanto as artesanais quanto as importadas. A empresa precisa estar preparada para atender públicos novos. Mesmo com os lugares reservados. a venda de cervejas premium cresceu mais do que a das tradicionais. esses consumidores não têm todas as suas necessidades atendidas: faltam por todo o país serviços em áreas como transporte. muitos estrangeiros já começam a procurar emprego no Brasil.globo. mas com maior exigência de exclusividade.com/Revista/Common/0. saber utilizar a internet como aliada para ampliar o alcance da publicidade e ter estrutura para atuar em escala global. a Nike aumentou seu faturamento em 25% após colocar em seu site um aplicativo que permite aos consumidores montar seu próprio tênis.02/11/13 PEGN . são capazes de transcender suas fronteiras. que usam sapatos com numeração diferente da convencional. também poderá tirar proveito do fluxo de turistas que visitarão as cidades-sede da Copa do Mundo de 2014. 45 PORTUGUÊS PARA ESTRANGEIROS Conforme aumenta o número de estrangeiros que vêm trabalhar em empresas brasileiras ou em multinacionais com filiais no país.html 3/6 .155 em 2001 para 6.6 milhões de pessoas. prevê a consultoria Tech Cast. Assim.EMI287145-17152-1. O governo vai ainda abastecer a Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) com R$ 150 milhões para pesquisa e desenvolvimento de tecnologias assistivas. que mostram suas raízes e. em relação ao mesmo período de 2010. E estão conseguindo — o número de autorizações do Ministério do Trabalho e Emprego para que eles possam atuar aqui cresceu 19. Para a nova receita dar certo é preciso contar com sensibilidade para captar o espírito de uma região. Um indício importante do interesse por aprender e dominar nosso idioma é que o número de candidatos inscritos para fazer o Celpe-Bras (exame de proficiência em português reconhecido pelo Ministério da Educação e bastante valorizado pelas empresas) quintuplicou em uma década: saltou de 1. Mais uma razão para prestar atenção nesse mercado. Por conta dessa tendência. está trocando as marcas genéricas por produtos e alimentos customizados.NOTÍCIAS . 41 CUSTOMIZAÇÃO O consumidor não quer ser tratado como mais um na multidão. com necessidades e exigências distintas. O câmbio favorável à importação contribuiu para aquecer esse mercado: nos últimos três anos. Atendê-las é uma das prioridades do governo federal: até 2014. que inclui projetos relacionados a educação. Quem decidiu explorar um segmento bem restrito foram os americanos da Downs Designs. Por isso. fundadora da consultoria de tendências Mindset e diretora da WGSN na América Latina. 43 NECESSIDADES ESPECIAIS Cerca de 24% da população brasileira tem algum tipo de deficiência física ou intelectual. aponta a consultoria Future Concept Lab.50 tendências para explorar cadeiras para essa parcela do público. que movimenta R$ 300 milhões anuais no país. A customização em massa deve ser responsável por 30% das vendas no varejo em 2017.

que trazem benefício à saúde.Janeiro/2012 Curtir 285 Tw eetar 35 2 Aumentar Texto Diminuir Texto Tamanho do texto Envie por E-mail Compartilhe Imprima Publicidade revistapegn. suplementos nutricionais. que lançou a marca beauty’in. 49 NUTRIMÉTICOS A palavra é o resultado da mistura entre nutrição e cosméticos. nos Estados Unidos e no Japão. São muitas as possibilidades de negócios para atender esse público: lojas. O mercado ligado a esse tipo de ferramenta deve movimentar US$ 4 bilhões no mundo até 2014.50 tendências para explorar QUALIDADE DE VIDA 47 SAÚDE NO CELULAR A preocupação crescente com a saúde tem ampliado o mercado para aplicativos e aparelhos que permitam monitorar desde as características de uma pinta no rosto até a evolução de uma dieta. produtoras de vídeos etc.. segundo a consultoria Technavio. editoras. Por aqui.02/11/13 PEGN . Algumas aprendem a praticar meditação. Outro ramo relacionado à qualidade de vida.NOTÍCIAS .com/Revista/Common/0. uma das pioneiras no ramo é a empresária Cristiana Arcangeli. petiscos e balas. Tanto que grandes fabricantes de energéticos estão fugindo dos já saturados mercados nos Estados Unidos. O termo já se popularizou na Europa. outras fazem retiros em lugares onde não é permitido falar. segue aquecido: faturou US$ 24 bilhões no mundo em 2010 e tem crescido acima da média do mercado de alimentação. 48 MOMENTO ZEN A crescente correria diária em grandes centros urbanos faz com que as pessoas valorizem cada vez mais os momentos de pausa e reflexão. espaços para meditação e palestras. Ainda nesta matéria Página 2 de 2 Página 1: 50 tendências para explorar Página 2: 50 tendências para explorar Temas relacionados mercado tendências Edição 276 . vitaminas. 50 FUNCIONAIS E ENERGÉTICAS O consumo desses dois tipos de bebida está começando a decolar no Brasil. que recebeu aporte de US$ 11. e há quem decida comparecer a cursos ou palestras para desenvolver a sua espiritualidade. balas e bebidas que misturam ativos de frutas orgânicas com proteínas e minerais. colágeno e outros ingredientes relacionados à indústria da beleza ganham corpo em bebidas. Uma startup que se deu muito bem em 2011 foi a americana HealthTap.00-TENDENCIAS+PARA+EXPLORAR.EMI287145-17152-1. na Austrália e na Europa ocidental para apostar na expansão na América Latina — essa região registrou um crescimento de 22% do segmento em 2010.html 4/6 .globo. com barras de cereais.5 milhões para turbinar sua operação: qualquer usuário pode fazer perguntas a uma rede de 6 mil médicos. Nessa tendência de mercado. usando um computador ou celular. livrarias. o de bebidas funcionais.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful