Você está na página 1de 79

Agradecimentos

Agradeço primeiramente á Deus o nosso criador pelo fôlego de vida e por me dar força para avançar e resistir durante o percurso do curso, aos meus pais que tanto se esforçaram para me dar sustento e ajuda tanto psicológica como financeira.

Não esquecendo também os meus professores que directa e indirectamente ajudaram-me partilhando os seus conhecimentos especialmente aos professores Hélder Paulo, Lucas Pázito e Dário Cruz que vendo-me com um peixe sufocando-se na terra puxaram-me para o mar, que sempre acreditaram em mim e estiveram disponível para ajudarem-me.

i
i

Dedicatória

Dedico este trabalho aos meus pais por terem-me ajudado bastante, dando apoio psicológico e financeiro, por serem as pessoas que são, compreensíveis acima de tudo e amigos em qualquer circunstância e as grandes inspirações para minha vida. Aos meus colegas que com tanto sacrifício e dificuldades ajudamo-nos uns aos outros a alcançar os nossos objectivos durante os 3 longos anos de curso, e aos meus amigos que de forma indirecta e directa me ajudaram a chegar aqui.

Acima de tudo dedico a me mesmo por ter acreditado que seria capaz e por nunca desistir dos meus objectivos e metas.

ii
ii

Sumário

A presente aplicação permite fazer as funções básicas de uma instituição escolar do ensino pré-universitário e mostrar como os dados são cadastrados e manipulados para evitar redundância nos mesmos.

O problema encontrado na instituição foca-se na redundância dos dados e armazenamento das informações por um longo período de tempo, e estes problemas foram solucionados nesta aplicação.

iii
iii

Objectivo Geral

Criar uma base de dados ou uma aplicação que permite a manipulação de dados da escola 8002.

Objectivos Específicos

Os objectivos específicos desse trabalho são:

Fazer o cadastro de um aluno

Fazer a matrícula de um aluno

Fazer a confirmação de um aluno

Fazer a pauta de um aluno

E outros serviços adicionais de uma escola.

iv
iv

Índice

Introdução

 

1

Capítulo # 1

2

Base de Dados

2

1.1-

Definição

3

1.2-

Dados e Informação

3

1.3- Necessidade de uma Base de Dados

4

1.4-

Tabelas, Registos e Campos

4

1.5Ciclo de vida de uma Base de Dados

5

 

1.5.1

-

Planeamento

5

1.5.2

- Recolha de requisitos

5

1.5.3 -

Desenho

conceptual

5

1.5.4 -

Desenho

lógico

5

1.5.5 -

Desenho

físico

5

1.5.6 -

Construção

6

1.5.7 -

Implementação

6

1.5.8

- Manutenção

6

1.6Sistema de Gestão de Base de Dados (SGBD)

6

1.6.1- Característica de um SGBD

7

 

1.6.2

- Níveis de Arquitectura de um SGBD

7

1.7

-

O Modelo Relacional

 

7

1.8

- Relação, Tuplo e Atributo

8

1.8.1

Tipos de Relações

8

1.9

- Atributo

 

9

1.9.1

Tipos

de atributos

9

1.10 Propriedade das tabelas e regras da sua constituição

9

 

1.10.1 Propriedades

 

9

1.10.2 Regras

9

1.11 - Chaves de uma tabela

10

1.12-

Normalização

 

10

 

1.12.1 1º Forma Normal

10

1.12.2 2º Forma Normal

11

1.13

Microsoft Access

12

 

1.13.1 Barra de Titulo, Barra de Menu e Barra de Ferramentas

12

1.13.2 Painel de Tarefas

 

12

1.13.3 Elementos de uma Base de Dados

12

1.13.4

-

As funções

de ajuda do Microsoft Access

12

1.13.5

- Personalização do ambiente de trabalho

13

1.13.6

- TABELAS

 

13

1.13.6

Alteração da estrutura de uma tabela

13

1.13.7

- Relações entre tabelas

13

1.13.8

Formulários

 

13

1.13.9

Relatórios

14

1.13.10

Consultas

14

Capítulo # 2

17

Linguagem de Programação

 

17

Visual Basic

17

2.1 Breve Historial

 

18

2.2 Definição

18

 

2.2.1

Outras Linguagens derivadas do VB

19

2.3

Declaração de Variáveis

20

2.3.1

Escopo das Variáveis

20

2.4

- Constantes

 

20

2.4.1

- Constantes do Sistema

20

2.5

- Ambiente de Desenvolvimento

21

2.6 Prefixos do Visual Basic

-

23

2.7 Propriedades do Visual Basic

-

24

2.8

- ADO Data Control

 

26

2.8.1

- Principais propriedades do ADODC

26

2.9

-

O Controle DataGrid

 

27

2.10

- Os Controles DataList e DataCombo

28

Capítulo # 3

 

33

Meu Projecto

33

3.1Introdução

34

3.2-Entrevista

35

3.4

Descrição dos formulários

47

3.5

Relação das Tabelas

56

Conclusão

57

Bibliografia

58

Introdução

O presente trabalho tem a função de gestão de sistemas de base de dados que é uma das melhores forma para expandir o gerenciamento de pequenas e grandes instituições. As bases de dados têm como formato mdb.

Um banco de dados (sua abreviatura é BD, em inglês DB, database) é uma entidade na qual é possível armazenar dados de maneira estruturada e com a menor redundância possível, são gerênciados por um sistema de gestão que permite manipular estes dados de forma a evitar redundância e manter segurança nos dados. Estes dados devem poder ser utilizadas por programas e usuários diferentes.

Os bancos de dados são usados em muitas aplicações, abrangendo praticamente todo campo dos programas de computador. Os bancos de dados são métodos de armazenamento preferencial e baseiam-se em tecnologias padronizadas.

O presente trabalho se encontra estruturado da seguinte maneira:

Base de Dados e SGBD: Retrata os conceitos gerais de bases de dados e sistemas de gestão de base de dados (SGBD) especialmente o Microsoft Access.

Linguagem de Programação: Retrata os conceitos de programação utilizado no projecto (Microsoft Visual Basic).

Implementação: Retrata a elaboração do projecto.

1
1

Capítulo # 1

Capítulo # 1 Base de Dados

Base de Dados

1.1- Definição

Uma base de dados é uma selecção de dados relacionados entre si que põe ser estruturada de várias formas, de modo a corresponder às necessidades de processamento

e consulta dos seus utilizadores.

De uma forma simples podemos definir uma base de dados como sendo uma colecção

de dados inter-relacionados, representando informações sobre um domínio específico,

como por exemplo: lista telefónica, controlo de acervo de uma biblioteca, sistema de

controlo dos recursos humanos de uma empresa, os endereços de alunos, etc.

Um banco de dados (sua abreviatura é BD, em inglês DB, database) é uma entidade na

qual é possível armazenar dados de maneira estruturada e com a menor redundância

possível. Estes dados devem poder ser utilizados por programas, por utilizadores

deferentes. Assim na noção básica de dados é acoplada geralmente a uma rede. Fala-se

geralmente de sistema de informação para designar toda a estrutura que agrupa os meios

organizados para poder compartilhar dados.

Um sistema de base de dados tem duas componentes fundamentais: estrutura física e

lógica.

1.2- Dados e Informação

Dados:

Os Dados são os elementos isolados, significativos, rigorosos e relevantes. Podem ser

vistos como a matéria-prima necessária para um determinado processamento.

Informação:

Podemos entender Informação como um conjunto de dados, organizados e sujeitos a um

tratamento, tornando assim possível a sua utilização num determinado contexto. Os

dados não têm qualquer valor e só se transformam em informação quando relacionados.

Exemplo: A frase: “O João comprou 2 canetas” é informação. Os dados que permitiram

criar essa informação são: “João”, “comprou”, “2” e “canetas”.

Uma informação actual e correcta só é possível se os seus dados estiverem actualizados

e forem precisos. De outra forma, a nossa informação não será útil. Mas, para que isto

possa acontecer, existem algumas condições que os dados devem garantir:

3
3

Actualidade;

Correcção;

Relevância;

Disponibilidade;

Legibilidade.

1.3- Necessidade de uma Base de Dados

Permite guardar dados dos mais variados tipos;

Permite um rápido e fácil acesso aos dados;

Acelera os processos de manuseamento da informação, como,

Por exemplo, consultas ou alterações de dados;

Economiza toneladas de papel.

1.4- Tabelas, Registos e Campos

Um objecto fundamental quando estamos perante um sistema informático é uma Tabela.

Uma Tabela encontra-se estruturada em linhas e colunas. As linhas são designadas por Registos e as colunas por Campos.

Cada um dos registos (linhas) contém apenas os dados de um elemento, organizados em campos (colunas).

Uma estrutura deste género facilita eventuais alterações aos dados da lista de contactos, já que, para cada pessoa, todos os dados estão inseridos na mesma linha.

Todas as operações de manutenção dos dados de uma tabela são realizadas individualmente para cada um dos registos. Isto é, se for necessário alterar algum dado num determinado contacto (pessoa), acedemos directamente ao registo em causa e efectuamos essa alteração no respectivo campo.

4
4

1.5Ciclo de vida de uma Base de Dados

Planeamento

Recolha de Requisito

Desenho conceptual

Desenho lógico

Desenho físico

1.5.1 - Planeamento

Construção

Implementação

Manutenção

Levantamento das necessidades, organizar e planear.

1.5.2 - Recolha de requisitos

Elaboração de um documento com os objectivos que o projecto visa atingir.

1.5.3 - Desenho conceptual

Desenho de todos os modos de vista externos da aplicação e da base de dados. O aspecto dos formulários, relatórios, ecrãs de entrada de dados, etc.

1.5.4 - Desenho lógico

A partir do desenho conceptual cria-se o desenho lógico da aplicação e da base de dados.

1.5.5 - Desenho físico

Durante a fase de desenho físico, o desenho lógico é mapeado ou convertido para os sistemas de software que serão usados na implementação da aplicação e da base de dados.

5
5

1.5.6

- Construção

As unidades de programação são promovidas para um sistema de ambiente de teste, onde toda a aplicação e base de dados é montada e testada.

1.5.7 - Implementação

Instalação e colocação em funcionamento da nova aplicação e base de dados.

1.5.8 - Manutenção

Resolver quaisquer situações de anomalias ou erros, normalmente designados “bugs”, quer ao nível da aplicação, quer ao nível da base de dados.

