REGIÃO DE INTEGRAÇÃO BAIXO AMAZONAS Características Gerais: • • • • • • • • Área (IBGE, 2003): 315.

856,73 km² População Absoluta / 2007 (IBGE, 2007): 638.582 hab. Densidade Demográfica / 2007 (IBGE, 2007): 2,02 hab/km² Produto Interno Bruto – PIB / 2006 (IBGE, 2008): R$ 3.283.945,24 PIB per capita / 2006 (IBGE, 2008): R$ 5.048,76 VA Setor agropecuário / 2006 (IBGE, 2008): R$ 440.673,00 VA Setor Industrial / 2006 (IBGE, 2008): R$ 813.559,00 VA Setor Terciário / 2006 (IBGE, 2008): R$ 1.751.034,00

Perfil da Região e Situação Atual: A região é formada, em sua maioria, por municípios de colonização antiga. Santarém teve o início do seu povoamento ligado à expedição de Pedro Teixeira que atingiu a foz do Rio Tapajós em 1626, mas o povoado que ali se formou somente foi elevado à condição de vila e sede municipal em 1758, juntamente com outros povoados que deram origem aos municípios de Alenquer, Almeirim, Monte Alegre e Óbidos (cuja origem está ligada à construção do Forte Pauxis em 1697). Faro tornou-se município em 1768 e Juruti, Oriximiná e Prainha tornaram-se municípios no século 19, chegando a ser extintos posteriormente para recuperar sua autonomia política somente na década de 30 do século 20. Na década de 1990 novos municípios se formaram na região, é o caso de Terra Santa (1991) e Belterra e Curuá (1995). A partir de 1970 algumas mudanças foram sendo gestadas para a região através do início da construção da BR-163 (Rodovia Cuiabá-Santarém), da exploração da bauxita do vale do Rio Trombetas e da construção do Porto de Santarém. Atualmente, a região vem sendo dinamizada pelo avanço da produção da soja no eixo da BR-163 e pela chegada da Cargill (empresa multinacional atuante no setor de agronegócios) que implantou um porto em Santarém voltado para o escoamento da produção de grãos. Uma das atividades econômicas de maior potencialidade na região é o turismo; a localidade de Alter-do-Chão, distrito do município de Santarém, é considerada um dos pólos turísticos do estado. Do ponto de vista econômico, destacam-se ainda na região as atividades econômicas tradicionais ligadas à extração da madeira, culturas da mandioca e arroz, a pecuária, a pesca, etc. O avanço da fruticultura e da soja nos últimos anos tem dado a região um novo dinamismo econômico. O Atual Governo do Estado, através do Programa Pará Integrado, cujo objetivo é ampliar a presença do governo em todo o estado, inaugurou em setembro de 2008, o Centro de Integração Regional – CIR Santarém, que aglutina órgãos setoriais para promover a integração das políticas públicas e oferecer serviços à população. Além da Região Baixo Amazonas, o CIR Santarém também atende as Regiões de Integração Tapajós e Xingu. Outra intervenção importante na região foram às ações ligadas ao Programa Luz Para Todos que investiu na região mais de 190 milhões de reais, sendo beneficiados mais de 28 mil domicílios; já o programa Bolsa Trabalho distribuiu na região mais de sete mil bolsas. Outro programa de governo que teve ações realizadas na região foi o Programa “Rios de Saúde”, cujo objetivo é levar mais qualidade de vida às comunidades que vivem às margens dos rios, em localidades de difícil acesso, por meio de serviços de saúde e cidadania. No início de novembro de 2008, com o apoio da Marinha do Brasil, o programa “Rios de Saúde” atendeu a população ribeirinha da região, especificamente dos municípios de Santarém, Juruti e Óbidos. Com recursos previstos pelo Programa de Aceleração do Crescimento – PAC foram iniciados na região investimentos na área de ampliação do sistema de abastecimento de água nos municípios de Oriximiná e Santarém. A conclusão do asfaltamento da BR-163 previsto pelo

PAC do Governo Federal deverá promover um maior dinamismo econômico e social na região. O desenvolvimento da Região Rio Capim também chega com os investimentos do Programa “Pará, Terra de Direitos” que realiza ações nas áreas de justiça social, desenvolvimento sustentável, educação e cultura, saúde, segurança pública, inovação tecnológica e assentamentos rurais.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful