Você está na página 1de 7

1

Sábado 9:30 manhã.


Escola Bíblica

CD 14 Harpa de Ouro.
F. 9 Hino: 139
F. 5 Hino: 135
Oração
Êxodo 20/1-17
1 ¶ Então falou Deus todas estas palavras, dizendo:
2 Eu sou o SENHOR teu Deus, que te tirei da terra do Egito, da casa da
servidão.
3 Não terás outros deuses diante de mim.
4 Não farás para ti imagem de escultura, nem alguma semelhança do que
há em cima nos céus, nem em baixo na terra, nem nas águas debaixo da
terra.
5 Não te encurvarás a elas nem as servirás; porque eu, o SENHOR teu
Deus, sou Deus zeloso, que visito a iniqüidade dos pais nos filhos, até a
terceira e quarta geração daqueles que me odeiam.
6 E faço misericórdia a milhares dos que me amam e aos que guardam os
meus mandamentos.
7 Não tomarás o nome do SENHOR teu Deus em vão; porque o
SENHOR não terá por inocente o que tomar o seu nome em vão.
8 Lembra-te do dia do sábado, para o santificar.
9 Seis dias trabalharás, e farás toda a tua obra.
10 Mas o sétimo dia é o sábado do SENHOR teu Deus; não farás
nenhuma obra, nem tu, nem teu filho, nem tua filha, nem o teu servo, nem
a tua serva, nem o teu animal, nem o teu estrangeiro, que está dentro das
tuas portas.
11 Porque em seis dias fez o SENHOR os céus e a terra, o mar e tudo que
neles há, e ao sétimo dia descansou; portanto abençoou o SENHOR o dia
do sábado, e o santificou.
12 ¶ Honra a teu pai e a tua mãe, para que se prolonguem os teus dias na
terra que o SENHOR teu Deus te dá.
13 Não matarás.
14 Não adulterarás.
15 Não furtarás.
16 Não dirás falso testemunho contra o teu próximo.
17 Não cobiçarás a casa do teu próximo, não cobiçarás a mulher do teu
próximo, nem o seu servo, nem a sua serva, nem o seu boi, nem o seu
jumento, nem coisa alguma do teu próximo.
F. 110 Hino 140
2

Lição: Êxodo 1/1-14

Este livro da Bíblia sagrada registra o nascimento de uma grande nação,


planejada por Deus o Criador: o povo de Israel, os descendentes de
Abraão, Isaque e Jacó, seus ancestrais os quais tinha o criador feito à
promessa. A partir deste estudo temos a oportunidade de conferir como
nação ou povo escolhido, esta aliança que foi estabelecida com a entrega
por Deus de seus mandamentos e leis de autoria Divina, a Moisés,
encarregado de ensinar o povo e guia-los a terra da promessa. Conforme,
já conferimos em lições anteriores, a família e descentes de Jacó em
número de setenta pessoas desceram para morar no país do Egito, não por
vontade própria, mas para cumprir o desígnio do Deus Criador, o Deus
parceiro de seus pais. E lá residiram no leste do país por quatrocentos e
trinta anos. Tendo cumprido tudo o que seu Deus havia determinado, dali
foram tirados por seu criador daquela situação de escravidão.
Êxodo 12/40-41
40 Ora, o tempo que os filhos de Israel habitaram no Egito foi de
quatrocentos e trinta anos.
41 Aconteceu que, ao cabo dos quatrocentos e trinta anos, nesse mesmo
dia, todas as hostes do SENHOR saíram da terra do Egito.

Neste primeiro capitulo do livro de Êxodo temos a lista das pessoas


da família de Jacó, que entraram para o Egito, no comprimento desta
profecia: que previa um período de quatrocentos e trinta anos, que ali
residiram, acompanhada pelo Deus de Abraão, Isaque e Jacó.
Lição:
Êxodo 1/1 – Esta é a lista que contêm o nome das pessoas que formavam
as famílias de Jacó e seus filhos que mudaram-se para o Egito.