1.6Sistema de Gestão de Base de Dados (SGBD)

Um conjunto de programas que permitem ao utilizador executar operações como inserções, eliminações, consultas e alterações sobre o conteúdo dos ficheiros de dados, além de permitir controlar a integridade e a segurança desses dados, é um Sistema de Gestão de Base de Dados ou software que disponibiliza todos os serviços básicos, como a criação, o acesso e a manutenção da informação numa base de dados.

O SGBD pode decompor-se em três subsistemas:

Sistema de gestão de ficheiros: permite o armazenamento das informações num suporte físico.

SGBD interno: gere a emissão das informações.

SGBD externo: representa a interface com o utilizador.

As base de dados são um conjunto de dados estruturados e manipulados através de um SGBD, com capacidade de processar grandes quantidades de informação, tais como:

Sistemas de armazenamento de operações bancárias;

Base de dados empresariais com vários tipos de informação

(exemplo.: vendas, funcionários, clientes, fornecedores, facturação).

Exemplos de SGBD:

6
6

Grande porte: ORACLE, Microsoft SQL Server, Ingres, Informix e DB2.

Uso pessoal (doméstico) ou pequenas empresas: MySQL, Dbase, FoxPro e Microsoft Access.

1.6.1- Característica de um SGBD

Independência dos dados;

Redundância controlada;

Integridade dos dados;

Abstracção dos dados;

Acesso simultâneo aos dados;

Facilidade de obtenção de informação actualizada;

Diferentes vistas da base de dados.

1.6.2 - Níveis de Arquitectura de um SGBD

Nível físico: Armazenamento da informação em suportes físicos e a forma como esses se encontram organizados;

Nível conceptual: Estruturação e organização da informação de maneira a que esta esteja disponível para o utilizador final;

Nível de visualizações: um sistema de base de dados tem duas componentes fundamentais: estrutura física e lógica.

1.7 - O Modelo Relacional

O Modelo Relacional de base de dados é actualmente o modelo de implementação mais utilizado. Este sucesso pode ser explicado pela sua simplicidade e grande capacidade de resposta às necessidades dos utilizadores;

Este modelo afirmou-se perante os outros devido à sua forte base teórica em Álgebra Relacional;

O Modelo Relacional é constituído somente por relações, onde cada relação é uma tabela.

7
7

Quando uma relação é pensada como uma tabela de valores, cada linha nesta tabela representa uma colecção de dados relacionados;

Estes valores podem ser interpretados como factos descrevendo uma instância de uma entidade ou de um relacionamento;

Hoje em dia, o Modelo Relacional é a base de trabalho de qualquer Sistema de Gestão de Base de Dados Relacional (SGBDR). A sua simplicidade, bem como a separação entre a definição e a manipulação dos dados, foram factores importantes para o seu sucesso.

1.8 - Relação, Tuplo e Atributo

Uma Relação é uma estrutura fundamental do modelo relacional, bidimensional, representada por uma tabela organizada em linhas e colunas, respectivamente tuplos e atributos. Ou seja, um atributo é uma coluna à qual atribuímos um nome, e um tuplo é uma linha de uma relação (ou instância da relação). O tipo de dados que descreve cada coluna designa-se domínio.

No modelo relacional, as relações ou tabelas são utilizadas para guardar dados dos objectos que queremos representar na base de dados. O nome da tabela e das colunas é utilizado para facilitar a interpretação dos valores armazenados em cada linha da tabela. Todos os valores de uma coluna são, necessariamente, do mesmo tipo.

A ordem dos tuplos ou dos atributos pode variar. Os tuplos poderão aparecer segundo qualquer ordem, que continuaram a ter a mesma relação e o mesmo significado. O mesmo acontece com os atributos: independentemente da ordem que apresenta, os atributos têm um nome que traduz o tipo de dados a armazenar.

1.8.1 Tipos de Relações

Unárias: só participa uma unidade;

Binária: participam duas entidades;

Ternário: participam três entidades;

8
8

Multiplicidade: está relacionada com o número de elementos da entidade que participa na associação, temos três tipos:

1

1;

1…N;

M …N;

1.9 - Atributo

Os atributos traduzem o tipo de dados a armazenar. A cada atributo está associado um domínio ou gama de valores possíveis que este pode ter. Isto é, o domínio de um atributo é o conjunto de valores permitidos para esse atributo.

1.9.1 Tipos de atributos

Atómicos: não é possível a sua decomposição em unidades mais elementares;

Exemplo: Número do Bilhete de identidade de uma pessoa.

Não atómicos: contrario dos atómicos, existe um leque de opções para o satisfazer;

Exemplo: Nome de uma cidade ou país.

1.10 Propriedade das tabelas e regras da sua constituição

1.10.1 Propriedades

Ordem das colunas não é importante e pode ser alterado;

Ordem das linhas também não é importante, podendo também ser alterada;

São as responsáveis pela grande potencialidade e flexibilidade do SGBD.

1.10.2 Regras

Não pode haver duas colunas com o mesmo nome;

Não deve haver campos vazios;

9
9

Domínio de cada atributo deve ser constituídos por valores atómicos;

Não deve haver registos duplicados.

1.11 - Chaves de uma tabela

O conceito de chave é muito importante no modelo relacional. Para cada relação deve existir uma chave, que vai ser constituída por um conjunto de um ou mais atributos, que identifica cada tuplo (ou instância da relação) de um modo único, pois esta chave vai permitir estabelecer o relacionamento com outras relações.

Não podem existir dois tuplos com os mesmos dados para o mesmo atributo ou conjunto de atributos.

Chaves simples: Constituída por um campo;

Chave composta: Constituída por mais de um campo;

Chave candidatas: Todas as chaves possíveis de uma tabela;

Chave estrangeira: Uma chave estrangeira é um conjunto de um ou mais atributos que são a chave primária numa outra relação.

1.12- Normalização

Normalização é um formalismo que tem por objectivo organizar o Modelo Conceitual, facilitando a sua derivação para um Modelo Lógico. O processo analisa as entidades e seus atributos visando evitar anomalias de armazenamento que possam ocorrer.

Ele possui Formas Normais (nas quais as entidades se enquadram), sendo que os principais aplicativos utilizam até a Terceira Forma Normal. Isso significa que o modelo se enquadra na Primeira, na Segunda ena Terceira Formas Normais.

1.12.1 1º Forma Normal

10
10

Uma entidade se encontra na Primeira Forma Normal (1FN) quando o relacionamento entre o seu atributo chave e seus outros atributos for unívoco, ou seja, para cada chave há a ocorrência de um, e somente um, dado de cada atributo.

1.12.2 2º Forma Normal

Uma entidade se encontra na Segunda Forma Normal (2FN) quando, já submetida a 1FN, apresente uma chave composta que se relaciona de forma integral com todos os seus atributos, ou seja, todos os atributos dependem da chave composta completa.

1.12.3 3º Forma Normal

Uma entidade se encontra na Terceira Forma Normal (3FN) quando não houver atributos associados que tenham Dependência Transitiva com a chave, ou seja, não existam elementos intermediários de ligação entre os dois objectos.

Dependência Transitiva ocorre quando um determinado atributo apresenta dependência de um atributo que não seja chave.

11
11

1.13 Microsoft Access

O Access é um gerenciador de banco de dados. Ele ajuda as pessoas a criarem

programas que controlam uma base de dados e que permitem actualizar as informações, fazer consultas, emitir relatórios, fazer comparações de Informações, fazer cálculos, enfim, satisfazer às necessidades das pessoas e das empresas no dia-a-dia. A grande vantagem do Access é sua facilidade de uso. Fazer programas de computador sempre foi uma tarefa complicada, que exigia a participação de um especialista. Com o aparecimento do Access, isso acabou. Desenvolver programas desse tipo é uma actividade simples, que pode ser feita por qualquer pessoa com pouco tempo de estudo.

1.13.1 Barra de Titulo, Barra de Menu e Barra de Ferramentas

A barra de título contém o nome da aplicação (Microsoft Access) e do documento

activo. No extremo direito situam-se os botões de Minimizar, Restaurar e Fechar; A barra de menus contém todas as operações que se podem realizar no Access. As operações estão agrupadas em menus, que por sua vez, contêm vários comandos.

1.13.2 Painel de Tarefas

Este elemento aparece no lado direito da área de trabalho e tem como principal característica o facto de ser sensível ao contexto, isto é, contém atalhos para tarefas frequentemente realizadas e relacionadas com o que se está a fazer em determinado instante.

1.13.3 Elementos de uma Base de Dados

Quando abrimos uma base de dados no ambiente de trabalho, podemos visualizar a janela Base de dados. Esta é a janela principal da base de dados e será através dela que podemos visualizar todos os objectos que a constituem.

1.13.4 - As funções de ajuda do Microsoft Access

Para aceder à ajuda do Access existem várias formas: através do menu Ajuda, utilizando a tecla de atalho F1 ou ainda usando o botão de Ajuda da Barra de ferramentas.

12
12

1.13.5 - Personalização do ambiente de trabalho

O Microsoft Access oferece várias possibilidades de personalização do ambiente de

trabalho. Para Alterar o modo de visualização do ambiente de trabalho utiliza o menu Ferramentas - Opções.

1.13.6 - TABELAS

Para criar uma tabela, seleccionamos o objecto tabela da janela Base de Dados e utilizamos, por exemplo, o menu Inserir - Tabela.

Podemos criar uma tabela utilizando:

Modo estrutura: utilizamos o modo estrutura para criar uma tabela definindo os nomes

de cada campo, bem como suas propriedades. É o modo mais utilizado.

Usando o assistente: Este processo possibilita a criação de tabelas, passo por passo, a partir de um conjunto de temas e assuntos comuns a empresas e tabelas pessoais.

Inserindo dados: Criamos a tabela cadastrando os dados automaticamente.

Importação e ligação de tabelas: A importação e a ligação de tabelas são outras opções para incluir tabelas na base de dados. Estes processos de criação de tabelas distinguem-se de outros, pelo simples facto de recorrerem a tabelas já existentes em outras bases de dados.

1.13.6 Alteração da estrutura de uma tabela

Depois de criada uma tabela, é sempre possível redefinir a sua estrutura inicial.

Redefinir a estrutura de uma tabela consiste em alterar todas as informações relativas a um ou mais campos, ou seja, alterar o nome, o tipo de dados, as suas propriedades, etc., e ainda acrescentar ou eliminar novos campos.

1.13.7 - Relações entre tabelas

Para criar relações entre tabelas da base de dados devemos utilizar o menu Ferramentas Relações.

1.13.8 Formulários

13
13

Formulários constituem uma outra forma de visualizar os dados armazenados nas tabelas ou disponibilizados numa consulta. Também designados por ecrãs de apresentação, os Formulários são normalmente usados para facilitar a manipulação dos dados.