2-3-4 Rubem, Simeão, Levi, Judá, Isacar, Zebulom, Benjamim, Dã,


Nafitali, Gade e Aser.

5- O total de pessoas, somando todas as famílias davam setenta pessoas


deixando fora Jose que já estava no Egito.

6. Foi, passando os anos e aquela geração foi desaparecendo, da Terra


faleceu José o governador e todos os seus irmão pouco a pouco.

7. Porém os seus descendentes eram muito fortes tinham uma saúde


privilegiada por seu Deus foram se multiplicando cada dia mais e o
numero ia dobrando de gente, de maneira que as terras do Egito, por todos
os cantos se enchiam deles.
3

8- Neste período chegou ao trono do Egito, um novo Rei e este não


conhecia José e seus feitos ao Egito.

9-Este vendo o grande número de Israelitas que habitavam em seu pais e


trabalhavam, considerou uma ameaça a segurança do reino. Pois na sua
avaliação aquele povo já era mais forte que os Egípcios e tinham mais
poder.

10- Disse o Rei , a seus ministros, precisamos ser mais inteligentes que
eles, antes que seja tarde. E é preciso que montemos uma estratégia
política para aos poucos enfraquecê-los. Se não agirmos a tempo vai
chegar um dia em que havendo guerra contra nós, esta gente vai se ajuntar
com nossos inimigos para nos aniquilar e assim fugiram do país.

11- E foi no período deste Rei que filhos de Israel passaram a ser tratados
como escravos, onde foi confiscado seus direitos e sujeitos a serviços
pesados. E sob os cuidados de capatazes, inventaram os Egípcios a
construção de duas cidades para manter os filhos de Israel ocupados e
cansados. As cidades que foram construídas neste regime de trabalho
escravo foi a cidade dos grandes armazéns de grãos, chamada PItom e a
outra foi a cidade dedicada ao Faraó Ramassés.

12-14 Porém, quanto mais os estrategistas e ministros de Faraó, estudavam


e inventavam meios de manter os filhos de Israel ocupados e lhes iam
impondo castigos e tarefas pesadas e dobradas, sem descansar, e mal
alimentados, maior era o numero de filhos e isto deixavam os egípcios
assustados com tamanho crescimento. E por causa disso, tornou-se muito
grande o sofrimento que os egípcios causaram aos filhos de Israel, fazendo
lhes amargar durante a vida.

Êxodo 1/15- Naquela ocasião o Rei Faraó do Egito, deu uma ordem
absurda a duas mulheres do povo hebreu, os descendentes de Jacó, que
moravam ainda no Egito, quase ao fim do cumprimento da profecia dos
quatrocentos e trinta anos que ali morariam, até que o Deus Criador viesse
a eles para transferi-los para Canaã a terra das promessas de Deus a
Abraão.
Estas duas mulheres, uma se chamava “Sifra” a outra “Pua”, eram
parteiras e ajudavam suas irmãs de parto a conceber seus filhos.

16- Disse o Rei a estas duas parteiras, que elas ficassem atentas ao ajudar
nos partos, quando vissem que a criança que nascesse fosse um menino,
matasse, ali imediatamente e não deixassem viver, porem se fosse menina
4

deixasse viver. Esta lição bíblica e fundamental para todas as pessoas, para
toda humanidade, pois todos são criaturas do Deus Criador.

Quando alguém, nos passam ordens erradas absurdas ou


ensinamentos manipulados, e feitos, que são reprovados pelos ensinos da
palavra de Deus, mesmo que seja um Rei, um anjo, ou um ser superior,
não se obedece comando errado.
OBS:
17- As parteiras heroicamente agiram colocando suas vidas em risco de
morte para livrar aqueles meninos que nasciam vitimas de uma fúria
política espiritual de um Rei, um reino, das trevas, idolatras, berço de uma
cultura cega. Não obedeceram aquele comando ou ordem assassina e
deixaram, movidas por sua fé no Deus vivo aquelas crianças viverem.
NOTA: Creio ser importante ao estudarmos a bíblia, a palavra de Deus, na
honrosa condição de aluno da palavra de Cristo. Esta não é uma reação
única por parte do inimigo da vida, contra seres recém nascidos, indefeso,
nos dias que antecederam o nascimento de Jesus, o filho de Deus; fez uma
nova investida tentando impedir a entrada do Senhor, nosso Deus, neste
sistema de vida para que não consumasse a obra da salvação pela fé e
obediência de sua doutrina.
Confira esta passagem:
Mateus 24/12
12 E, por se multiplicar a iniqüidade, o amor se esfriará de quase
todos.