Normalmente, estes ecrãs são realizados através do assistente de formulários, que, de uma forma simples e rápida, cria o formulário pretendido.

1.13.9 Relatórios

Os Relatórios constituem uma outra forma de visualizar os dados armazenados nas tabelas ou disponibilizados numa consulta. No entanto, estes são normalmente utilizados para serem impressos. Isto é, criar relatórios é conceber documentos com informação dos dados armazenados para posterior impressão.

Normalmente, os relatórios são realizados através do Assistente de relatórios. Uma das hipóteses para a criação simples e rápida de um relatório é a utilização dos relatórios automáticos.

1.13.10 Consultas

Uma consulta é uma forma de visualizar todos os dados armazenados numa tabela ou conjunto de tabelas relacionadas entre si.

As consultas permitem colocar questões à base de dados e vão ser respondidas sob a forma de uma tabela, com linhas e colunas, como se de uma outra tabela de dados se tratasse. Na realidade, é apenas uma forma de visualizar os dados.

Estas questões permitem a utilização de critérios, ou filtros de selecção, com o objectivo de extrair informação, para um determinado propósito, da base de dados.

Uma consulta pode ter como base uma tabela, um conjunto de tabelas relacionadas ou mesmo outras consultas. Isto é, pode criar uma consulta que vai filtrar informação de uma outra.

14
14

Capítulo # 2

Capítulo # 2 Linguagem de Programação Visual Basic

Linguagem de Programação

Visual Basic

2.1 Breve Historial

O BASIC surgiu já há algum tempo, foi o pontapé inicial na carreira de Bill Gates,

quando largou a faculdade com um amigo para fundar a MICROSOFT e fazer em duas semanas um interpretador para o BASIC, primeiro produto a ser comercializado pela Microsoft. Por esta empreitada conseguiu que a IBM, que estava lançando o seu PC e

não esperava tanto sucesso, a permissão para fazer o sistema operacional deste computador, o MS-DOS, que marcou o início do monopólio da Microsoft.

Quando o Windows se tornou padrão, pensava-se que a programação para este ambiente

só seria possível com linguagens como C, sendo impossível alguma pessoa com pouca

experiência fazer um programa por mais simples que fosse. Foi aí que surgiu o VB, com um novo BASIC, não mais aquele confuso, mas um estruturado e bem mais poderoso. Tornou-se a linguagem mais utilizada em todo o mundo, sendo considerada uma das causas do sucesso do Windows.

Escrito originalmente em 1987 por Alan Cooper (através de um programa com nome Ruby, que unido ao Quick BASIC deu origem ao Visual BASIC). Foi lançado em 1991 com a versão 1.0. Em Outubro de 1992 veio a versão 2.0. Está actualmente (2012) na versão 2012.

2.2 Definição

O Visual Basic é um compilador do tipo QuickBasic para criação de aplicativos para

Windows, ele é na realidade, uma aplicação do próprio Windows. É dessa forma que os programas em Visual Basic podem ser criados, rodados, depurados e compilados

directamente no Windows. O Visual Basic possibilita aos usuários a programação baseada em eventos e objectos. Isto quer dizer que o programador coloca na janela todas

as opções (menus, botões, ícones, controles, etc.) para que o usuário seleccione uma delas com o rato ou com o teclado. Antes do Visual Basic uma aplicação era desenvolvida em linguagem C, juntamente com o Kit de Desenvolvimento de Software

do Windows, o que demandava muito tempo de aprendizagem.

18
18

Linguagem Baseada em Eventos

Ao darmos um clique com o rato em um determinado objecto de um aplicativo Visual Basic, por exemplo um botão, estamos gerando um evento dentro do Windows o qual fará com que um determinado pedaço de código seja executado.

Linguagem Baseada em Objectos

Outra característica importante do Visual Basic é a de ser uma linguagem baseada em objectos. As linguagens como o C++ e o Pascal por exemplo, também baseadas em objectos, possuem classe e herança. No Visual Basic, os objectos são pré-definidos, isto é, já existe uma colecção de objectos que acompanham o software. Para criar novos objectos, o programador deverá utilizar a opção User Control como sendo o tipo de projecto a ser realizado. Os novos objectos só poderão ser criados a partir de um outro objecto já existente, portanto basicamente esse novo objecto terá as mesmas características do objecto que serviu de base.

Para criar objectos capazes de realizar funções diferentes dos objectos existentes, você deverá criá-los em linguagem C. Dentro do Visual Basic, os objectos são, por exemplo, menus, janelas, botões, quadros de texto, etc. Melhor especificados no capítulo sobre objectos. Cada um dos objectos possui várias propriedades, métodos e eventos associados a eles.

2.2.1 Outras Linguagens derivadas do VB

VBScript: é uma linguagem default (por definição) para Active Servidor Pages e pode ser usada na programação do Windows e de páginas da internet.

Visual Basic Net: é uma nova versão do vb, que é parte integrante da plataforma Microsoft.NET, essa versão não é totalmente compatível com as versões anteriores, mas existe a possibilidade de converter códigos antigos, que após uma revisão podem ser usados no visual Basic.net.

Visual Basic for applications (VBA): permite a criação de macros, e esta integrado em todos os produtos da família de produtos Microsoft Office, e também em outros produtos de terceiros.

19
19

2.3 Declaração de Variáveis

Declarar uma variável é indicar ao vb que deve ser reservada uma área na memória para o armazenamento de um dado, e de que tipo será esse dado.

2.3.1 Escopo das Variáveis

Escopos são os pontos da aplicação de onde podemos acessar a variável. O escopo de uma variável é determinado pelo comando usado em sua declaração (Dim, Static, Private ou Public)

Variáveis Locais: são reconhecidas apenas pela procedure na qual foram declaradas. Diferentes procedures podem ter variáveis locais com o mesmo nome sem que isso cause conflitos. A declaração de variáveis locais é feita com os comandos Dim ou Private.

Variáveis estáticas: são variáveis locais cujo conteúdo será retido ao término da procedure.

Variáveis Privadas: compartilham informação entre todas as procedure em um módulo de programação ou formulário, mas não para outros módulos ou formulários. A declaração é feita com os comandos Dim ou Private.

Variáveis Públicas: estão disponível para todos os módulos de programação e formulários do aplicativo. Para declaração usa-se o comando Public.

2.4 - Constantes

São posições da memória que têm a mesma característica das variáveis e podem ser do mesmo tipo, mas como o próprio nome indica, não podem ter o seu valor alterado durante a execução programa. São úteis para guardar parâmetros e valores que serão usados em várias procedures do sistema.

2.4.1 - Constantes do Sistema

O vb possui varias constantes pré-definidas, chamadas constantes de sistema que podem ser usadas a qualquer momento pelo programador. A principal vantagem do seu uso é a clareza da codificação e consequente facilidade de manutenção.

20
20

2.5 - Ambiente de Desenvolvimento

O ambiente de programação do Visual Basic é composto pelas seguintes janelas: Janela

Principal, Caixa de Ferramentas, Janela de Propriedades, Janela de Projecto, Janela de

Código e Formulário. É através dessas janelas que podemos escolher os objectos que farão parte do nosso programa, configurar suas propriedades conforme a especificação do programa, escolher os eventos que serão utilizados, etc.

Barra de título

A barra de título é a barra horizontal localizada no topo da tela; ela informa o nome do

aplicativo e é comum a todos os aplicativos Windows da Microsoft. Interacções entre o usuário e a barra de título são manipuladas pelo Windows e não pelo aplicativo.

Barra de Objectos

Essa barra está localizada à esquerda da tela do Visual Basic, logo abaixo da barra de ferramentas e possui os objectos gráficos (botões, caixas de texto, caixa de figura, etc.) disponíveis para serem utilizados dentro do projecto.

Janela de Propriedades

As propriedades definem as características de cada objecto - controle da aplicação. O conjunto de propriedades depende do controle seleccionado. Por exemplo, um formulário tem propriedades diferentes de uma figura. As propriedades podem ser alteradas em tempo de projecto ou de execução, sendo que algumas delas somente em tempo de execução. Para alterar o valor de uma propriedade em tempo de execução só por meio de programação a ser carregada através de um objecto, por exemplo um botão ou assim que o programa for carregado, já em tempo de projecto, devemos:

1. Seleccionar o controle cuja propriedade deseja alterar;

2. Rolar pela lista de propriedades até encontrar a propriedade desejada;

3. Digitar o novo valor;

4. Pressionar ENTER para confirmar a alteração efectuada.

Janela do projecto

21
21

Essa janela possui uma lista dos arquivos que estão sendo utilizados dentro do programa que estamos desenvolvendo.

Podemos ter arquivos com extensões "BAS", "FRM","VBP" e outros dentro dessa janela. O Visual Basic organiza os trabalhos por projecto, permitindo que cada projeto possa ter vários módulos.

Janela de Código

Essa janela contém a declaração de variáveis, constantes e rotinas. Funções e Sub- Rotinas as funções (functions) e sub-rotinas (subs) são chamadas de procedimentos (procedures). Existem três tipos de procedimentos:

1.) Do Visual Basic;

2.) Associados aos eventos;

3.) Criados pelo programador.

Formulário

Essa é a janela do nosso aplicativo. Quando o usuário iniciar o programa, a mesma aparecerá. A janela possui os quadros minimizar, maximizar, fechar e menu de controle. É nessa janela que colocaremos os controles gráficos (botões, quadros de texto, etc) e também o código associado a esses objectos. Para abrir uma janela de código, basta dar um duplo clique em cima do objecto do qual um evento deve ser tratado.

Pointer Não verdade não se trata de um Controle, mas sim uma ferramenta que serve para dimensionar e mover Controles.

Label Etiqueta ou rótulo, exibe um texto para identificação outros controles no formulário.

TextBox Este controle permite ao usuário digitar texto.

Frame Moldura utilizada para agrupar controles dentro de um formulário.

CommandButton Controle que permite o usuário realizar uma operação, através de linhas de comando pré-determinadas.

22
22

CheckBox Pode assumir valor falso ou verdadeiro. Em um mesmo

Formulário vários CheckBox's podem assumir o valor verdadeiro ao mesmo tempo.

OptionButton Pode também assumir valor falso/verdadeiro, mas em um mesmo Formulário somente um OptionButton pode assumir o valor verdadeiro.

ComboBox Combina caixa de texto com caixa de listagem. O usuário pode digitar a informação como também pode encolher da lista.

Timer

milissegundos.

Controla

intervalos

de

tempo

determinados

pelo

programador

em

Shape Permite exibir várias formas geométricas num formulário.

Image Permite exibir figuras (BMP, JPEG, GIF, wmf, emf) e ícones, ainda permitindo que seja dimensionado de acordo com a necessidade do programador.

Data Permite acessar diversas base de dados.

OLE permite incorporar objectos ou arquivos no formulário.

2.6 - Prefixos do Visual Basic

Objeto

Prefixo…

Exemplo

Formulário

frm

frmMenu

(PictureBox)

pic

picFoto

(Label)

lbl

lblResultado

(TextBox)

txt txtAviso

(Frame)

fra… fraConceito

(CommandButton)

cmd

cmdApagar

(CheckBox)

chk

chkNegrito

(OptionButton)

opt

optSexo

(ComboBox)

cbo

cboCidades

23
23

(ListBox)

lst

lstClientes

(HScrollBar)

hsb

hsbIdade

(VScrollBar)

vsb

vsbTaxa

(Timer)

tmr

tmrAlarme

(DriveListBox)

drv

drvUnidades

(DirListBox)

dir

dirDestino

(FileListBox)

fil

filArquivos

(Shape)

shp

shpQuadrado

(Line)

lin

linDivisão

(Image)

img

imgCarro

(DataControl)

dat

datBancos

Grid

grd

grdConsulta

Menu

mnu

mnuEditar

(DataBase)

db

dbContabilidade

(RecordSet) rs rsDespesas

(Connection) cnn

cnnDados.

2.7 - Propriedades do Visual Basic

Propriedade name: A propriedade name determina o nome de um objecto. Todos os objectos dentro de um projecto, incluindo formulários e controles, precisam ter um nome, pois é através desse nome que nos referimos a eles quando estamos escrevendo o código.

Propriedade Caption: Uma boa tradução para Caption é rótulo, para um formulário, Caption determina o texto que será exibido na barra de título, e também abaixo do ícone do aplicativo, se ele for minimizado.

Propriedade Picture: A propriedade Picture determina o nome de um arquivo gráfico para ser exibido pelo controle.

24
24

Propriedade Style: Essa propriedade indica o estilo da aparência do controle. No caso dos botões de comando, os valores possíveis são 0 Standard e 1 Graphical.

Propriedade Visible: Como o próprio nome indica, essa propriedade define se um controle deve ou não estar visível em um determinado momento. Ela só pode assumir os valores True (verdadeiro) ou False (falso).

Propriedade Enabled : Serve para habilitar e desabilitar um objecto ou comando.

Propriedade Appearance: A propriedade Appearance define a aparência do controle no formulário. Ela só pode ser modificada em tempo de projecto, e normalmente só pode assumir dois valores: 0 Flat (o controle terá a mesma aparência do formulário, não haverá destaque) ou 1 3D (o controle será exibido em perspectiva 3D).

Propriedade BorderStyle: Essa propriedade normalmente é aplicada ao formulário, e, como o próprio nome indica, define o estilo de sua borda. Existem seis tipos de bordas, sendo que alguns controles também possuem a propriedade BorderStyle, mas não todos os tipos.

Propriedade StartUpPosition: Aplicada ao formulário, essa propriedade determina sua posição na tela do computador quando for accionado.

Propriedade Font: A propriedade Font permite a formatação da fonte usada nas propriedades Text e Caption.

Propriedade MaxLength: Quantidade máxima de caracteres dentro da caixa de texto.

Propriedade PasswordChar: Se durante a digitação de qualquer dado na caixa de texto, quisermos que o Visual Basic mostre outro caracteres no lugar do caracteres digitado, é só especificarmos aqui qual queremos que seja mostrado. Muito usado para digitação de senhas.

Proprieade Text: A propriedade Text é a mais importante deste Objecto. Todo o texto digitado pelo usuário dentro da caixa de texto é incorporado nesta propriedade.

MouseMove: Ocorre quando movemos o ponteiro do rato sobre a caixa de texto.

25
25

MouseDown: Ocorre quando o usuário aperta o botão do rato (seja da direita ou da esquerda) sobre a caixa de texto.

MouseUp: Ocorre quando o usuário solta o botão do rato (seja da direita ou da esquerda) sobre a caixa de texto.

2.8 - ADO Data Control

O controlo ADODC (ou ADO Data Control) permite a manipulação de bases de dados via ADO de maneira muito fácil e rápida, pois ele permite vincular controles como caixas de texto e labels directamente aos campos do banco de dados. A grande vantagem de seu uso é a possibilidade de fazer a manutenção dos registos da base com bem pouca programação. A maior desvantagem é a pouca flexibilidade que oferece para tratamento dos dados. ADODC é um controle customizado: para utilizá-lo adicione ao projecto o componente Microsoft ADO Data Control.

Este controle data anexa dados não somente em caixas de texto, mas também em outros controles, como por exemplo o data grid, que é muito útil para o programador.

A maneira mais simples de configurar o ADODC é pela janela de propriedades,

accionada com o botão direito do rato:

Uma pequena descrição das abas:

General e Authentication: contém parâmetros de configuração da conexão com o banco

de dados; RecordSource: contém o tipo e a origem dos dados que serão vinculados ao

ADODC;

Color e Font: servem para customizar a aparência do controle.

2.8.1 - Principais propriedades do ADODC

Propriedade ConnectionString (aba General)

Nessa propriedade criamos a string de conexão do ADODC com o banco de dados. Normalmente, é a mesma string usada na conexão principal. O botão Build, visível na figura acima, acciona um assistente que constrói a string a partir de algumas indicações, como por exemplo o nome do arquivo MDB.

26
26

Propriedade CommandType (aba RecordSource)

Informa o tipo do comando ADO que será criado pelo controle. Os tipos são os mesmos admitidos pelo objecto ADO Command.

Propriedade RecordSource (aba RecordSource)

Informa o texto do comando a ser executado pelo controle ADODC. Dependendo do tipo informado em CommandType, pode ser o nome de uma tabela ou de uma consulta, ou então um comando SQL.

Propriedades DataSource e DataField

Essas não são propriedades do controle ADODC, e sim dos controles que podem ser vinculados a ele. DataSource informa o nome do controle de dados ao qual será ligado, e DataField qual campo será acessado.

Método Refresh

Existem casos em que é necessário alterar o RecordSource do controle de dados em tempo de execução, via programação. Acontece que a actualização do recordset do ADODC não é automática numa situação dessas.

Para que o recordset seja actualizado e os dados sejam exibidos correctamente de acordo com o novo RecordSource, aplicamos ao ADODC o método Refresh.

2.9 - O Controle DataGrid

Esse controle ADO, que trabalha vinculado a um ADODC, lembra uma planilha em que linhas colunas definem células. Cada linha é vinculada a um registro e cada coluna corresponde a um campo do recordset do ADODC. Também é um controle customizado, e portanto para poder utilizá-lo você deve adicionar o componente Microsoft DataGrid Control. Assim como o ADODC, é mais fácil configurá-lo pela janela de propriedades, mas nesse caso as opções da janela variam de acordo com o conjunto de dados que será apresentado. Um recurso muito interessante do DataGrid é a opção Retrieve Fields do menu de contexto (aquele menu acionado pelo botão direito do mouse). Após a vinculação do DataGrid ao ADODC, retrieve Fields configura automaticamente as colunas do grid de acordo com os campos do recordset.

27
27

2.10 - Os Controles DataList e DataCombo

Esses controles ADO são muito interessantes: DataList é uma caixa de listagem vinculada a um controle de dados. Seus itens serão preenchidos com os dados de um dos campos do recordset do controle de dados. DataCombo é uma caixa de combinação que usa o mesmo princípio. Ambos são controlos customizados, e para adicioná-los à caixa de ferramentas marque a opção Microsoft DataList Controls na janela Components.

DataList e DataCombo têm as mesmas propriedades das caixas de listagem e combinação comuns e mais algumas específicas para trabalhar com o controle de dados:

Propriedades RowSource e ListField

Essas propriedades indicam, respectivamente, o nome do ADODC que deve ser vinculado à DataList ou DataCombo e o nome do campo que será usado como origem para os itens da caixa.

Propriedades DataSource e DataField

No caso específico de DataList e DataCombo, essas propriedades servem para actualizar o registo do recordset de um outro controle de dados, (que não é o mesmo vinculado às propriedades RowSource e ListField), de modo a sincronizar ambos os controles Data:

assim, conforme um item é seleccionado na caixa, os dois controles Data estarão apontando para o registo correspondente em seus respectivos recordsets.

Propriedade BoundColumn

Define qual campo do recordset o controle retornará quando um item for seleccionado. Por exemplo: se um recordset tem dois campos, digamos Código e Nome, com certeza você vai preferir que seja exibido na caixa o campo Nome, mas pode ser que vá utilizar nas operações de banco de dados o campo Código. Você pode então indicar para a propriedade ListField o campo Nome, e para BoundColumn o campo Código. Dessa maneira, quando o usuário escolher um item na caixa, o campo retornado por BoundColumn para aquele registo será Código, apesar do item estar exibindo o nome.

28
28

Capítulo # 3

Capítulo # 3 Meu Projecto

Meu Projecto

3.1Introdução

O meu projecto tem como objectivo o armazenamento de funcionários, professores e alunos bem como elaboração de pautas. Neste contexto o trabalho tratará das seguintes operações:

Operação de matrícula de alunos

Operação de confirmação de alunos

Operação de cadastro de professores

Elaboração de pauta

O presente trabalho tem como objectivo ajudar a instituição e os seus funcionários na execução das tarefas citadas acima.

34
34

3.2-Entrevista

No dia 18 de Julho do ano em curso falei com o, directo geral da escola 8002, ele recebeu-me bem e predispôs-se a ajudar-me, concedeu-me as informações necessárias. E disse-lhe qual era o objectivo da minha solicitação naquela instituição, ficou feliz por saber que eu queria elaborar um trabalho deste género, portanto ainda não foi implementado um aplicativo deste género nesta instituição.

Neste caso começou dizendo quais os procedimentos a executar no momento da matrícula e confirmação de aluno, cadastro de professores e elaboração das pautas de cada turma.

35
35

3.3-Análise

O meu aplicativo será baseado na gestão de base de dados de um instituto médio. Ele

tem como função fazer cadastros de alunos, funcionários, professores e encarregados. Tem como objectivo principal executar as operações de matrículas, confirmações e elaboração de pauta. O aplicativo ao ser executado no inicio abre um splash screan e

depois abre o login.

No login encontramos: nome do usuário, senha e tipo de administrador, o tipo de administrador são dois: administrador e usuário. Quando entramos com o administrador ele tem um acesso total da base de dados ou aplicativo, nele podemos alterar e cadastrar funcionários, alterar, editar e guardar senhas dos funcionários.