Esta passagem tão importante que encontramos no livro de Deus


que nos relatam estes acontecimentos de conflito de políticas religiosas da
religião tradicionais contra a verdade Divina e um ponto histórico para se
refletir e fazerem cruzamento com os acontecimentos atuais.
Por exemplo, a tentativa constante e furiosa de alguns mentores de
um novo sistema para o mundo futuro, comandado pela política religiosa
de hoje. Que coloca como conquista básica aprovação da lei de aborto nos
paises da terra e suas constituições, dando carta branca para que os
inimigos da vida, cometam assassinatos sumários de crianças indefesas,
tem ligação direta com o sentimento idéias e espírito de destruição que
inspirou a tal atitude e desencadeou tamanha onda de ódio contra as
crianças, na fase referente as duas passagens que trata o tema de nosso
lição.
Pesem um pouco ,como pessoas que tiveram o seu direito garantido
de passar tranqüilos por todos as fazes da formação de uma vida humana,
para que chegasse a fase adulta tendo seus direitos da vida respeitados na
época em que vivemos.
5

Como poderia o Rei Faraó e Herodes terem se sentido ameaçados


em seu interesses e carreiras profissionais e políticas por crianças que não
existiam ainda, ao ponto de decretar seu extermínio quando nascessem. O
que leva um ser humano formar no coração e mente uma leitura dos fatos
de uma forma tão insana e penalizar uma geração de pessoas e vidas,
absolutamente inocente, inculpável, pelo que os vivos e adultos fazem, se
ainda não nasceram. Creio que qualquer pessoa pode entender claramente
esta verdade não precisa ser um especialista na área medica ou jurídica ou
religiosa e outras especialidades humanas, que hoje se mostram tão
desprovidas do amor, tão frios como define a palavra de Deus os tempos
do fim.
Mateus 24/13-14
13 Mas aquele que perseverar até ao fim será salvo.
14 E este evangelho do reino será pregado em todo o mundo, em
testemunho a todas as nações, e então virá o fim.

Compreende-se isto, não são as crianças que exigem um padrão de


vida diferenciado das maiorias e correm atrás das grandes fortunas,
procurando a qualquer preço construir sua imagem e historia movidos pela
vantagem humana. Não são elas que promovem guerras destruições da
Terra o meio ambiente. Não são elas que roubam, assaltam, adulteram e
desrespeitam os direitos dos adultos e dos demais, filosofando e
defendendo um estagio de vida de descontrole total do comportamento
humano, tendo como conseqüência maior em cima das classes indefesas,
crianças pobres, etc.
Assim parece ser fácil, o grande inimigo da humanidade, subir nos
púlpitos das igrejas de Deus nos campos e palcos do conhecimento
humano, nos meios de comunicação se dizer dono do mundo, atraindo
gente para seu lado como Faro e Herodes e outros pensadores medíocre,
comprometidos com este sistema falido e vencido dobrado por Jesus
Cristo, o filho de Deus por sua grande vitória de sua ressurreição para a
vida eterna. Não nos deixemos enganar pela aparência dos acontecimentos
atuais e sua conjuntura política religiosa, Deus o Criador esta no comando
e a vitória e futuro pertencem a Cristo. Enganam-se os pensadores que
imaginavam ser fácil se sobrepor ao plano de Deus. A humanidade,
mesmo tendo que passar por todas estas fases de sofrimento, como no caso
do povo de Deus, por quatrocentos e trinta anos no Egito. Caminha sobre
o comando do verdadeiro Deus vivo, o grande rei do universo, para uma
fase melhor e mais justa, a fase que antecede a volta do Senhor Jesus, para
consumação de tudo.
Isaias 2/1-5
1 ¶ Palavra que viu Isaías, filho de Amós, a respeito de Judá e de
Jerusalém.
6