Quando entramos com o funcionário do tipo usuário ele tem acesso restrito ou seja limitado em algumas opções, após essas acções entraremos no menu principal que terá

as seguintes opções:

Cadastros

o

Funcionários

o

Professores

o

Encarregados

o

Turmas

o

Disciplinas

o

Cursos

Operações

o

Matricula

o

Confirmação

o

Pauta

o

Selecção de professor por disciplinas

Cadastro de funcionários

Quando entramos na janela cadastro de funcionários encontramos o formulário para preencher os dados pessoais dos funcionários com os seguintes campos:

Nome do funcionário

36
36

Nº do Bilhete de identidade

Data de nascimento

Nº de telefone

Sexo

Especialidade

Nível académico

Cargo

Data do cadastro

Para trabalhar com as opções desse formulário tem os seguintes botões:

Adicionar

Guardar

Cadastrar usuários

Consultar

Voltar

Cadastro de professores

Quando entramos na janela cadastro de professores encontramos o formulário para preencher os dados pessoais do professor, com os seguintes campos:

Nome do professor

Data de nascimento

Nº do bilhete de identidade

Nível académico

Especialidade

Sexo

Estado

Outra função

Nº do telefone

Data do cadastro

Para trabalhar com as opções deste formulário temos os seguintes botões:

Adicionar

37
37

Guardar

Consultar

Eliminar

Voltar

Cadastro de encarregados

Quando entramos na janela cadastro de encarregados encontramos o formulário para preencher os dados pessoais do encarregado, e temos os seguintes campos:

Nome do encarregado

Sexo

Nível académico

Especialidade

Para trabalhar com as opções deste formulário temos os seguintes botões:

Adicionar

Guardar

Voltar

Cadastro de turmas

Quando entramos na janela cadastro de turmas encontramos o formulário para inserir as turmas que existiram no ano lectivo em curso. E temos os seguintes campos:

Nome da turma

Classe

Curso

Para o trabalhar com as opções desse formulário temos os seguintes botões:

Adicionar

Editar

Guardar

Cancelar

Anterior

38
38

Seguinte

Eliminar

Voltar

Cadastro de disciplinas

Quando entramos na janela cadastro de disciplinas encontramos o formulário para inserir as disciplinas e realizar outras operações como: eliminar, editar e outros, e temos os seguintes campos:

Nome da disciplina

Para o trabalhar com as opções desse formulário temos os seguintes botões:

Adicionar

Editar

Guardar

Cancelar

Anterior

Seguinte

Eliminar

Voltar

Cadastro de cursos

Quando entramos na janela cadastro de cursos encontramos o formulário para inserir o curso e realizar outras operações como: eliminar, editar e outros, e temos os seguintes campos:

Nome do curso

Área do curso

Para o trabalhar com as opções desse formulário temos os seguintes botões:

Adicionar

Editar

Guardar

39
39

Cancelar

Anterior

Seguinte

Eliminar

Voltar

Matricula

Quando entramos na janela matrícula encontramos o formulário para executar a matrícula e realizar outras operações, e temos os seguintes campos:

Nome do aluno

Nome do pai

Nome da mãe

Número do bilhete de identidade

Sexo

Data de nascimento

Província

Nacionalidade

Curso

Data da matrícula

Para o trabalhar com as opções desse formulário temos os seguintes botões:

Adicionar

Guardar

Consultar

Voltar

Confirmação

Quando entramos na janela confirmação encontramos o formulário para executar a confirmação que é feita todos os anos para cada aluno e realizar outras operações, e temos os seguintes campos:

40
40

Nome do aluno

Encarregado

Estado

Classe

Data da confirmação

Para o trabalhar com as opções desse formulário temos os seguintes botões:

Adicionar

Guardar

Consultar

Voltar

Pauta

Quando entramos na janela pauta encontramos o formulário para a elaboração da pauta que é feita todos os anos para cada aluno e realizar outras operações, e temos os seguintes campos:

Nome do aluno

Código da disciplina

Turma

Situação

Para o trabalhar com as opções desse formulário temos os seguintes botões:

Adicionar

Guardar

Consultar

Voltar

Selecção de professores por disciplinas

Quando entramos na janela selecção de professores por disciplinas encontramos o formulário para a selecção, e temos os seguintes campos:

Nome do Professor

41
41

Nome da disciplina

Designação

Para o trabalhar com as opções desse formulário temos os seguintes botões:

Adicionar

Guardar

Consultar

Voltar

com as opções desse formulário temos os seguintes botões:  Adicionar  Guardar  Consultar 
com as opções desse formulário temos os seguintes botões:  Adicionar  Guardar  Consultar 
com as opções desse formulário temos os seguintes botões:  Adicionar  Guardar  Consultar 
42
42
43
43
43
43
43
44
44
44
44
44
45
45
45
45
45
46
46
46
46
46
3.4 – Descrição dos formulários Para descrever o meu projecto tive a necessidade de saber

3.4Descrição dos formulários

Para descrever o meu projecto tive a necessidade de saber primeiramente quantos formulários temos e os seus conteúdos.

Descrevendo o meu projecto teremos 16 formulários para concretização na criação do meu projecto.

Os formulários são:

Formulário Splash Screen

Formulário Login ou Acesso

Formulário Principal

Formulário Menu

Formulário Cadastro de funcionários

Formulário Cadastro de Professores

Formulário Cadastro de Encarregados

Formulário Matricula

Formulário Confirmação

Formulário Pauta

Formulário Selecção de Professores Por Disciplinas

Formulário Cadastro de Turmas

Formulário Cadastro de Disciplinas

Formulário Cadastro Cursos

47
47

Formulário Usuários do Sistema

Formulário Encerrar

Formulário Splash Screen

Formulário da apresentação da aplicação do software que será o primeiro a ser exibido. Este formulário foi criado para dar um design diferente a abertura do projecto.

A label é utilizada para entrada de dados para distinguir o tipo de aplicação que

utilizamos no nosso projecto.

Timer é um temporizador que depois de se efectuar um determinado intervalo de tempo efectua uma acção.

ProgressBar um componente do Visual Basic que permite manter o formulário activo durante um determinado tempo.

Formulário Login ou Acesso

Tendo como segundo formulário do meu projecto a ser apresentado. Este formulário foi criado para haver segurança ou restrições entre usuários e utilizadores.

O objecto ADODC permite a conexão entre o Visual Basic e a base de dados do Access

e dá-nos acesso aos dados que lá se encontram.

A combobox permite escolher o nome do usuário ou utilizador do sistema.

As Labels servem de legenda ou etiqueta dos campos da base de dados.

Utilizei varias image como botão para executar varias acções, cada imagem existira ou haverá uma execução.

Timer é um temporizador que depois de se efectuar um determinado intervalo de tempo efectua uma acção.

A TextBox é utilizada para entrada da senha do utilizador ou usuário e administrador.

48
48

Formulário Principal

Para todo sistema de aplicação deve haver um formulário principal, e um dos maiores objectivos é que podemos ter acesso a toda aplicação, exemplo:

Cadastro de professores, Matricula, Confirmação, Pauta.

Image insere uma imagem para utilizar como barra do menu.

Labels usa-se como uma descrição através dela também pode-se acessar a outras aplicações e inserir outros efeitos para melhorar o design.

Usei todos os formulários dentro do formulário principal.

Timer é um temporizador que depois de se efectuar um determinado intervalo de tempo efectua uma acção.

Formulário menu

Utilizei varias image neste formulário para distinguir uma das outras, cada imagem existira ou haverá uma execução.

Labels usa-se como uma descrição ou rotulo através dela também pode-se acessar a outras aplicações.

CommandButton utiliza-se este objecto para que quando clicado, executar as aplicações que lá foram inseridas ao programar.

Formulário Cadastro de funcionários

Este formulário serve para cadastro de um novo funcionário e isso será possível se o utilizador for administrador.

Este formulário tem modelo do formulário principal.

Usei labels para inserir data, hora no formulário e como legenda ou rotulo.

As textbox receberão dados para a serem inseridos na base de dados.

ADODC usei este objecto para fazer a ligação entre o Visual Basic e o Access.

49
49

Datacombo danos um leque de opções, permite-nos seleccionar e acessar a dados que se encontram em uma tabela da base de dados e inserir em outra.

IsButton utiliza-se este objecto para que quando clicado, executar as aplicações que lá foram inseridas ao programar.

Timer é um temporizador que depois de se efectuar um determinado intervalo de tempo efectua uma acção.

Formulário Cadastro de Professores

Este formulário serve para cadastro de um novo professor e pode ser feito por qualquer utilizador.

Este formulário tem modelo do formulário principal.

Usei labels para inserir data, hora no formulário e como legenda ou rotulo.

As textbox receberão dados para a serem inseridos na base de dados.

ADODC usei este objecto para fazer a ligação entre o Visual Basic e o Access.

Datacombo danos um leque de opções, permite-nos seleccionar e acessar a dados que se encontram em uma tabela da base de dados e inserir em outra.

IsButton utiliza-se este objecto para que quando clicado, executar as aplicações que lá foram inseridas ao programar.

Timer é um temporizador que depois de se efectuar um determinado intervalo de tempo efectua uma acção.

Formulário Cadastro de Encarregados

Este formulário serve para cadastro de um novo encarregado e pode ser feito por qualquer utilizador, não esquecendo que um encarregado serve para vários alunos.

Este formulário tem modelo do formulário principal.

Usei labels para inserir data, hora no formulário e como legenda ou rotulo.

50
50

As textbox receberão dados para a serem inseridos na base de dados.

ADODC usei este objecto para fazer a ligação entre o Visual Basic e o Access.

Datacombo danos um leque de opções, permite-nos seleccionar e acessar a dados que se encontram em uma tabela da base de dados e inserir em outra.

IsButton utiliza-se este objecto para que quando clicado, executar as aplicações que lá foram inseridas ao programar.

Timer é um temporizador que depois de se efectuar um determinado intervalo de tempo efectua uma acção.

Formulário Matrícula

Este formulário serve para a matrícula de um novo aluno e pode ser feito por qualquer utilizador.

Este formulário tem modelo do formulário principal.

Usei labels para inserir data, hora no formulário e como legenda ou rotulo.

As textbox receberão dados para a serem inseridos na base de dados.

ADODC usei este objecto para fazer a ligação entre o Visual Basic e o Access.

Datacombo danos um leque de opções, permite-nos seleccionar e acessar a dados que se encontram em uma tabela da base de dados e inserir em outra.

IsButton utiliza-se este objecto para que quando clicado, executar as aplicações que lá foram inseridas ao programar.

Timer é um temporizador que depois de se efectuar um determinado intervalo de tempo efectua uma acção.

Formulário Confirmação

Este formulário serve para a confirmação de um aluno e pode ser feito por qualquer utilizador. Esta operação é realizada todos os anos no inicio do ano lectivo.

51
51

Este formulário tem modelo do formulário principal.

Usei labels para inserir data, hora no formulário e como legenda ou rotulo.

As textbox receberão dados para a serem inseridos na base de dados.

ADODC usei este objecto para fazer a ligação entre o Visual Basic e o Access.

Datacombo danos um leque de opções, permite-nos seleccionar e acessar a dados que se encontram em uma tabela da base de dados e inserir em outra.

IsButton utiliza-se este objecto para que quando clicado, executar as aplicações que lá foram inseridas ao programar.

Timer é um temporizador que depois de se efectuar um determinado intervalo de tempo efectua uma acção.

Formulário Pauta

Este formulário serve para a elaboração da pauta final de um aluno e pode ser feito por qualquer utilizador. Esta operação é realizada em todos finais de anos.

Este formulário tem modelo do formulário principal.

Usei labels para inserir data, hora no formulário e como legenda ou rotulo.

As textbox receberão dados para a serem inseridos na base de dados.

ADODC usei este objecto para fazer a ligação entre o Visual Basic e o Access.

Datacombo danos um leque de opções, permite-nos seleccionar e acessar a dados que se encontram em uma tabela da base de dados e inserir em outra.

IsButton utiliza-se este objecto para que quando clicado, executar as aplicações que lá foram inseridas ao programar.

Timer é um temporizador que depois de se efectuar um determinado intervalo de tempo efectua uma acção.

Formulário Selecção de Professores Por Disciplinas

52
52

Este formulário serve para a selecção de professores por disciplinas, este formulário existe porque um professor pode leccionar várias disciplinas e assim existira a necessidade de ter uma identificação para cada disciplina. Esta operação pode ser feita por qualquer utilizador.

Este formulário tem modelo do formulário principal.

Usei labels para inserir data, hora no formulário e como legenda ou rotulo.

As textbox receberão dados para a serem inseridos na base de dados.

ADODC usei este objecto para fazer a ligação entre o Visual Basic e o Access.

Datacombo danos um leque de opções, permite-nos seleccionar e acessar a dados que se encontram em uma tabela da base de dados e inserir em outra.

IsButton utiliza-se este objecto para que quando clicado, executar as aplicações que lá foram inseridas ao programar.

Timer é um temporizador que depois de se efectuar um determinado intervalo de tempo efectua uma acção.

Formulário Cadastro de Turmas

Este formulário serve para o cadastro de uma nova turma e pode ser feito por qualquer utilizador. Esta operação é realizada em todos inícios de ano lectivo.

Este formulário tem modelo do formulário principal.

Usei labels para inserir data, hora no formulário e como legenda ou rotulo.

As textbox receberão dados para a serem inseridos na base de dados.

ADODC usei este objecto para fazer a ligação entre o Visual Basic e o Access.

Datacombo danos um leque de opções, permite-nos seleccionar e acessar a dados que se encontram em uma tabela da base de dados e inserir em outra.

IsButton utiliza-se este objecto para que quando clicado, executar as aplicações que lá foram inseridas ao programar.

53
53

Timer é um temporizador que depois de se efectuar um determinado intervalo de tempo efectua uma acção.

Formulário Cadastro de Disciplinas

Este formulário serve para o cadastro de uma nova disciplina e pode ser feito por qualquer utilizador.

Este formulário tem modelo do formulário principal.

Usei labels para inserir data, hora no formulário e como legenda ou rotulo.

As textbox receberão dados para a serem inseridos na base de dados.

ADODC usei este objecto para fazer a ligação entre o Visual Basic e o Access.

Datacombo danos um leque de opções, permite-nos seleccionar e acessar a dados que se encontram em uma tabela da base de dados e inserir em outra.

IsButton utiliza-se este objecto para que quando clicado, executar as aplicações que lá foram inseridas ao programar.

Timer é um temporizador que depois de se efectuar um determinado intervalo de tempo efectua uma acção.

Formulário Cadastro Cursos

Este formulário serve para o cadastro de um novo curso e pode ser feito por qualquer utilizador.

Este formulário tem modelo do formulário principal.

Usei labels para inserir data, hora no formulário e como legenda ou rotulo.

As textbox receberão dados para a serem inseridos na base de dados.

ADODC usei este objecto para fazer a ligação entre o Visual Basic e o Access.

Datacombo danos um leque de opções, permite-nos seleccionar e acessar a dados que se encontram em uma tabela da base de dados e inserir em outra.

54
54

IsButton utiliza-se este objecto para que quando clicado, executar as aplicações que lá foram inseridas ao programar.

Timer é um temporizador que depois de se efectuar um determinado intervalo de tempo efectua uma acção.

Formulário Usuários do Sistema

Este formulário serve para o cadastro de um novo usuário do sistema, só pode ser feito pelo administrador do sistema.

Este formulário tem modelo do formulário principal.

Usei labels para inserir data, hora no formulário e como legenda ou rotulo.

As textbox receberão dados para a serem inseridos na base de dados.

ADODC usei este objecto para fazer a ligação entre o Visual Basic e o Access.

Datacombo danos um leque de opções, permite-nos seleccionar e acessar a dados que se encontram em uma tabela da base de dados e inserir em outra.

IsButton utiliza-se este objecto para que quando clicado, executar as aplicações que lá foram inseridas ao programar.

Timer é um temporizador que depois de se efectuar um determinado intervalo de tempo efectua uma acção.

Formulário Encerrar

Este formulário serve encerrar o sistema e lá se encontra 3 opções: Trocar Usuário, Sair, Cancelar.

Utilizei varias image neste formulário para distinguir uma das outras, cada imagem existira ou haverá uma execução.

Labels usa-se como uma descrição ou rotulo através dela também pode-se acessar a outras aplicações.

55
55

3.5Relação das Tabelas

3.5 – Relação das Tabelas Nesta relação existe varias tabelas relacionadas entre si por exemplo (tb_matricula,

Nesta relação existe varias tabelas relacionadas entre si por exemplo (tb_matricula, tb_confirmação, tb_pauta, tb_disc_prof, tb_estado, tb_turma, etc. Estas tabelas encontram-se todas relacionadas, e o tipo de relação é um para muitos como no caso de um aluno matriculado ele faz em todos os princípios de anos lectivos as suas confirmações, portanto a sua relação com a tb_confirmação tinha que ser de um para muitos, como também acontece com as tabelas sexo para matricula, sexo para funcionários, sexo para professores, estado para confirmação, situação para pauta, etc.

Existem também tabelas relacionadas muitos para muitos, como no caso da tabela disc_prof com as tabelas professor e disciplina, também a tabela pauta com as tabelas confirmação e disc_prof. Neste tipo de relação um registo de uma determinada tabela pode ser usado para todos registos da outra tabela. Utilizei este tipo de relação nestas tabelas porque um professor pode leccionar várias disciplinas e uma disciplina pode ser leccionada por vários professores, o mesmo acontece com a tabela pauta.

56
56

Conclusão

Com o seguinte trabalho conclui que vale a pena uso do sistema de gestão de base de dados pois em vez de termos que trabalhar sempre em folhas, podemos guardar na base de dados todas as informações e pois será acessível a busca do mesmo.

57
57

Pesquisa na internet

Apostila de visual Basic 6

Bibliografia

Apostila de Analise de sistemas

Apostila de Base de dados no Access e MySql

58
58

ANEXOS

Private Sub cboUser_Click() 60
Private Sub cboUser_Click() 60

Private Sub cboUser_Click()

60
60

Combo1.ListIndex = cboUser.ListIndex Combo2.ListIndex = Combo1.ListIndex txtt.Text = Combo2.Text End Sub

Private Sub cboUser_GotFocus() Adodc1.RecordSource = "select * from user_sistema" While Adodc1.Recordset.EOF <> True And Adodc1.Recordset.BOF <> True cboUser.AddItem Adodc1.Recordset.Fields("user_sistema") Combo1.AddItem Adodc1.Recordset.Fields("senha") Combo2.AddItem Adodc1.Recordset.Fields("Tipo")

Adodc1.Recordset.MoveNext

Wend

End Sub

Private Sub Image2_Click()

frm_menu.lbluser = cboUser.Text frmprincipal.Caption = "Base de Dados Escola 8002" & Space(1) & cboUser.Text

If cboUser.Text = Empty Then Beep MsgBox "Seleciona o Usuário", vbInformation, "Escola 8002"

ElseIf txtP.Text = Empty Or txtP.Text <> Combo1.Text Then Beep MsgBox "Palavra passe encorreta ou campo vazio", vbInformation, "Escola 8002" txtP.Text = Empty

ElseIf txtP.Text = Combo1.Text And txtt.Text = "1" Or txtt.Text = "1" Then

frmprincipal.Show frm_acesso.Visible = False frm_acesso.Hide frm_acesso.Visible = False

ElseIf txtP.Text = Combo1.Text And txtt.Text <> "1" Or txtt.Text <> "1" Then frmprincipal.isButton7.Enabled = False frmprincipal.usis.Enabled = False frm_cad_aluno.isButton7.Enabled = False frm_confirmação.isButton7.Enabled = False frm_cad_aluno.isButton7.Enabled = False frm_User_Sistema.isButton7.Enabled = False frmprof_disc.isButton7.Enabled = False frm_cad_disciplina.isButton7.Enabled = False frm_cad_turma.isButton7.Enabled = False frm_cad_curso.isButton7.Enabled = False frm_cad_Prof.isButton7.Enabled = False frm_cad_funcionario.isButton7.Enabled = False Frm_aluno.isButton7.Enabled = False frm_funci.isButton7.Enabled = False frm_prof.isButton7.Enabled = False frmcon_confir.isButton7.Enabled = False Frmcon_pauta.isButton7.Enabled = False frmpauta.isButton7.Enabled = False

61
61

frm_cad_aluno.usis.Enabled = False frm_confirmação.usis.Enabled = False frm_cad_aluno.usis.Enabled = False frm_User_Sistema.usis.Enabled = False frmprof_disc.usis.Enabled = False frm_cad_disciplina.usis.Enabled = False frm_cad_turma.usis.Enabled = False frm_cad_curso.usis.Enabled = False frm_cad_Prof.usis.Enabled = False frm_cad_funcionario.usis.Enabled = False Frm_aluno.usis.Enabled = False frm_funci.usis.Enabled = False frm_prof.usis.Enabled = False frmcon_confir.usis.Enabled = False Frmcon_pauta.usis.Enabled = False frmpauta.usis.Enabled = False

frm_menu.lbl4.Visible = False frm_menu.Imgfunc.Visible = False frmprincipal.Show frm_acesso.Hide frm_acesso.Visible = False End If End Sub