2 E acontecerá nos últimos dias que se firmará o monte da casa do


SENHOR no cume dos montes, e se elevará por cima dos outeiros; e
concorrerão a ele todas as nações.
3 E irão muitos povos, e dirão: Vinde, subamos ao monte do SENHOR, à
casa do Deus de Jacó, para que nos ensine os seus caminhos, e andemos
nas suas veredas; porque de Sião sairá a lei, e de Jerusalém a palavra do
SENHOR.
4 E ele julgará entre as nações, e repreenderá a muitos povos; e estes
converterão as suas espadas em enxadões e as suas lanças em foices; uma
nação não levantará espada contra outra nação, nem aprenderão mais a
guerrear.
5 Vinde, ó casa de Jacó, e andemos na luz do SENHOR.

18- Quando o Rei Faraó, percebeu que algo errado tinha dado em seus
planos de aniquilar o povo do Deus vivo, eliminando todos os do sexo
masculino que nascessem, chamou a sua presença as parteiras dos hebreus
e quis saber porque elas não obedeceram sua ordem real, suprema? Porque
agiram ao contrario a ordem recebida e deixaram viver também os
meninos?

19- As parteiras inspiradas pela sabedoria divina, deram resposta ao rei


sobre a razão de sua desobediência. Disseram elas: as mulheres do povo
hebreu têm mais saúde, são mais vigorosas, tem muita facilidade para
ganhar seus filhos, desta forma quando nos chegamos para fazer o parto,
as crianças já nasceram. São diferentes das mulheres Egípcias.

20- E por esta atitude heróica, corajosa, a altura de verdadeiras servas de


Deus, o Deus de Abraão, o Deus Criador, acumulou de bens e favores
Divinos as parteiras hebréias, por preferirem obedecer a Deus e não temer
a morte diante do furor do Rei idolatra.

21- E como recompensa, de temer mais ao criador do que o rei, confiaram


mais na proteção divina do Senhor Deus de Israel, recompensou estas duas
mulheres com filhos para viver em famílias.

22- Diante da desobediência das parteiras, Faraó, contrariado agravou


mais a situação e a pena daquelas crianças inocentes. Convocou toda
população do Egito para que ajudasse no cumprimento daquele plano
político terrível de assassinar crianças inocentes. Disse o rei Faraó: Todo
cidadão egípcio quando souber do nascimento de um menino nas famílias
hebréias pegue estes recém nascidos e jogue no rio Nilo para que morra
afogado. Mas se for uma menina deixem viver. Na verdade, toda esta
idéia, foi colocado pelo espírito, das trevas o arque inimigo de Cristo,
7

tendo como meta impedir o nascimento de Moises, o enviado de Deus,


como homem que era o escolhido para prestar um serviço a Deus, com o
fim de libertar, tirar do Egito os descendentes de Jacó, pois o tempo
profético estava se cumprindo.
Importante destacar neste caso a coragem para enfrentar as
adversidades e o ponto forte dos escolhidos de Deus, para grandes missões
espirituais. E esta coragem, como a que Moises foi revestido mais tarde, a
exemplo das parteiras, que enfrentaram a fúria do faraó, é dom Divino, e
se manifesta como confere as escrituras da palavra de Deus em quadro
semelhante, temos o caso de Ester, em Babilônia, nos dias do Rei Assuero,
Daniel seus companheiros e o maior de todos os exemplos de coragem
heroísmo de todos Jesus o filho de Deus que não recuaram mesmo tendo
que passar pela morte, física. Ressuscitou venceu para eternidade, trouxe a
vitória por sua fé implacável na verdade da palavra de Deus.

Evangelista: José Vitor M. Lopes.


Site: http://sites.google.com/a/acad.pucrs.br/israeldecristo/
E-Mail: josemacarthy@yahoo.com.br
Fone: 981 42 999