Private Sub imgCancelar_Click() Dim s As String s = MsgBox("Deseja realmente sair do sistema?", vbYesNo + vbQuestion, "Escola 8002") If s = vbYes Then End End If End Sub

Private Sub imgL_Click() txtP.Text = Empty End Sub

Private Sub Timer1_Timer() lbldata.Caption = date lblhora.Caption = time End Sub

62
62
Option Explicit Dim t As Integer Private Sub ccur_Click() frm_cad_curso.Show Me.Hide End Sub Private Sub

Option Explicit Dim t As Integer

Private Sub ccur_Click() frm_cad_curso.Show Me.Hide

End Sub

Private Sub cdisc_Click() frm_cad_disciplina.Show Me.Hide End Sub

Private Sub Command2_Click()

Form1.Show

Form1.Command2.BackColor = &HC00000 Me.Hide End Sub

Private Sub ctur_Click() frm_cad_turma.Show Me.Hide End Sub

Private Sub Form_Click() Me.ccur.Visible = False Me.cdisc.Visible = False Me.usis.Visible = False Me.sprof.Visible = False

63
63

Me.ctur.Visible = False

End Sub

Private Sub Form_Load() Me.ShockwaveFlash1.Movie = "C:\Users\Joao Alfredo Duarte\Documents\Jairo Duarte\Projecto Final\Escola 8002\relogio.swf" End Sub

Private Sub Form_MouseMove(Button As Integer, Shift As Integer, x As Single, Y As Single) Me.Image3.Visible = True Me.Image4.Visible = False lbld.Visible = False

End Sub

Private Sub Image2_Click() frm_menu.Show End Sub

Private Sub Image1_MouseMove(Button As Integer, Shift As Integer, x As Single, Y As Single) Me.Image3.Visible = True Me.Image4.Visible = False

End Sub

Private Sub Image3_MouseMove(Button As Integer, Shift As Integer, x As Single, Y As Single) Me.Image4.Visible = True Me.Image3.Visible = False

End Sub

Private Sub Image4_Click() frm_menu.Show

End Sub

Private Sub isButton17_Click() Me.ccur.Visible = True Me.cdisc.Visible = True Me.usis.Visible = True Me.sprof.Visible = True Me.ctur.Visible = True Me.Timer2.Enabled = False End Sub

Private Sub isButton17_MouseEnter() Me.Timer2.Enabled = True End Sub

Private Sub isButton3_Click() frmpauta.Show End Sub

64
64

Private Sub isButton4_Click() frm_cad_aluno.Show Me.Hide End Sub

Private Sub isButton4_MouseEnter() lbld.Caption = "Abri o formulário para matricula de alunos" lbld.Visible = True End Sub

Private Sub isButton5_Click() frm_confirmação.Show Me.Hide End Sub

Private Sub isButton7_Click() frm_cad_funcionario.Show Me.Hide

End Sub

Private Sub isButton9_Click() frm_cad_Prof.Show Me.Hide

End Sub

Private Sub sprof_Click() frmprof_disc.Show Me.Hide

End Sub

Private Sub Timer1_Timer() lbldata.Caption = Format(date, "long date")

lblhora.Caption = time

End Sub

Private Sub Timer2_Timer()

t = t + 1 If t = 1 Then Me.ccur.Visible = True Me.cdisc.Visible = True Me.usis.Visible = True Me.sprof.Visible = True Me.ctur.Visible = True ElseIf t = 30 Then Me.ccur.Visible = False Me.cdisc.Visible = False Me.usis.Visible = False Me.sprof.Visible = False

65
65

Me.ctur.Visible = False t = 0 Me.Timer2.Enabled = False End If

End Sub

Private Sub Timer3_Timer() lbl2.Left = lbl2.Left + 10 If lbl2.Left >= 10200 Then lbl2.Left = 3840 End If

End Sub

Private Sub usis_Click() frm_User_Sistema.Show Me.Hide End Sub

Sub usis_Click() frm_User_Sistema.Show Me.Hide End Sub Dim t As Integer Private Sub Command1_Click() Frm_aluno.Show

Dim t As Integer

Private Sub Command1_Click() Frm_aluno.Show Me.Hide End Sub

Private Sub Command2_Click()

If txtnome.Text = "" Then

66
66

MsgBox "Preenche todos os campos", vbInformation, "Escola 8002" Else Adodc.Recordset.AddNew End If End Sub

Private Sub Command3_Click() If txtnome.Text = "" Then MsgBox "Digita o nome do Aluno", vbInformation, "Escola 8002" ElseIf txtpai.Text = "" Then MsgBox "Digita o nome do Pai", vbInformation, "Escola 8002" ElseIf txtm.Text = "" Then MsgBox "Digita o nome da Mãe", vbInformation, "Escola 8002" ElseIf txtbi.Text = "" Then MsgBox "Digita o número do bilhete de identidade", vbInformation, "Escola 8002" ElseIf txtdata.Text = "" Then MsgBox "Digita a data de nascimento do aluno", vbInformation, "Escola 8002" ElseIf DataCombo1.Text = "" Then MsgBox "Seleciona o sexo do aluno", vbInformation, "Escola 8002" ElseIf DataCombo2.Text = "" Then MsgBox "Seleciona a naturalidade do aluno", vbInformation, "Escola 8002" ElseIf DataCombo3.Text = "" Then MsgBox "Seleciona a nacionalidade do Aluno", vbInformation, "Escola 8002" Else Adodc.Recordset.Update Command2.Enabled = True End If End Sub

Private Sub Command4_Click() frmprincipal.Show Me.Hide

End Sub

Private Sub ccur_Click() frm_cad_curso.Show Me.Hide

End Sub

Private Sub cdisc_Click() frm_cad_disciplina.Show Me.Hide End Sub

Private Sub ctur_Click() frm_cad_turma.Show Me.Hide

End Sub

Private Sub Form_Click() Me.ccur.Visible = False Me.cdisc.Visible = False

67
67

Me.usis.Visible = False Me.sprof.Visible = False Me.ctur.Visible = False End Sub

Private Sub Form_Load() Me.txtbi.Enabled = False Me.txtdata.Enabled = False Me.DataCombo1.Enabled = False Me.DataCombo2.Enabled = False Me.DataCombo3.Enabled = False Me.DataCombo5.Enabled = False Me.txtm.Enabled = False Me.txtnome.Enabled = False Me.txtpai.Enabled = False Me.txt1.Enabled = False Me.txtd.Enabled = False

txtd = frmprincipal.lbldata.Caption frm_menu.Hide End Sub

Private Sub Form_MouseMove(Button As Integer, Shift As Integer, x As Single, Y As Single) Me.Image3.Visible = True Me.Image4.Visible = False

End Sub

Private Sub Image1_MouseMove(Button As Integer, Shift As Integer, x As Single, Y As Single) Me.Image3.Visible = True Me.Image4.Visible = False

End Sub

Private Sub Image4_Click() frm_menu.Show

End Sub

Private Sub isButton1_Click() If datal.Recordset.BOF Then datal.Recordset.MoveLast Else datal.Recordset.MovePrevious End If

End Sub

Private Sub isButton10_Click() frmprincipal.Show Me.Hide End Sub

Private Sub isButton11_Click()

68
68

Frm_aluno.Show

Me.Hide

End Sub

Private Sub isButton12_Click() Me.txtbi.Enabled = True Me.txtdata.Enabled = True Me.DataCombo1.Enabled = True Me.DataCombo2.Enabled = True Me.DataCombo3.Enabled = True Me.DataCombo5.Enabled = True Me.txtm.Enabled = True Me.txtnome.Enabled = True Me.txtpai.Enabled = True Me.txt1.Enabled = True Me.txtd.Enabled = True datal.Recordset.AddNew End Sub

Private Sub isButton13_Click() datal.Recordset.Cancel End Sub

Private Sub isButton14_Click() datal.Recordset.Delete MsgBox " Registo eliminado com sucesso", vbInformation, "Escola 8002" End Sub

Private Sub isButton15_Click() If datal.Recordset.BOF Then datal.Recordset.MoveLast Else datal.Recordset.MovePrevious End If End Sub

Private Sub isButton17_Click() Me.ccur.Visible = True Me.cdisc.Visible = True Me.usis.Visible = True Me.sprof.Visible = True Me.ctur.Visible = True Me.Timer2.Enabled = False

End Sub

Private Sub isButton17_MouseEnter() Me.Timer2.Enabled = True

End Sub

Private Sub isButton2_Click() Me.txtbi.Enabled = True Me.txtdata.Enabled = True Me.DataCombo1.Enabled = True

69
69

Me.DataCombo2.Enabled = True Me.DataCombo3.Enabled = True Me.DataCombo5.Enabled = True Me.txtm.Enabled = True Me.txtnome.Enabled = True Me.txtpai.Enabled = True Me.txt1.Enabled = True Me.txtd.Enabled = True End Sub

Private Sub isButton3_Click() frmpauta.Show Me.Hide

End Sub

Private Sub isButton4_Click() frm_cad_aluno.Show Me.Hide

End Sub

Private Sub isButton5_Click() frm_confirmação.Show Me.Hide

End Sub

Private Sub isButton6_Click() If datal.Recordset.EOF Then datal.Recordset.MoveFirst Else datal.Recordset.MoveNext End If

End Sub

Private Sub isButton7_Click() frm_cad_funcionario.Show Me.Hide

End Sub

Private Sub isButton8_Click() If txtnome.Text = "" Then MsgBox "Digita o nome do Aluno", vbInformation, "Escola 8002" ElseIf txtpai.Text = "" Then MsgBox "Digita o nome do Pai", vbInformation, "Escola 8002" ElseIf txtm.Text = "" Then MsgBox "Digita o nome da Mãe", vbInformation, "Escola 8002" ElseIf txtbi.Text = "" Then MsgBox "Digita o número do bilhete de identidade", vbInformation, "Escola 8002" ElseIf txtdata.Text = "" Then MsgBox "Digita a data de nascimento do aluno", vbInformation, "Escola 8002" ElseIf DataCombo1.Text = "" Then

70
70

MsgBox "Seleciona o sexo do aluno", vbInformation, "Escola 8002" ElseIf DataCombo2.Text = "" Then MsgBox "Seleciona a naturalidade do aluno", vbInformation, "Escola 8002" ElseIf DataCombo3.Text = "" Then MsgBox "Seleciona a nacionalidade do Aluno", vbInformation, "Escola 8002"

Else

datal.Recordset.Update End If

End Sub

Private Sub isButton9_Click() frm_cad_Prof.Show Me.Hide

End Sub

Private Sub sprof_Click() frmprof_disc.Show Me.Hide

End Sub

Private Sub Timer1_Timer() lbldata.Caption = Format(date, "long date")

lblhora.Caption = time End Sub

Private Sub Timer2_Timer()

t = t + 1

If t = 1 Then Me.ccur.Visible = True Me.cdisc.Visible = True Me.usis.Visible = True Me.sprof.Visible = True Me.ctur.Visible = True ElseIf t = 30 Then Me.ccur.Visible = False

Me.cdisc.Visible = False Me.usis.Visible = False Me.sprof.Visible = False Me.ctur.Visible = False

t = 0

Me.Timer2.Enabled = False End If

End Sub

Private Sub Timer3_Timer() lbl2.Left = lbl2.Left + 10 If lbl2.Left >= 10200 Then lbl2.Left = 3840 End If

71
71

End Sub

Private Sub txtop_Change() Dim c As Variant c = txtop.Text datal.CommandType = adCmdText datal.RecordSource = "SELECT * from tb_matricula where tb_matricula.Nome Like '" & c & "%' Order By tb_matricula.Nome" datal.Refresh

If datal.Recordset.EOF Then MsgBox " Registo não localizado", vbInformation, "Escola 8002" End If End Sub

Private Sub usis_Click() frm_User_Sistema.Show Me.Hide

End Sub

Sub usis_Click() frm_User_Sistema.Show Me.Hide End Sub Private Sub ccur_Click() frm_cad_curso.Show Me.Hide End Sub

Private Sub ccur_Click() frm_cad_curso.Show Me.Hide End Sub

Private Sub cdisc_Click()

72
72

frm_cad_disciplina.Show Me.Hide End Sub

Private Sub Command1_Click() Me.Hide frm_prof.Show End Sub

Private Sub Command2_Click() Dim s As Integer

s = MsgBox("Desejas realmente eliminar esse registo?", vbQuestion + vbYesNo, "Escola

8002")

If s = vbYes Then

datprof.Recordset.Delete End If datprof.Recordset.Requery datprof.Refresh End Sub

Private Sub Command3_Click() frmprincipal.Enabled = True Unload Me End Sub

Private Sub Command5_Click()

If txt2.Text = "" Then

MsgBox "Digita o nome do do Professor", vbInformation, "Escola 8002" ElseIf txt4.Text = "" Then MsgBox "Digita o número do bilhete de identidade", vbInformation, "Escola 8002" ElseIf txt3.Text = "" Then MsgBox "Digita a data de nascimento", vbInformation, "Escola 8002" ElseIf txt6.Text = "" Then

MsgBox "Digita o número do telemovel", vbInformation, "Escola 8002" ElseIf txt5.Text = "" Then MsgBox "Digita a data", vbInformation, "Escola 8002" ElseIf DataCombo3.Text = "" Then MsgBox "Seleciona o sexo", vbInformation, "Escola 8002" ElseIf DataCombo2.Text = "" Then MsgBox "Seleciona o nivel do funcionário", vbInformation, "Escola 8002" ElseIf DataCombo1.Text = "" Then MsgBox "Seleciona a especialidade", vbInformation, "Escola 8002" ElseIf DataCombo4.Text = "" Then MsgBox "Seleciona o estado", vbInformation, "Escola 8002" ElseIf DataCombo5.Text = "" Then MsgBox "Seleciona uma opção", vbInformation, "Escola 8002" Else datprof.Recordset.Update MsgBox "O registo foi salvo com sucesso", vbInformation, "Escola 8002" End If

End Sub

Private Sub Command6_Click() datprof.Recordset.AddNew

73
73

End Sub

Private Sub ctur_Click() frm_cad_turma.Show Me.Hide End Sub

Private Sub Form_Click() Me.ccur.Visible = False Me.cdisc.Visible = False Me.usis.Visible = False Me.sprof.Visible = False Me.ctur.Visible = False

End Sub

Private Sub Form_Load() Me.txt1.Enabled = False Me.txt2.Enabled = False Me.txt3.Enabled = False Me.txt4.Enabled = False Me.txt5.Enabled = False Me.txt6.Enabled = False Me.DataCombo1.Enabled = False Me.DataCombo3.Enabled = False Me.DataCombo4.Enabled = False Me.DataCombo5.Enabled = False

End Sub

Private Sub Form_MouseMove(Button As Integer, Shift As Integer, x As Single, Y As Single) Me.Image3.Visible = True Me.Image4.Visible = False

End Sub

Private Sub Image1_MouseMove(Button As Integer, Shift As Integer, x As Single, Y As Single) Me.Image3.Visible = True Me.Image4.Visible = False

End Sub

Private Sub Image3_MouseMove(Button As Integer, Shift As Integer, x As Single, Y As Single) Me.Image4.Visible = True Me.Image3.Visible = False

End Sub

Private Sub Image4_Click() frm_menu.Show

End Sub

74
74

Private Sub isButton1_Click() If datprof.Recordset.BOF Then datprof.Recordset.MoveLast Else datprof.Recordset.MovePrevious End If

End Sub

Private Sub isButton10_Click() frmprincipal.Show Me.Hide End Sub

Private Sub isButton11_Click() frm_prof.Show Me.Hide End Sub

Private Sub isButton12_Click() Me.txt1.Enabled = True Me.txt2.Enabled = True Me.txt3.Enabled = True Me.txt4.Enabled = True Me.txt5.Enabled = True Me.txt6.Enabled = True Me.DataCombo1.Enabled = True Me.DataCombo3.Enabled = True Me.DataCombo4.Enabled = True Me.DataCombo5.Enabled = True datprof.Recordset.AddNew

End Sub

Private Sub isButton13_Click() Me.txt1.Enabled = True Me.txt2.Enabled = True Me.txt3.Enabled = True Me.txt4.Enabled = True Me.txt5.Enabled = True Me.txt6.Enabled = True Me.DataCombo1.Enabled = True Me.DataCombo3.Enabled = True Me.DataCombo4.Enabled = True Me.DataCombo5.Enabled = True

End Sub

Private Sub isButton14_Click() datprof.Recordset.Cancel

End Sub

Private Sub isButton17_Click() Me.ccur.Visible = True

75
75

Me.cdisc.Visible = True Me.usis.Visible = True Me.sprof.Visible = True Me.ctur.Visible = True Me.Timer2.Enabled = False

End Sub

Private Sub isButton17_MouseEnter() Me.Timer2.Enabled = True

End Sub

Private Sub isButton2_Click() Dim s As Integer

s = MsgBox("Desejas realmente eliminar esse registo?", vbQuestion + vbYesNo, "Escola

8002")

If s = vbYes Then

datprof.Recordset.Delete End If datprof.Recordset.Requery datprof.Refresh

End Sub

Private Sub isButton3_Click() frmpauta.Show Me.Hide End Sub

Private Sub isButton4_Click() frm_cad_aluno.Show Me.Hide End Sub

Private Sub isButton5_Click() frm_confirmação.Show Me.Hide End Sub

Private Sub isButton6_Click()

If datprof.Recordset.EOF Then

datprof.Recordset.MoveFirst Else datprof.Recordset.MoveNext End If

End Sub

Private Sub isButton7_Click() frm_cad_funcionario.Show Me.Hide End Sub

Private Sub isButton8_Click()

76
76

If txt2.Text = "" Then MsgBox "Digita o nome do do Professor", vbInformation, "Escola 8002" ElseIf txt4.Text = "" Then MsgBox "Digita o número do bilhete de identidade", vbInformation, "Escola 8002" ElseIf txt3.Text = "" Then MsgBox "Digita a data de nascimento", vbInformation, "Escola 8002" ElseIf txt6.Text = "" Then MsgBox "Digita o número do telemovel", vbInformation, "Escola 8002" ElseIf txt5.Text = "" Then MsgBox "Digita a data", vbInformation, "Escola 8002" ElseIf DataCombo3.Text = "" Then MsgBox "Seleciona o sexo", vbInformation, "Escola 8002" ElseIf DataCombo2.Text = "" Then MsgBox "Seleciona o nivel do funcionário", vbInformation, "Escola 8002" ElseIf DataCombo1.Text = "" Then MsgBox "Seleciona a especialidade", vbInformation, "Escola 8002" ElseIf DataCombo4.Text = "" Then MsgBox "Seleciona o estado", vbInformation, "Escola 8002" ElseIf DataCombo5.Text = "" Then MsgBox "Seleciona uma opção", vbInformation, "Escola 8002" Else datprof.Recordset.Update MsgBox "O registo foi salvo com sucesso", vbInformation, "Escola 8002" End If

End Sub

Private Sub isButton9_Click() frm_cad_Prof.Show Me.Hide End Sub

Private Sub op_Change() datprof.CommandType = adCmdText datprof.RecordSource = "select * from tb_professores where id like'" & op.Text & "%'" datprof.Refresh End Sub

Private Sub op_Click() op.Text = "" End Sub

Private Sub sprof_Click() frmprof_disc.Show Me.Hide End Sub

Private Sub Timer1_Timer() lbldata.Caption = frmprincipal.lbldata lblhora.Caption = time

End Sub

Private Sub Timer2_Timer()

77
77

t

= t + 1

If t = 1 Then Me.ccur.Visible = True Me.cdisc.Visible = True Me.usis.Visible = True

Me.sprof.Visible = True Me.ctur.Visible = True ElseIf t = 30 Then Me.ccur.Visible = False Me.cdisc.Visible = False Me.usis.Visible = False Me.sprof.Visible = False Me.ctur.Visible = False

t = 0

Me.Timer2.Enabled = False

End If

End Sub

Private Sub Timer3_Timer() lbl2.Left = lbl2.Left + 10 If lbl2.Left >= 10200 Then lbl2.Left = 3840 End If

End Sub

Private Sub txtop_Change() datprof.CommandType = adCmdText datprof.RecordSource = "select * from tb_professores where nome like'" & txtop.Text & "%' or id like'" & txtop.Text & "%'" datprof.Refresh If datprof.Recordset.EOF Then MsgBox " Registo não localizado", vbInformation, "Escola 8002" End If End Sub

Private Sub usis_Click() frm_User_Sistema.Show Me.Hide

End Sub

78
78